Governador do Ceará prorrogará quarentena; estado é o 3º com mais casos de coronavírus

/ Nordeste

Camilo anunciará prolongação da quarentena. Foto: Governo do Ceará

O governo do Ceará deverá anunciar a prolongação da quarentena no estado, onde há mais de 3.000 casos de pessoas com o novo coronavírus. O estado só fica atrás de São Paulo e do Rio de Janeiro na quantidade de infectados pela Covid-19 no país. As informações são e reportagem do portal UOL.

A validade do decreto sobre o isolamento social no estado termina nesta segunda-feira (20), mas o governador Camilo Santana (PT) anunciou em suas redes sociais que a determinação será renovada.

Santana, porém, não disse por mais quanto tempo. Fontes do UOL indicam que o decreto deverá ter mais 15 dias de validade. Medidas de isolamento no estado valem desde 20 de março.

”Estou definindo com nossa equipe de especialistas por quanto tempo mais essas medidas de distanciamento social vão continuar em nosso estado”, escreveu. ”Vidas em primeiro lugar. Sempre”.

No Ceará, já foram registrados 176 óbitos, o que equivale uma taxa de letalidade de 5,6%. Se considerado todo o país, a taxa nacional é de 6,4%.

A medida vem no mesmo sentido da tomada pelo governo do estado de São Paulo. A quarentena paulista, que iria até 22 de abril, foi prorrogada até 10 de maio.

Cantor autor da música Nota Dez morre após sofrer dois acidentes em menos de 3 horas

/ Nordeste

Cantor era considerado o pai do coladinho no Piauí. Foto: Instagram

O cantor piauiense Francisco de Paula Moura, conhecido como Paulynho Paixão, de 43 anos, morreu após sofrer um grave acidente na madrugada desta sexta-feira (3).

A morte do artista, considerado o pai do coladinho no estado, surpreendeu a internet pela situação.

O cantor havia sofrido um acidente de carro no dia anterior, por volta das 22h e saiu ileso. Horas depois, Paulynho decidiu retornar ao local, desta vez de moto, mas caiu na PI-225, a 159km de Teresina.

Familiares do artista chegaram a ir no local do primeiro acidente para resgatar o carro e no retorno encontraram o cantor caído no chão, em seu segundo acidente.

O piauiense chegou a ser encaminhado para o hospital de Valença, mas morreu devido aos ferimentos. O velório acontece nesta sexta (3) em São Miguel da Baixa Grande.

Comitê Científico do Consórcio Nordeste dá primeiras orientações para enfrentamento ao coronavírus

/ Nordeste

O governador da Bahia é o presidente da entidade. Fotos: Camila Souza

Uma videoconferência realizada na manhã desta terça-feira (31) reuniu os membros do Comitê Científico do Consórcio Nordeste e o presidente da entidade, o governador da Bahia, Rui Costa. Durante o encontro virtual, o grupo, formado por renomados cientistas, pesquisadores e físicos brasileiros, fez uma apresentação preliminar da metodologia que irão usar para ajudar os nove governadores da região a embasarem cientificamente as ações executadas para combater a pandemia gerada pelo novo coronavírus.

De acordo com Rui, o Comitê, criado na última segunda-feira (30), terá papel fundamental na guerra contra o coronavírus. ”Montar um conselho científico de pesquisadores que são ou possuem relação com a região e que participam de grupos internacionais de pesquisa que estão acompanhando as ações e medidas relacionadas ao novo coronavírus foi uma decisão dos nove governadores do Nordeste. Esperamos que esse grupo apresente sugestões de enfrentamento à Covid-19, por meio de canais como boletins diários com orientações aos governadores, que contenham protocolos de procedimentos médicos atualizados e alternativas para repor insumos para confecção de equipamentos individuais de proteção e para mobilizar a cadeia produtiva envolvida na produção de respiradores, por exemplo”, explicou o governador.

Rui contou também que o grupo de cientistas vai ajudar na criação de um software para ser utilizado, inicialmente, por habitantes do Nordeste. ”Nós discutimos, também, a criação de um aplicativo, que deve ser disponibilizado nas lojas virtuais para que as pessoas que apresentem sintomas façam o download e informem, por exemplo, quais são esses sintomas e se foram testadas. Desta forma, deveremos ter todos os dados automaticamente processados e monitorados, facilitando a identificação dos locais com mais casos e, consequentemente, viabilizando uma reação mais efetiva nessas localidades, quebrando a cadeia sucessória do vírus”, destacou.

O Comitê Científico é coordenado por Miguel Nicolelis, neurocientista e referência mundial na pesquisa da interface entre cérebro e computadores, e por Sérgio Rezende, físico formado pelo Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) e ex-ministro da Ciência e Tecnologia. O comitê ainda está em formação, mas já possui 13 membros, incluindo um indicado por cada estado, e deve permanecer ativo até o fim da pandemia. Os representantes da Bahia no grupo são o infectologista Roberto Badaró, a pesquisadora e titular da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado, Adélia Pinheiro, e o médico Maurício Barreto.

Consórcio Nordeste cria Comitê Científico na guerra contra o novo coronavírus

/ Nordeste

Consorcio discute ações sobre pandemia. Foto: Camila Souza

Foi oficializada, nesta segunda-feira (30), a formação do Comitê Científico do Consórcio Nordeste, com o intuito de auxiliar os governadores da região na tomada de decisão sobre as ações de enfrentamento à pandemia causada pelo novo coronavírus. O conhecimento científico e a pesquisa na área médica garantirão segurança para essas medidas. Com nomes como o do cientista Miguel Nicolelis e o do físico e ex-ministro de Ciência e Tecnologia Sérgio Rezende, o comitê foi idealizado pelo presidente da entidade, o governador da Bahia, Rui Costa, que faz a primeira reunião oficial com o grupo nesta terça-feira (31).

Além de Nicolelis e Rezende, que coordenam o grupo, integram o comitê médicos, cientistas, físicos e pesquisadores brasileiros reconhecidos internacionalmente. A comissão fará reuniões periódicas com autoridades científicas brasileiras e de outros países, a exemplo da Itália, da Alemanha e da China, para discutir soluções na tentativa de frear a disseminação de casos da Covid-19. Além disso, o comitê emitirá boletins com todos os números da região relativos à doença e divulgará orientações baseadas nas pesquisas realizadas pelo grupo.

O comitê ainda está em formação, mas já possui 13 membros, incluindo um indicado por cada estado, e deve permanecer ativo até o fim da pandemia. ”É uma guerra. Precisamos de apoio científico para vencê-la”, afirmou o governador Rui Costa, presidente do Consórcio Nordeste.

Em carta, governadores do Nordeste pedem ajuda à China para combater coronavírus

/ Nordeste

Governadores enviam carta à embaixada chinesa. Foto: Fernando Vivas

Em meio à crise diplomática vivida entre Brasil e China por conta dos posts do filho do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL), no Twitter, os governadores do Nordeste enviaram nesta sexta-feira (20) uma carta à embaixada chinesa no país pedindo ajuda no combate ao coronavírus.

A carta foi assinada pelo governador Rui Costa (PT) e foi endereçada ao embaixador chinês no Brasil, Yang Wanming.

O Consórcio Nordeste pediu ajuda com envio de materiais médicos, de insumos e de equipamentos que possam “nos ajudar a combater o flagelo que estamos enfrentando”. Rui destaca, no documento, a necessidade de leitos de UTI e de respiradores, ”pois as projeções de enfermos indicam que haverá um déficit deste equipamento do momento do pico da epidemia”.

”Colocamo-nos à disposição de vocês para quaisquer esclarecimentos que sejam necessários e queremos, desde já, reafirmar nossa admiração pela forma como o povo chinês enfrentou a epidemia e pela imensa amizade que une os nossos povos”.

Sete estados nordestinos questionam no STF redução e não alocação de recursos do Programa Bolsa Família

/ Nordeste

O Governo do Estado da Bahia e dos Estados do Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí e Rio Grande do Norte moveram, junto ao Supremo Tribunal Federal,  uma ação judicial, contra a União Federal, para sanar as inconstitucionalidades e ilegalidades decorrentes da redução e não alocação de recursos do Programa Bolsa Família.

No último mês de janeiro, o Governo Federal destinou apenas 3% dos novos benefícios do Bolsa Família ao Nordeste, região que concentra 36,8% das famílias em situação de pobreza ou extrema pobreza. Já as regiões Sul e Sudeste receberam 75% das novas concessões do programa. O somatório das novas concessões realizadas para todos os estados do nordeste é de apenas 3.035 famílias.

Desse total, a Bahia foi contemplada com apenas 1.123 novas concessões e 59.484 famílias tiveram seus benefícios cancelados, de janeiro 2019 a janeiro 2020.

Segundo o Procurador Geral do Estado da Bahia  Paulo Moreno, ”na ação cível originária, com pedido de tutela provisória, as Procuradorias Gerais dos Estados alegaram que o Programa Bolsa Família deve observar as balizas constitucionais de modo a contribuir também com a redução das desigualdades regionais e não criar distinções entre brasileiros”, informou.

”O Programa Bolsa Família possui relevância social e econômica principalmente nos estados autores da ação, e o represamento da concessão de novos benefícios àquelas famílias já inscritas – de maneira tão díspar em relação às demais regiões do país – implica em um aumento significativo da demanda social destes estados, sem uma justificativa plausível da União para os dados até então divulgados”, explicaram os procuradores na peça processual.

As PGE’s informaram ainda que essas desproteções concentradas na região nordeste comprometem outros serviços e fazem com que aumente o número de pessoas em situação de rua, o número de pedidos de cesta básica para superar a fome, especialmente aos municípios, causando desequilíbrio social e, claro, financeiro nas já combalidas finanças estaduais e municipais.

Dados

Em todo o Brasil a redução de benefícios do Bolsa Família, de maio a dezembro de 2019, chega a 1.111.043 famílias. Na região Nordeste, onde estão cerca de 50% dos vinculados ao programa, 428.565 pessoas deixaram de receber o benefício, o que corresponde a uma redução de 6%.

No Nordeste, em dezembro de 2019, eram 939.594 famílias em situação de pobreza extrema sem o benefício. Apesar desse número, apenas 3.035 benefícios foram concedidos em janeiro de 2020 para toda a Região. Ou seja, apenas 0,32% da demanda. Na Região Sul, 186.724 famílias estavam em situação de extrema pobreza sem o Bolsa Família, e foram concedidos 29.308 benefícios (15,7% da demanda). Tais números mostram uma redução que não se justifica legal e constitucionalmente mesmo em um cenário de cortes no Orçamento da Assistência Social.

O Ceará já chegou ao registro de 51 assassinatos em 48 horas com motim da Polícia Militar

/ Nordeste

Greve gera mortes no Ceará. Foto: Reprodução / TV Verdes Mares

O Ceará já chegou ao registro de 51 assassinatos em 48 horas – mais de 1 por hora – em meio ao motim de policiais e bombeiros militares que ocorre desde a noite desta terça-feira (18). Antes do motim, a média de homicídios no Ceará era de 6 por dia.

Os grevistas estão paralisados por aumento salarial. Segundo o G1, um dos óbitos registrado nesse período de paralisação ocorreu na madrugada desta sexta-feira (21). Um adolescente de 16 anos foi morto por sete homens que estavam em motocicletas.

No Ceará, os grevistas fecharam batalhões, e pelo menos 9 dos 43 estão ocupados. Os amotinados também têm atacado carros oficiais, esvaziando pneus para não serem utilizados. Em um batalhão em Sobral, o senador licenciado Cid Gomes foi baleado ao jogar uma retroescavadeira contra o portão de um batalhão fechado pelos encapuzados. O senador não corre risco de morte.

 

Policial é detido suspeito de atear fogo em carro de mulher que criticou greve da PM no Ceará

/ Nordeste

Um policial militar foi preso na madrugada desta quinta-feira (20) no Crato, interior do Ceará, por atear fogo em um carro de uma moradora. Segundo o jornal O Povo, a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do estado (SSPDS) o homem teria ateado fogo no carro de uma mulher que teria feito críticas à greve dos policiais militares do estado.

A paralisação ocorre desde a terça-feira (18). O acusado foi detido por agentes que participam da operação de reforço junto com a Delegacia Regional do Crato. A SSPDS disse que já foi instalado um procedimento para apurar o caso. Nesta quarta-feira (19), o senador e ex-governador cearense Cid Gomes foi baleado ao tentar avançar com uma retroescavadeira contra um portão de um quartel onde PMs estavam amotinados em Sobral, também no interior do Ceará.

O ex-governador chegou a ser internado em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em um hospital de Sobral, mas já deixou o setor e foi para uma enfermaria. Ele também não corre risco de morte.

Baleado no Ceará, senador Cid Gomes tem alta de UTI e é transferido para enfermaria

/ Nordeste

Cid Gomes organizava ato contra manifestação. Foto: Arquivo pessoal

O senador licenciado Cid Gomes, baleado nesta quarta-feira, 19, na cidade de Sobral (CE) durante protesto de policiais, teve na manhã desta quinta-feira alta hospitalar da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital do Coração daquela cidade. Gomes foi transferido para a enfermaria

De acordo com boletim médico, Cid Gomes deu entrada naquela unidade hospitalar, ”vítima de ferimento por arma de fogo no hemitórax esquerdo” e após o atendimento inicial seu quadro clínico evoluiu sem intercorrências, mantendo-se ”hemodinamicamente estável e com padrão respiratório normal, não mais necessitando de cuidados de terapia intensiva”. Com informações do Estadão Conteúdo

Ministro Sérgio Moro autoriza envio de Força Nacional de Segurança Pública para o Ceará

/ Nordeste

Cid em frente a batalhão da PM em Sobral. Foto: Estadão Conteúdo

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, autorizou nesta quarta-feira, 19, o envio da Força Nacional de Segurança Pública para o Estado do Ceará, que virou palco de paralisação de policiais estaduais. A decisão do ministro atende ao pedido feito pelo governador Camilo Santana (PT) ao governo federal.

A decisão foi tomada após o senador licenciado Cid Gomes (PDT-CE) ter sido baleado em um protesto de policiais que pedem aumento salarial, ao tentar furar o bloqueio de policiais militares em Sobral.

Moro determinou que a primeira equipe da Força Nacional de Segurança Pública chegue Estado na manhã desta quinta-feira. 20, a partir das 14h, e que a Polícia Rodoviária Federal desembarque na região em até 48 horas.

”Recomendo que sejam tomadas as necessárias providências para que o movimento paralisação seja encerrado o mais brevemente possível”, escreveu o ministro.

Pedido de apoio

O governador do Ceará, Camilo Santana, solicitou ao governo Jair Bolsonaro o apoio de tropas para reforçar a segurança no Estado, após quatro batalhões da Polícia Militar serem atacados. Os ataques foram feitos por pessoas encapuzadas, mas há suspeita de que os responsáveis sejam policiais.

Segundo Santana, as ações foram feitas por homens mascarados que seriam “alguns policiais” e “mulheres que se apresentam como esposas de militares. O secretário de Segurança Pública do Ceará, André Costa, informou que três policiais militares foram presos em flagrante por estarem furando pneus de viaturas em Fortaleza, enquanto um oficial foi conduzido à delegacia em Juazeiro do Norte por estar com um capuz no bolso e armado. Outros 261 policiais estão sendo investigados por suspeita de participação nas ações.

Na Assembleia Legislativa, uma CPI foi protocolada para avaliar supostas irregularidades cometidas pelas associações que representam os agentes da segurança pública do Ceará e que ocasionaram essas paralisações. De acordo com o Ministério Público, 12 entidades serão investigadas. Nos últimos seis anos, elas receberam R$ 126,7 milhões de reais, mas apenas R$ 65 milhões foram movimentados. Com informações do Estadão Conteúdo

Senador Cid Gomes é baleado ao avançar com trator contra PMs grevistas no interior doCeará

/ Nordeste

O senador licenciado Cid Gomes (PDT), de 56 anos, foi atingido por dois disparos de arma de fogo na cidade de Sobral, no interior do Ceará, na tarde desta quarta-feira, 19. Um vídeo mostra o momento em que Gomes, dirigindo um trator, avança sobre um portão de um quartel da Polícia Militar; do outro lado estavam pessoas mascaradas, de onde vem os disparos. Ele foi socorrido para um hospital da cidade e passa por atendimento médico. Ciro Gomes, irmão de Cid, disse que não há risco de morte.

A tensão do governo do Estado com a categoria dos policiais começou diante de uma demanda por reajuste salarial. O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), anunciou nesta quarta ter solicitado ao governo Jair Bolsonaro o apoio de tropas para reforçar a segurança no Estado, após quatro batalhões da Polícia Militar serem atacados. Os ataques foram feitos por pessoas encapuzadas, mas há suspeita de que os responsáveis sejam policiais.

Por volta das 15h15, o senador, que é ex-governador do Ceará e ex-ministro da Educação, publicou um vídeo em seu perfil no Twitter, criticando os protestos feitos policiais em Sobral. ”Meus irmãos sobralenses, eu estou chocado ao ver cenas de quem deveria dar segurança para o povo e está promovendo a insegurança, a desordem. Eu não consigo me conformar com isso” disse Cid.

Em seguida, o político pede que eleitores o recebam no aeroporto da cidade. ”Estou saindo agora para Sobral, que é a minha terra, onde eu estou vendo cenas deploráveis e quero pedir a cada irmão e irmã sobralense do bem, que não se conforma, que está indignado com essa situação, para me esperar no aeroporto. Eu estarei chegando às 16h e vamos definir, coletivamente uma estratégia para dar paz à cidade de Sobral”, encerra.

A assessoria do senador informou que ele ”passa por estabilização no Hospital do Coração de Sobral e será transferido para a Santa Casa de Misericórdia de Sobral”. No Twitter, Ciro Gomes disse que o irmão foi atingido por dois tiros de arma de fogo, que teriam sido disparados por ”policiais militares amotinados e mascarados”. ”Até aqui as informações médicas são de que as balas não atingiram órgãos vitais apesar de terem mirado seu peito esquerdo”, escreveu.

”Novos exames estão sendo feitos, mas a palavra aos familiares e amigos é de que Cid não corre risco de morte. Espero serenamente, embora cheio de revolta, que as autoridades responsáveis apresentem prontamente os marginais que tentaram este homicídio bárbaro às penas da lei”, completou.

Justiça manda governo ampliar auxílio a pescadores e marisqueiros afetados pelo óleo no Nordeste

/ Nordeste

A 7.ª Vara Federal de Recife concedeu liminar que obriga o governo federal a ampliar o número de pescadores e marisqueiros beneficiados pelo auxílio emergencial em razão do vazamento de óleo que atinge as praias do Estado. A medida atende solicitação do Ministério Público Federal, que ajuizou ação contra a União.

De acordo com a Procuradoria, a Medida Provisória assinada pelo governo contemplaria somente 4.236 trabalhadores, deixando um ‘amplo espectro de pessoas’ sem benefício e colocando em risco pescadores de baixa renda e outras categorias que sobrevivem da coleta de crustáceos.

”O auxílio emergencial anunciado pelo Governo Federal nem de longe socorre o amplo espectro de pessoas que sobrevivem da pesca artesanal e de atividades extrativistas no litoral pernambucano, sobremaneira diante da injustificada inércia da União em realizar cadastramento desses profissionais por anos a fio, causando incontornáveis distorções na utilização dos registros governamentais como forma de concessão do referido auxílio emergencial, além da existência de áreas que, embora não oleadas, sofrem os drásticos efeitos da retração de consumo de frutos do mar pela população pernambucana”, apontou o Ministério Público Federal.

O vazamento de óleo — cuja origem ainda é incerta — atingiu o Estado pela primeira vez no dia 02 de setembro, afetando dezenas de municípios costeiros. O último registro do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) mostra que, até o dia 27 de dezembro, ao menos 21 praias de Pernambuco continuam oleadas, ou seja, com vestígios da mancha na água.

Ao proferir a liminar, a justiça concedeu o benefício a trabalhadores com inscrição regular no Registro Geral da Atividade Pesqueira (RGP) e os pescadores artesanais e marisqueiros com pendências na inscrição no RGP ainda não apreciadas pelo Ministério da Agricultura. O pagamento será de R$ 1.996,00, pagos em duas parcelas iguais.

Os pescadores devem ser vinculados aos seguintes municípios: Barreiros, Cabo de Santo Agostinho, Goiana, Ilha de Itamaracá, Ipojuca, Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Paulista, Recife, São José da Coroa Grande, Sirinhaém, Tamandaré, Rio Formoso, Abreu e Lima, Igarassu e Itapissuma. Do Estadão Conteúdo

Ibama: Chega a 900 número de localidades atingidas por óleo no litoral do Nordeste

/ Nordeste

Balanço divulgado neste domingo (8) pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) aponta que chegou a 900 o número de localidades atingidas por óleo no litoral do Nordeste, de Espírito Santo e do Rio de Janeiro. De acordo com o órgão, praias, mangues, rios e áreas de proteção ambiental de ao menos 127 municípios foram afetados por fragmentos ou manchas de petróleo cru desde 30 de agosto.

Destas localidades atingidas, 23 ainda estão com manchas de óleo, enquanto 518 têm fragmentos da substância – as outras 359 já estão limpas, segundo o órgão. Dentre os locais que ainda registram presença de óleo, mais de 40 ficam na Área de Proteção o Ambiental Costa dos Corais, maior unidade de conservação federal marinha costeira do Brasil.

O óleo está distribuído da seguinte forma: Maranhão (24 localidades), Piauí (12), Ceará (8), Rio Grande do Norte (10), Paraíba (4), Pernambuco (22), Alagoas (87), Sergipe (60), Bahia (237), Espírito Santo (75) e Rio de Janeiro (2). Em relação à fauna, ao menos 155 animais oleados foram identificados pelo Ibama. Os dados se referem especialmente a tartarugas marinhas (102) e aves (38).

A primeira mancha de óleo foi oficialmente identificada em 30 de agosto, no município de Conde, na Paraíba. Após atingir os nove estados nordestinos, a substância chegou ao Sudeste em 7 de novembro, no Espírito Santo. Último estado a ser afetado, o Rio de Janeiro registrou a primeira mancha de óleo em seu litoral em 22 de novembro.

Em Berlim, governadores nordestinos divulgam oportunidades de negócios do Nordeste

/ Nordeste

Governadores durante reunião em Berlim. Foto: Elisa Elsie

Governadores dos estados nordestinos desembarcaram em Berlim nesta quinta-feira (21), como parte da articulação internacional do Consórcio Nordeste para atrair investidores e ampliar o fluxo de negócios na região. Em evento na sede da Associação das Câmaras Alemãs de Comércio e Indústria (DIHK), eles apresentaram a empresários do país o mapa de oportunidades no Nordeste.

Os alemães também tiraram dúvidas com os gestores brasileiros sobre diversas questões, como participação de empresas estrangeiras em licitações. ”A formação desse consórcio oferece muitas vantagens, como a participação em licitações internacionais e a atração de investimentos estrangeiros. A condição mais importante para os alemães continuarem investindo no Brasil é a recuperação da confiança no país”, comentou o diretor de Relações Econômicas da DIHK, Mark Heinzel.

 

Exportações e importações

 

​A Alemanha é o quarto maior parceiro comercial do Brasil, atrás da China, Estados Unidos e Argentina. Durante a apresentação, o Consórcio Nordeste deu destaque principalmente a áreas integradoras, como sustentabilidade, infraestrutura, turismo, saúde, segurança pública, saneamento e energias limpas, inclusive com a perspectiva de abertura de parcerias público-privadas (PPP).

A participação europeia na corrente de comércio do Brasil em 2018 foi de 3,75%. Mais de 54% dos produtos brasileiros exportados para a Alemanha são industrializados, a exemplo de máquinas mecânicas, automóveis, máquinas elétricas e produtos farmacêuticos. Em relação às importações, 99% das mercadorias que o Brasil compra do país europeu são bens industriais.

​O evento foi organizado pela DIHK juntamente com a Câmara de Comércio e Indústria Brasil-Alemanha (AHK). A DIHK é a entidade que congrega associações e grupos relacionados ao setor industrial alemão, sendo responsável pela representação de 100 mil empresas privadas, que geram mais de oito milhões de empregos no país. Já a AHK reúne as empresas mais importantes da indústria alemã no Brasil e tem como papel incentivar as relações econômicas entre empresas brasileiras e alemãs.