Cantora Claudia Leitte faz ”carnaval fora de época” com trio elétrico em São Paulo

/ Entretenimento

Claudinha faz show em SP. Foto: Manuela Scarpa/ Brazil News

Promovendo um verdadeiro carnaval fora de época, Claudia Leitte lotou seu primeiro show aos palcos na cidade São Paulo. Na cidade, o governo paulista liberou 100% da capacidade do público em shows e estádios de futebol.

Em suas redes sociais, a artista demonstrou sua emoção e reforçou que as regras dos órgãos de saúde estavam sendo seguidas a risca. ”Evento realizado com limitação de público, exigência de comprovante de vacina e outras exigências sanitárias estabelecidas pela secretaria de saúde de São Paulo. É como se tudo pudesse dar errado, mas nesse momento está dando certo”, disse a cantora em seu discurso em cima do trio.

Em Salvador, Claudia Leitte ainda não pôde fazer um show de casa cheia. A Bahia só permite a realização de eventos com 3 mil pessoas presentes. A liberação de um público maior só vale para estádio de futebol, que tem autorização para funcionar com 70% de sua capacidade.

Ator jequieense Marcos Duarte grava o ”Mais pesado que o céu”, um filme de Petrus Cariry

/ Entretenimento

Jequieense Marcos Duarte. Foto: Reprodução/Rede social

O ator jequieense Marcos Duarte participa das gravações do filme ”Mais pesado é o céu” do cineasta Petrus Cariry. Destaque para o elenco que conta profissionais de peso e que fazem parte da história do cinema nacional e da teledramaturgia brasileira como o grandioso ator Matheus Natchergaele, a excepcional atriz Silvia Buarque e a visceral Ana Luiza Rios.

O filme é uma produção da Iluminura Filmes e conta com a direção de arte e fotografia de Petrus Cariry, assistência de direção Arthur Leite e produção executiva Bárbara Cariry. Participam também da produção nomes como Galba Nogueira, Danny Barbosa e Buda Lira.

As gravações estão acontecendo na ”Hollywood do sertão”, a cidade de Quixadá, no sertão do Ceará. Quixadá tem sido o cenário perfeito para gravação de filmes nacionais e internacionais. Outras cenas serão em Ibaretama e também no Açude Castanhão. *Jequié Repórter

Polícia confirma que a morte de Marília Mendonça foi provocada por politraumatismo

/ Entretenimento

A Polícia Civil (PC) de Minas Gerais confirmou nesta quinta-feira (25) que a cantora Marília Mendonça, de 26 anos, morreu após ter sofrido um politraumatismo, provocado pela queda do avião onde ela estava com mais quatro pessoas no último dia 5.

No laudo das outras vítimas, o piloto Geraldo Medeiros; o copiloto Tarciso Viana; o produtor Henrique Ribeiro; e o tio e assessor de Marília, Abicieli Silveira Dias Filho, também foi relatado o mesmo: politraumatismo contuso. O diagnóstico foi realizado pelo médico-legista Thales Bittencourt de Barcelos.

A informação significa que todos os ocupantes da aeronave morreram depois que ela se chocou com o chão. A PC trabalha com as hipóteses de que as linhas de transmissão de uma torre da Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) teriam provocado o acidente ou que os motores tenham entrado em pane.

No Story do Instagram, dupla Henrique e Juliano rechaça informação de que contratarão músicos

/ Entretenimento

O perfil da dupla Henrique e Juliano no Instagram desmentiu a informação que passou a circular nos grandes sites do Brasil, a partir desta quinta-feira (25) de que  estariam contratando músicos que integravam a banda da cantora Marília Mendonça, vítima de acidente aéreo no último dia (5) de novembro.

No Story, a dupla fez uma publicação de que seria mentira a notícia. Contudo, ainda não se pronunciou no Feed sobre o assunto.

Amigos da de Marília Mendonça, Henrique e Juliano, Maiara e Maraísa contratam músicos da cantora

/ Entretenimento

Músicos de Marília não ficarão desempregados. Foto: Reprodução

Os músicos integrantes da banda de Marília Mendonça não ficarão desempregados após a morte precoce da cantora. As duplas Henrique e Juliano, Maiara e Maraísa e Dom Vittor e Gustavo contrataram os artistas.

”Estão sendo feitos alguns ajustes englobando as equipes”, confirmou a assessoria da artista ao EXTRA.

Maiara, Maraisa, Henrique e Juliano eram grandes amigos de Marília Mendonça. Além disso, dividiam o mesmo escritório artístico. Gustavo, dupla de Dom Vittor, é irmão da Rainha da sofrência.

Anitta será atração musical na final da Libertadores, que acontece neste sábado, em Montevideo

/ Entretenimento

Em 2019, Anitta também se apresentou a final. Foto: Rede social

O jogo que marca a final da Libertadores entre Palmeiras e Flamengo contará com a participação de Anitta. A cantora será a atração musical do evento esportivo que acontece no sábado (27), no estádio Centenário, em Montevideo, no Uruguai. As informações são do G1.

Em 2019, Anitta também se apresentou na grande final do torneio de futebol, que aconteceu em Lima, no Peru. Na ocasião, ainda foram convocados Gabriel, o Pensador, Sebastián Yatra e os argentinos da banda Turf, Fito Páez e Tini Stoessel.

”Não sou Flamengo, não. Sou botafoguense. Mas assim, nas vezes que fui no Flamengo, o Flamengo ganhou. O truque é: eu vou e canto e vou embora, aí Flamengo ganha. É uma loucura”, disse a artista em entrevista ao podcast Podcats.

Presidente do Conselho Flavinho defende Carnaval em 2022; governo e prefeitura ainda não confirmam

/ Entretenimento

Flavinho preside o Conselho Municipal do Carnaval. Foto: Divulgação

O Conselho Municipal do Carnaval (Comcar) realizou, na tarde desta quinta-feira (11), uma assembleia extraordinária para decidir sobre a realização da festa em 2022. Com maioria dos votos a favor, o Comcar deliberou a realização do Carnaval 2022. Ao todo, 20 pessoas compareceram; 19 votaram a favor e uma se absteve. A data, no entanto, não foi detalhada.

Entre os 32 conselheiros da associação estão entidades de blocos, associação de camarotes, sindicatos de ambulantes, cordeiros, taxistas, estado e município, Empresa Salvador Turismo (Saltur), Superintendência de Fomento ao Turismo do Estado da Bahia (Bahiatursa), Polícia Civil, Policia Militar, Corpo de Bombeiros, entre outros.

Conforme lei orgânica do estado, o Comcar é um órgão colegiado do qual fazem parte entidades representativas carnavalescas e órgãos públicos representativos na sociedade, tendo como finalidade deliberar e fiscalizar todas as ações concernentes à estruturação e realização do carnaval de Salvador.

O que dizem a prefeitura e o governo estadual

Apesar do anúncio feito pelo Comcar, a prefeitura de Salvador e o governo da Bahia ainda não confirmaram a realização do evento. Segundo o prefeito Bruno Reis, é preciso analisar os números de vacinação, casos ativos, fato RT e quantidade de óbitos.

A secretária estadual da Saúde em exercício, Tereza Paim, também destacou a importância do avanço da vacinação no estado e da redução do número de casos ativos. ”O ideal é que estivéssemos abaixo de 1,5 mil casos ativos, ou seja, ter uma curva decrescente. Quanto menos pessoas adoecidas, a gente sabe que tem menos espalhamento do vírus”, pontuou.

”O que a gente quer ofertar é a possibilidade de uma segurança maior. A vacina está disponível e a população precisa se engajar nesse movimento. Vamos fazer um movimento pró-vacina”, complementou.

Na quarta-feira (10), o governador do estado, Rui Costa, disse que não aceita ”ultimato de ninguém”, para tomar a decisão sobre a realização de carnaval da Bahia. O posicionamento do governador ocorreu após a Comissão da Câmara de Vereadores de Salvador aprovar um relatório com onze recomendações para que a festa aconteça na capital baiana.

Rui ainda disse que o carnaval na Bahia poderá ser realizado em 2022, mas que não vai antecipar decisão sobre o assunto. Ele prefere aguardar o comportamento dos casos de Covid-19 no estado até dezembro deste ano.

O governador disse respeitar as pessoas que investem no carnaval, gerando emprego e renda para a atividade econômica da Bahia, mas defende cautela. ”Tivemos carreatas, buzinaços, protestos e ultrapassamos isso tudo. Por isso, estamos com a segunda menor taxa de mortalidade do Brasil. Não é agora que vou mudar a minha postura e meu comportamento”, reforçou.

A Comissão Especial de Acompanhamento da Retomada dos Eventos da Câmara Municipal de Salvador elaborou um relatório com os principais pontos abordados em duas audiências públicas realizadas para discutir a retomada dos eventos e do carnaval em 2022. A aprovação desse relatório ocorreu na segunda-feira (8).

Entre as recomendações da Comissão, está a solicitação de que a decisão sobre o carnaval ocorra até 15 de novembro em conjunto com a prefeitura e o governo, e que haja uma redução na duração da festa para, no máximo, sete dias.

O outro Zé Vaqueiro: cantor desiste de briga por nome artístico; entenda confusão entre José e Wesley

/ Entretenimento

José e Wesley protagonizaram briga por pseudônimo. Foto: Rede social

O nome artístico ”Zé Vaqueiro” foi alvo de briga entre dois cantores – José Jacson de Siqueira dos Santos Júnior e Wesley dos Santos Vieira.

Além da escolha do mesmo pseudônimo, ambos possuem 22 anos e uma trajetória semelhante no mundo da música iniciada no interior de Pernambuco.

No entanto, foi possível distingui-los quando apenas um deles se destacou no ‘piseiro’ brasileiro, em 2020. Entenda o caso envolvendo os dois ‘Zé Vaqueiro’:

Zé Vaqueiro: o ‘original’

”É o Zé Vaqueiro, o original…”. Com o bordão que destaca sua originalidade, o cantor José Jacson de Siqueira dos Santos Júnior, de 22 anos, é um dos precursores do piseiro mais ouvidos nas plataformas de streaming do Brasil. Para diferenciá-lo de um homônimo de história parecida, o artista começou a usar o bordão ”o original” em suas interpretações musicais.

José Jacson, o Zé Vaqueiro, fez seus primeiros shows no sertão de Pernambuco, e começou a ver sua carreira alavancar após compor um hit famoso na voz de Jonas Estilizado, ”Vem me amar”. Em seguida, o artista conseguiu manter o reconhecimento no meio musical com hits ‘chicletes’ como ”Tenho medo”, ”Letícia”, ”Cangote” e ”Volta comigo bb”.

Zé Vaqueiro: o ‘outro’

Wesley dos Santos Vieira, de 22 anos, também utilizava o nome artístico ”Zé Vaqueiro” e iniciou sua carreira musical no piseiro fazendo pequenos shows no interior de Pernambuco. Coincidentemente, ele também compôs um hit famoso na voz de Jonas Estilizado, ”Investe em mim”. Em seguida, atingiu a marca do milhão no YouTube, com algumas canções em versões bem tocadas – ”Libera ela” (8 milhões de views) e ”Some ou me assume” (3,5 milhões) – que, no entanto, não ajudaram sua carreira a decolar.

Zé Vaqueiro: entenda a briga pelo nome artístico

A disputa pelo nome artístico ”Zé Vaqueiro” foi iniciada em 2020, após os artistas se conhecerem pessoalmente em 2019. Em entrevista ao G1, Wesley contou como foi o encontro com José Jacson. ”A gente conversou, já almoçou junto, tomou cachaça, aqui em Lagoa Grande. Foi de boa”, disse. O encontro foi registrado por ele no Facebook, junto com a promessa de uma parceria que nunca se concretizou.

Em 2020, ambos os cantores estavam em níveis semelhantes de sucesso, porém, José Jacson, o ”Zé Vaqueiro” original, disparou nas redes sociais e assinou contrato com a empresa Vybbe. Diante ao progresso do seu xará, Wesley decidiu contestar o registro do nome artístico. Porém, acabou desistindo da disputa no Instituto Nacional de Propriedade Inteletctual (INPI), neste ano.

Ainda de acordo com o G1, Wesley, o ”outro Zé Vaqueiro”, alega ter sido traído pela Vybbe, empresa de Xand Avião, que contratou o Zé Vaqueiro famoso. Segundo ele, a ideia era mudar voluntariamente o nome e abandonar a contestação no INPI. Em troca, a empresa o ajudaria a custear todo o material de divulgação com a nova marca. Mas ele diz que acabou ficando sem o nome artístico e sem a ajuda supostamente prometida. Agora seu nome artístico é ”Zé Estilizado”.

Zé Vaqueiro: quem usou primeiro o nome artístico?

Wesley disse ao site G1, que usou pela primeira vez o nome Zé Vaqueiro em shows em 2014, mas que não fez nenhum registro, por ser menor de idade, nem postou nada na web. Já José Jacson diz que começou a usar o nome em 2018, e comprova a fala com registros na internet que corroboram com a história contada – no YouTube, os materiais mais antigos encontrados com o nome Zé Vaqueiro são ambos de José Jacson, datados em julho de 2018.

Em 12 de abril de 2019, Wesley fez um post em suas redes sociais dizendo: ”Novo projeto vem aí. Uma nova etapa da minha vida.” No dia posterior, em 13 de abril, ele divulgou uma música se identificando como Zé Vaqueiro, e um mês depois, como Zé Vaqueiro Estilizado. Portanto, o anúncio do ”novo projeto” e os primeiros posts no Facebook se identificando como Zé Vaqueiro foram feitos por ele nove meses depois dos primeiros registros de José Jacson.

Para tentar justificar o fato de que ele usou o nome artístico primeiro, Wesley apresentou ao G1 postagens dele de 2017 que citavam o nome Zé Vaqueiro. Porém o portal identificou uma alteração nos textos – os posts foram editados em 2020. No post original de 2017 dizia ”família WS”, (de Wesley Santos). Ele editou em 2020 o texto para “família zé piseiro” antes de mandar os links para o G1.

Prefeito não descarta possibilidade de adiar o Carnaval de Salvador para uma outra data

/ Entretenimento

Bruno não descarta adiar festa. Foto: Leilaine Teixeira/bahia.ba

O prefeito Bruno Reis (DEM) não descarta a possibilidade de adiar o Carnaval de Salvador para uma outra data em 2022.

Durante o lançamento do Planejamento Estratégico 2021-2024 nesta quinta-feira (11), no Campo Grande, o democrata, que até então vem se mostrado positivo quanto ao cenário para a festa, acredita que, se os números voltarem a crescer após o anúncio sobre do Carnaval, a folia pode ganhar uma nova data que não em fevereiro.

“Há essa data limite, colocada não pela prefeitura, e sim pelos atores envolvidos, que se até o final de novembro não tiver essa decisão, não irão participar. Eu espero que até o final do mês de novembro, com o avanço da vacina, a gente consiga tomar essa decisão de forma condicionada aos números. Se chegar em fevereiro e não puder ser realizado, adia para uma outra data que seja mais oportuna e conveniente”.

Na última quarta (10), a Comissão Especial de Acompanhamento da Retomada dos Eventos da Câmara Municipal de Salvador sugeriu ao prefeito Bruno Reis (DEM) e ao governador Rui Costa (PT) que anunciassem até o dia 15 de novembro de 2021 a decisão sobre a realização do Carnaval de Salvador em 2022 (lembre aqui).

Contra o anúncio precipitado da realização da festa, o governador Rui Costa (PT) afirmou que não iria aceitar ultimato para definir a festa em 2022 (lembre aqui). Com informações do site Bahia Notícias

Assessoria de Marília Mendonça diz que informação de que estaria tudo bem não foi intencional

/ Entretenimento

A assessoria de Marília Mendonça, a Textos + Ideias, enviou um comunicando à imprensa informando que a divulgação de que a cantora e as outras pessoas teriam sido resgatadas com vida da aeronave não foi intencional (veja aqui). De acordo com a nota, a informação foi repassada após confirmação de fontes confiáveis.

”Em conhecimento do acidente, a assessoria de imprensa da artista buscou informações de fontes confiáveis. Estas informaram que estaria tudo bem e que todas as pessoas estavam sendo conduzidas ao hospital, somente para realizar procedimento padrão”, inicia o texto.

Ainda conforme a empresa, os familiares de Marília souberam da morte da cantora antes da notícia ser compartilhada com a mídia.  ”Passados menos de 20 minutos, as mesmas notificaram a equipe sobre a fatalidade. A notícia foi repassada, primeiramente, aos familiares das vítimas. Vale ressaltar que todas informações foram disponibilizadas sempre baseadas em fontes confiáveis. Em nenhum momento o equívoco foi intencional, sempre prezamos pela ética profissional e moral”.

A equipe ainda revelou que o avião era da supla sertaneja Henrique & Juliano, e foi vendida em 9 de julho de 2020 para a empresa PEC TÁXI AEREO. Além disso, comunicado informa que além do caderno de composição da cantora, três celulares, violão e a mala de viagem então entre os itens de Marília que foram resgatados. *Bahia Notícias

Sepultado na Bahia o corpo do produtor-geral de Marília Mendonça, que foi produtor de Cristiano Araújo

/ Entretenimento

Henrique trabalhou com Marília e Cristiano. Foto: Reprodução

O corpo do produtor-geral de Marília Mendonça, Henrique Ribeiro, foi enterrado na tarde deste sábado (6), por volta das 17h25, no Cemitério Jardim da Saudade, no bairro de Brotas, em Salvador.

Antes do sepultamento, centenas de familiares e amigos se despediram do baiano na capela do cemitério, onde o corpo foi velado.

Henrique, de 32 anos, trabalhava com a cantora há seis anos e foi uma das cinco vítimas do acidente de avião que vitimou a cantora.

O corpo do produtor foi liberado do IML de Caratinga (MG) na madrugada deste sábado e pela manhã, estava no aeroporto de Ubaporanga, também no território mineiro. De lá, seguiu para Salvador.

Henrique era de Salvador e morava em Goiânia há mais de dez anos. Em Goiás, ele se tornou produtor do sertanejo Cristiano Araújo, que morreu após um acidente de carro em 2015.

Henrique acompanhava o sertanejo na viagem do acidente, porém estava no ônibus com a banda. Henrique deixa um filho, que morava com a mãe em Minas Gerais. G1

Corpo de Marília Mendonça é enterrado em cemitério após ser seguido por multidão, em Goiânia

/ Entretenimento

Velório ocorreu no Ginásio Goiânia Arena. Foto: Globo

O corpo de Marília Mendonça foi enterrado neste sábado (6) no cemitério Parque Memorial, em Goiânia, em cerimônia reservada à família e amigos mais próximos.

Antes disso, uma multidão acompanhou o velório no Ginásio Goiânia Arena e prestou homenagens. A cantora goiana de 26 anos morreu na sexta-feira em um acidente de avião em Carantinga (MG).

Os carros do Corpo de Bombeiros, que levaram o caixão do lugar do velório ao do enterro, foram acompanhados por milhares de fãs. Henrique & Juliano, Maiara & Maraisa e Murillo Huff, ex da cantora e pai do filho dela, acompanharam o caixão no carro dos bombeiros.

O corpo de Abicieli Silveira Dias Filho, assessor e tio da cantora que também morreu no acidente, foi sepultado no mesmo lugar.

Antes de saírem do ginásio, foram tocados os versos ”Ninguém vai sofrer sozinho, todo mundo vai sofrer”, de ”Todo mundo vai sofrer”, um dos maiores sucessos de Marília.

No velório, a equipe e banda da cantora chegaram chorando e sob salva de palmas. A homenagem foi ao som do hino de louvor “Noites Traiçoeiras”, famoso com Padre Marcelo Rossi. A equipe de Marília estava em Caratinga preparando o show que ela faria.

Maiara & Maraisa, Matheus & Kauan, João Neto & Frederico, Luisa Sonza, Jorge (dupla com Mateus), Naiara Azevedo, Fernando (dupla com Sorocaba), Murilo Huff (ex de Marília), Luisa (dupla com Maurílio) e João Reis, pai de Cristiano Araújo, estiveram presentes.

Henrique & Juliano, grandes amigos que incentivaram a produtora Workshow a lançá-la como intérprete, cantaram durante o velório. Um dos momentos mais emocionantes foi na hora da música ”Flor e o Beija-Flor”. G1

Produtor baiano está entre as vítimas de acidente com avião da cantora Marília Mendonça

/ Entretenimento

Nascido e criado em Salvador, o produtor Henrique Ribeiro Bahia é uma das vítimas do acidente de avião que matou, na tarde desta sexta-feira, a cantora Marília Mendonça, de 26 anos. A aeronave caiu em Piedade de Caratinga, no Vale do Rio Doce, no oeste do estado de Minas Gerais.

A informação foi confirmada pela assessoria da cantora, que, além de Henrique Ribeiro e Marília Mendonça, ainda confirmaram a morte do tio da artista, Abicieli Silveira Dias Filho. O piloto e co-piloto do avião também morreram no acidente, mas tiveram suas identidades preservadas.

”Com imenso pesar, confirmamos a morte da cantora Marília Mendonça, seu produtor Henrique Ribeiro, seu tio e assessor Abicieli Silveira Dias Filho, do piloto e co-pilto do avião, os quais iremos preservar os nomes neste momento. O avião decolou de Goiânia com destino a Caratinga/MG, onde Marília teria uma apresentação esta noite. De momento, são estas as informações que temos”, diz o comunicado da assessoria.

No último domingo (31), Henrique publicou em suas redes sociais uma foto onde aparece trabalhando junto com a cantora, em show realizado no municípios de Leopoldina, também no estado de Minas Gerais. Na legenda da publicação, ele declara o amor pelo trabalho que realizava ao lado de Marília Mendonça.

Informações são atualizadas confirmando mortes de Marília Mendonça e outros ocupantes do avião

/ Entretenimento

Marília Mendonça morreu aos 26 anos de idade. Foto: Facebook

As informações sobre o acidente aéreo foram atualizadas pela assessoria e pela grande mídia, confirmando que cantora sertaneja Marília Mendonça morreu após a queda do avião em Piedade de Caratinga, em Minas Gerais, na tarde desta sexta-feira (5). O Corpo de Bombeiros está no local. De acordo com informações de um militar que está no local, todos os tripulantes morreram.

Além da artista, outras quatro pessoas estavam dentro do avião, mas não foram identificadas, por ora. Mais cedo, a assessoria de imprensa da sertajena havia informado que ”todos foram resgatados” e ”estavam bem”.

Em nota encaminhada à imprensa, a corporação informou que ”confirma que a aeronave transportava a cantora Marília Mendonça e que ela está entre as vítimas fatais”.