Em Brejões, Polícia Militar realiza blitz contra circulação de motos com descarga adulterada

/ Polícia

Polícia quer proibir motos com descarga adulterada. Foto: PM

O ruído de motocicletas circulando com descarga adulterada nas vias públicas da cidade de Brejões, no Vale do Jiquiriçá, motivou a Polícia Militar a realizar uma blitz relâmpago na noite desta terça-feira (16/07) para tentar coibir a circulação das motos barulhentas.

Segundo a PM através da 3ª Cia, toda moto com característica de descarga com adulteração, em especial o escapamento, será recolhida ao pátio da Polícia Militar em Brejões.  Uma resolução do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama), em vigor desde 1999, estipula limite máximo de ruído de 99 decibéis para motocicletas.

Especialistas da área são unânimes em afirmar que ruídos acima do permitido, constantes, podem causar alterações na estrutura interna do ouvido e perda de audição irreversível.

Apesar das argumentações de os motociclistas que circulam com escapamento adulterado, o fato é que a conduta é proibida por Lei e até mesmo tida por muitos como simples vaidade: Forma de chamar a atenção. Circular com o escapamento adulterado se enquadra em infração grave no Código Brasileiro de Trânsito com multa de R$ 195,23 e perda de cinco pontos na carteira de habilitação.

Os comentários estão fechados.