Professores concursados desconfiam de possíveis manobras da Prefeitura de Jequié

/ Jequié

Professores protestam em frente ao MP. Foto: Jequié e Região
Professores protestam em frente ao MP. Foto: Jequié e Região

A Prefeitura de Jequié ainda não se posicionou em relação aos professores concursados que irão substituir os contratados pelo REDA no ano letivo de 2015, que terá início em breve. “A prefeitura de Jequié está atrasando”, reclama Luciano Souza de Jesus, em e-mail enviado ao blog jequieeregiao.com.br no qual demonstra a preocupação dele e dos demais que aguardam pela decisão da administração da prefeita Tânia Brito. Alega que a Prefeitura usa artifícios jurídicos para que não seja condenada ou que essa condenação aconteça perto do fim do governo. “Com isso, querem esperar para próximo do período letivo de 2015 para dizer ao juiz que não tem tempo para contratar outros professores e fazer um novo edital REDA, que, inclusive, nos informaram que já está pronto”, criticou. Luciano lembra que ”foi concedido, em audiência judicial, um prazo de trinta dias para o Conselho de Educação de Jequié apresentar um parecer sobre as informações da prefeitura, já considerando o recesso de fim de ano” e agora, ”o referido conselho pediu mais 15 dias de prazo. Isso é inadmissível. Tiveram prazo de sobra para fazer o relatório e agora com isso só estão atrasando o julgamento”, complementou. Com informações do site Jequié e Região

Os comentários estão fechados.