Deputado baiano está entre autoridades que gastaram R$ 500 mil para ir a fórum jurídico em Lisboa

/ Política

Paulo Azi é um dos políticos listados pela Folha. Foto: Ag. Câmara

O deputado federal e presidente do DEM na Bahia, Paulo Azi, é um dos políticos listados pela Folha cujos gastos em viagem a Portugal para acompanhar o IX Fórum Jurídico de Lisboa somaram R$ 500 mil aos cofres públicos. Pelo menos 25 autoridades, servidores e cônjuges, segundo informa o jornal, foram ao evento organizado pelo Instituto Brasiliense de Direito Público (IDP), que tem o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), como um dos sócios.

Paulo Azi, pelo que consta em sua biografia divulgada no site da Câmara dos Deputados, não tem formação jurídica, mas é engenheiro e administrador. O parlamentar, segundo a Folha, foi acompanhado pela esposa Iris. Participaram do evento ministros do Executivo, do Tribunal de Contas da União, presidentes de agências reguladoras e parlamentares.

No Instagram, Azi fez registro das atividades da viagem a Portugal. No dia 14, ele postou foto no Seminário Agronegócio Sustentável no Brasil e Mostra da Economia Criativa da Amazônia. ”Em Lisboa, Portugal, participando de encontro promovido pela Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional do Congresso Nacional”, escreveu o parlamentar baiana na legenda da foto.

Sobre a participação no Fórum Jurídico, o parlamentar baiano legendou assim a foto publicada no Instagram: ”Registro da nossa participação no Fórum Jurídico de Lisboa, evento que contou com palestras de diversas personalidades, como os presidentes da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, e do Congresso Nacional, Rodrigo Pacheco, além do ministro do STF Gilmar Mendes”.

Segundo a Folha, cinco parlamentares e seus cônjuges, dentre os quais o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), que levou a mulher Ângela, viajaram em avião oficial das Forças Armadas. Eles foram no dia 9 e retornaram no dia 17. A deputada Soraya Santos (PL-RJ) também viajou com o esposo Alexandre – a parlamentar é advogada. Lira, além de empresário e agropecuarista, também é advogado.

Na volta ao Brasil, os deputados Arlindo Chinaglia (PT-SP) e Margarete Coelho (PP-PI) pegaram carona na caravana. A Aeronáutica não quis informar quanto custou o voo. O senador Angelo Coronel (PSD) também participou do Fórum, mas a publicação da Folha não detalhou se o parlamentar baiano utilizou voo da Força Aérea ou recursos públicos para a viagem.

No Instagram, Coronel postou um vídeo e disse na legenda da publicação feita há quatro dias: ”Foi uma honra participar aqui em Portugal do IX Fórum Jurídico de Lisboa, debater o sistema tributário brasileiro e falar sobre o projeto de reforma do imposto de renda, que relato no Senado. Assim como ter participado em Madri do 3⁰ Encontro de Cortes Superiores Brasil X Espanha, para falar sobre nosso trabalho de combate às Fake News no Brasil”, escreveu o senador, no Instagram.

*por Davi Lemos

Os comentários estão fechados.