Educação: Estudantes têm até quarta-feira para pagar taxa de inscrição no Enem

/ Educação

Após o término das inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), às 23h59 de ontem (18), os estudantes têm até a próxima quarta-feira (23) para pagar a Guia de Recolhimento da União (GRU). Os alunos de escolas públicas são isentos do pagamento. Para os demais, o valor da taxa é de R$ 82 e pode ser pago em agências bancárias e dos Correios, internet banking e lotéricas. No caso dos concluintes do 3º ano do ensino médio da rede pública, o sistema de inscrição dará a isenção automaticamente, mesmo que o candidato tenha se esquecido de solicitá-la antes. Até as 23h, mais de 6 milhões de candidatos estavam inscritos para a prova do Enem. O balanço final é aguardado para qualquer momento. O Enem, além de avaliar o desempenho dos estudantes de escolas públicas e particulares do ensino médio, é uma ferramenta que ajuda na seleção de candidatos a ingressar no ensino superior e a ter acesso a programas do governo federal como o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), Programa Universidade para Todos (ProUni) e Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). As provas do Enem serão aplicadas em dois domingos, nos dias 4 e 11 de novembro. Os resultados serão divulgados em janeiro.

Estudantes que querem fazer a prova do Enem 2018 têm até amanhã para fazer a inscrição

/ Educação

Os estudantes que querem fazer a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2018 têm até as 23h59 de amanhã (18), no horário de Brasília, para fazer a inscrição, pela internet, na página do participante do Enem. Até as 18h de quarta-feira (16) foram registrados 5 milhões de inscritos. Mesmo os candidatos que pediram isenção da taxa do Enem devem fazer a inscrição para a prova. O pagamento da taxa para quem não conseguiu a isenção, no valor de R$ 82, deve ser feito até o dia 23 de maio nas agências bancárias, casas lotéricas e agências dos Correios. Os concluintes do ensino médio da rede pública têm direito à isenção no ato da inscrição, mesmo aqueles que não tiverem solicitado a isenção. Para se inscrever, o participante deverá apresentar o número do CPF (Cadastro de Pessoa Física) e do documento de identidade e criar uma senha. O candidato precisa também informar um endereço de e-mail válido e um número de telefone fixo ou celular, que serão usados para enviar informações sobre o exame. Com o fim do prazo de inscrição nesta sexta-feira (18) também se encerra a possibilidade de alterar dados cadastrais, a opção do município onde o estudante quer fazer a prova e a opção de língua estrangeira. Os candidatos que precisarem de atendimento especializado têm que fazer o pedido no ato da inscrição. Para o uso do nome social na prova do Enem, o pedido poderá ser feito entre os dias 28 de maio e 3 de junho. As provas do Enem serão aplicadas em dois domingos, nos dias 4 e 11 de novembro. Os resultados serão divulgados em janeiro.

Abertas inscrições para o curso pré-vestibular do Programa Universidade para Todos

/ Educação

Começam, nesta quarta-feira (16), as inscrições para o processo seletivo dos estudantes interessados em participar do curso pré-vestibular do Programa Universidade para Todos (UPT), promovido pela Secretaria da Educação do Estado. Estão sendo destinadas 14 mil vagas. A inscrição, que segue até o dia 23, é gratuita e está disponível no Portal da Educação. As aulas serão realizadas de 5 de junho a 14 de dezembro.Serão ofertadas as disciplinas Português, Redação, Matemática, Física, Química, Biologia, Literatura, Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol), História e Geografia. ”Este programa tem um caráter de inclusão muito importante, porque é oferecido para aqueles jovens que mais precisam, e envolve as nossas quatro universidades estaduais, por meio de um projeto pedagógico que prepara os estudantes para o ingresso no Ensino Superior”, destacou o secretário estadual da Educação, Walter Pinheiro. O UPT é destinado a estudantes da rede pública matriculados, em 2018, no 3º ano do Ensino Médio regular estadual ou municipal ou suas modalidades correspondentes; que tenha cursado em escola pública municipal e/ou estadual na Bahia, o Ensino Fundamental II – 5ª à 8ª séries, atual 6º ao 9º ano ou modalidades correspondentes; e 1ª e 2ª séries do Ensino Médio regular ou modalidades correspondente. No ato da inscrição, o candidato deverá fazer opção para um único município, local de funcionamento e turno que deseja cursar, bem como preencher integralmente o formulário de inscrição. A relação oficial dos candidatos selecionados será disponibilizada no dia 30 de maio, no endereço www.educacao.ba.gov.br/universidadeparatodos, nos sites das universidades estaduais e afixada nos locais em que funcionarão as turmas do curso.

Educação: Gratuidade no Enem será automática para estudante de escola pública

/ Educação

Os estudantes da última série do ensino médio de escolas da rede pública terão gratuidade automática ao se inscreverem no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano, mesmo os que não tiverem solicitado a isenção de pagamento da taxa de inscrição. O Ministério da Educação e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) decidiram excepcionalmente assegurar a gratuidade para esses candidatos, por causa da mudança de formato do pedido de isenção, que começou a ser adotada neste ano. Para esses participantes, não será gerada uma Guia de Recolhimento da União. A guia será paga apenas pelos candidatos que tiveram a solicitação de isenção da taxa reprovada pelo Inep e pelos que não tinham direito à isenção e estão acessando o sistema pela primeira vez. Até o ano passado, o pedido de isenção da taxa de inscrição no Enem era feito junto com a inscrição, mas a partir deste ano quem tem direito à gratuidade teve que fazer a solicitação no mês passado. O período de inscrições começou na última segunda-feira (7) e vai até as 23h59 do dia 18 de maio. Todos os interessados em fazer o exame devem se inscrever, mesmo os que já conseguiram a isenção. O prazo para pagamento da taxa de inscrição, no valor de R$ 82, termina em 23 de maio. As provas estão marcadas para 4 e 11 de novembro.

Educação: Prazo de renovação do Fies do primeiro semestre é adiado para 25 de maio

/ Educação

O prazo para renovação do contrato do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) do primeiro semestre deste ano foi adiado mais uma vez e se encerra no dia 25 de maio. O prazo final para a renovação seria hoje (10). A nova data foi definica em portaria publicada na edição de hoje do Diário Oficial da União. Os contratos do Fies precisam ser aditados todo semestre. O pedido é feito inicialmente pelas instituições de ensino e depois as informações devem ser validadas pelos estudantes pela internet no Sistema Informatizado do Fundo de Financiamento Estudantil (SisFies). Neste semestre, cerca de 1,1 milhão de contratos devem ser renovados. No caso das renovações que tenham alguma alteração nas cláusulas do contrato, o estudante precisa levar a nova documentação ao agente financeiro – Banco do Brasil ou Caixa Econômica Federal – para concluir a renovação. Já nos aditamentos simplificados, a renovação é formalizada a partir da validação do estudante no sistema. Inicialmente, os estudantes tinham até o dia 30 de abril para fazer a renovação, o prazo foi prorrogado até hoje e agora estendido mais uma vez até o dia 25 de maio pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), do Ministério da Educação. O Fies concede financiamento a estudantes em cursos superiores não gratuitos, com avaliação positiva nos processos conduzidos pelo Ministério da Educação. Os estudantes que ingressaram no programa a partir de 2018 aderiram ao Novo Fies que divide o programa em diferentes modalidades, possibilitando juros zero e uma escala de financiamentos que varia conforme a renda familiar do candidato.

Educação: Interessados em fazem o Enem podem se inscrever até o dia 18 de maio

/ Educação

Começou hoje (7), às 10h, o período de inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O prazo vai até 18 de maio. As inscrições devem ser feitas na Página do Participante. Mesmo os candidatos que pediram isenção da taxa de inscrição do Enem devem fazer a inscrição. O pagamento da taxa de inscrição para quem não conseguiu a isenção, no valor de R$ 82, pode ser feito até 23 de maio nas agências bancárias, casas lotéricas e agências dos Correios. Para fazer a inscrição, o participante deverá apresentar o número do CPF (Cadastro de Pessoa Física) e do documento de identidade e criar uma senha. Começa hoje (7), às 10h, o período de inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O prazo vai até 18 de maio. As inscrições devem ser feitas na Página do Participante. Mesmo os candidatos que pediram isenção da taxa de inscrição do Enem devem fazer a inscrição. O pagamento da taxa de inscrição para quem não conseguiu a isenção, no valor de R$ 82, pode ser feito até 23 de maio nas agências bancárias, casas lotéricas e agências dos Correios. Para fazer a inscrição, o participante deverá apresentar o número do CPF (Cadastro de Pessoa Física) e do documento de identidade e criar uma senha.

Educação: Programa do Governo Partiu Estágio convoca 530 estudantes universitários

/ Educação

Mais 530 estudantes universitários estão sendo convocados pelo Partiu Estágio. A informação foi divulgada pelo governador Rui Costa nesta terça-feira (8), no programa #PapoCorreria, transmitido ao vivo pelas redes sociais. Até 21 de maio, os estudantes devem se apresentar nas secretarias ou órgãos públicos onde irão atuar, além de entregar a documentação listada no edital 001/2018. A relação dos contemplados pela segunda convocação do programa em 2018 já pode ser consultada no site da Secretaria da Administração (bit.ly/2HYC3YO). Os universitários também serão convocados por e-mail – o mesmo informado pelo candidato no ato de cadastro no programa. Quem não comparecer dentro do prazo estipulado de 10 dias úteis ou deixar de entregar algum item da documentação exigida, perderá a vaga de estágio. Desde o lançamento do Partiu Estágio, em abril de 2017, já foram contratados mais de 5,8 mil jovens para atuarem no serviço público baiano. O Partiu Estágio é uma iniciativa da administração estadual baiana que oferta oportunidades a jovens universitários de instituições federais, estaduais e privadas da Bahia que ainda não conseguiram se inserir no mercado de trabalho. É prioritário para estudantes inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) e para aqueles que tenham estudado todo o ensino médio em escola pública ou com bolsa integral na rede privada.

Educação: Quase 200 mil pessoas já se inscreveram para o Exame Nacional de Ensino Médio

/ Educação

Quase 200 mil pessoas já se inscreveram para o Exame Nacional de Ensino Médio (Enem) de 2018, uma média de mil inscritos por minuto. “Os números demonstram a importância do exame”, afirmou o ministro da Educação, Rossieli Soares da Silva. A expectativa do Ministério da Educação é de que 7,5 milhões de pessoas se inscrevam para as provas, marcadas para os dias 4 e 11 de novembro deste ano. As inscrições tiveram início às 10 horas desta segunda-feira, 7. O prazo vai até 23h59 do dia 18 de maio. A taxa de inscrição poderá ser paga até o dia 23 de maio. O valor é de R$ 82. Neste ano, das 3.818.663 que solicitaram isenção para o pagamento da taxa, 3.318.149 tiveram os pedidos aprovados. Dos 500.513 que tiveram o pedido negado, 35.437 entraram com recursos. Desse grupo, 26.339 tiveram o pedido aceito e a isenção, garantida. Um dos motivos que levaram à recusa da isenção foi a ausência injustificada do candidato na prova do ano passado. A regra, que está em seu primeiro ano de implantação, tem como objetivo reduzir o absenteísmo entre os candidatos que têm direito a isenção no pagamento da taxa de inscrição. No ano passado, o Enem recebeu 6,5 milhões de inscritos. Faltaram nas provas do ano passado 2 milhões de candidatos, dos quais 1,6 milhão não pagaram taxa de inscrição. “Não se trata de perda de um direito ou de um esforço para fazer economia. Queremos garantir a seriedade do gasto público. Quem tem direito tem de ter responsabilidade “, afirmou a presidente do Inep, Maria Inês Fini. Das 208.588 pessoas que tentaram justificar a ausência, 8.486 apresentaram comprovantes e 4.345 foram aprovadas. Parte dos que tiveram pedido negado ingressou com recurso. Desse grupo, 1.357 pessoas conseguiram isenção. Quem não conseguiu a isenção terá de pagar a inscrição. O ministro da Educação afirmou que reuniões com a Polícia Federal foram realizadas para acertar os detalhes da segurança das provas. Uma das principais preocupações é melhorar a detecção do ponto eletrônico, usado por fraudadores para obter as respostas das questões. A solicitação de atendimento do nome social do candidato poderá ser feita entre 28 de maio a 3 de junho. A divulgação do local da prova será feita em outubro.

Educação: Estudantes de Amargosa apresentam ao Estado projetos sobre Meio Ambiente

/ Educação

Alunos 3ª Conferência Estadual Infantojuvenil. Foto: Divulgação

Estudantes das escolas estaduais ligadas ao Núcleos Territoriais de Educação de Amargosa (NTE 9) e de Amargosa (NTE 18) realizaram, nesta quarta-feira, as suas Conferências Territoriais Infantojuvenis pelo Meio Ambiente. A atividade consiste na apresentação de projetos sobre sustentabilidade hídrica e faz parte da etapa preparativa para a 3ª Conferência Estadual Infantojuvenil pelo Meio Ambiente, que irá acontecer em Salvador, ainda neste semestre. No Centro de Cultura de Alagoinhas, foram instalados 22 estandes de escolas de dez municípios (Acajutiba, Catu, Conde, Esplanada, Inhambupe, Olindina, Rio Real, Entre Rios e Pedrão, além de Alagoinhas) para a realização da conferência territorial. A estudante Ananda Cardoso, 14, 9º ano do Colégio Estadual Mário Costa Filho, em Inhambupe (a 168 km de Salvador) fala sobre o projeto ”Nosso rio, nossa história”. ”O Rio Inhambupe é o nosso patrimônio natural e está em estado de degradação. Com este trabalho, eu e meus colegas estamos buscando alternativas para a sua revitalização, incluindo a limpeza do lençol freático e o replantio da mata ciliar, entre outras ações, junto à população e autoridades locais. Por meio de duas maquetes, mostramos o rio poluído, em seu estado atual, e o rio revitalizado como desejamos”. Os estudantes Arianderson Batista, 11, e Vitória da Silva, 13, do Colégio Estadual São Francisco, em Alagoinhas, apresentam o projeto ”Água é vida” com o objetivo de conscientizar a comunidade sobre a importância de não desperdiçar esse ele­mento re­le­vante para a sobrevivência do planeta. ”Só temos 3% de água doce em todo o planeta, então temos que cuidar dela para não acabar e sem ela não temos vida”, explica Arianderson, acrescentando que por meio de uma maquete de uma estação de tratamento de água. Já Ícaro Santos, 12, 7º ano do Colégio Estadual Brasilino Viegas, mostra o projeto “Caravana do Brasil”, que consiste na proposta de que os estudantes utilizem o ônibus do transporte escolar também como um meio para sensibilizar as comunidades por onde passa sobre a importância da preservação da água.

O coordenador de Educação Ambiental e Saúde da Secretaria da Educação do Estado, Fábio Barbosa, destaca que as etapas escolar e territorial vêm estimulando o aprofundamento do debate das questões socioambientais dos territórios e, em especial, as relacionadas à água. ”A participação das nossas escolas tem sido gratificante. Dados do MEC (Ministério da Educação) dão conta de que 1.043 escolas baianas de diferentes esferas administrativas – estadual, municipal e particular – realizaram a etapa escolar. Este número, certamente, coloca a Bahia em uma posição de destaque no cenário nacional de mobilização para a conferência nacional”, considera o gestor. As etapas territoriais, ressalta Fábio Barbosa, já foram realizadas praticamente por todos os NTEs. ”Também serão eleitos os delegados e delegadas que representarão os territórios na etapa estadual, em conformidade com o regulamento estadual e teremos a escolha dos projetos prioritários nos territórios. A nossa expectativa é que esses representantes estudantis contribuam para que a discussão não fique limitada ao processo da conferência, ou seja, que consigam promover o enraizamento da Educação Ambiental nas escolas do Estado a partir da colocação em prática dos projetos e que estes não sejam valorizados no aspecto competitivo, mas sim colaborador”, completa.

Educação: Termina às 23h59 desta sexta-feira o prazo para inscrição no Encceja Nacional

/ Educação

Hoje (27) é o último dia para a inscrição no Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja Nacional). As inscrições ficam abertas até as 23h59, na página do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Anísio Teixeira (Inep). Até a última terça-feira (24), o Inep já havia registrado mais de 1 milhão de inscrições, sendo196,4 mil para o ensino fundamental e 824,7 mil para o ensino médio. Em 2017, quando o exame voltou a certificar o ensino médio, foram registrados 1,5 milhão de inscritos. O Encceja é direcionado a jovens e adultos que não conseguiram concluir os estudos na idade apropriada. Quem quer a certificação de conclusão do ensino fundamental precisa ter 15 anos completos na data de realização do exame, em 5 de agosto. Já os candidatos à certificação de conclusão do ensino médio devem ter 18 anos completos. A participação é voluntária e gratuita. Os resultados individuais do Encceja permitem a emissão de dois documentos: a certificação de conclusão de ensino fundamental ou do ensino médio, para o participante que conseguir a nota mínima exigida nas quatro provas objetivas e na redação, e a declaração parcial de proficiência, para o participante que conseguir a nota mínima exigida em uma das quatro provas ou em mais de uma, mas não em todas. O Encceja Nacional será realizado em 5 de agosto. O Encceja Exterior, para brasileiros que vivem em outros países, será no dia em 16 de setembro. Também serão realizadas em setembro edições para pessoas privadas de liberdade no Brasil e no exterior.

Educação: Professores da Uesb suspendem atividades e protestam contra o governo Rui Costa

/ Educação

Professores e professoras da Uesb paralisaram as atividades nesta quarta-feira (25), protestando contra o que consideram “o maior arrocho salarial dos últimos vinte anos”. Os portões principais dos campi da Uesb de Vitória da Conquista, Itapetinga e Jequié foram fechados como protesto aos 209 dias de silêncio do governo Rui Costa sobre a pauta de reivindicações da categoria. A Adusb também participou do ato público conjunto com as demais Universidades Estaduais da Bahia (UEBA), realizado em Salvador. Nas UEBA, são mais de 957 docentes com direitos trabalhistas previstos em lei negados, sendo 165 da Uesb. A perda salarial é de 21,1% e afeta a vida especialmente das(os) aposentadas(os). ”Devemos ampliar a mobilização e fortalecer a unidade para resistir a essa realidade de ataques imposta às Universidades Estaduais e ao funcionalismo público. Só assim será possível impedir o processo de desvalorização dos servidores e a redução do papel social das nossas Universidades”., defendeu a vice-presidente da Adusb, Iracema Lima.

Cadeiras vazias: na Bahia, 56,8% das vagas em faculdades privadas estão em aberto

/ Educação

A cada dez vagas oferecidas em faculdade particulares da Bahia, quase seis estão ociosas. O levantamento foi feito pelo site Quero Bolsa e divulgado anteontem, com base no Censo da Educação Superior, feito pelo Ministério da Educação (MEC). Segundo os dados, a Bahia é o terceiro estado com maior número de vagas não preenchidas – são 56,8% de oportunidades perdidas – ou seja, só 43,2% são preenchidas. Em vagas ociosas, a Bahia fica atrás apenas do Rio de Janeiro (57,8%) e de São Paulo (57,3%). O percentual está acima até da média nacional, de 52,9%. Para o presidente do Sindicato das Entidades Mantenedoras dos Estabelecimentos de Ensino Superior da Bahia (Semesb Abames), Carlos Joel Pereira, o motivo de tantas vagas em aberto é a burocracia que os candidatos enfrentam na inscrição do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e no Prouni. ”Existem dois fatores que contribuem para essa ociosidade. Primeiro, o prazo para os candidatos apresentarem a documentação, que é muito curto. Segundo, falta disponibilizar os dados para as instituições de ensino trabalharem os potenciais candidatos aos cursos, apontando possibilidade de transferências de cursos ou horários, por exemplo”, afirma. Na Bahia, são 108 faculdades privadas e 897.895 estudantes matriculados. De acordo com dados do Censo do Ensino Superior de 2016, as instituições privadas já respondiam por 75,3% do total de matriculados nos cursos de graduação de todo o país. Na Bahia, para cada estudante cursando a graduação presencial em uma instituição pública, há 2,2 em privadas. De um modo geral, o número de matrículas na rede particular de ensino superior caiu em 2016 com relação a 2015 – de 6.075.152 em 2015 para 6.058.623 em 2016. Segundo Carlos Joel Pereira, até 2014, o número de estudantes dessas instituições estava em crescimento no país – não era diferente na Bahia. Por isso, muitas faculdades fizeram reformas e ampliaram a capacidade de atendimento. Mas, depois das alterações do governo federal no programa, em 2015, houve redução na quantidade de candidatos – uma mudança que as faculdades não esperavam.

Educação: Mais Futuro investe R$ 15 milhões em bolsas para universitários baianos

/ Educação

O Mais Futuro, maior programa estadual de assistência estudantil, chega ao segundo ano com investimento total de R$ 15,2 milhões. Promovido pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria da Educação, a iniciativa busca garantir a permanência dos estudantes que se encontram em condições de vulnerabilidade socioeconômica nas quatro universidades estaduais (Uneb, Uesf, Uesc e Uesb). Até o momento, o programa atendeu 8.303 estudantes, que recebem bolsas de auxílio permanência (de R$ 300 ou R$ 600) ou vagas de estágio, percebendo R$ 550, em órgãos públicos e privados. O secretário estadual da Educação, Walter Pinheiro, ressalta a importância do programa, que segue a estratégia política do Estado de proporcionar o aprendizado e a preparação do estudante até a entrada no mundo do trabalho.”Estamos desenvolvendo um eixo pedagógico voltado para um novo perfil de oferta na educação. É proporcionar ao estudante da educação básica optar pelo que mais se identifica, seja na arte, cultura, ciência, empreendedorismo, curso técnico ou universidade. O Mais Futuro vem garantir que o aluno saia do Ensino Médio e tenha a garantia de poder cursar e finalizar o Ensino Superior, principalmente para os de baixa renda”.

Educação: Sesi amplia vagas do ensino médio a distância para 11 municípios, incluindo Jequié

/ Educação

Vagas do Sesi são ampliadas. Foto: Ângelo Pontes/ Divulgação

O Serviço Social da Indústria (Sesi) está com inscrições abertas para 3.363 vagas gratuitas de educação a distância do ensino médio e ensino fundamental II. As inscrições começam no dia 2 de maio e vão até dia 30 do mesmo mês, com exceção de Juazeiro, onde os interessados poderão se matricular de 11 de junho a 6 de julho. As vagas são destinadas a pessoas com 18 anos completos residentes nos municípios de Salvador, Barreiras, Brumado, Itapetinga, Jequié, Vitória da Conquista, Feira de Santana, Luís Eduardo Magalhães, Eunápolis, Ilhéus e Juazeiro. Apenas a capital baiana e Barreiras tinham vagas abertas, porém a oferta foi ampliada de 600 para 3.300 e de dois para 11 municípios. Para se inscrever, o interessado deve se dirigir às escolas da Rede Sesi do município onde reside, levando os seguintes documentos: RG, CPF, comprovante de residência e histórico escolar do Ensino Fundamental II.