PMs deflagram greve em assembleia; Secretaria de Segurança nega e monitora ”pequeno movimento”

/ Polícia

Prisco diz que PM entrou em greve. Foto: Carol Garcia

Policiais militares decidiram, em assembleia da categoria realizada nesta terça-feira (08/10), decretar greve em todo o estado. De acordo com o deputado estadual Soldado Prisco (PSC), que conduz o movimento, a mobilização deflagrada, chamada de ”segurança por segurança”, conta com a adesão de 10 mil policiais que votaram por unanimidade pela greve, conforme publicou o site Bahia Notícias. A Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA) nega a existência de um movimento paredista na Polícia Militar da Bahia (PM-BA) e trata a mobilização como um ”pequeno movimento”.

”Vocês que estão nos quartéis, fiquem nos quartéis, pois não tem segurança para você na rua”, declarou Prisco em vídeo compartilhado nas redes sociais. O deputado estadual conclamou os policiais a aderirem ao movimento e permanecerem na sede da Associação Desportiva e Cultural da Coelba (Adelba).

Os policiais reivindicam, entre outros pontos, melhorias do Planserv, reforma do estatuto, reajuste do auxílio alimentação, um novo plano de carreira e Isenção de ICMS para aquisição de arma de fogo. Na última semana, o comandante-geral da PM, Anselmo Brandão, negou o movimento. Sobre a possibilidade de greve por parte da PM-BA, Brandão amenizou e disse que ”não somos irresponsáveis para parar uma cidade por causa de pauta que sequer a gente analisa”, ao se referir os pleitos sobre Planserv e RH Bahia de grupos de profissionais de segurança pública (lembre aqui).

 

 

Dois mil policiais militares da Bahia já participaram de programa contra estresse

/ Polícia

Desde 2016, a Polícia Militar da Bahia (PMBA) oferece à tropa um curso com técnicas de respiração que ajudam a lidar com o estresse, tanto na vida pessoal quanto na profissional. O curso é baseado no Happiness Program (‘Programa da Felicidade’, em tradução livre), ministrado pela organização internacional Arte de Viver, que desenvolveu uma abordagem específica para os militares.

”Cerca de dois mil policiais militares já participaram do curso. O efeito do Programa Arte de Viver na corporação tem sido positivo. Os depoimentos são ótimos, os policiais relatam que os benefícios são grandes, tanto para a atividade de policial militar quanto no dia a dia deles com a família e amigos”, destaca a coordenadora do curso Arte de Viver na PMBA, major Claudia Mara.

A policial militar Milena Celina participou de uma das turmas e percebe os benefícios na saúde. “Eu roncava e parei. A minha convivência com meus colegas melhorou, porque a gente fica mais concentrado, calmo e alegre. Foi muito bom”, afirma a cabo.

O coordenador de projetos estratégicos da Arte de Viver, Marcel Queiroz, explica que ”o trabalho é específico para o policial militar, no sentido de que o curso é formatado para lidar com algumas questões vividas por ele”. Queiroz acrescenta que ”nos cursos regulares, nós também falamos sobre estresse e técnicas para gerenciá-lo, mas, no caso da polícia, nós nos aprofundamos em algumas questões típicas da profissão, para que os profissionais tenham mais qualidade de vida e melhor desempenho profissional”.

Entre os dias 15 e 18 de outubro, uma nova turma com 100 policiais participará do programa. O curso será ministrado na Vila Militar, no bairro do Bonfim, em Salvador.

Confronto com suspeitos na BR-116 termina com um morto e carro roubado recuperado, diz PRF

/ Polícia

Polícia recuperou carro que foi roubado em Poções. Foto: PRF

Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreenderam uma arma de fogo e recuperaram um veículo roubado na tarde desta segunda-feira (07/10). O fato ocorreu no km 669 da BR – 116, na entrada de Jequié.

Era por volta das 12h30 quando uma equipe da PRF realizava patrulhamento de rotina no Km 665, momento em que foi informada através do sistema SINAL, do registro de roubo de um veículo Ford/Ka, de cor branca, fato ocorrido momentos antes na cidade de Poções (BA).

Em seguida, já no Km 670 os PRFs avistaram o veículo suspeito passar na rodovia em sentido contrário, com 02 ocupantes. Diante desse fato, conforme informou a PRF, os policiais iniciaram tentativas de abordagem, porém o condutor desobedeceu as ordens de parada e empreendeu fuga.

Ainda segundo a polícia, iniciou-se um acompanhamento tático e, após alguns quilômetros, conseguiram se aproximar do veículo em fuga, porém disparos de arma de fogo foram efetuados contra a equipe, que reagiu iniciando uma troca de tiros.

Durante o confronto, um dos suspeitos foi baleado e socorrido pela equipe – que o encaminhou ao Hospital Geral Prado Valadares – porém o mesmo não resistiu e veio a óbito. A PRF informou também que foi encontrado um revólver calibre 38, 3 munições deflagradas e 2 intactas com o suspeito. O outro indivíduo, de arma em punho, fugiu em meio ao matagal e apesar de buscas dos agentes na área, ainda não foi localizado.

Em consulta aos sistemas da polícia utilizados pela PRF, verificou-se que o resistente já tem registro criminal por crimes de roubo, receptação e falsificação.

Além do veículo recuperado, foram apreendidos 04 aparelhos celulares e dinheiro. A ocorrência e os materiais foram apresentados e entregues à Polícia Civil de Jequié, para procedimentos cabíveis.

Jovens são presos com entorpecente em operação da PM no Entroncamento de Jaguaquara

/ Polícia

Por volta das 16h30 de sábado (05/10), uma guarnição da Polícia Militar, durante operação de combate à poluição sonora, no Entroncamento de Jaguaquara, avistou 03 indivíduos em local suspeito, próximo de casas residenciais em um conjunto habitacional do Minha Casa, Minha Vida e,  ao notarem a presença da guarnição tentaram evadir, correndo para um matagal; os policiais realizaram cerco no local, o que proporcionou a captura dos conduzidos, com uma certa quantidade de substância análoga a maconha, dinheiro e sacolés.

Ao serem questionados sobre a origem da droga, os abordados informaram pertencer a Alexandre dos Santos Rocha,19 anos,  que foi detido com Lucas Silvano dos Santos, de 22. Com eles a PM apreendeu R$ 124,10, em notas e moedas diversas; 135 gramas de substância análoga à maconha; e 01 aparelho celular, marca Linux, cor preta.

Homens armados invadem casa e matam jovem a tiros em Itabuna; namorada dele ficou ferida

/ Polícia

Crime ocorreu no bairro Nova Itabuna. Foto: Blog Verdinho Itabuna

Homens armados invadiram uma casa e mataram a tiros um jovem de 22 anos, na cidade de Itabuna, sul da Bahia, na noite de domingo (6). Segundo André Aragão, coordenador de polícia da cidade, a namorada da vítima, de 18 anos, também foi baleada na ação, mas sobreviveu.

Ainda de acordo com o coordenador, Moisés Bandeira dos Santos estava dentro de casa com a companheira, Thainara Ferreira Alves, na Rua do Dendê, bairro Nova Itabuna, quando os criminosos chegaram e balearam os dois.

O jovem morreu no local. O corpo dele foi levado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) da cidade. Não há informações sobre sepultamento.

Já a namorada dele foi encaminhada para o Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães, que fica na cidade. Não há informações sobre o estado de saúde dela.

Os criminosos fugiram logo após o crime. A polícia ainda não tem informações sobre autoria e motivação. O caso é acompanhado pela Delegacia de Homicídio da cidade. Com informações do G1

Polícia Federal sugere nova apuração sobre caixa 2 em campanha de ministro de Bolsonaro

/ Polícia

Ministro Marcelo segue na mira da PM. Foto: Roberto Castro

A Polícia Federal sugeriu a abertura de uma segunda investigação em decorrência do caso de candidatas laranjas do PSL, desta vez especificamente para as contas de campanha do ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio. Conforme a Folha revelou no domingo (6), um depoimento e uma planilha apreendida na apuração do caso levantam suspeita de que dinheiro do esquema das laranjas do PSL foi desviado para abastecer, por meio de caixa dois, as campanhas do presidente Jair Bolsonaro e de Álvaro Antônio, que era coordenador da candidatura presidencial em Minas Gerais e candidato à Câmara dos Deputados. A nova investigação, caso aberta, terá o ministro de Bolsonaro como foco principal, sob suspeita de ter movimentado recursos sem o conhecimento da Justiça Eleitoral.

Além do depoimento e da planilha, a PF reuniu ainda outros indícios de recursos não contabilizados na campanha de Álvaro Antônio. Os casos estão nos autos e foram enviados para o Ministério Público, que é quem vai decidir se abre a nova apuração. O promotor Fernando Ferreira Abreu já confirmou que haverá novas investigações, mas não deu detalhes. Nas apurações do laranjal, Álvaro Antônio foi indiciado e denunciado na semana passada, ao lado de outras dez pessoas, sob acusação dos crimes de falsidade ideológica eleitoral, apropriação indébita de recurso eleitoral e associação criminosa —com penas de até cinco, seis e três anos de cadeia, respectivamente.

O hoje ministro foi o candidato a deputado federal mais votado de Minas, tendo sido reeleito ao cargo.
Não há nenhuma ação por parte da PF no que diz respeito às menções de dinheiro desviado para material de campanha para Bolsonaro. O ministro Sergio Moro (Justiça), a quem a Polícia Federal está subordinada, publicou em suas redes sociais neste domingo uma enfática defesa do presidente, apesar de as investigações estarem sob sigilo. “Jair Bolsonaro fez a campanha presidencial mais barata da história. Manchete da Folha de S.Paulo de hoje não reflete a realidade. Nem o delegado, nem o Ministério Público, que atuam com independência, viram algo contra o PR [presidente da República] neste inquérito de Minas. Estes são os fatos”, afirmou.

Adversário no segundo turno das eleições, Fernando Haddad (PT) declarou gastos de R$ 37,5 milhões. Bolsonaro, R$ 2,5 milhões. A Folha revelou, em reportagens publicadas desde o início de fevereiro, a existência de um esquema de desvio de verbas públicas de campanha do PSL em 2018, que destinou para fins diversos recursos que, por lei, deveriam ser aplicados em candidaturas femininas do partido. Neste domingo, o jornal mostrou que Haissander Souza de Paula, assessor parlamentar de Álvaro Antônio à época e coordenador de sua campanha a deputado federal no Vale do Rio Doce (MG), disse em seu depoimento à PF que “acha que parte dos valores depositados para as campanhas femininas, na verdade, foi usada para pagar material de campanha de Marcelo Álvaro Antônio e de Jair Bolsonaro”.

Em uma planilha apreendida na empresa Viu Mídia, nomeada como “MarceloAlvaro.xlsx”, há referência ao fornecimento de material eleitoral para a campanha de Bolsonaro com a expressão “NF”, que seria nota fiscal, e com a expressão “out”, o que significa, na compreensão de investigadores, pagamento “por fora”. Não há registro, na prestação de contas entregue por Jair Bolsonaro à Justiça Eleitoral, de gastos
com a Viu Mídia. Além desse novo inquérito destinado à campanha do ministro, a polícia solicitou a abertura de pelo menos mais dois para investigar, de forma individual, outros envolvidos no esquema.

Em Jequié, suspeito de homicídio morre em ação da Cipe e jovem é preso com droga em Ibirataia

/ Polícia

Cipe Central apreendeu arma e drogas em ações. Foto: Divulgação

A polícia registrou, em Jequié, nesta semana, um auto de resistência após ações da Companhia Independente de Policiamento Especializado – Cipe Central. A primeira ação foi registrada na quarta-feira (02/10), em Jequié, quando uma guarnição patrulhava no bairro Inocoop, por volta das 05h30. Segundo informações policiais, pessoas que faziam caminhada na área relataram haver um suspeito comercializando droga na localidade.

Os policiais foram averiguar a denúncia, sendo surpreendidos com disparos de arma de fogo, havendo revide, tendo como alvo Adriano Santana Almeida, que foi atngido e socorrido ao Hospital Geral Prado Valadares – HGPV, mas não resistiu aos ferimentos à bala. O mesmo era também suspeito de homicídio, roubo, furto e agressão a mulher. Com ele foi apreendido um revólver calibre 38, dois celulares, crack, cocaína e maconha.

Já na cidade de Ibirataia, nesta quinta-feira (03), policiais da Cipe detiveram Eron Felipe Souza Santos, após denúncia de envolvimento do mesmo com o tráfico de drogas. Eron foi preso em flagrante quando tentava dispensar um pacote com entorpecente.

Com ele, os policiais disseram apreender: Uma balança de precisão marca Águia Urso, um celular Samsung branco, 135g de substância análoga à cocaína, diversas unidades de sacolés pra embalagem e a quantia de R$ 426,00 em espécie.  Eron Felipe foi apresentado na Delegacia Territorial local.

Misericórdia: Adolescente é apreendido pela PM ao vomitar 14 pedras de crack em Ipiaú

/ Polícia

Um adolescente, de 14 anos, foi internado após ingerir 14 pedras de crack na cidade de Ipiaú. De acordo com o site Giro em Ipiaú, Taira de Jesus, de 25 anos, foi presa na mesma ocorrência. Os policiais foram até a Rua Noélia Coelho Silva, no bairro São José Operário, após serem informados de ocorrência de tráfico de drogas.

Ao chegar ao local, os policiais militares se depararam com duas pessoas saindo de um imóvel, sendo que o adolescente foi visto engolindo drogas. Na abordagem, o menor acabou vomitando o entorpecente, o que se verificou que havia ingerido 14 pedras de crack.

Os policiais continuaram as buscas no imóvel onde foi encontrada uma quantidade de dinheiro, com valor não informado, e mais 34 pedras de crack. Parte da droga estava entre os colchões no quarto de crianças. Os dois e o material foram apresentados na delegacia de Ipiaú.

Governador Rui Costa anuncia data de pagamento do Prêmio por Desempenho Policial

/ Polícia

Rui Costa anuncia benefício a policiais. Foto: Fernando Vivas

O governador Rui Costa anunciou o pagamento, na primeira quinzena de novembro, de R$ 40 milhões do Prêmio por Desempenho Policial (PDP). Os beneficiados diretos são mais de 25,3 mil servidores, entre militares, civis e técnicos, que trabalharam para a meta de reduzir, em pelo menos 6%, o Índice de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) na Bahia, no primeiro semestre deste ano.

No período, de acordo com a Secretaria da Segurança Pública (SSP), os registros desses crimes caíram 16%. No acumulado do ano, de janeiro a setembro, a Bahia apresentou número 14,2% menor que no mesmo período de 2018. Setembro deste ano traz ainda um dado histórico: o menor número de mortes violentas em um mês dos últimos seis anos, totalizando 347 casos.

Criado pela SSP em 2013, em reconhecimento aos esforços da equipe no combate à criminalidade no estado, o PDP já beneficiou mais de 132 mil servidores com R$ 172 milhões pagos.

Apontada como maior traficante da Bahia, Jasiane nega acusações e afirma que vai escrever livro

/ Polícia

Jasiane Teixeira negou acusações em coletiva. Foto: Alan Oliveira

A mulher apontada pela polícia como a maior traficante da Bahia foi apresentada durante coletiva policial realizada em Salvador, nesta segunda-feira (30). À imprensa, ela negou que tenha cometido os crimes que a polícia atribui a ela, como homicídios e tráfico de drogas, e disse que vai escrever um livro para contar a história da vida dela. Ela chegou a chorar na coletiva.

Conhecida como ”Dona Maria”, Jasiane Teixeira, de 31 anos, foi presa na última quarta-feira (25), na cidade de Biritiba Mirim (SP), onde estava escondida. Na sexta-feira (27), ela foi transferida para Salvador sob forte esquema de segurança, com mãos e pés algemados e olhos vendados. A mulher diz estar surpresa com a prisão e afirmou que desconhece todas as acusações feitas pela polícia. Ela também falou que está sendo usada para chamar atenção.

”Eu quero dizer que isso é simplesmente holofote em cima de mim. Sou uma simples mulher, como outra qualquer, e me deram uma fama da qual eu desconheço. Isso para mim é tudo novo”, disse. A suspeita também alega que acredita estar grávida, no entanto, se negou a fazer testes de gravidez propostos pela polícia e não quis comentar o motivo. Jasiane ainda contou que não tinha namorado, como afirmou a polícia. Segundo ela, o homem com o qual estava quando foi presa era um conhecido que apenas havia dado uma carona para ela. A suspeita disse também que estava em São Paulo para visitar uma das filhas, que mora na região. Inicialmente, o advogado de Jasiane, Walmiral Marinho, havia divulgado que as filhas dela, que têm 10 e 4 anos, moravam com ela, contudo a informação foi corrigida pela polícia e pela suspeita nesta segunda-feira.

De acordo com o delegado Marcelo Sanção, diretor do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), uma das meninas vive em Vitória da Conquista, no sudoeste do estado, com uma babá, e a outra mora em São Paulo, com um casal. Ambas mantidas financeiramente pela suspeita. Segundo o delegado Flávio Góis, diretor do Departamento de Polícia do Interior (Depin), a mulher movimentava muito dinheiro com a atividade criminosa no estado e, além das filhas, mantinha a faculdade de medicina de uma familiar no Rio de Janeiro. Ainda conforme o diretor da Depin, a suspeita vivia em fuga, se deslocando por várias partes do Brasil, e usava documentos falsos para viver como uma pessoa inocente, porém em vida de luxo, com roupas de grife.

A polícia, no entanto, não detalhou qual era o rendimento da suspeita com os crimes e nem em quanto estão avaliados os bens dela. Segundo o diretor da Draco, a situação ainda está em apuração. Assim como os crimes, Jasiane nega a vida de luxo. A suspeita diz que vivia com a ajuda da mãe e do aluguel de uma casa que tem na Bahia. Após a coletiva, a mulher foi encaminhada para a sede do Draco, onde ainda será ouvida. Após depoimento, a suspeita segue para o sistema prisional. As informações são do G1

Falso dentista investigado por lesão corporal e exercício ilegal da profissão é preso em Itabuna

/ Polícia

Paulo Henrico atuava ilegalmente como dentista. Foto: Polícia Civil

O falso dentista que é investigado por lesão corporal e exercício ilegal da profissão nas cidades de Vitória da Conquista e Itabuna, na Bahia, foi preso na manhã desta segunda-feira (30).

De acordo com a Polícia Civil, Paulo Henrico Almeida, de 38 anos, foi detido na casa onde morava, em Itabuna, no sul do estado, após ter prisão preventiva decretada pela Justiça. Ele é suspeito de causar lesões e mutilações em pelo menos 15 pessoas atendidas por ele em clínicas localizadas nas duas cidades baianas.

A ação foi deflagrada por equipes da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR), que investiga o caso na região e tinha feito o pedido de prisão. No dia 6 de setembro, o falso dentista foi denunciado pelo MP à Justiça. Na ocasião, também foi solicitada a prisão dele, no entanto, o pedido foi negado.

O caso

Paulo Henrico se apresenta como estudante de odontologia, mas atuava como dentista formado. Em Conquista, em maio deste ano, o Conselho Regional de Odontologia (CRO) o denunciou pela atuação irregular. Já em Itabuna, a Polícia Civil pediu a suspensão temporária da clínica onde o falso dentista atuava.

Entre as vítimas do falso dentista, está um homem que denunciou o suspeito após ter nove dentes extraídos de uma só vez, durante uma consulta no município de Itabuna.

A vítima, que preferiu não se identificar, contou que procurou o falso dentista sem saber que ele não era um profissional formado. Ele disse que estava com uma inflamação em um dos dentes e destacou que foi surpreendido com as extrações. Segundo o homem, o procedimento foi realizado no mesmo dia em que ele passou por consulta com o suspeito, que ainda receitou remédios.

Veja vídeo; Carga de iPhone avaliada em R$ 150 mil é apreendida em Feira de Santana

/ Polícia

Dois homens foram presos, nesta sexta-feira (27), pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), em feira de Santana, transportando celulares contrabandeados do Paraguai.

Segundo a PRF, os agentes abordaram dois homens que estavam em um VW/Polo com placas de Minas Gerais na BR-116 e percebeu o nervosismo dos rapazes. Durante a vistoria, os policiais encontraram 17 aparelhos de telefonia celular, iPhone, de última geração, avaliado em 9.000 reais, e com lançamento previsto no mês que vem no Brasil. Cada aparelho estava acompanhando dos acessórios (fones de ouvido e carregador).

Ainda de acordo com a PRF, os homens confessaram que adquiriram a mercadoria no Paraguai e que pretendiam transportar e comercializar a carga em Aracaju, Sergipe.

O condutor, de 42 anos de idade, e o passageiro, de 38 anos, foram presos em flagrante pelo crime de descaminho (importar produtos sem o pagamento dos respectivos impostos), cuja pena prevista no Código Penal varia de um a quatro anos de prisão.

Os presos e o material apreendido foram apresentados à autoridade de plantão da Delegacia de Polícia Judiciária em Feira de Santana.

Chega à Bahia a traficante que teria determinado morte de agente penitenciário de Jequié

/ Polícia

Jasiane Teixeira, de 31 anos, estava em SP. Foto: Alberto Maraux

A mulher que é apontada como a maior traficante da Bahia foi transferida para Salvador na tarde desta sexta-feira (27), dois dias após ser presa em São Paulo, onde se escondia há cerca de 4 anos com as filhas, que têm 10 e 4 anos. Conhecida como ”Dona Maria”, Jasiane Teixeira, de 31 anos, inclusive com envolvimento na morte de um agente penitenciário em Jequié, em 2009, foi levada para a capital baiana em um avião do Grupamento Aéreo da Polícia Militar, sob forte esquema de segurança.

A suspeita usava algemas nas mãos e nos pés, além de uma venda nos olhos que se assemelha a óculos, para não saber para onde estava sendo levada.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), Jasiane vai prestar depoimento para agentes do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco) e, em seguida, será levada para o sistema prisional. No entanto, não foi divulgado se ela vai ficar presa em Salvador.

Jasiane foi capturada na cidade paulista de Biritiba Mirim na quarta-feira (25), seis dias após completar 31 anos. Além de tráfico, a mulher é suspeita de porte de armas e centenas de homicídios na Bahia, incluindo participação na morte de um agente penitenciário – crime do qual foi condenada recentemente. Leia mais no G1

Em Tanhaçu, três homens são pela Cipe presos por tráfico de drogas após denúncias anônimas

/ Polícia

Três acusados de tráfico de drogas foram presos em Tanhaçu, no sudoeste baiano. A informação foi divulgada nesta quinta-feira (26). Foram detidos: Caio de Jesus de Macedo, o ”Magrão”, de 21 anos, Mateus Silva Pires, o ”Beu”, de 21, e João Santos Freire, o ”Joãozinho”, de 49. Os três foram presos na manhã da última terça-feira (24), por policiais da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Central.

Com o trio, localizado na Rua Possidônio Santana, Centro de Tanhaçu, também foram apreendidos 575 gramas de maconha, oito trouxinhas de cocaína, uma balança, e sacos vazios. Denúncias anônimas levaram os policiais até o local onde estavam os acusados.

”Eles estavam tentando instalar pontos de tráfico de drogas no centro de Tanhaçu. As informações chegaram através do Disque Denuncia”, disse o comandante da Cipe Central, major Fábio Rodrigo de Melo Oliveira. Os três foram autuados em flagrante por tráfico de drogas. Eles foram levados, junto com o material, para a Delegacia Territorial de Brumado, na mesma região.