Durante ato neste domingo, Lula pediu desculpas aos policiais por um comentário feito no sábado

/ Política

Lula durante ato em São Paulo. Foto: Reprodução | TV Globo

Durante discurso em evento na praça Charles Miller, em São Paulo, o ex-presidente Lula afirmou que alguém melhor que o atual presidente vai ganhar as eleições.

O evento que acontece neste domingo (1º), foi organizado por centrais sindicais pelo Dia do Trabalho. Entre as entidades presentes estão CUT, Força Sindical, UGT, CTB, NCST, Intersindical Central da Classe Trabalhadora e Pública Central do Servidor.

”Nós iremos recuperar o Brasil para o povo brasileiro”, disse o petista.

”Vocês sabem que nós não temos muita gente favorável na Justiça, pode ter gente que não goste do que a gente tá falando. Então eu fiquei um pouco atrás porque eu não posso falar de eleição. Eu estou aqui num ato de primeiro de maio para discutir o problema dos trabalhadores e das trabalhadoras brasileiras neste país”, continuou Lula.

Ele convocou o povo a ”fazer uma luta incomensurável” pela redução da inflação, ”e transformar aquilo que é inflação em aumento de salário para que o povo possa comer e viver melhor nesse país”.

No mesmo evento ele pediu desculpas aos policiais por um comentário feito no sábado (30).

”Quando eu estava fazendo discurso, eu queria dizer que Bolsonaro só gosta de milícia, não gosta de gente, e eu falei que ele só gosta de polícia, não gosta de gente. Quero aproveitar para pedir desculpas aos policiais deste país, porque muitas vezes eles cometem erros, mas muitas vezes salvam muita gente do povo trabalhador. E temos que tratá-los como trabalhadores desse país”.

Os comentários estão fechados.