Jaguaquara: Prefeito silencia sobre ataques de Ademir e diz que quem viver verá, ao citar obras

/ Jaguaquara

Giuliano diz que resposta virá com obras. Foto: Blog Marcos Frahm

O prefeito de Jaguaquara, Giuliano Martinelli (PP), preferiu silenciar e não comentar as declarações do ex-prefeito Aldemir Moreira (PSDC), que o acusou de traidor, na última semana, quando o ex-mandatário selou aliança com os deputados Sandro Régis (DEM), Leur Lomanto Júnior (MDB) e com o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), virtual candidato ao Governo do Estado nas próximas eleições. Ao comentar por telefone sobre a demolição do prédio do Centro Cultural de Jaguaquara, nesta quinta-feira (18), onde a Prefeitura construirá a sede da unidade da Rede SAC, que será instalada na cidade pelo Estado Martinelli foi questionado pelo Blog Marcos Frahm sobre os ataques sofridos nas palavras proferidas por Moreira e disse que não daria nenhuma declaração a respeito. ”O inimigo não estaria te atacando, se você não tivesse algo de muito bom dentro de você. Ninguém atira pedras em árvore seca, que não dá frutos. Quem desdenha quer comprar”, respondeu Giuliano. E os ditados populares, sempre estiveram presentes nos discursos do atual prefeito e vice-presidente da União dos Municípios da Bahia – UPB. Giuliano encerrou dizendo: ”e quem viver verá”, ao referir-se a obras que ele considera estruturantes e que serão licitadas nas próximas semanas para contemplação dos bairros Lagoa e Cruzeiro, por meio de emendas destinadas pelo deputado federal Cacá Leão (PP), que também foi criticado e taxado de traidor pelo ex-prefeito. Mais do que um simples descontentamento pelas atitudes tomadas por Aldemir, eis que surgem rumores de que Martinelli estaria disposto a boicotar simpatizantes de Moreira que integram a sua gestão. Segundo fonte, Giuliano, que apesar de lamentar a falta de investimentos por parte do Governo do Estado em Jaguaquara não abre do grupo de Rui Costa (PT) e João (PP), e estaria de olho nos antigos aliados de Aldemir na Prefeitura, classificados por ele como ”cartas marcadas”. As informações que circulam nos bastidores da política são de que as declarações de Aldemir esbarraram na total indignação dos Leões e do Martinelli e quem se manifestar favorável ao ex-chefe do Executivo na administração municipal estará no olho da rua.

Prefeitura de Jaguaquara decide pela demolição do Centro Cultural para construir sede do SAC

/ Jaguaquara

Centro Cultural é demolido pela PMJ. Foto: Blog Marcos Frahm

A Prefeitura de Jaguaquara decidiu, nesta quinta-feira (18), pela demolição do prédio-sede do Centro Cultural, no Centro da cidade, para dar início à construção do espaço físico que irá abrigar a unidade da Rede SAC, cuja previsão de instalação por parte do Governo do Estado é fevereiro deste ano. Procurado pelo Blog Marcos Frahm, o prefeito Giuliano Martinelli (PP) informou que, oprédio, que passaria por reforma, foi demolido devido às circunstâncias em que a estrutura física se encontrava. ”Quando a equipe da prefeitura iniciou a desocupação do espaço constatou que a estrutura não comportaria as instalações do SAC, com risco de desabamento no local e nós optamos pela construção de uma nova sede, onde iremos construir as alas inferior e superior, com o objetivo de abrigarmos também uma secretaria municipal, além do SAC”, justificou. Segundo o prefeito, as obras serão executadas com recursos do município e a Prefeitura irá correr contra o tempo, para entregar o imóvel ao Estado dentro do prazo, mas que se não forem concluídas as obras em fevereiro, haverá intensificação dos serviços para evitar morosidade na instalação do SAC. O referido prédio público demolido foi construído na administração do ex-prefeito Paulo Nunes de Oliveira (PT), na década de 90 e de lá pra cá recebeu investimentos com ampliação de salas em quase todas as gestões até aqui. Atualmente, funcionava como Secretaria de Cultura Esporte e Lazer.  A ala utilizada pela Secretaria de Desenvolvimento Social não foi demolida.

Jaguaquara: PM prende indivíduo de Itabuna que estaria na cidade para matar rival

/ Jaguaquara

Polícia apreendeu arma e droga com suspeito. Foto: Divulgação/PM

Após receber denúncia de que estava acontecendo tráfico de drogas na Rua Botafogo, bairro Malvina II, a guarnição Jaguar 29, da Polícia Militar, deslocou para averiguação e identificou o local; Após entrar na residência, com a devida autorização da moradora, segundo informou a PM, a guarnição passou a fazer uma busca minuciosa no interior do imóvel, encontrando certa quantidade de substância análoga a cocaína pronta para a comercialização e outra quantidade em pedra bruta. Em ato contínuo, após ser dada voz de prisão, o suspeito ainda confessou possuir uma arma de fogo enterrada no quintal da residência, o que foi confirmado pelos policiais. O indivíduo, assim como todo o material apreendido, um revólver calibre 38, 42 porões de cocaína, 1 pedra bruta da mesma droga e 1 aparelho celular foram apresentados na Delegacia da Polícia Civil, momento em que a guarnição tomou conhecimento de que se tratava de um elemento oriundo de Itabuna e de extrema periculosidade, que estava na cidade de Jaguaquara para executar um rival do tráfico de drogas, até o momento não identificado. Foi lavrado o flagrante e Rogério Rodrigues Brito, vulgo Bado, de 29 anos, já se encontra à disposição da Justiça.

Obras de drenagem no Centro de Jaguaquara deixam pavimentação danificada na Praça dos Imigrantes

/ Jaguaquara

Obras deixaram estragos no Centro. Foto: Blog Marcos Frahm

As intervenções na área central de Jaguaquara com abertura de um canal para captação de águas pluviais do bairro Cruzeiro ao Rio Casca serão importantes para evitar transtornos com alagamentos na região da Praça dos Imigrantes em períodos de chuva. E disso ninguém tem a menor dúvida. Mas que as obras contribuíram para danificar ainda mais o pavimento na área, também não há dúvida. A empresa responsável pela execução da obra realizou a recomposição do pavimento no trecho de acesso a feira livre, com paralelepípedo, mesmo assim, deixando os reflexos das intervenções, mas onde a pavimentação era de asfalto, no trecho onde as obras do Governo do Estado abrangeram, as crateras ficaram e tem gerado reclamações por parte de motoristas, que dizem que os buracos contribuem para o agravamento da situação, em face de outros trechos da cidade com pavimentação deteriorada pelas últimas chuvas.

Embasa prevê obra de ampliação do sistema integrado de Jaguaquara no segundo semestre

/ Jaguaquara

Barragem também abastece Irajuba. Foto: Blog Marcos Frahm

Diante do problema de falta de água enfrentado por moradores do município de Irajuba, município abastecido por reservatórios localizados na área rural de Jaguaquara, além de Itaquara, no Vale do Jiquiriçá, a Empresa Baiana de Águas e Saneamento – Embasa informou que o Plano de Investimento para 2018 prevê uma obra de ampliação de todo o sistema integrado de Jaguaquara, que fornece água para o município. A Embasa informou ainda que novas adutoras serão implantadas, equipamentos serão substituídos e a capacidade de captação e de tratamento será ampliada. A informação foi divulgada em nota, emitida pela estatal e publicada no site Bahia Notícias, de Salvador, nesta quarta-feira (17). Com um investimento de R$ 3,1 milhões, as obras devem ser iniciadas no segundo semestre deste ano. A Embasa explica que a interrupção no abastecimento em Irajuba foi decorrente de vazamentos em adutoras que abastecem a região e, por falta de energia elétrica entre dezembro de 2017 e o início deste ano, a regularização no fornecimento de água na sede foi dificultada. Assim, o abastecimento está sendo retomado de forma gradativa, sendo complementado com carros-pipa, afirma a estatal.

Jaguaquara: PM prende dupla que furtou motos durante a festa da padroeira de Santa Inês

/ Jaguaquara

Duas motocicletas furtadas durante as festividades da Padroeira de Santa Inês, no Vale do Jiquiriçá, no último sábado (13) foram encontradas em Jaguaquara, nesta quarta-feira (17) após operação da Polícia Militar. De acordo com nota divulgada pela 3ª Cia/PM, a guarnição recebeu uma denúncia de que um indivíduo estava em posse de uma moto Honda Pop de cor preta, sem placa e homiziado em um casebre, no bairro Malvina 1. Diante das informações de que as duas motos teriam sido furtadas, na cidade de Santa Inês, sendo que uma delas estariam com características semelhantes, a guarnição iniciou a diligência para localizar o veículo e o suspeito e, conforme a PM, ao chegar nas proximidades do local informado a motocicleta foi avistada e o suspeito ao visualizar a viatura, evadiu e adentrou uma residência. Em ato contínuo, o mesmo foi alcançado e detido, tendo confessado o crime e informando que o outro veículo, a Honda Fan 125, preta, estava com seu comparsa, Railan Alves dos Santos, que também fora localizado e preso pela guarnição. Na rua próxima a sua residência fora localizado o segundo veículo, sendo que ambos, já haviam sido modificados, tanto na estética, quanto na identificação (placa e chassi). A dupla, Jonas Bispo dos Santos e Railan Alves dos Santos, de 19 anos, foi apresentada na Delegacia Terriorial de Jaguaquara para adoção das medidas cabíveis

Temperatura cai na região e Jaguaquara registra chuvas fracas, após dias de forte calor

/ Jaguaquara

Temperatura cai e chove em Jaguaquara. Foto: Blog Marcos Frahm

Depois de um período de muito calor, terça-feira (16) foi de tempo nublado e registro de chuvas fracas em Jaguaquara, e em outros municípios da região do Vale do Jiquiriçá. Segundo a previsão do tempo, há ainda possibilidade de mais chuvas ao longo da semana na região. Para esta quarta-feira, a temperatura pode variar entre a mínima, de 19ºC, e a máxima, de 28ºC.

Jaguaquara: Aliança de ex-prefeito com ACM Neto não é tão surpreendente; antigo aliado do Carlismo

/ Jaguaquara

Ademir foi vereador pelo antigo PFL. Foto: Blog Marcos Frahm

A aliança do ex-prefeito de Jaguaquara, Ademir Moreira, com o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), e com os deputados Sandro Régis (DEM) e Leur Lomanto Jr (MDB), anunciada ontem após selfies com os opositores do Governo do Estado na Lavagem do Bonfim, na capital baiana chegou a sacudir os bastidores da política, no maior colégio eleitoral do Vale do Jiquiriçá. Apesar do alvoroço provocado pelas selfies de Ademir com Neto, Régis e Leur o ingresso do ex-prefeito no grupo de oposição a Rui Costa (PT) e João Leão (PP) não é tão surpreendente assim. Os relatos são de que, Ademir, historicamente, sempre foi simpático ao Carlismo, tendo exercido, inclusive, mandatos de vereador pelo antigo PFL, liderado na ocasião pelo então governador, Antônio Carlos Magalhães, avô de ACM Neto. No pleito estadual de 2006, quando Jaques Wagner (PT) elegeu-se governador, Moreira, que era vereador, votou com Paulo Souto (DEM). Em 2010, foi um dos coordenadores, no Vale, da campanha de Geddel Vieira Lima (MDB), preso neste ano com a descoberta de um bunker de R$ 51 milhões, em Salvador, e que nas próximas eleições estaria compondo a chapa majoritária com Neto. Durante a disputa sucessória pelo Palácio de Ondina em 2014, Ademir apoiou Rui Costa (PT), por intermédio do seu padrinho, Leão, que disputava a vaga de vice e venceu Paulo Souto (DEM) com Rui. Quando questionado sobre o motivo da ruptura política com o atual vice-governador, de quem chegou a ser assessor parlamentar, atuando em seu gabinete, e com o deputado federal Cacá Leão, alegou ter sido traído, sob o pretexto de não ter tido apoio dos Leões na votação de suas contas na Câmara Municipal, referentes aos exercícios de 2011 e 2012, reprovadas pelo Tribunal de Contas dos Municípios – TCM, cuja decisão foi mantida na Casa Legislativa por vereadores aliados do atual prefeito, Giuliano Martinelli (PP), afilhado político de João Leão. Mas quando o assunto traição é levado em consideração, o primeiro aspecto que os gurus políticos questionam é sobre o racha de Ademir com o então prefeito Osvaldo Cruz, do PT, em 2006. Os argumentos são de que, Moreira, estaria pagando na mesma moeda. Eleito vice-prefeito em 2004, quando integrou a chapa liderada pelo petista Osvaldo Cruz Moraes, que derrotou o gestor da época, Valdemiro Alves – Mirinho, do PT do B, Ademir, somando à retulância de seus aliados em fechar um acordo para apoiar uma candidatura de Osvaldo a deputado estadual, decidiu fazer aliança com João Leão, para deputado federal, e Roberto Muniz, estadual, ambos do PP e deixou Osvaldo de mãos atadas, depois de ter renunciado ao cargo de prefeito para disputar vaga na Assembleia Legislativa. O petista, mesmo sem o apoio de Ademir, chegou a enfrentar as eleições estaduais e ficou apenas na suplência, alegando ter sido traído por Ademir, que defendeu Leão e Muniz. É parte do jogo político e todo e qualquer líder sabe que, a fidelidade política, ainda é uma virtude a ser buscada pelos políticos. Porém, Osvaldo mostrou, nas eleições de 2016, quando tentou voltar ao poder que ainda não engoliu o fato de Ademir ter decidido pela aliança com Leão e Roberto Muniz, em 2006, depois de lhe garantir apoio, antes da renúncia. O petista recusou a aderência de Moreira a sua campanha na disputa com Martinelli, que foi reeleito, no ano passado, mesmo sem Ademir no palanque.

Curso de Gestores de Ligas de Futebol beneficia Jaguaquara e outros municípios do Vale

/ Jaguaquara

Evento ocorre nesta sexta, no Centro Cultural. Foto: Blog Marcos Frahm

A partir desta sexta-feira (12), Jaguaquara recebe o penúltimo encontro do Curso de Qualificação de Gestores de Ligas de Futebol. As atividades acontecem na Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer, a partir das 18h. A qualificação é um projeto da Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), autarquia da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), em parceria com o Ministério do Esporte. Este é o 22º encontro dos 23 previstos a receber o curso envolvendo pessoas de 21 municípios do Território de Identidade do Vale do Jiquiriçá. Além de Jaguaquara, serão envolvidos com o Curso os municípios de Amargosa, Brejões, Cravolândia, Elísio Medrado, Irajuba, Itaquara, Itiruçu, Jiquiriçá, Lafaiete Coutinho, Laje, Lajedo do Tabocal, Maracás, Milagres, Mutuípe, Nova Itarana, Planaltino, Santa Inês, São Miguel das Matas e Ubaíra. Durante esta etapa, gestores de ligas de futebol e profissionais da área dos municípios que compõe o Vale do Jiquiriçá serão beneficiados com a qualificação, que tem por objetivo dotar as entidades com estrutura compatível ao mercado do futebol amador e profissional. A próxima e última parada será realizada entre os dias 19 e 21 de janeiro, no município de Juazeiro. O curso, que iniciou em 2017, já percorreu por diversas cidades, beneficiando centenas de pessoas, dos quatro cantos da Bahia.

Confira a programação:

12 /01 – Sexta-feira – Local: Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer – Rua Min. Ilmar Galvão, 69 Centro
18h00 – Credenciamento
19h00 – Abertura
19h30 às 22h00 – Mesa Redonda
Tema: Teoria Geral da Administração – Políticas Setoriais do Esporte, Gestão do Futebol
Participantes: Prof. Elias Dourado (Sudesb), Prof. Rogério Araújo (Ministério do Esporte), Ednaldo Rodrigues (FBF), Sinval Vieira (Sudesb), Audival Sena Junior (FBDP).
Mediador: Prof. Ney Santos (Sudesb e DEF/Faced/UFBA)

13 /01 – sábado – Local: Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer
08h00 às 10h00
Tema: Direito Esportivo – Lei do Passe, Estatuto do Torcedor, Direito Federativo e de Imagem
Palestrante: Manfredo Lessa (FBF)

10h00 às 12h00
Tema: Formação de Equipes – Gestão de Escolinhas de Futebol e Trabalhos com Fundamentos
Palestrante: Ederlane Amorim (Ex Atleta Profissional e Presidente do Vitória da Conquista)
Mediador: Sinval Vieira (Sudesb)

14h00 às 16h00
Tema: Marketing Esportivo – Cases, Relatos de vivências e Plano de Mídia e Merchandising
Palestrante: Marco Costa (FBF)

16h00 às 19h00
Tema: Elaboração e Gestão de Projetos
Elementos de um Projeto e Oficina de Elaboração de Projetos Esportivos
Palestrante: Prof. Enrique Carlos (FBDP)
Facilitador: Wilton Brandão (SUDESB)

14/01 – domingo- Local: Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer
08h00 às 11h00
Tema: Relações Interpessoais e Ética: Relacionamento entre dirigentes, atletas, público, arbitragem, empresários e imprensa.
Palestrante: Cláudia Pedral (Clínica Encontro)

11h00 – Encerramento com entrega de Certificados

Jaguaquara: Ademir confirma apoio a oposição e diz se sentir traído por João Leão, Cacá e Giuliano

/ Jaguaquara

Ademir marchará com Leur Lomanto e Sandro Régis. Foto: Divulgação

O ex-prefeito de Jaguaquara, Ademir Moreira, confirmou sua aliança com o grupo de oposição ao Governo do Estado, liderado pelo prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), depois de fotos viralizarem nas redes sociais em que Moreira aparece ao lado de Neto e dos deputados Sandro Régis (DEM) e Leur Lomanto Jr (PMDB). Usando como trunfo a possibilidade de se filiar ao DEM e se tornar o novo líder do Democratas no município, Ademir, que ligou de Salvador para a redação do Blog Marcos Frahm, foi enfático ao afirmar que rompeu a aliança que mantinha há uma década com o cacique do PP baiano, o vice-governador João Leão, e com o seu filho, o deputado federal Cacá Leão (PP). ”Estou decidido e vou apoiar a oposição, porque estarei com meus deputados, Sandro Régis para estadual e Leur para federal e não serão os mesmos candidatos apoiados por quem me traiu”, alfinetou, ao se referir, nas entrelinhas, ao prefeito Giuliano Martinelli (PP), que venceu para o primeiro mandato, em 2012, com o seu apoio. O estopim para a ruptura política de Ademir com os Leões se deu a partir do posicionamento de João e Cacá Leão diante das desavenças entre o ex-prefeito e o atual alcaide de Jaguaquara, maior colégio eleitoral do Vale do Jiquiriçá. Magoado, Ademir revela que, o principal motivo do racha com Giuliano, foi à rejeição de suas contas, referentes aos exercícios de 2011 e 2012, por parte do Tribunal de Contas dos Municípios, por irregularidades, e mantidas reprovadas pela Câmara Municipal, por vereadores liderados por Martinelli – o que o tornou inelegível e o impossibilitou de disputar o pleito de 2016, quando Giuliano foi reeleito. ”Eu fui traído pelos três, Leão, Cacá e Seu Giuliano, que rejeitou as minhas contas depois que eu o apoiei e o fiz prefeito de Jaguaquara. Leão e Cacá não tomaram nenhuma atitude e sabiam que o prefeito pedia pra rejeitar as contas”, disse Ademir, ao apresentar a reprovação das contas como justificativa para apoiar os opositores do governador Rui Costa (PT), que deve ser apoiado por Martinelli. Apesar de ter declarado apoio a ACM, Moreira prefere não afirmar, no entanto, quem levará vantagem na disputa sucessória estadual. ”De uma coisa eu tenho certeza, se Neto não foi governador agora, ele será daqui há quatro anos”, afirmou. De acordo com o ex-prefeito, as informações de que Cacá e Leão romperão com Rui, não passam de especulações. ”Não existe isso. Eles, Leão, Cacá e Rui estarão juntos, estão juntos. Eu estou aqui, em Salvador, acompanhando tudo e sei que eles continuam juntos, todos lá”, acrescentou Ademir, de forma irônica, e concluiu com afirmação de que o propósito principal é angariar votos para os deputados, Sandro Régis e Leur, pensando numa futura candidatura à Prefeitura, nas eleições de 2020, acreditando que, até lá, suas pendências na Justiça Eleitoral estarão sanadas.

Na Lavagem do Bonfim, ex-prefeito de Jaguaquara declara apoio a ACM Neto, Sandro Régis e Leur

/ Jaguaquara

Sandro Régis, Ademir, ACM Neto e Leur Lomanto. Foto: Divulgação

A mais badalada festividade religiosa do calendário de Salvador, a Lavagem do Bonfim, tem a tradição de ser o pontapé inicial do ano político na capital baiana, mas nesta quinta-feira (11), a edição 2018 do evento também refletiu no interior. Em ano eleitoral, as lideranças políticas, governistas e oposicionistas, caminharam em meio a explosão das selfies no cortejo. Em Jaguaquara, no Vale do Jiquiriçá, repercutem nas redes sociais imagens do ex-prefeito da cidade, Ademir Moreira, ao lado do prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), virtual candidato ao Governo do Estado, além dos deputados Sandro Régis (DEM) e Leur Lomanto Jr (PMDB). No encontro, durante a tradicional celebração ecumênica na capital, Ademir, Neto, Régis e Leur selaram aliança política com vistas às eleições de outubro. Ademir deverá apoiar ACM, Sandro para estadual e Leur para federal. A informação é do deputado Sandro Régis, que por telefone entrou em contato com o Blog Marcos Frahm e confirmou a aderência de Moreira ao projeto da oposição. ”Ademir apoia o projeto do prefeito ACM Neto e nós iremos marchar juntos em Jaguaquara. Ele votará comigo, para estadual, com Leur para federal e estará fazendo parte do nosso projeto com Neto”, disse Régis. Afilhado político do vice-governador do Estado, João Leão (PP), Ademir, que já dava sinais de que não apoiaria a reeleição de Rui Costa (PT), que em Jaguaquara tem o apoio do atual prefeito e seu ex-aliado político, Giuliano Martinelli (PP), volta à cena política. Afastado do cenário político desde 2012, quando apoiou a candidatura do atual gestor, que lhe sucedeu na Prefeitura, Moreira tentou voltar ao poder em 2016, quando sustentou até os 45 do segundo tempo que seria candidato a prefeito, mas, inelegível, não conseguiu emplacar candidatura e viu Martinelli ser reeleito ao derrotar o ex-prefeito Osvaldo Cruz (PSB), de quem já foi vice, em 2004, e que preferiu perder o último pleito para Giuliano, mas não aceitou o seu apoio na disputa sucessória municipal. Ao parabenizar Jaguaquara, pelos 96 anos de emancipação política, em 18 de maio de 2017, Ademir espalhou outdoor´s com sua sua imagem atrelada à Antônio Henrique, deputado estadual do PP, e propagou que seria o seu candidato nas próximas eleições. Já Sandro Régis, que diz ter ganhado o apoio do ex-mandatário da Toca da Onça, garante que houve ruptura de Ademir com Antônio Henrique e que a aliança com a oposição é confirmada. 

Blog lança campanha solidária para construir casa para jovem carente, que quer ser universitária

/ Jaguaquara

Joseane vive na Comunidade Quilombolas. Fotos: Blog Marcos Frahm

A constituição brasileira garante a todo cidadão brasileiro o direito à moradia, mas não é isso o que vemos na prática. A realidade são famílias numerosas vivendo em condições sub-humanas, por toda a parte deste país. Apesar do Programa Minha Casa, Minha Vida, o déficit habitacional ainda é muito grande, sobretudo em cidades interioranas, a exemplo de Jaguaquara, no Vale do Jiquiriçá, onde a redação do Blog Marcos Frahm visitou, no bairro Casca, a Comunidade Quilombolas, reconhecida pela Fundação Cultural Palmares, mas esse reconhecimento ainda não se transformou em benefícios. O objetivo da visita é de transformar a realidade, não de todas as pessoas que ali residem, mas de uma delas, dando a ela condições de uma vida digna, através de uma casa pra morar. Joseane de Jesus Santos, 21 anos, é desempregada e sonha em ser universitária. Ela concluiu o ensino médio e agora quer cursar Enfermagem. Já se inscreveu para o Vestibular 2018 da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia – UESB, mas antes de ingressar na faculdade pública quer realizar o sonho da casa própria. Joseane saiu da casa da mãe, vive numa moradia precária, casa de taipa, e necessita de apoio para ter sua dignidade de volta, através de um teto de respeito. Ao lado, está a casa da sua mãe, que vive com a irmã da jovem e um neto, mas não há espaço para acomodar toda a família no imóvel, também em condições precárias. ”Eu quero muito ser universitária e estou estudando para isso, mas primeiro eu queria ter a minha casa, porque aqui a gente sofre muito nessa situação. Quando chove, a água alaga tudo e vem logo o medo de desabamento”, lamentou.

A jovem de Jesus Santos, 21 anos, se emociona ao contar sua história

Iniciamos aqui, no Blog, nas redes sociais, a Campanha Casa Solidária, para que juntos possamos ajudá-la a construir sua casa de verdade. Todo o investimento virá de doações, e quem poder contribuir, a irmã de Joseane, Viviane de Jesus, de 24 anos, que também não tem moradia, disponibilizou o número de sua conta bancária para ajudar a sua irmã. Conta poupança: 21110-0 Agência 2085 Operação 013, Caixa Econômica Federal, Jaguaquara-Bahia. As doações também podem ser feitas através de material de construção. Vamos juntos, cooperar financeiramente para a construção da tão sonhada unidade habitacional. A redação do Blog Marcos Frahm se engaja nessa ação!

Contato: (73) 98839-3929 ou email:Marcos_Frahm@hotmail.com

Jaguaquara: Moradores fecham estrada após bairro ficar sem abastecimento de água

/ Jaguaquara

Moradores do São João Batista fecham BA-545. Foto: Blog Marcos Frahm

Um pequeno grupo de moradores do bairro São João Batista, em Jaguaquara, resolveu interditar a Rodovia BA-545, na manhã desta terça-feira (9). Os manifestantes alegavam que o bairro está há vários dias sem o fornecimento de água. A estrada foi liberada após um curto período de paralisação, com a manifestação pacífica. Eles queimavam pedaços de madeiras, galhos e árvores, pneus velhos e protestavam contra a Empresa Baiana de Águas e Saneamento – Embasa, que não se pronunciou sobre a falta de água na área. Moradores de outros bairros de Jaguaquara também têm reclamado das constantes interrupções no abastecimento do líquido.

Jaguaquara: Casal é preso com drogas e rádio comunicador, no Loteamento Jatobá

/ Jaguaquara

Polícia apreendeu rádios, celular e drogas. Foto: Divulgação/Cipe Central

Policiais da Companhia Independente de Policiamento Especializado  – Cipe Central prenderam um casal, em Jaguaquara, com drogas, na madrugada deste sábado (6). De acordo com informações policiais, após denúncia, os militares foram até o Loteamento Jatobá, no bairro Casca, onde detiveram Ieda de Jesus Silva e Agenor Fernandes Reis Neto, com 01 peteca de cocaína, 03 trouxas de maconha, 02 (dois) rádios Talkaout marca Motorolla e 01 celular marca Alcatel. A ação contou com apoio da PM local. O casal foi apresentado na Delegacia Territorial de Jaguaquara.