Prefeito diz que apoio a Rui Costa supera divergências

/ Jaguaquara

”O propósito hoje é somar forças para eleger Rui”, disse.
”O propósito hoje é somar forças para eleger Rui Costa”

Eu acredito que Jaguaquara vive um momento único, momento de ter uma sintonia com o governo estadual. Hoje, independente de ser Giuliano ou Ricardo, temos que trabalhar para fazer Rui Costa governador da Bahia. Vejo que as diferenças partidárias que existiram nas eleições de 2012, não refletem nas eleições de outubro. O propósito hoje é somar forças para eleger Rui Costa indiferentemente dos partidos e dos interesses políticos de cada um”, disse o prefeito Giuliano Martinelli (PP), em entrevista ao Blog Marcos Frahm.

Giuliano é indagado sobre obras paralisadas
Giuliano é indagado sobre obras públicas paralisadas

O prefeito de Jaguaquara explicou que não teve a oportunidade de conhecer Rui costa (PT) antes porque ele representava a oposição município. Nem por isso, Martinelli deixa de reconhecer a expressiva votação que Rui recebeu em Jaguaquara quando apoiado pelo grupo liderado por Ricardo Leal (PT) o Lealdade. ”Quando João Leão [candidato a vice] me chamou no gabinete, tive a oportunidade de conhecer Rui Costa, aí eu conheci um homem de família, um homem que tem palavra e que cumpre. Rui se mostrou um grande parceiro e eu falei para ele que acredito nele e acredito que ele fará muito por Jaguaquara. O que me conquistou foi o caráter de Rui Costa”, enfatizou. Questionado pelo independente blog sobre obras públicas paralisadas no município, e que lhe vende críticas, o gestor prometeu que entregará, até o término de sua gestão, todas as obras. ”A partir do momento que assumimos passamos a monitorar as obras em execução, tocamos pavimentação com recursos próprios. Hoje nós temos para concluir duas creches, duas quadras, e o ginásios de esporte. Pretendo concluir ainda no meu mandato”. Giuliano explicou que os problemas com empreiteiras responsáveis pelas obras emperradas no município estão sendo acompanhados pelo Ministério Público Estadual.

Grupo das Mulheres já se articula para as eleições 2016

/ Jaguaquara

Vanusa Leal, Cirlei Novaes e Nilzete já discutem à sucessão
Vanusa Leal, Cirlei Novaes e Nilzete já discutem à sucessão

As eleições 2014 ainda não aconteceram e as articulações com vistas à disputa sucessória municipal de Jaguaquara em 2016, já estão em curso. O Blog Marcos Frahm recebeu neste sábado (13), via WhatsApp, fotografia que revela um encontro ocorrido no bairro Palmeira, no qual estiveram reunidas, a professora Vanusa Leal, presidente do PSB local, esposa do empresário e ex-candidato a prefeito Ricardo Leal (PT), a ex-vereadora Cirlei Novaes (PR), mulher do ex-prefeito Valdemiro Alves – Mirinho e a presidente do SINDSERJ, Nilzete Dantas, que tem sido um calo no sapato do prefeito Giuliano cobrando o cumprimento de direitos adquiridos dos servidores municipais. A informação recebida pelo blog é de que a educadora Vanusa Leal vem recebendo adesões para um projeto futuro de concorrer à sucessão de Giuliano, representando o bloco oposicionista.

Obra reduz capacidade de estacionamento na JJ-Seabra

/ Jaguaquara

Capacidade de estacionamento reduz
Capacidade de estacionamento é reduzida na Praça

A obra de requalificação da Praça JJ-Seabra, começa a complicar o trânsito na área central de Jaguaquara. Com o fechamento da Praça, a capacidade de estacionamento, que já era reduzida, ficou ainda mais complicada. Motoristas precisaram redobrar a atenção nas imediações ou até evitar trafegar nessa área para escapar do transtorno em horários de pico.

Secretarias encerram sistema de turnão em Jaguaquara

/ Jaguaquara

Secretarias, enfim, voltam ao funcionamento normal
Secretarias, enfim, voltam ao funcionamento normal

A Prefeitura de Jaguaquara recuou e encerrou o sistema de expediente reduzido, implantado em julho deste ano, através de Decreto assinado pelo prefeito Giuliano Martinelli (PP), alegando dificuldades financeiras. Com a mudança de horário e o corte de gastos, a Prefeitura teria determinado o funcionamento em meio turno em todas as secretarias municipais, mas a situação já foi normalizada. Munícipes reclamavam de que encontravam dificuldades na busca por atendimento nas secretarias, que funcionavam das 07h30 às 13h.

Polícia Civil apresenta acusado de roubo de veículo

/ Jaguaquara

O acusado Flávio Oliveira de Andrade,
O acusado Flávio Oliveira está à disposição da Justiça

Um dos homens acusados do roubo ao veículo Hilux foi apresentado nesta sexta-feira (12), na Delegacia Territorial de Jaguaquara, no Vale do Jiquiriçá, região Sudoeste do Estado. Flávio Oliveira de Andrade, 39 anos, é morador na Rua José Eufrásio de Souza, bairro Muritiba, em Jaguaquara e de acordo com a Polícia Civil, teria roubado a caminhonete de placa JSQ -5568, por volta das 16h30 de ontem, na Travessa Menandro Menahim, bairro Palmeira. Um segundo acusado, Gilberto de Oliveira Sales ”Gilberto do Ferro Velho”, de Jequié, também foi preso e se encontra na sede da 9ª Coorpin, para onde foi levado no início da noite desta quinta-feira pela Polícia Militar, na companhia de Flávio. A partir da prisão dos acusados, eles confessaram o crime, segundo informações policiais. O mal estar, o medo e o susto ainda não passaram para a vítima, o comerciante Antonio Carlos Almeida, bastante conhecido em Jaguaquara, que foi surpreendido com o crime em plena luz do dia.

Jaguaquara: Polícia apreende veículo usado em roubo

/ Jaguaquara

Caminhonete Triton usada em assalto
Caminhonete usada em roubo. Foto: Blog Marcos Frahm

A Polícia Civil de Jaguaquara apreendeu, no início da tarde desta sexta-feira (12), uma caminhonete modelo Triton, de placa JHQ-6448, com licença de Brasília, que de acordo com o agente civil Dilton Carlos teria sido utilizada pela dupla Flávio Oliveira de Andrade e Gilberto de Oliveira Sales para o roubo ao veículo Hilix de placa JSQ -5568, de propriedade do comerciante Antonio Carlos Almeida, na tarde desta quinta-feira (11) no bairro Palmeira.

Caminhonete está retida em pátio da Delegacia
Caminhonete agora está em poder da Polícia Civil

O veículo apreendido está retido no pátio da Delegacia Territorial local e a polícia informa que segue com às investigações sobre o caso, que já repercute na imprensa regional.

Vice-prefeito de Jaguaquara firme no apoio a Souto admitindo candidatura a prefeito em 2016

/ Jaguaquara

Raimundo livre, leve e souto após ruptura
Raimundo se diz livre e souto após ruptura com prefeito

O vice-prefeito Raimundo Louzado (PSD), em entrevista ao Blog Marcos Frahm, considerou que o seu rompimento político com o prefeito Giuliano Martinelli (PP), passando a apoiar a chapa majoritária encabeçada por Paulo Souto (DEM) e dois candidatos do PSDB, para deputado, Augusto Castro (estadual) e Jutahy Magalhães (federal), está sendo bem aceita pelo eleitorado jaguaquarense, onde segundo ele, o desejo de mudança é muito grande. Raimundo acredita que a chapa de oposição que tem o seu apoio será vitoriosa no município, mesmo com o enfrentamento dos grupos políticos do prefeito Giuliano, do ex-candidato a prefeito Ricardo Lealdade (PT), e da maioria dos vereadores que estão com o candidato Rui Costa (PT).

Vice é entrevistado por Marcos Frahm
Vice é entrevistado por Marcos Frahm. Fotos: Willian Alexandre

O vice-prefeito não esconde o desejo de candidatar-se a prefeito nas eleições de 2016. ”A minha independência política começou quando eu tomei a decisão de romper com esse grupo que está aí. Eu tenho certeza de que com a vitória do governador Paulo Souto as portas do governo do estado estarão abertas para Jaguaquara. Estarei colocando o meu nome na disputa municipal, e tenho dito para as pessoas que esse é o meu objetivo”. Filiado ao PSD, presidido pelo candidato a Senador, Otto Alencar, o vice Raimundo Louzado, admite que deverá mudar de partido logo após as eleições. No entanto, apesar de revelar que são muitos os partidos interessados em seu ingresso, prefere não antecipar qual será a decisão que irá tomar.

Justiça Eleitoral adverte vereadores para o cumprimento da legislação eleitoral nas sessões

/ Jaguaquara

Vereadores vinham se gradeando sobre apoio político
Vereadores vinham se gradeando sobre apoio político

A disputa em torno da preferência política dos vereadores, em apimentados pronunciamentos nas sessões da Câmara Municipal de Jaguaquara, transmitidas em tempo real pela rádio Povo AM, levou a Juíza Eleitoral, Dra. Andrea Padilha Sodré Leal Palmerella a encaminhar ofício ao legislativo constante de recomendação e advertência, dando conta de que a legislação eleitoral vigente restringe a propaganda de candidatos no rádio e TV, ao horário estabelecido pelo Tribunal Superior Eleitoral-TSE. ”Em se tratando de programas jornalísticos cabe ao patrocinador e à emissora garantir a isonomia de tratamento entre todos os candidatos aos cargos eletivos”, enfatizou. Assim sendo, a Dra. Andrea, determinou aos senhores vereadores, ”a fiel observância da legislação em vigor evitando a citação nominal de candidatos durante a transmissão das sessões da Câmara de Vereadores que ocorrem todas as quintas feiras, sob pena de suspensão do evento, por se tratar de propaganda irregular”. Esclareceu ainda a Juíza Eleitoral, que a atual legislação permite tão somente que a mesa diretora da Câmara autorize a fixação de cartazes nas suas dependências durante o período destinado à propaganda eleitoral. ”Solicito, portanto o cumprimento do que determina a legislação reservando as sessões para tratar de assuntos institucionais, uma vez que para os cargos eletivos, cuja eleição será realizada em 5 de outubro, temos uma multiplicidade de candidatos o que não está sendo observado pelos legisladores desse município”, pontuou.

Hilux é roubada em Jaguaquara, no bairro Palmeira

/ Jaguaquara

Criminosos roubaram no fim da tarde desta quinta-feira (11), na Travessa Menandro Menahim, no bairro Palmeira, em Jaguaquara uma caminhonete Toyota Hilux de placa JSQ -5568, de propriedade do comerciante Antonio Carlos Almeida. Segundo informações, Antonio Carlos tinha acabado de estacionar o automóvel em frente a sua residência e, quando adentrou em casa, os bandidos funcionaram a Hilux e fugiram levando a caminhonete. As polícias civil e militar foram acionadas e fecharam o cerco na região. De acordo com o comandante da 3ª Companhia da Polícia Militar de Jaguaquara, Capital Michel Franc, o veículo foi recuperado à noite no Centro de Jequié e os autores presos, sendo encaminhados para a Delegacia daquele município. Ainda em Jaguaquara, na manhã desta quinta, um carro Gol com placa JRK – 9242 havia sido roubado na Fazenda Malhada, na área rural. No último sábado, um Chevette também foi levado por criminosos.

Ceasa: Preço do tomate apresenta nova queda

/ Jaguaquara

Preço do produto cai de R$ 25,00 para R$ 20,00
Preço do produto caiu de R$ 25,00 para R$ 20,00 reais

Faz tempo que o tomate não consegue mais ser o vilão da Ceasa. O produto mais procurado para a composição da salada e um dos principais na comercialização do Mercado Produtor Ceasa, de Jaguaquara, segue apresentando queda no preço. O tomate de primeira, que caiu na semana passada de R$ 35,00 para 25,00, a caixa com 24 kg, voltou a sofrer queda na feira desta quinta-feira e agora custa R$ 20,00. De acordo com informações colhidas na Ceasa pelo ‘’Blog Marcos Frahm’’, o tomate é encontrado até por R$ 18,00 reais. Os produtores mantém viva a esperança de que haja aumento no preço nas próximas feiras.

Trânsito volta a ser interditado à noite, na BR-116

/ Jaguaquara

Pare/Siga continua na Serra do Mutum
Pare/Siga continua na Serra do Mutum, em Jaguaquara

Atenção, muita atenção. É o que os usuários precisam ter ao trafegar pela Rodovia Santos Dumont – BR-116, no trecho Jaguaquara /Jequié. As obras retomadas pela Via Bahia voltam a causar transtorno aos motoristas, com o trânsito fluindo com a utilização do sistema Pare/Siga, inclusive na ‘’Serra do Mutum’’, um dos trechos mais perigosos da rodovia. Por conta disso, o trânsito só é liberado parcialmente nas localidades que passam por intervenções. Os serviços ocorrem também no período noturno e a previsão de conclusão ainda não foi divulgada pela Via Bahia. Atenção deve ser redobrada na estrada, para evitar atropelamentos; a concessionária mantém funcionários 24 horas em cada lado da pista com bandeiras sinalizando as obras sobre a rodovia e pedindo cautela aos condutores.

Após crítica, Prefeitura ameniza situação de taxistas

/ Jaguaquara

Prefeitura disponibilizou toldo e cadeiras
Prefeitura disponibilizou toldo e cadeiras para os taxistas

Após denúncia neste blog, revelando a falta de atenção da Prefeitura com os taxistas que atuam em ponto na Praça JJ – Seabra, destacando que os trabalhadores ficaram no tempo, sem o ponto de cobertura, que serve para abrigá-los enquanto aguardam passageiros, depois que a área foi fechada para obra de requalificação da Praça o poder público municipal resolveu amenizar a situação. A Prefeitura destinou ao local um toldo móvel, com cadeiras e cobertura plásticas, para abrigar os taxistas até o término da obra. Ao ouvir os reclames a Prefeitura evita desgaste administrativo e demonstra entender que o blog não faz campanha difamatória contra a gestão, e sim revela os problemas que afligem a sociedade.

Tempo: Chuva fraca volta a cair em Jaguaquara

/ Jaguaquara

Temperatura volta a cair
Temperatura volta a cair, mesmo com a chegada de setembro

Voltou a chover em Jaguaquara, no Vale do Jiquiriçá. A chuva cai na Capital do Hortifrutigranjeiro desde terça-feira (9), mas não é o suficiente para deixar os jaguaquarenses preocupados. A chuva é fraca, não cai com intensidade, mas o frio é intenso. A previsão para esta quinta-feira (11), segundo o ClimaTempo, é de sol com muitas nuvens durante o dia e períodos de céu nublado. Noite com muitas nuvens. A Max, é de 28 e a Min, de 17 graus.

Obra da Praça JJ – Seabra vai até novembro de 2015

/ Jaguaquara

Requalificação da JJ -Sebra custará R$ 638.777,58
Requalificação da JJ -Sebra custará R$ 638.777,58

A obra de requalificação da Praça JJ –Seabra, no Centro de Jaguaquara, tem previsão de ser concluída em 30 de novembro de 2015, conforme contrato firmado entre município e Caixa Econômica Federal, que faz o repasse da verba destinada pelo Governo Federal, através do Ministério das Cidades, cujo valor total é de R$ 638.777,58. A obra federal será executada pela Construtora Terra Santa Ltda, vencedora de processo licitatório. Na placa que sinaliza a obra pública na JJ –Seabra, só falta indicar o prazo, para deixar a população bem informada do que é feito com recursos públicos.