Final de semana movimentado em Jaguaquara com política; confira como foi a agenda dos candidatos

/ Eleições 2020

Candidato do Podemos, Flavinho inaugurou comitê. Fotos: Divulgação

O final de semana em Jaguaquara foi bastante movimentado com as atividades de campanha eleitoral de candidatos à Prefeitura. A movimentação começou na noite de sexta-feira (9), na Rua Avelar, entrada da cidade, com a inauguração do candidato da Coligação Tudo Novo, Flavinho Souza, do Podemos.

No sábado, outros dois postulantes ao cargo de chefe do Executivo mediram forças e, após reunião, os prefeituráveis, acompanhados de seus apoiadores saíram às ruas em caminhada.

Raimundo do Caldo fez caminhada após evento no bairro Popular

Raimundo Louzado (PSD) promoveu encontro com a presença dos deputados Antonio Brito (PSD) – federal e Alex da Piatã (PSD) – estadual e do ex-prefeito Ademir Moreira (PSD) em um galpão no bairro Popular.

Edione Agostinone fez caminhada após evento no bairro Palmeira

Já Edione Agostinone (PP) realizou reunião, também em um galpão, no bairro Palmeira e o evento contou com a participação do prefeito Giuliano Martinelli (PP)  – que aparece na imagem se máscara e dos deputados Cacá Leão (PP) – federal e Zé Cocà (PP) – estadual, que inclusive é candidato a prefeito na vizinha cidade de Jequié.

Após a realização dos eventos, os candidatos decidiram caminhar com seus apoiadores até o Centro da cidade, onde houve tensão e explícita aglomeração em plena pandemia.

Integrantes dos dois grupos tentaram confronto, com provocações, mas foram contidos pela Polícia Militar na Praça JJ  Seabra. Não houve feridos e nem prisões. Nos três eventos, pessoas apareceram sem o uso de máscara contra o vírus.

 

Tradicionais aliados em corridas eleitorais, PT e PCdoB disputam Prefeitura de Santa Inês

/ Eleições 2020

Hemerson (PT) enfrenta Júnior (PT). Fotomontagem: BMFrahm

Tradicionais aliados em corridas eleitorais, em âmbitos municipal, estadual e nacional, o PT e o PCdoB vão estar em lados opostos na disputa pela Prefeitura de Santa Inês, no Vale do Jiquiriçá.

O atual prefeito do município, professor Hemerson Novais Eloi, eleito no PT em 2016, tentará a reeleição pela mesma sigla partidária. Representando a ”Coligação Pra Santa Inês Continuar Avançando”, Hemerson não repetirá a chapa do pleito anterior, quando teve como vice o médico Fábio Quintão (PRB). Depois que ambos assumiram os respectivos cargos, romperam.

Para a sucessão 2020 o petista escolheu o também professor, Erivaldo Santana (PSB), que inclusive atuou no início da atual gestão municipal como secretário de Cultura, tendo sido exonerado posteriormente, estava exercendo a função de pedagogo pela Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) e, nas últimas eleições, foi um dos apoiadores de Hemerson e era considerado crítico ferrenho e opositor do governo anterior nas redes sociais, representado à época pelo então prefeito Zé Afrânio (PCdoB) – in memoriam, que teria desistido de disputar reeleição.

Já o Partido Comunista do Brasil, que em 2016 chegou a fazer aliança com o PT em apoio a Hemerson, tem como candidato a prefeito pela Coligação ”Governando com o Povo”, José Castro Mendonça Júnior, filho do militante e líder local da legenda, Castro Mendonça. Júnior de Valdélia, como é popularmente conhecido, apesar de defender o projeto do professor, quando o grupo unido venceu o então candidato do MDB, Renê Rotondano, declarou guerra ao ex-aliado e passou a fazer denúncias contra a gestão, com aparições frequentes em vídeos, cujos conteúdos reforçavam suas pretensões polícias  e agora ele confirmou seu ingresso na briga pelo poder. Como candidato a vice, escolheu o médico e ex-prefeito Emerson Amaral de Almeida, do Democratas.

Interlocutores dos dois partidos, PT e PCdoB, questionados pelo Blog Marcos Frahm, garantem que não há nenhum mal-estar entre as siglas a nível estadual e que a disputa é local. O professor é correligionário do deputado federal Jorge Solla e Júnior tem o apoio de Alice Portugal. Santa Inês tem 8.471 eleitores aptos a votar.

Eleições 2020: mais da metade dos prefeitos tentarão reeleição, diz levantamento da CNM

/ Eleições 2020

Dos 5.568 municípios que escolherão prefeitos nas eleições deste ano, em 3.383 (61% do total) os atuais gestores concorrerão à reeleição. Outros 1.015 prefeitos poderiam concorrer por estar no primeiro mandato, mas desistiram de tentar um novo mandato. Os dados fazem parte de levantamento feito pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM). 

O primeiro turno nas eleições será realizado no dia 25 de outubro e o segundo turno, no dia 29 de novembro. As datas originais eram 4 de outubro e 25 de outubro, mas foram adiadas pelo Congresso Nacional por causa da pandemia de covid-19.

Ao todo, 19.164 candidatos concorrerão ao cargo de prefeito. Dos atuais prefeitos, 4.398 (79%) estão em seu primeiro mandato e poderiam concorrer a um novo período, mas 1.015 desistiram.

O levantamento mostra que o percentual de candidatos à reeleição caiu após um período de estabilidade. Em 2016, dos 2.407 candidatos à reeleição, 1.191 se reelegeram (49,48%). Em 2012, dos 2.418 que tentaram a reeleição, 1.512 se reelegeram (62,53%). Na eleição anterior, em 2008, 3.361 prefeitos buscaram a reeleição e desses, 2.101 voltaram ao cargo (62,51%).

Nesses 3.383 municípios onde haverá disputa por reeleição, os candidatos estarão concorrendo aos votos de 88,3 milhões de eleitores. A soma da população dessas cidades é de 123,3 milhões de pessoas.

“Isso demonstra que, em uma parcela bastante significativa do Brasil, os atuais gestores colocam de novo o seu nome na disputa por entender que fizeram uma boa gestão. Temos que aguardar os resultados para saber se essas candidaturas terão êxito”, diz a confederação.

Capitais

Os prefeitos de 13 capitais brasileiras tentarão a reeleição. Doze estão no segundo mandato e não podem disputar um novo pleito. O prefeito de Goiânia, Iris Rezende (MDB), anunciou em agosto que não disputará a reeleição e deixará a vida política após 62 anos de vida pública. Da Agência Brasil

Zé Cocá é o candidato a prefeito de Jequié com maior tempo de rádio na propaganda eleitoral

/ Eleições 2020

Zé Cocá terá 04 minutos e 44 segundo no rádio. Foto: Divulgação

Zé Cocá (PP) é o candidato a prefeito de Jequié com maior tempo de rádio na propaganda eleitoral que terá início na sexta-feira (09out20). Segundo apurou o Blog jequieeregiao.com.br, Coligação ”Por uma Jequié mais forte” terá exatos 04’44” (quatro minutos e quarenta e quatro segundos). O candidato Fernando Vieira terá 3’33”, enquanto os candidatos Tom Legal, Rita Rodrigues e Pé Roxo terão 26′ e James Meira 25.

O horário eleitoral no rádio tem grande alcance, especialmente em Jequié, pois são levados ao ar nos espaços de maior audiência das emissoras, ou seja, as 7 horas da manhã e ao meio-dia.

Todos os candidatos, incluindo os que disputam à Câmara de Vereadores, também terão direito a dois blocos de propaganda de 10 minutos cada, às 7h e ao meio-dia, além de inserções no decorrer da programação normal das emissoras.
Confirma o tempo de cada candidato a prefeito de Jequié:
Zé Cocá: 04’44”
Fernando Vieira: 3’33”
Tom Legal: 26”
Rita Rodrigues: 26”
Pé Roxo: 26”
James Meira: 25”

Horário eleitoral no rádio começa nesta sexta; confira a ordem dos candidatos a prefeito de Jaguaquara

/ Eleições 2020

Pedrinho, Raimundo, Edione e Flavinho. Fotomontagem: BMFrahm

Começa nesta sexta-feira (9) o Horário Eleitoral Gratuito das Eleições 2020 no Rádio e na TV. Em Jaguaquara, na programação, está definido que a propaganda ocorrerá em dois blocos de 10 minutos, o primeiro será das 7h até as 7h10, o segundo das 12h às 12h10min.

O candidato a prefeito Pedro Bernardino (PSL) irá abrir o horário eleitoral no rádio nesta sexta-feira, na sequência virá o candidato Raimundo do Caldo (PSD), seguido por Edione Agostinone (PP) e Flavinho Souza (PODE). Vale lembrar que a sequência de apresentações dos candidatos irá se alternar, durante a campanha.

Raimundo é o candidato com maior tempo de rádio na propaganda. O Blog Marcos Frahm apurou que a ”Coligação Jaguaquara de Todos Nós” terá exatos 03’38 (três minutos e trinta e oito segundos). Edione, da Coligação ”Pra Jaguaquara Seguir Avançando” terá 3’30, enquanto os candidatos Pedro terá 1’56 e Flavinho, da Coligação ”Tudo Novo”, terá 58 segundos.

ACM Neto não acredita em realização do Carnaval sem ”vacina acessível a todos” em 2021

/ Eleições 2020

”Sem isso não há segurança, disse Neto: Foto: Vagner Souza

Após reunião com empresários do entretenimento na última quarta-feira (7), o prefeito ACM Neto voltou a afirmar, durante coletiva nesta quinta-feira (8), que novembro será o limite para tomar a decisão sobre o Carnaval. De acordo com o gestor, a resolução sobre o acontecimento de eventos de rua na cidade só pode ser tomada após a obtenção de informações que garantam a segurança dos participantes.

”Estamos trabalhando com a data limite para que tenhamos informações suficientes para tomarmos uma decisão. Os empresários do nosso entretenimento compreenderam isso e até novembro essa decisão será tomada”, afirmou o gestor, que não vê a realização do Carnaval como algo factível sem que a população seja imunizada.

”Precisamos saber mais a respeito da perspectiva da vacina e da possibilidade de imunização coletiva. Não há como imaginarmos, não só o Carnaval mas todos os eventos de rua de Salvador, sem uma vacina acessível a todos. Sem isso não há segurança para falarmos das grandes festas”, ponderou.

De acordo com Neto, os empresários cobraram a implantação de um protocolo para o retorno de eventos de grande porte na cidade. O prefeito afirmou compreender a preocupação do setor, mas voltou a dizer que pelo momento delicado, qualquer decisão tem que ser tomada com cautela.

”Mostrei a dificuldade que ainda temos para publicar protocolos de retomada dos eventos e ainda não temos data prevista para volta. Os eventos são importantes para a cadeia do entretenimento, geram empregos, mas ainda não há perspectiva para a retomada dessas atividades e pedi a eles que tivessem um pouco mais de paciência”. Com informações do A Tarde

Candidata a prefeita de Jequié pelo PCdoB, Rita Rodrigues abrirá horário eleitoral no rádio

/ Eleições 2020

Rita Rodrigues, candidata a prefeita de Jequié pelo PC do B, abrirá o horário eleitoral no rádio na sexta-feira (09), segundo o site Jequié e Região.

Ainda conforme a publicação, quem fechará o bloco é Zé Cocá, candidato a prefeito pelo PP. A partir saí, os candidatos vão se alternando.

A estreia da propaganda eleitoral obedecerá a seguinte ordem:
Rita Rodrigues
Tom Legal
Pé Roxo
Fernando Vieira
James Meira
Zé Cocá

Colégio realiza live com candidatos a prefeito em Jaguaquara; ideia ajuda eleitor a escolher candidatos

/ Eleições 2020

Raimundo, Pedro e Flávio participaram da live. Fotomontagem: BMFrahm

A escolha dos candidatos nem sempre é uma tarefa fácil para o eleitor, sobretudo com a nova legislação e as vedações impostas nesse período de pandemia, que limitam as propagandas eleitorais.

Em Jaguaquara, uma iniciativa de um colégio privado, o Colégio Dimensão, pode ser um dos exemplos que ajudarão o eleitor a identificar quais candidatos combinam com seus valores e pensamentos.

Aproveitando a facilidade do mundo digital, a instituição particular de ensino promoveu, nesta terça-feira (6), uma live com os candidatos à Prefeitura, sendo que, dos quatro postulantes, três aceitaram participar: Raimundo Louzado (PSD), Pedro Pernardino (PSL) e Flávio Souza (PODE).

As regras pertinentes foram lidas por mediadores no início da live, sendo professores do colégio. A live ocorreu com perguntas sobre quais são os planos de governo dos prefeituráveis, com perguntas formuladas pela Comissão Organizadora, com a participação de estudantes, que através de sorteio faziam as perguntas aos candidatos.

A ideia foi bastante elogiada pelo público da rede social. Além dos políticos citados, também disputa o Poder Executivo do maior colégio eleitoral do Vale do Jiquiriçá Edione Agostione (PP), que segundo informações, por questão de agenda, não participou da live.

Eleições 2020: eleitores com deficiência visual devem levar fone de ouvido no dia de votação

/ Eleições 2020

Eleitores com deficiência visual deverão levar fone de ouvido no dia da votação, marcada esse ano para o dia 15 de novembro (1º turno). De acordo com medidas de segurança sanitária, recomendadas por especialistas de saúde, cada eleitor deve levar seu próprio fone de ouvido e não compartilhar o equipamento com outras pessoas.

Além disso, todas as urnas eletrônicas estão preparadas para atender pessoas com deficiência visual, com sistema braile e identificação da tecla número cinco nos teclados. É possível utilizar também o alfabeto comum ou o braile para assinar o caderno de votação ou assinalar as cédulas, se for o caso. Também é assegurado o uso de qualquer instrumento mecânico que portar ou lhe for fornecido pela mesa receptora de votos.

Outros mecanismos para garantir a acessibilidade no dia das eleições municipais também estão sendo tomados pela Justiça Eleitoral. Entre eles, o atendimento prioritário a pessoas com deficiência, com mobilidade reduzida, com idade igual ou superior a 60 anos, gestantes, lactantes e pessoas com crianças de colo.

O eleitor com deficiência pode requerer a transferência do local de votação para uma seção especial que possa atender melhor às suas necessidades, como uma seção instalada em local com rampas ou elevadores.

Após aglomerações, Justiça suspende comícios, carreatas e arrastões por 15 dias em Itaquara

/ Eleições 2020

Furdunço no último domingo resultou em vedações. Foto: Rede social

Eventos políticos que promovam aglomerações como comícios, reuniões, carreatas e arrastões foram proibidos pelos próximos 15 dias, em Itaquara, no Vale do Jiquiriçá, para evitar o avanço do contágio pelo novo coronavírus. A decisão foi tomada nesta terça-feira (6), em acordo com representantes de partidos e coligações que disputam à Prefeitura, e que participaram de uma reunião com representantes do da Justiça Eleitoral e do Ministério Público, conforme apurou o Blog Marcos Frahm.

As visitas as residências, estão autorizadas, desde que não gerem aglomerações e só poderão ser empregados dois veículos nas visitas com 05 integrantes em cada automóvel. A utilização de carro de som também está vedada. A juíza eleitoral Andrea Padilha Sodré Leal Palmerella destacou que a intenção do encontro com os políticos era tentar compatibilizar a propaganda eleitoral no município e a pandemia do novo coronavírus, uma vez que os eventos de campanha demonstraram claramente as pessoas sem qualquer tipo de proteção ou respeito ás normas sanitárias do Governo do Estado, o que para a Magistrada aumentaria a probabilidade de crescimento da curva de contágio do vírus em Itaquara, que até esta terça contabilizava 81 casos e 1 óbito por Covid-19.

O representante do MP, o promotor de Justiça Lúcio Meira Mendes considerou ”um absurdo” o ato de campanha realizado no último final de semana e que viralizou nas redes sociais.

No domingo (4), um ato representando a candidatura à reeleição do prefeito Marco Aurélio Costa (PSB) gerou aglomeração nas vias públicas, com apoiadores saindo às ruas, muitos dos quais sem fazer uso de máscara. O candidato, que chegou a ser carregado nas costas por alguns de seus simpatizantes sem máscaras teria alegado que o ato foi espontâneo e que ele usava mascara no momento da aglomeração, conforme mostram as imagens que circulam nas redes sociais.

A reunião com o Judiciário e MP determinou novas regras de comportamento no período eleitoral, pelos próximos 15 dias. Além de Marco Aurélio, disputam as eleições 2020 em Itaquara: Leonardo Barreto do PP e Anderson Oliveira do PTC, que também participaram da audiência.

Jitaúna é única cidade da Bahia com mais mulheres que homens concorrendo à Câmara de Vereadores

/ Eleições 2020

Vereadora Rubia [foto] disputa à Prefeitura. Fotomontagem / BMF

Jitaúna, no território de identidade Médio Rio de Contas, é a cidade baiana com o maior percentual de mulheres concorrendo a uma cadeira no Legislativo municipal. Das 32 candidaturas registradas no município, 17 são femininas, segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O número equivale a 53%.

A Câmara Municipal de Jitaúna compreende nove vereadores. Em 2016, apenas duas mulheres foram eleitas – Jeane Rocha e Professora Rubia [esta inclusive é candidata a prefeita pelo PSD e disputa o Executivo com o atual gestor Patrick Lopes do PP]. A cidade, conforme o último Censo do IBGE (2010), possui 14.115 habitantes. Quanto ao perfil do eleitorado, o total de votantes é de 11.107, sendo 51,26% do sexo feminino.

No quesito raça, os registros de candidaturas no município segue a tendência no estado da Bahia, que é de aumento de candidaturas negras. Dos 17 registros, 11 de autodeclararam preta ou parda e 6 se reconhecem como mulheres brancas.

Já a corrida pela chefia do Executivo em Jitaúna conta com duas chapas, uma exclusivamente feminina e outra exclusivamente masculina.

Como levantado pelo Bahia Notícias, de acordo com dados do  TSE, em 20 anos, o número de mulheres candidatas – Legislativo e Executivo – praticamente triplicou, saltando de 4.888 candidatas no ano 2000 para 13.282 em 2020.

Na contramão de Jitaúna, as cidades de Serra Dourada, no oeste baiano, e Licínio de Almeida, localizada na região sudoeste do estado, possuem os menores percentuais de candidaturas femininas, abaixo de 30%. Em Serra Dourada, das 34 candidaturas registradas, apenas 10 são femininas, o que representa 29%. Em Licínio de Almeida, o percentual reduz ainda mais, caindo para 27%, sendo 9 candidatas de um total de 33.

PARTICIPAÇÃO FEMININA

As cotas para candidaturas femininas no Brasil vigoram desde as eleições de 1996, quando era prevista a reserva de 20% das vagas nas coligações. Em 1997, a aprovação da Lei 9.504 elevou o percentual de reserva para 30% de cotas de gênero. A determinação, no entanto, não é observada tendo como base a condição dos municípios, mas um cálculo geral em que as siglas partidárias são obrigadas a preencher o percentual mínimo.

CURIOSIDADE

Outro aspecto que chama atenção no município de Licínio de Almeida é o fato de a corrida pelo comando do Executivo ter apenas um candidato. O atual gestor, Dr. Fred, do PCdoB, é candidato a reeleição e necessita de apenas um voto para garantir a manutenção da gestão municipal.

A cidade também foi destaque no mês de setembro entre os municípios baianos com os melhores desempenhos no indicador de qualidade educacional na 4ªsérie/5º ano e 8ªsérie/9º ano. *por Jade Coelho / Mari Leal / Bahia Notícias

Eleições na capital: Bruno Reis lidera com 42% das intenções de voto e venceria no 1º turno, diz Ibope

/ Eleições 2020

Candidato do Democratas lidera pesquisa. Foto: Assessoria Bruno Reis

A pesquisa Ibope divulgada nesta segunda-feira (5) pela TV Bahia aponta crescimento os percentuais de intenção de voto dos candidatos a prefeito de Salvador, demonstrando larga vantagem para o candidato do prefeito ACM Neto (DEM), Bruno Reis (DEM), que aparece com 42%.

O total de Brancos/Nulos (17%) é superior é a todos os demais candidatos. Caso fosse um nome em disputa, ocuparia a segunda posição. Dos quatro candidatos da base do governador Rui Costa (PT), o Pastor Sargento isidório é o que melhor pontua, tendo 10% das intenções de voto.

A candidata petista, Major Denice, tem 6% das intenções, empatada com Olívia Santana, que também possui 6%. Já Bacelar (Podemos), aparece com 5% das intenções do leitorado da capital baiana.

Veja as porcentagens de cada candidato:

Bruno Reis (DEM): 42%

Branco/Nulo: 17%

Pastor Sargento Isidório (Avante): 10%

Não sabe/Não respondeu: 8%

Major Denice (PT): 6%

Olívia Santana (PC do B): 6%

Bacelar (Podemos): 5%

Cézar Leite (PRTB): 3%

Hilton Coelho (PSOL): 2%

Rodrigo Pereira (PCO): 1%

Celsinho Cotrim (PROS): 0%

A pesquisa ouviu 602 eleitores de Salvador entre os dias 3 e 4 de outubro, sob o número de identificação na Justiça Eleitoral: BA-03105/2020.

O nível de confiança estimado é de 95% e a margem de erro máxima estimada considerando um modelo de amostragem aleatório simples, é de 04 (quatro) pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra. Com informações do site Bahia Notícias

Jequié: Com Zé Cocá em quarentena, candidata a vice da chapa, Poliana, cumpre agenda de campanha

/ Eleições 2020

Poliana Leandro fez visita ao bairro KM3. Foto: Leandro Fonseca

O candidato do PP à Prefeitura de Jequié, Zé Cocá, segue em quarentena após ser diagnosticado com o novo coronvírus no último dia (23).

Enquanto o prefeiturável não é liberado do isolamento domiciliar, a vice da chapa, Poliana Leandro, do PT, cumpre atividades de campanha.

Neste domingo (4), Poliana, acompanhada de apoiadores e candidatos a vereador da coligação partidária percorreu ruas do bairro KM 3, durante visita aquela região, tendo contato direto com o eleitor.

Prefeito de Itaquara é carregado por apoiadores em aglomeração e diz que ato foi espontâneo

/ Eleições 2020

Marco Aurélio é carregado por apoiadores. Foto: Facebook

Um ato de campanha do prefeito de Itaquara, no Vale do Jiquiriçá, Marco Aurélio Costa (PS), na tarde deste domingo (4), gerou aglomeração. Imagens publicadas pelo site Bahia Notícias mostram uma multidão acompanhando uma caminhada em apoio à candidatura à reeleição de Marco Aurélio. É possível ver vários dos participantes estão sem máscaras.

O prefeito também foi visto nos ombros de um homem. Ele usava uma máscara de proteção, mas o apoiador, não. Segundo último boletim da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), Itaquara acumula 80 casos de Covid-19 e 1 óbito foi registrado.

Resposta do prefeito

Procurado pelo Blog Marcos Frahm, Marco Aurélio disse que ato foi espontâneo. ”Sempre recomendamos o uso de máscara, ou seja, o cumprimento das medidas contra o vírus e esse to de ontem foi uma manifestação espontânea das pessoas no momento em que a nossa coligação realizava a colagem de adesivos de carros em frente ao comitê. Não houve festa, apenas manifestação democrática”, justifica o candidato.