Jitaúna foi o primeiro município da Regional Sul de Jequié a ter paciente vacinado contra Covid

Marcelo Motta Xavier, 35 anos, foi vacinado. Foto: Divulgação

Sem perder tempo, tão logo recebeu o primeiro lote de vacinas contra a Covid-19, nesta terça-feira (19), a Prefeitura de Jitaúna, na região de Jequié, deu início a vacinação no Município.

Marcelo Motta Xavier, 35 anos, enfermeiro, foi o primeiro a ser vacinado. Ele trabalha na linha de frente no enfrentamento ao Coronavírus desde o início do período pandêmico.

A dose foi ministrada pela Secretaria de Saúde, a enfermeira Patrícia Lopes. Jitaúna foi o primeiro município da Regional Sul de Jequié a ter paciente vacinado.

Empresário é baleado no Centro de Ipiaú ao tentar interceptar assaltante que tomou carro do irmão

Vítima foi alvejada no ombro pelo bandido. Foto: Ipiaú Online

Um empresário foi baleado no ombro, na tarde desta terça-feira (19), no Centro da cidade de Ipiaú, no Médio Rio de Contas.

Segundo o site Giro em Ipiaú, o homem, proprietário de uma loja de Autopeças, foi alvejado por um assaltante que teria tomado de assalto minutos antes um carro do irmão da vítima, na Rua 7 de setembro, próximo ao Banco do Brasil de Ipiaú. Populares contam que o comerciante interceptou o ladrão nas imediações de sua loja, e que ele teria tentado dominá-lo.

Após atirar em Ricardo, o criminoso acabou batendo o carro e fugiu a pé, sendo alcançado pela Polícia Militar.

Ainda segundo o site, houve troca de tiros e o assaltante identificado como Uilquison Santana Vieira, de 30 anos, foi baleado no pé. Já Ricardo foi encaminhado para atendimento médico em uma clínica particular.

Ele foi capturado e levado ao Hospital Geral de Ipiaú. A suspeita é de que o criminoso seja morador da região de Ibirapitanga. Aparentemente, ele estava sozinho. O indivíduo teria tomado o carro quando o condutor estacionava.

Prefeito de Jequié, Zé Cocá é eleito presidente do Consórcio Intermunicipal Médio Rio das Contas

Prefeito de Jequié, Cocá vai comandar Consórcio. Foto: Marcos Frahm

Aconteceu, na sesta sexta-feira (), no auditório da Associação Comercial e Industrial de Jequié (ACIJ), no Centro, a Assembleia Geral Extraordinária para eleição do novo presidente do Consórcio Intermunicipal Médio Rio das Contas (CIMURC). Zé Cocá (PP), prefeito de Jequié, que já foi presidente do Consórcio Público de Desenvolvimento Sustentável do Vale do Jiquiriçá (CONVALE) e coordenador estadual dos consórcios públicos, teve o nome escolhido pela maioria dos consorciados presentes, assumindo um mandato de dois anos à frente da entidade.

Este ano, votaram os prefeitos de Barra do Rocha, José Luiz Franco Ramos Costa; de Gongogi, Adriano Mendonça Pinheiro; de Ibirataia, Ana Cléia dos Santos Leal; de Itagibá, Marcos Valério Barreto; de Itamari, Everton Borges Vasconcelos; de Jitaúna, o Patrick Lopes; de Ubatã, Vinícius do Vale de Souza; de Apuarema, Jorge Rogério Costa Souza; e de Itagi, Olival Andrade Júnior, que defendeu a escolha de um representante de outro município para presidir o CIMURC, tendo sido voto vencido. Estiveram presentes, como convidados, o prefeito de Lafaiete Coutinho, José Freitas de Santana Junior, o João Véi; e Antônio Danilo, gestor municipal de Nova Itarana, que no mesmo dia foi eleito em Maracás presidente do Consórcio do Vale do Jiquiriçá.

O evento foi marcado por discussões acaloradas entre Zé Cocá, Olival Andrade do DEM, prefeito de Itagi e Ana Cléia, do PSD, gestora de Ibirataia e que se uniu a Olival com posicionamento contrário a candidatura de Cocá. Olival subiu o tom após a fala do prefeito reeleito de Jitaúna, Patrick Lopes do PP, que teria evidenciado a aproximação de Zé com o governador Rui Costa (PT), o que para ele, a relação com o chefe do Executivo baiano facilitaria na busca através do consórcio de benefícios para o território. Olival rebateu afirmando que o governador não iria deixar de atender um prefeito em detrimento do outro e que era favorável a alternância, em face de Jequié já ter presentado o Consórcio até 31 de dezembro último, quando o ex-prefeito Sérgio da Gameleira (PSB) deixou a prefeitura e a presidência da entidade. O gestor de Itagi, que é declarado opositor de Rui, disse não ter problemas com Cocá no campo pessoal, mas que não poderia defender a candidatura do novo prefeito de Jequié, ameaçando inclusive se desligar do CIMURC. Ele deixou o local momentos antes da votação. Já Ana Cléia, comungava com a ideia de Olival, voltou atrás e aceitou compor a chama, sendo eleita vice-presidente.

Prefeitos do Médio Rio de Contas escolhem Zé Cocá presidente

Ao final da votação, o novo presidente firmou compromisso para a criação de uma mesa diretora, que passará a ser composta de uma vice-presidência, tesouraria e secretaria. Para estes novos cargos, foram indicados Ana Célia Leal, de Ibirataia; Marcos Valério, de Itagibá; e Vinícius do Vale, de Ubatã.

”Trabalharemos para o fortalecimento da municipalidade através do CIMURC. Os consórcios de infraestrutura são fundamentais para a execução de serviços e obras e, por meio do esforço de cada município participante, contando com o apoio do Governo do Estado, vamos lutar por melhorias estruturais, principalmente na questão das malhas viárias, importante canal de escoamento da produção dos municípios consorciados, entre outras demandas que podem ser resolvidas de forma mais ágil, por meio do Consórcio.” destacou Zé Cocá.

Câmara de Ipiaú aprova aumento dos salários da prefeita, vice-prefeito e secretários municipais

O plenário da Câmara Municipal de Ipiaú aprovou, na sessão ordinária do último dia 17, o Projeto de Lei que dispõem sobre a fixação dos subsídios da prefeita, vice-prefeito e secretários municipais para o período de 1º de janeiro de 2021 a 31 de dezembro de 2024. De acordo com a matéria, da autoria da Mesa Diretora da Câmara, o subsídio da prefeita será fixado em R$ 16.000 , enquanto o do vice-prefeito será de R$ 9.200. Os secretários receberão R$ 8.625.

O valor do subsídio mensal dos referidos cargos não poderá ser alterado durante a legislatura, mas será anualmente revisado com o mesmo índice e na mesma data em que for realizada a revisão geral da remuneração dos servidores do município.

O artigo quarto deste Projeto de Lei elaborado pela Mesa Diretora da Câmara, presidida pelo vereador Alessandro Moreira (San de Paulista), assegura à prefeita, vIce-prefeito e secretários municipais, o direito ao recebimento das parcelas adicionais de 13º salário e um terço (1/3) de férias.

SESSÃO EXTRAORDINÁRIA
Já o Projeto de Lei 14/2020, também de autoria da Mesa da Câmara Municipal, que define o subsídio dos vereadores em R$ 7.599, 67 e dá outras providências, ainda não foi votado. Para que a sua apreciação aconteça será necessária a convocação de uma sessão extraordinária, tendo em vista que a Câmara encontra-se em recesso até o próximo dia 15 de fevereiro.

Se depender de alguns vereadores da base governista, que será maioria absoluta na próxima legislatura, esse projeto, datado do dia 30 de setembro do ano em curso, será arquivado por falta de quórum. Sendo assim prevalecerá o valor do subsidio da atual legislatura, ou seja, R$7.500.

O salário do vereador é prefixado com base no percentual fixo do salário do deputado estadual que em função da situação da pandemia não foi reajustado, deste modo não justifica-se reajustes nos vencimentos dos parlamentares municipais. No Projeto de Lei 14/2020 também consta a proposta de pagamento das parcelas adicionais de 13º salário e um terço ( 1/3) de férias aos edis. (Giro/José Américo Castro).

Vice-prefeito eleito de Aiquara vence a Covid-19 e recebe alta do Hospital São Vicente, em Jequié

Vivaldo Honorio da Silva venceu o coronavírus. Foto: Divulgação

Mais um paciente deu exemplo de superação ao vencer a Covid-19 no Município de Jequié. O vice-prefeito eleito da cidade de Aiquara, no Médio Rio de Contas, Vivaldo Honorio da Silva, de 54 anos, recebeu alta hospitalar do Hospital São Vicente, uma das unidades de Saúde que atuam por meio de parceria com o Estado como centro de tratamento do coronavírus.

Liberado, o vice-prefeito eleito foi encaminhado para Aiquara, onde foi recebido por amigos e familiares com homenagens.

Desde o início da pandemia até sexta-feira (18), Aiquara registrou 323 casos da doença, com 07 óbitos e o número de casos ativos é de 05, segundo o último boletim epidemiológico emitido pela Secretaria de Saúde.

Contas da prefeitura de Itagi são rejeitas pelo Tribunal e o prefeito médico Olival é multado

Olival Andrade foi multado em R$54 mil pelo Tribunal. Foto: Divulgação

O Tribunal de Contas dos Municípios rejeitou, na terça-feira (15), as contas relativas ao exercício financeiros de 2018 da prefeitura de Itagi, da responsabilidade do prefeito Olival Andrade Jr. de acordo com o Tribunal, a equipe técnica identificou a extrapolação do limite máximo para despesa total com pessoal, em descumprimento ao previsto na Lei de Responsabilidade Fiscal.

Em Itagi, a despesa total com pessoal alcançou correspondeu a 64,41% da receita corrente líquida do município, superando o limite máximo de 54% previsto na Lei de Responsabilidade Fiscal. O prefeito foi multado em R$54 mil, que equivale a 30% dos seus subsídios anuais, pela não recondução dessas despesas ao índice legal. Ele também foi punido com uma segunda multa, no valor de R$4 mil, pelas demais irregularidades registradas pela análise técnica.

Em Nota, a prefeitura tentou justificar informando que, apesar das dificuldades para cumprir esse limite (prudencial), ”o prefeito de Itagi, Dr. Olival, preferiu não demitir servidores, preservando o emprego e renda daqueles que dependem diretamente desses recursos para o sustento de suas famílias”.

24ª Zona Eleitoral oferece transporte a eleitores com deficiência em Ipiaú, Ibirataia e Jitaúna

A 24ª Zona Eleitoral, com sede na cidade de Ipiaú, no Médio Rio de Contas, implantou rotas de transporte para atender, exclusivamente, eleitores com deficiências, no dia das Eleições Municipais, no dia 15 de novembro. Conforme o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA), três delas atenderão nas cidades de Ipiaú, três em Ibirataia e duas em Jitaúna.

Segundo informações do TRE-BA, o serviço – que deve buscá-los e levá-los diretamente ao local de votação, retornando após o voto – funcionará somente por agendamento através do Whatsapp (73) 3531-5350. Durante a solicitação, o eleitor deve indicando seu título, endereço residencial e local de votação para saber o horário disponível.

De acordo com a servidora do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia e chefe de Cartório da 24ª ZE, Thaíssi Neves Sampaio, nas vistorias, foi constatado que todas as escolas usadas como local de votação são acessíveis, assim como o cartório.

”Nossa ideia, com a oferta do transporte, é agregar ainda mais nos quesitos cidadania, acessibilidade e direito ao voto”, explicou. O órgão eleitoral lembrou que partidos e candidatos são impedidos de transportar eleitores no dia das eleições.

Para auxiliar os trabalhos, os locais de votação coordenadores de acessibilidade, identificados com camisas azuis, irão receber, encaminhar e dar o tratamento adequado a pessoas que têm prioridade.

Por causa da pandemia de Covid-19, o tempo de votação foi ampliado em uma hora e começará mais cedo: das 7h às 17h. Das 7h às 10h, o horário será preferencial para maiores de 60 anos, pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida e pessoas que fazem parte do grupo de risco para o coronavírus. O horário é prioritário, mas não exclusivo.

Coveiro fica ferido após acidente durante sepultamento dentro do cemitério de Ipiaú

Coveiro caiu de andaime dentro do cemitério. Foto: Giro em Ipiaú

O coveiro Antônio Carlos da Silva, 53, ficou ferido após cair de um andaime no Cemitério Jardim da Saudade 1, em Ipiaú. De acordo com informações do site Giro em Ipiaú, o acidente ocorreu quando o coveiro tinha acabado de colocar o defunto em uma gaveta.

Segundo relatos de populares que acompanhavam o sepultamento de um homem vítima de mal súbito em Barra do Rocha, uma das tábuas que sustentava o coveiro acabou se rompendo e causando o acidente.

Antônio Carlos reclamava de dores no joelho esquerdo. Ele foi socorrido por uma equipe do Samu e encaminhado para o Hospital Geral de Ipiaú, onde será submetido a exames.

Caminhão carregado com móveis pega fogo na Curva do Engenho na BR-330, em Ipiaú

Caminhão pegou fogo após sofrer pane. Foto: Giro em Ipiaú

Um caminhão carregado com móveis foi tomado pelas chamas na manhã desta quarta-feira (14), em um trecho da BR-330, conhecido como Curva do Engenho, no município de Ipiaú.

De acordo com o condutor do veículo, que é natural de Minas Gerais, o fogo começou após uma pane, iniciada por faíscas, no painel do automóvel. Ainda segundo o motorista, na tentativa de conter as chamas, um carro-pipa foi acionado, porém, o veículo estava sem água, conforme informações do site Giro Ipiaú.

Ao site local o caminhoneiro também informou que a carga teria como destino a cidade de Gandu. Ninguém ficou ferido na ocorrência.

Candidato a prefeito de Ipiaú, Alípio é diagnosticado com coronavírus e está internado em Salvador

Alípio Oliveira foi diagnosticado com coronavírus. Foto: Rede social

O empresário e candidato a prefeito do município de Ipiaú, no Médio Rio de Contas, Alípio Oliveira (MDB) foi diagnosticado com o coronavírus e encontra-se internado no Hospital Aliança, em Salvador. O candidato se pronunciou através das redes sociais, informando que se recupera bem após ser infectado e que passou a sentir os sintomas, como dificuldades para respirar, na última segunda-feira (12), quando tentou fazer exames de tomografia em Jequié, mas em razão do equipamento ser inadequado para o seu tamanho ele seguiu para a capital baiana.

Em vídeo, o prefeiturável tranquilizou os seus seguidores, dizendo estar se sentindo melhor e que logo estará de volta a Ipiaú.

”Depois de fazer alguns exames aqui no Hospital Aliança, a médica resolveu me internar por segurança, porque faço parte do grupo de risco. Já estou tomando os remédios. Hoje já estou bem melhor, já não estou mais com dificuldades para respirar. A evolução vai ser rápida e logo logo estarei aí em campanha junto com todos vocês”, disse.

O vice da chapa puro sangue, Rodrigo Machado (MDB), também foi diagnosticado com o novo coronavírus.

Ipiaú: Prefeita Maria nega que MP-BA tenha pedido sua prisão e promete esclarecer denúncias

Maria diz não haver motivos para afastamento. Foto: Instagram

A prefeita de Ipiaú, Maria das Graças (PP), negou, nesta terça-feira (6), que o Ministério Público da Bahia (MP-BA) tenha pedido sua prisão preventiva, conforme publicação do site Bahia Notícias, e afirmou não haver motivos para seu afastamento do cargo e prometeu que esclarecerá as denúncias que foram feitas contra a sua gestão.

”Ao contrário do que foi veiculado ontem no Bahia Notícias, o Ministério Público do Estado não solicitou a prisão da prefeita de Ipiaú”, disse a prefeitura.

Nesta segunda-feira (5), o BN informou que o MP-BA denunciou a prefeita do Progressistas pela contratação irregular, via inexigibilidade de licitação, da empresa CS Engenharia e Topografia Ltda (veja aqui). Além da reparação aos cofres públicos no valor de R$ 433.483,33, a Procuradoria-Geral de Justiça pediu que o Tribunal avaliasse a necessidade de afastamento de Maria das Graças e uma possível prisão preventiva da gestora.

”Quando do recebimento da denúncia, expressamente requer seja apreciada a efetiva necessidade do afastamento cautelar do aludido gestor, bem como de seu recolhimento processual, ante o dispositivo do Art. 2º, II, Decreto-Lei nº 201/67, trazendo o Ministério Público, se for o caso, a devida fundamentação prévia para o exame dessas medidas”, pediu a Procuradoria.

Indo ao dispositivo legal citado na peça do Ministério Público, é possível conferir que o mesmo trata-se sobre a obrigatoriedade do juiz se manifestar acerca da possibilidade de prisão preventiva e de afastamento do exercício do cargo, nos casos de investigação dos seguintes crimes de responsabilidade: ”apropriar-se de bens ou rendas públicas, ou desviá-los em proveito próprio ou alheio” e ”utilizar-se, indevidamente, em proveito próprio ou alheio, de bens, rendas ou serviços públicos”.

Confira abaixo, na íntegra, a nota encaminhada pela prefeita Maria das Graças:

”A denúncia apresentada pelo Ministério Público Estadual, que sequer foi recebida e apreciada pelo Tribunal de Justiça da Bahia, requer apuração da contratação de empresa de consultoria em serviços de engenharia, entre o período de 2017 e 2019. 

A peça processual apresenta vários equívocos, que ficarão comprovados, tão logo eu seja intimada para apresentar defesa, entre os quais, vale destacar que, todos os serviços de consultoria em engenharia foram executados pela empresa CS Engenharia à época de vigência do contrato, sem que houvesse prorrogação do mesmo, atendendo todas as orientações do Tribunal de Contas dos Municípios. Além disso, a prefeitura não contava com servidores engenheiros, equivocadamente alegado na denúncia. O que se discute nos autos é a formalidade da contratação.

Esclareço que, não há qualquer motivo nem decisão para o meu afastamento, assim como não há impedimento quanto à minha candidatura à reeleição, que se encontra mantida. Estamos diante de uma  denúncia proveniente de representação por um vereador de oposição, o que demonstra o cunho político da mesma, em pleno período eleitoral.

Reafirmo o compromisso com o povo que me elegeu, e mesmo diante da situação que encontrei o município e da crise no país, continuo trabalhando incansavelmente para fazer o melhor por Ipiaú. 

Entendo o dever do Ministério Público de apurar denúncias, mas as mesmas serão devidamente esclarecidas. 

Seguirei firme, pois tenho minha consciência tranquila. Ao contrário do que muitos pensam, tudo isso só me dá forças para continuar nessa MISSÃO que me foi dada por DEUS.”

Três homens são presos em imóvel usado como ponto de distribuição de drogas em Ipiaú

Drogas foram apreendidas na ação em Ipiaú. Foto: Polícia Militar

Três homens foram presos com 16 kg de drogas, balanças digitais, arma e celulares, na segunda-feira (5), em um imóvel que funcionava como ponto de distribuição de entorpecentes no centro de Ipiaú, .

De acordo com a Polícia Militar, uma guarnição do Pelotão de Emprego Tático Operacional (Peto) fazia rondas na Travessa Carlos Chagas, quando avistou um homem em atitude suspeita. Ele tentou fugir para dentro de uma casa.

No imóvel, a polícia encontrou outras duas pessoas e 14 kg de maconha, 1kg de cocaína, 1,1kg crack, quatro balanças digitais, duas facas, 1.500 pinos vazios para acondicionar cocaína, um desengraxante WD-40, celulares, munições, R$ 5.015,50, além da arma que estava com um dos suspeitos.

A PM informou que todos os três homens foram levados para a delegacia de Ipiaú, juntamente com o material apreendido. As informações são do G1

Ipiaú: MP denuncia prefeita Maria por contratação irregular e pede análise de prisão preventiva

Maria das Graças (PP) é candidata à reeleição. Foto: Instagram

O Ministério Público da Bahia (MP-BA) denunciou, na última sexta-feira (2), a prefeitura de Ipiaú, Maria das Graças (PP), pela contratação irregular, via inexigibilidade de licitação, da empresa CS Engenharia e Topografia Ltda, pelo valor de R$ 433.483,33. A procuradoria ainda requereu a apreciação, por parte do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), a análise da necessidade de afastamento da gestora, bem como de sua prisão preventiva.

Conforme a denúncia, a contratação da empresa, para ”serviços de engenharia civil, acompanhamento e responsabilidades técnicas”, teria ocorrido no primeiro semestre de 2017, mas gerou impactos até o exercício financeiro de 2019. O MP-BA considerou vaga a justificativa da inexigibilidade, de ”atender necessidades técnicas de medições, conformidades, em várias obras”.

”O gestor público não tem liberdade para contratar serviços vagos ou afazeres não essenciais ao atendimento das necessidades da Administração, sob pena de onerar excessiva e desnecessariamente os cofres da municipalidade, tanto que a norma estabelece condicionantes não observadas pela governante, que se empenhou em atender suas próprias conveniências”, diz a denúncia.

O MP-BA ressaltou ainda que o valor realmente aplicado na contratação superou em mais de três vezes o preço original do contrato, sem a formalização de aditivos e ignorando os limites impostos pela legislação.

”Esse deliberado modus operandi, de consequências gravosas, demonstra o intento manifesto de servir-se da res publica como se particular fosse, pouco importando normas e princípios, os esforços do contribuinte para a manutenção da estrutura estatal, sendo o início de gestão mero de pretexto para os desvios de numerário”, aponta o texto da denúncia.

A Procuradoria-Geral de Justiça diz ainda que a prefeita Maria das Graças incorreu em concurso material de crimes, com contratação irregular direta irremediavelmente maculada e desvio de recursos públicos em prol de terceiros. Por isso, além da avaliação da necessidade de afastamento da gestora e de uma possível prisão preventiva, o MP-BA requer a reparação mínima aos cofres públicos, no valor de R$ 433.483,33. Com informações do site Bahia Notícias

Aglomerações chamam a atenção no 1º dia de campanha em Ipiaú; multidão saiu as ruas

Polícia e aglomeração na cidade de Ipiaú. Foto: Giro em Ipiaú

Controlar os eleitores e candidatos durante as eleições em plena pandemia causada pelo novo coronavírus não será um trabalho fácil para as autoridades competentes. Tudo leva a crer que não será diferente das anteriores. No primeiro dia oficial de campanha eleitoral no município de Ipiaú, no Médio Rio de Contas, o que chamou a atenção da comunidade e gerou discussão nas redes sociais foram as aglomerações, acima do permitido pelos decretos municipais e do estado, que permitem até 100 pessoas.

Os candidatos Maria das Graças e Deraldino iniciaram sua campanha convocando os apoiadores para caminhadas. A da prefeita Maria (PP), candidata a reeleição, ocorreu no período da manhã nas imediações do Centro de Abastecimento José Motta Fernandes. Já o movimento do ex-prefeito Deraldino Araújo (DEM), aconteceu no período da noite no bairro Euclides Neto. A Caminhada teve concentração inicial em frente a agência do INSS, de onde saiu percorrendo as principais ruas do bairro.

Alípio Oliveira (MDB), o terceiro candidato que iniciou a Campanha com participação popular no domingo, optou por uma carreata, o que a princípio, parece que evitou cenas de aglomerações. Os outros cinco candidatos a prefeito iniciaram suas campanhas de modo mais interno, com reuniões e inauguração de comitê. As informações são do site Giro em Ipiaú

Na semana passada, a procuradora geral de Justiça, Norma Cavalcanti garantiu que o Ministério Público da Bahia (MP-BA) exigirá o cumprimento de dos decretos estaduais e municipais para evitar aglomerações durante campanhas políticas nas cidades baianas.