Operação desocupa fazendas invadidas e prende uma pessoa em propriedade da família de Geddel

/ Polícia

Operação policial desocupou fazendas invadidas. Foto: Polícia Civil

Doze fazendas que foram invadidas por grupos armados nas cidades de Itapetinga e Potiraguá, sudoeste e sul da Bahia, foram desocupadas durante uma operação da Polícia Civil, com apoio da Polícia Militar, na madrugada desta terça-feira (3), conforme publicação do G1. Outras duas propriedades também invadidas, as fazendas Esmeralda e Tabajara, localizadas em Itapetinga e Potiraguá, respectivamente, pertencem ao ex-ministro Geddel Vieira Lima e a família dele e seguem ocupadas nesta terça-feira, porque não há ordem judicial para fazer a desocupação, segundo a polícia. Em uma delas, na Fazenda Tabajara, um homem foi preso por porte ilegal de arma. Ele estava com uma espingarda. Duas motos e um veículo com irregularidades administrativas também foram apreendidos. Na Fazenda Esmeralda, na zona rural de Itapetinga, ocupada desde o dia 23 de setembro, a polícia encontrou um grupo de indígenas que dizem ser da tribo pataxó hã hã hãe. Eles afirmam que a terra é sagrada e pedem demarcação. Já na Fazenda Tabajara, na cidade de Potiraguá, o delegado disse que um grupo de 10 homens que ocupa o local diz ser do Movimento Livre da Terra. O advogado Fraklin Ferraz, que representa os proprietários das fazendas Tabajara e Esmeralda, informou que a primeira pertence ao ”espólio”, ou seja, bens deixados por Afrísio Vieira Lima, pai de Geddel. Já a Esmeralda pertence ao espólio e ao próprio Geddel. A defesa pediu à Justiça a manutenção da posse das duas fazendas, mas ainda não há decisão sobre os casos. Nas outras 12 fazendas que haviam sido invadidas por homens armados, o delegado Antônio Roberto Gomes da Silva Júnior informou que os invasores fugiram com a chegada dos policiais, durante a operação.

Presidente Tancredo Neves: Jovens são mortos em ação policial, população reage e incendeia carros

/ Polícia

A morte de dois adolescentes durante ação da Polícia Militar no município de Presidente Tancredo Neves, na região do Baixo-Sul do Estado, na noite desta quinta-feira (28), provocou uma reação popular que resultou em quebra-quebra na cidade. As informações preliminares dão conta de que houve um assalto a um estabelecimento e que a PM foi acionada, tendo confundido os dois adolescentes com os autores do crime, que teriam fugido de moto. Os menores também ocupavam uma motocicleta e não teria obedecido a ordem de parada, reagindo com disparos contra a guarnição, e sendo baleados e socorridos ao hospital local, mas não resistiram aos ferimentos à bala, conforme a polícia. Mas a versão policial passou a ser contestada por populares que, revoltados, interditaram o trânsito na BR-101, incendiaram dois veículos, de um vereador e da Câmara Municipal e ainda protestaram em frete ao Hospital Luis Eduardo Magalhães, unidade para onde foram levados os jovens depois de alvejados. O efetivo policial na cidade foi reforçado com a chegada de policiais militares de Gandu e Wenceslau Guimarães, e o clima só foi normalizado com o reforço policial. Os jovens foram identificados como Marcelo Santos e Eduardo Alves. Os corpos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal de Valença. Até a manhã desta sexta-feira, quando esta nota era publicada pelo Blog Marcos Frahm, a redação não teria conseguido manter contato com a polícia para obter mais detalhes da operação.

Policial militar morre após ser baleado em tentativa de assalto em Shopping de Salvador

/ Polícia

PM Fabiano foi morto em tentativa de assalto. Foto: Facebook

O policial militar baleado durante uma tentativa de assalto, no estacionamento do Shopping Paralela, em Salvador, na tarde desta quinta-feira (28), não resistiu aos ferimentos e morreu. A informação foi confirmada pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA). O policial, que era lotado na 9ª Companhia Independente de Polícia Militar (9ª CIPM), foi identificado como Fabiano Fortuna e Silva. Em nota, a PM lamentou a morte do policial: ”É com imenso pesar que a Polícia Militar informa o falecimento do subtenente Fabiano Fortuna e Silva, de 40 anos, às 18h desta quinta-feira (28), no Hospital Roberto Santos. O policial foi atingido por disparo de arma de fogo no estacionamento de um Shopping Center, na Avenida Paralela, após ser abordado por criminosos”, diz a nota. Ainda de acordo com a Polícia Militar, o subtenente era lotado na 9ª CIPM e fazia parte da Corporação há 19 anos. A Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA) informou que as equipes da Força Tarefa que investiga a morte de policiais já solicitaram à administração do Shopping Paralela as imagens das câmeras de segurança que podem ajudar a identificar os autores do disparo que vitimou o subtenente Fabiano Fortuna e Silva. Imagens das câmeras da SSP espalhadas nos arredores também estão sendo consultadas. A polícia analisa a possibilidade de se tratar de um latrocínio. Segundo a SSP-BA, informações preliminares dão conta de que dois homens em uma moto abordaram o subtenente, que acabou atingido. A SSP pede que qualquer informação que possa levar aos autores do crime deve ser prestada de forma anônima através do Dique Denúncia (71) 3235-0000. Equipes da Superintendência de Inteligência da SSP e do Departamento de Inteligência Policial da Polícia Civil também prestam apoio às investigações.

Poções: Corpo de mulher é encontrado degolado perto de campo de aviação; suspeito é preso

/ Polícia

Uma mulher teve o corpo encontrado próximo a um lixão em Poções, no sudoeste baiano. A vítima, identificada como Elma Santa Bárbara, apresentava marcas de golpes de faca, informou o site Portal Poções. Segundo a Polícia Civil, via G1, uma pessoa foi presa suspeita pelo crime, mas a identidade dela não foi revelada. O corpo de foi encontrado na madrugada deste domingo (24), por volta das 2h, em um matagal ao lado da pista de pouso (Aeródromo) do Campo de Aviação de Poções. Até o momento não se sabe a motivação do crime, que é apurado pela Delegacia local. A vítima foi sepultada no mesmo domingo.

Maracás: Jovens de 19 e 23 anos foram presas pela Polícia Militar com maconha e crack

/ Polícia

Drogas foram apreendidas com jovens. Foto: Divulgação/CIPM

Duas jovens de 19 e 23 anos foram presas em Maracás, por policiais militares da 93° CIPM, sob suspeita de tráfico de entorpecente. De acordo com informações divulgadas pela Polícia Militar, a guarnição em ronda pelo bairro Maracaizinho teria avistado uma jovem saindo de uma casa na Avenida Castro Alves, cujo local é usado como ponto de comercialização de entorpecente. A PM informou anda que, prontamente, foi realizada abordagem e que no bolso da jaqueta de outra jovem, que também estaria no local, foi encontrada determinada quantidade de substância análoga a maconha e que a droga seria entregue a uma terceira pessoa, de dados ignorados. Após busca pessoal, nas jovens, Jamile da Silva Pires dos Santos, 23, e Ana Paula Lima dos Santos, 19, os policiais deslocaram-se até a casa de Jamile, onde foi encontrada quantidade maior da mesma droga. Indagada, Ana Paula revelou que mais drogas estariam em outro local, também visitado pela guarnição onde foi encontrada substância análoga a crack, que estaria guardada a pedido de Jamile. As suspeitas foram detidas com 417.5 gramas de maconha, 103.5 gramas de crack, balança de precisão, além de um aparelho celular. Jamile e Ana Paula foram apresentadas com o material na central de flagrantes da 9ª Coorpin, em Jaguaquara.

PRF apreende R$ 700 mil em dinheiro com passageiro de ônibus na BR-116, em Vitória da Conquista

/ Polícia

Homem levava dinheiro dentro de uma mala. Foto: Divulgação/PRF

A Polícia Rodoviária Federal apreendeu na tarde de ontem (24) R$ 700 mil reais em dinheiro que estavam em posse de um passageiro de um ônibus que seguia de São Paulo/SP com destino Natal/RN. O flagrante ocorreu por volta das 14h quando os policiais abordaram o veículo no KM 830 da BR 116, no trecho de Vitória da Conquista/BA. Durante a fiscalização no compartimento de bagagens, os PRFs encontraram no interior de uma mala grande quantidade de dinheiro. O dono da mala foi identificado e, ao ser questionado, informou que o dinheiro somava, ao todo, R$ 350 mil e era proveniente da venda de ponto de táxi de sua propriedade. No entanto, ao conferir o numerário, os policiais verificaram que na verdade a quantia somava R$ 700 mil. Questionado novamente, o homem não mencionou sobre a quantia encontrada e foi levado com o dinheiro para a Delegacia de polícia em Vitória da Conquista.

Contingenciamento no orçamento da Polícia Federal compromete até computadores

/ Polícia

Falta de dinheiro compromete trabalho da PF. Foto: Divulgação

O contingenciamento no orçamento está atingindo os computadores da Polícia Federal. Segundo o colunista Lauro Jardim, de O Globo, sem dinheiro, algumas unidades não estão conseguindo renovar nem as licenças para uso de sistema operacional, o Windows. Ainda conforme o colunista, para o presidente da Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal, Carlos Sobral, se o governo não der atenção, vai conseguir paralisar a Polícia Federal. Diz ele: — É uma ação política. Outros projetos de natureza política, de interesse do governo, não foram paralisados. A crise serve como uma boa desculpa para prejudicar e enfraquecer a Polícia Federal.

Feira de Santana: Homens com submetralhadoras, espingarda calibre 12 e uma pistola são presos

/ Polícia

Polícia apreendeu armamento com grupo. Foto: SSP-BA

Quatro homens suspeitos de tráfico de drogas foram presos e um adolescente apreendido nesta sexta-feira (22), em Feira de Santana. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), com o grupo a polícia apreendeu três submetralhadoras, uma espingarda calibre 12 e uma pistola 380. Segundo a SSP, os suspeitos presos foram identificados como Ronildo dos Santos de Souza, 48 anos, Willians Dantas da Nobrega, 34 anos, Gleidson Bruno Sales Moura, 22 anos e Lucas Machado da Silva 22 anos. Com o grupo, os policiais das Rondas Especiais (Rondesp) Leste encontraram ainda drogas como maconha, crack e cocaína, dois coletes balísticos, oito celulares, uma balança e R$ 490 reais. De acordo com o major Átila do Carmo, comandante da Rondesp/Leste, durante patrulhamento pelo bairro Expansão do Feira IX, uma equipe avistou um grupo em atitude suspeita. ”Um dos traficantes correu e entrou numa casa, fizemos a abordagem e encontramos o armamento em cima do telhado, e outras duas submetralhadoras e uma espingarda calibre 12 enterradas no quintal”, explicou o major. Ainda segundo o comandante, no fundo da residência, em um terreno baldio, foram encontrados três chassis de motocicletas, provavelmente produto de roubo, além de um pé de maconha plantado em um balde. Todo o material e os indivíduos foram conduzidos até o Plantão Central de Delegacias no Sobradinho, em Feira de Santana. G1

Operação Inflet: Polícia Federal mira esquema liderado por ex-prefeita de Apuarema e filho

/ Polícia

Lene Ribeiro é alvo da Polícia Federal. Foto: Blog Marcos Frahm

A Polícia Federal e a Controladoria-Geral da União deflagraram nesta quinta-feira (21) a Operação Inflet, que apura a atuação ilícita da ex-prefeita de Apuarema, Lene Ribeiro; do seu filho, Iago Novaes, ex-secretário de Administração da cidade; ex-servidores e servidores da prefeitura do Médio Rio de Contas. O grupo é investigado pelo desvio de recursos federais do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). De acordo com as apurações, diversos servidores municipais eram contratados formalmente por salários muito superiores ao que seria pago pela atividade desempenhada. Os valores eram depositados nas contas de outros servidores previamente aliciados, que eram responsáveis por sacar o dinheiro e repassá-lo à ex-prefeita ou a outros integrantes do esquema. A maior parte do dinheiro referente à remuneração era apropriada ilicitamente pelos investigados, e somente pequena parte era efetivamente repassada ao servidor, em espécie. De acordo com a PF, as remunerações desviadas chegavam a ser infladas em até oito vezes o valor que deveria ser efetivamente pago. O esquema teve a ajuda da então supervisora de Educação e da ex-Chefe do Setor de Acompanhamento de Programas de Assistência ao Estudante. São cumpridos cinco mandados de busca e apreensão e 14 de condução coercitiva, todos na cidade de Apuarema, há poucos quilômetros de Jaguaquara. Os investigados responderão pelo crime de apropriação indébita, mas podem ser indiciados em outros crimes após a conclusão das investigações. O nome da operação, Inflet, é um termo em latim que significa inchar, inflacionar, em menção ao procedimento usado para o desvio das verbas públicas. As informações são do site Bahia Notícias

Deputado Lúcio Vieira Lima teria ciência e participação em R$ 51 milhões encontrados em malas

/ Polícia

Lúcio Vieira teria participação em dinheiro. Foto: Divulgação

O relatório conclusivo da Polícia Federal sobre a apreensão dos R$ 51 milhões encontrados em malas e caixas em um apartamento na Rua Barão de Loreto, no bairro da Graça, em Salvador, cita ”a ciência e a participação do irmão de Geddel, o deputado federal Lúcio Quadros Vieira Lima”. A informação é do jornal O Globo. O imóvel ficou conhecido como ”bunker do Geddel” após ser descoberto pela PF, por estar sendo supostamente usado por ele para guardar documentos do pai, morto no ano passado. No entanto, de acordo com a decisão que autorizou a operação, o empréstimo do apartamento, feito pelo empresário Sílvio Silveira, seria na verdade a Lúcio.

Resultados de concurso da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros da Bahia são adiados

/ Polícia

Concurso é para vagas na PM. Foto: Blog Marcos Frahm

Os resultados da primeira e segunda etapas do Concurso da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar da Bahia, que seriam divulgados nesta sexta-feira (15), foram adiados para a próxima sexta (22). A informação foi divulgada pela Secretaria da Administração do Estado (Saeb). Conforme o órgão, a prorrogação foi necessária em função da complexidade e da abrangência do concurso. O resultado provisório do certame foi divulgado no dia 30 de agosto. A lista final de aprovados, no edital, está prevista para sair no dia 29 de setembro. De acordo com a secretaria, os resultados serão publicados no Diário Oficial do Estado (DOE), no site da Saeb, no Portal do Servidor e no site do Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC), organizadora do concurso.

Concurso

Segundo a Saeb, o processo seletivo é o maior já realizado para a Polícia Militar no Estado, com cerca de 150 mil inscritos. De acordo com o edital, 2 mil vagas são destinadas ao Curso de Formação de Soldado da Polícia Militar e 750 vagas são voltadas ao Curso de Formação de Soldado do Corpo de Bombeiros Militar. Das duas mil vagas disputadas para ingresso na Polícia Militar, 1.819 serão destinadas a candidatos homens e 181 para mulheres. Para ingresso no Corpo de Bombeiros Militar, das 750 vagas ofertadas, 672 serão destinadas para homens e 78 para mulheres. Os candidatos escolheram, no ato da inscrição, a região de interesse em atuar. A bolsa de estudo durante o curso de formação de soldado, tanto da PM, quanto de bombeiro, é de um salário mínimo R$ 937. Após a conclusão do curso, o salário mais a Gratificação de Atividade Policial Militar (GAPM), é de R$ 2.585,05. A carga horária é de 40 horas semanais.

 

Polícia Federal apreende na casa da mãe de Geddel documento sobre compra de avião

/ Polícia

Geddel teria comprado uma aeronave. Foto: Reprodução

A Polícia Federal (PF) apreendeu na casa da mãe do ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) um envelope com a inscrição ”compra de avião”, anotações sobre abastecimento de uma aeronave, registros sobre compra e venda de gado e atas de reuniões da Caixa Econômica Federal. A Justiça Federal em Brasília autorizou a PF a fazer uma busca no apartamento de Marluce Vieira Lima, em Salvador, no mesmo dia em que determinou a prisão de Geddel, na sexta-feira (8). O ex-ministro e um aliado seu, o advogado e ex-diretor da Defesa Civil de Salvador, Gustavo Ferraz, estão presos preventivamente desde a descoberta de suas digitais em parte do dinheiro apreendido num bunker na capital baiana. A PF encontrou R$ 51 milhões num apartamento ligado a Geddel e ao irmão dele, o deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA), naquela que é considerada a maior apreensão de dinheiro vivo da História do país. ”Há grande probabilidade de que no apartamento da mãe de Geddel Vieira possa existir alguma prova documental relacionada com a apreensão dos R$ 50 milhões, mesmo porque, como esclarece a autoridade policial federal, residem no mesmo prédio, o que constitui um facilitador para que elementos probatórios estejam lá escondidos”, explicou o juiz Vallisney de Souza Oliveira, titular da 10ª Vara Federal em Brasília. A análise do material apreendido ainda deve demorar, em razão do deslocamento do processo para o Supremo Tribunal Federal (STF). Diante dos indícios de lavagem de dinheiro por parte do deputado Lúcio, que tem foro privilegiado, o caso foi remetido por Vallisney para análise do Supremo, conforme O Globo.

Anthony Garotinho é preso pela PF enquanto apresentava programa de rádio no Rio

/ Polícia

Anthony Garotinho é preso pela PF. Foto: Reprodução/Folha

O ex-governador do Rio Anthony Garotinho (PR) foi preso na manhã desta quarta-feira (13) por agentes da Polícia Federal quando apresentava seu programa diário na rádio Tupi, em São Cristóvão, zona norte da capital fluminense. Três agentes cumpriram mandado que determinava a prisão domiciliar do ex-governador quando o programa estava no ar, por volta das 10h30. Um apresentador substituto teve de conduzir os 30 minutos finais do programa. Garotinho está sendo levado pelos agentes neste momento para Campos dos Goytacazes, cidade a 270 quilômetros do Rio, onde o político mora com sua mulher, a também ex-governadora Rosinha. Ele teve prisão domiciliar decretada no âmbito da Operação Chequinho, que apura suposta compra de votos na eleição para a prefeitura de Campos, em 2016, por meio do programa social Cheque Cidadão. O processo corre no Tribunal Regional Eleitoral. Garotinho chegou a ter prisão cautelar decretada em novembro do ano passado, um dia antes de ser preso o também ex-governador do Rio Sérgio Cabral, em outro processo, neste caso da Lava Jato. Garotinho era acusado de usar seu programa de rádio e seu blog pessoal para pressionar testemunhas e difamar integrantes do Judiciário durante o processo. Na ocasião, o político alegou questões de saúde e foi levado ao hospital antes de ser encaminhado à detenção. Dias depois, conseguiu no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) liminar que derrubou a prisão e não precisou passar um dia sequer no cárcere. Garotinho obteve também junto ao TSE a revogação da medida que o impedia de citar envolvidos no processo no blog e na rádio. A Folha publicou que apurou que o processo estava prestes a ter decisão proferida em primeira instância. A reportagem ainda não teve acesso ao pedido de prisão desta quarta-feira (13).

Milagres: Após denúncia, Cipe Central prende homem por comercializar munição no Centro da cidade

/ Polícia

Munições apreendidas durante operação. Foto: Cipe Central

Policiais da Companhia Independente de Policiamento Especializado – Cipe Central apreenderam uma farta quantidade de munição, no domingo (10), na cidade de Milagres, na margem da BR-116. De acordo com a Cipe Central, a apreensão ocorreu após denúncia anônima de que uma casa comercial na Avenida Lomanto Jr, no Centro da cidade, comercializava irregularmente munições de vários calibres. A guarnição informou em nota que esteve no imóvel e deteve o proprietário, Edinaldo dos Santos, de 47 anos, e apreendeu munições que foram apresentadas juntamente com o responsável na Delegacia de Milagres.