Três homens morrem em soterramento próximo a Shopping em Avenida de Vitória da Conquista

/ Bahia

Tragédia ocorreu na Avenida Juracy Magalhães. Foto: Blog do Adnerson

Três operários morreram soterrados na tarde desta terça-feira (6), em Vitória da Conquista, no Sudoeste baiano.  O acidente teria ocorrido por volta das 14h50 e ainda não há informações sobre o que teria provocado o deslizamento de terra em uma obra numa área da Avenida Juracy Magalhães, próximo ao Shopping Conquista Sul.

O 7º Grupamento de Bombeiros Militar, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência a e 77ª Companhia Independente de Polícia Militar foram enviados ao local, mas as vítimas estavam sem sinais vitais.

Segundo o Blog do Anderson, os homens foram identificados como Odair Batista da Silva, da cidade de Tremedal, Francisco de Oliveira Trindade, de 63 anos e Laércio Oliveira Duarte, 64, ambos de Vitória da Conquista. Os corpos foram levados ao IML e a tragédia causou comoção na população local.

Em 24 horas, Bahia registra 3.235 casos de Covid-19 e 116 mortes pela doença, diz boletim

/ Bahia

Em 24 horas, a Bahia registrou 3.235 casos de Covid-19 e 116 mortes pela doença, segundo dados divulgados nesta terça-feira (6) pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab). Apesar de as mortes terem ocorrido em diversas datas, a confirmação e registro foram realizados nesta data.

No total, o estado tem 1.141.612 casos confirmados desde o início da pandemia, com 24.428 mortes. A taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes adultos com coronavírus é de 69%.

Situação da regulação de Covid-19

Às 12h desta terça-feira, 14 solicitações de internação em UTI Adulto Covid-19 constavam no sistema da Central Estadual de Regulação. Outros 14 pedidos para internação em leitos clínicos adultos Covid-19 estavam no sistema. Este número é dinâmico, uma vez que transferências e novas solicitações são feitas ao longo do dia.

Policlínica Regional de Saúde inaugurada em Brumado atenderá 320 mil baianos de 16 municípios

/ Bahia

Um equipamento de saúde que passa a atender a demanda de 16 municípios para diversas especialidades e alcança, aproximadamente, 320 mil baianos. É nesse contexto que o governador Rui Costa entregou a nova Policlínica Regional de Saúde, em Brumado, nesta segunda-feira (5). Esta é a 18ª unidade do modelo entregue pelo Governo do Estado.

”Esse modelo de gestão compartilhada significa que estamos oferecendo uma qualidade e quantidade de serviços que não seria possível oferecer à população sem a união do Estado e municípios. Se até países muito ricos, como a Alemanha, fazem saúde pública regionalizada para ofertar uma saúde de mais qualidade aos seus habitantes, não seríamos nós, que não temos nem de longe a riqueza desses países, que deixaríamos de fazer”, destacou o governador.

Rui aproveitou a oportunidade para agradecer a parceria dos municípios. ”O funcionamento da Policlínica Regional de Saúde requer uma arquitetura política e institucional em que convida e aglutina prefeitos e prefeitas para, juntos, gerirem e assumirem um equipamento dessa envergadura. Sinto muito orgulho de, juntos, podermos cumprir o importante objetivo de cuidar da saúde do povo baiano”, ressaltou.

A Policlínica localizada em Brumado contou com um investimento de cerca de R$ 28 milhões distribuídos entre os custos da obra e de equipamentos. A obra de construção do prédio foi coordenada pela Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado (Conder). A partir desta terça-feira (6), a população dos municípios consorciados passam a contar com serviços ambulatoriais especializados e exames de alta complexidade.

Juntamente com a Policlínica, foram entregues 10 micro-ônibus para o transporte de pacientes. Para manter o funcionamento da unidade, Governo do Estado também arca com 40% dos custos. Os outros 60% são divididos entre os municípios consorciados, proporcionalmente à população de cada um. Os atendimentos na unidade são realizados por agendamento, o que garante um serviço rápido e sem filas.

A Policlínica Regional em Brumado foi instalada em uma área de 3,2 mil metros quadrados e atenderá nas especialidades de Angiologia, Cardiologia, Endocrinologia, Gastroenterologia, Neurologia, Otorrinolaringologia, Oftalmologia, Urologia, Pequenos Procedimentos Cirúrgicos, Ginecologia, Pneumologia, Dermatologia, Reumatologia, Anestesia e Ortopedia. Também são oferecidas especialidades não médicas: Farmácia Clínica, Enfermagem, Psicólogo e Nutricionista e exames de MAPA, Holter, Ecocardiograma, ergometria, eletrocardiograma, eletroencefalograma, endoscopia digestiva, ultrassonografia Doppler, RX, Ressonância Magnética e Tomografia.

Fazem parte do Consórcio da Policlínica Regional os seguintes municípios: Barra da Estiva, Boquira, Brumado, Caturama, Contendas do Sincorá, Dom Basílio, Érico Cardoso, Ibicoara, Ibipitanga, Ituaçu, Jussiape, Livramento de Nossa Senhora, Paramirim, Rio de Contas, Rio do Pires e Tanhaçu.Além do secretário estadual de Saúde, Fábio Vilas-Boas, participaram da agenda em Brumado o secretário de Relações institucionais, Luiz Caetano; de agricultura, João Carlos Oliveira; e de Educação, Jerônimo Rodrigues.

Bahia registra 1.210 novos casos de Covid-19 e mais 53 óbitos pela doença, diz boletim

/ Bahia

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 1.210 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,1%) e 1.866 recuperados (+0,2%). O boletim epidemiológico desta segunda-feira (5) também registra 53 óbitos. Apesar de as mortes terem ocorrido em diversas datas, a confirmação e registro foram realizados hoje. Dos 1.138.377 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.102.758 já são considerados recuperados, 11.307 encontram-se ativos e 24.312 tiveram óbito confirmado.

boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.377.269 casos descartados e 231.600 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas desta segunda-feira. Na Bahia, 51.004 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 24.312, representando uma letalidade de 2,14%. Dentre os óbitos, 55,76% ocorreram no sexo masculino e 44,24% no sexo feminino. Em relação ao quesito raça e cor, 55,03% corresponderam a parda, seguidos por branca com 22,28%, preta com 15,37%, amarela com 0,42%, indígena com 0,14% e não há informação em 6,76% dos óbitos. O percentual de casos com comorbidade foi de 60,43%, com maior percentual de doenças cardíacas e crônicas (72,80%).

A existência de registros tardios e/ou acúmulo de casos deve-se a sobrecarga das equipes de investigação, pois há doenças de notificação compulsória para além da Covid-19. Outro motivo é o aprofundamento das investigações epidemiológicas por parte das vigilâncias municipais e estadual a fim de evitar distorções ou equívocos, como desconsiderar a causa do óbito um traumatismo craniano ou um câncer em estágio terminal, ainda que a pessoa esteja infectada pelo coronavírus.

Situação da regulação de Covid-19

Às 12h desta segunda-feira, 22 solicitações de internação em UTI Adulto Covid-19 constavam no sistema da Central Estadual de Regulação. Outros 12 pedidos para internação em leitos clínicos adultos Covid-19 estavam no sistema. Este número é dinâmico, uma vez que transferências e novas solicitações são feitas ao longo do dia.

Vacinação

Com 5.110.049 vacinados contra o coronavírus (Covid-19) com a primeira dose, dos quais 1.900.818 receberam também a segunda aplicação, e mais 92.375 vacinados com o imunizante de dose única, até as 17 horas desta segunda-feira, a Bahia é um dos estados do País com o maior número de imunizados. A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) realiza o contato diário com as equipes de cada município a fim de aferir o quantitativo de doses aplicadas e disponibiliza as informações detalhadas no painel https://bi.saude.ba.gov.br/vacinacao/.

Tem se observado volume excedente de doses nos frascos das vacinas contra a Covid-19, o que possibilita a utilização de 11 e até 12 doses em apenas um frasco, assim como acontece com outras vacinas multidoses. O Ministério da Saúde emitiu uma nota que autoriza a utilização do volume excedente, desde que seja possível aspirar uma dose completa de 0,5 ml de um único frasco-ampola. Desta forma, poderá ser observado que alguns municípios possuem taxa de vacinação superior a 100%.

Bahia registra 1.906 novos casos de Covid-19 e mais 24 óbitos pela doença, diz boletim

/ Bahia

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 1.906 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,2%) e 2.076 recuperados (+0,2%). O boletim epidemiológico deste domingo (4) também registra 24 óbitos. Apesar de as mortes terem ocorrido em diversas datas, a confirmação e registro foram realizados hoje. Dos 1.137.167 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.100.892 já são considerados recuperados, 12.016 encontram-se ativos e 24.259 tiveram óbito confirmado.

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.376.092 casos descartados e 231.912 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas deste domingo. Na Bahia, 50.984 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 24.259, representando uma letalidade de 2,13%. Dentre os óbitos, 55,75% ocorreram no sexo masculino e 44,25% no sexo feminino. Em relação ao quesito raça e cor, 54,99% corresponderam a parda, seguidos por branca com 22,28%, preta com 15,40%, amarela com 0,42%, indígena com 0,14% e não há informação em 6,77% dos óbitos. O percentual de casos com comorbidade foi de 60,48%, com maior percentual de doenças cardíacas e crônicas (72,81%).

A existência de registros tardios e/ou acúmulo de casos deve-se a sobrecarga das equipes de investigação, pois há doenças de notificação compulsória para além da Covid-19. Outro motivo é o aprofundamento das investigações epidemiológicas por parte das vigilâncias municipais e estadual a fim de evitar distorções ou equívocos, como desconsiderar a causa do óbito um traumatismo craniano ou um câncer em estágio terminal, ainda que a pessoa esteja infectada pelo coronavírus.

Situação da regulação de Covid-19

Às 12h deste domingo, 16 solicitações de internação em UTI Adulto Covid-19 constavam no sistema da Central Estadual de Regulação. Outros 19 pedidos para internação em leitos clínicos adultos Covid-19 estavam no sistema. Este número é dinâmico, uma vez que transferências e novas solicitações são feitas ao longo do dia.

Vacinação

Com 5.047.711 vacinados contra o coronavírus (Covid-19) com a primeira dose, dos quais 1.890.327 receberam também a segunda aplicação, e mais 81.429 vacinados com o imunizante de dose única, até as 17 horas deste domingo, a Bahia é um dos estados do País com o maior número de imunizados. A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) realiza o contato diário com as equipes de cada município a fim de aferir o quantitativo de doses aplicadas e disponibiliza as informações detalhadas no painel https://bi.saude.ba.gov.br/vacinacao/.

Tem se observado volume excedente de doses nos frascos das vacinas contra a Covid-19, o que possibilita a utilização de 11 e até 12 doses em apenas um frasco, assim como acontece com outras vacinas multidoses. O Ministério da Saúde emitiu uma nota que autoriza a utilização do volume excedente, desde que seja possível aspirar uma dose completa de 0,5 ml de um único frasco-ampola. Desta forma, poderá ser observado que alguns municípios possuem taxa de vacinação superior a 100%.

Governo do Estado entrega equipamentos fortalecem consórcio da Chapada Diamantina

/ Bahia

Estado entrega equipamentos em Andaraí. Foto: Alberto Coutinho

Neste sábado (3), o governador Rui Costa cumpriu agenda de compromissos em Andaraí, na região da Chapada Diamantina, quando entregou equipamentos que serão utilizados pelos 29 municípios que fazem parte do Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento do Circuito do Diamante (Chapada Forte).

”Hoje é a entrega de equipamentos de ônibus escolares, mas é o fortalecimento de uma ideia, de que a união faz a força, faz a diferença. Então, a união dos prefeitos com apoio Governo do Estado pode transformar para melhor, tanto a infraestrutura do Estado, como aumentar e potencializar e organizar as cadeias produtivas, ou seja, fazendo com que a agricultura familiar produza mais com a qualidade melhor e o agricultor familiar possa ganhar mais dinheiro, possa melhorar qualidade de vida e sustentar com dignidade, com bom padrão de vida a sua família”, afirmou o governador.

O investimento de R$ 1,3 milhão, aplicado por meio da Secretaria de Agricultura, garantiu a entrega de um caminhão-pipa, uma motoniveladora, e um trator esteira para o Consórcio Chapada Forte. Rui Costa também entregou a reforma e ampliação da sede do Consórcio Chapada Forte, que contou com investimento de mais de R$ 90 mil.

Também foram entregues sete ônibus escolares que irão atender os municípios de Andaraí, Itaetê, Ruy Barbosa, Boa Vista do Tupim e Iaçu.

Na ocasião, o governador Rui Costa recebeu do Consórcio Chapada Forte o título de cidadão chapadeiro, e comentou o balanço nacional feito pelo portal G1 divulgado neste sábado (3), mostra que, em dois anos e meio de mandato, o governador da Bahia cumpriu 36 promessas de campanha. ”Olha, eu me sinto orgulhoso de mais uma vez, ao longo de seis anos, o meu governo, ser entre os 27 governadores aquele que mais cumpriu o que se comprometeu a fazer, mas nós queremos mais, nós queremos finalizar nosso governo executando praticamente tudo que nós nos comprometemos”.

Autorizações

Durante a agenda em Andaraí, o governador autorizou a Secretaria de Infraestrutura a celebrar convênio com o consórcio Chapada Forte para a realização de serviços de manutenção e conservação de rodovia. O investimento realizado pelo Governo do Estado é de mais de R$ 1,8 milhão.

Ainda foi autorizado que a Secretaria de Desenvolvimento Rural celebre convênio com o Chapada Forte para assistência técnica, extensão rural, regularização fundiária e ambiental, entre outras ações.  Para esta ação foram destinados mais de R$ 7,7 milhões.

Integram o Consórcio Chapada Forte os seguintes municípios: Abaíra, Andaraí, Barra da Estiva, Boninal, Ibicoara, Boa Vista do Tupim, Iraquara, Itaberaba, Itaetê, Lajedinho, Lençóis, Marcionilio Souza, Piatã, Palmeiras, Nova Redenção, Seabra, Mucugê, Souto Soares, Wagner, Bonito, Ibiquera, Iramaia, Nova Redenção, Rio de Contas, Utinga, Piritiba, Novo Horizonte e Macajuba.

Participaram da agenda do governador em Andaraí os secretários de educação, Jerônimo Rodrigues; de Infraestrutura, Marcus Cavalcanti; de agricultura, João Carlos Oliveira; de relações Institucionais, Luiz Caetano; de Desenvolvimento Rural , Josias Gomes e o chefe de gabinete do governador, Cícero Monteiro.

Repórter: Jairo Gonçalves

Bahia registra 3.211 novos casos de Covid-19 e mais 48 óbitos pela doença, diz boletim

/ Bahia

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 3.211 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,3%) e 3.104 recuperados (+0,3%). O boletim epidemiológico deste sábado (3) também registra 48 óbitos. Apesar de as mortes terem ocorrido em diversas datas, a confirmação e registro foram realizados hoje. Dos 1.135.261 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.098.816 já são considerados recuperados, 12.210 encontram-se ativos e 24.235 tiveram óbito confirmado.

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.374.341 casos descartados e 233.011 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas deste sábado. Na Bahia, 50.961 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 24.235, representando uma letalidade de 2,13%. Dentre os óbitos, 55,75% ocorreram no sexo masculino e 44,25% no sexo feminino. Em relação ao quesito raça e cor, 54,98% corresponderam a parda, seguidos por branca com 22,28%, preta com 15,40%, amarela com 0,42%, indígena com 0,14% e não há informação em 6,77% dos óbitos. O percentual de casos com comorbidade foi de 60,50%, com maior percentual de doenças cardíacas e crônicas (72,80%).

A existência de registros tardios e/ou acúmulo de casos deve-se a sobrecarga das equipes de investigação, pois há doenças de notificação compulsória para além da Covid-19. Outro motivo é o aprofundamento das investigações epidemiológicas por parte das vigilâncias municipais e estadual a fim de evitar distorções ou equívocos, como desconsiderar a causa do óbito um traumatismo craniano ou um câncer em estágio terminal, ainda que a pessoa esteja infectada pelo coronavírus.

Bahia registra 3.618 novos casos de Covid-19 e 82 mortes pela doença nas últimas 24h

/ Bahia

A Bahia registrou 3.618 novos casos de Covid-19 e 82 mortes pela doença nas últimas 24 horas, segundo boletim divulgado nesta sexta-feira (2) pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab). Apesar de as mortes terem ocorrido em diversas datas, a confirmação e o registro foram realizados hoje.

No total, o estado contabiliza 1.132.050 casos confirmados da doença desde o início da pandemia, com 24.187 óbitos. A taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes adultos com Covid é de 73% no estado.

Situação da regulação de Covid-19
Às 12h desta sexta-feira, 11 solicitações de internação em UTI Adulto Covid-19 constavam no sistema da Central Estadual de Regulação. Outros 12 pedidos para internação em leitos clínicos adultos Covid-19 estavam no sistema. Este número é dinâmico, uma vez que transferências e novas solicitações são feitas ao longo do dia.

Dinailton Oliveira lança pré-candidatura à presidência da Ordem dos Advogados/Bahia

/ Bahia

Advogado Dinailton Oliveira

O advogado Dinailton Oliveira inicia diálogo com os colegas baianos que atuam nas mais variadas áreas da advocacia, para apresentar a sua intenção de voltar à presidência da Ordem dos Advogados do Brasil-Seccional Bahia (OAB/BA), cargo que ocupou no período de 2004 a 2006. As eleições estão previstas para a segunda quinzena do próximo mês de novembro.

Em nota, Dinailton diz que sua intenção é envidar esforços em defesa das prerrogativas da advocacia e dos interesses corporativos da categoria. ”Nosso propósito é proporcionar aos profissionais, da capital e dointerior do estado, as melhores condições de exercerem suas atividades, para que, assim, possam plenamente atender aos anseios da população”, enfatiza.

Para Dinailton, a pandemia da Covid-19 agravou fortemente a situação dos advogados, no social e no financeiro, o que levou um grupo de colegas a propor seu retorno à direção da entidade. ”Os problemas que afetam o exercício da advocacia, especialmente entre os profissionais mais jovens, vêm se arrastando e se intensificando nos últimos 15 anos”.

Por isso, durante os próximos meses, ele pretende conversar profundamente com a categoria sobre seus desejos, suas expectativas, a fim de que possa definir as estratégias de ações para o mandato.

O período em que Dinailton Oliveira esteve à frente da OAB/BA ficou marcado pela luta em defesa da valorização do advogado com a campanha ‘Justiça Pra valer’, idealizada para exigir a reestruturação

Sesab nega aplicação de vacinas com validade vencida e diz que pode ter ocorrido erro de digitação

/ Bahia

A Secretaria da Saúde do Estado esclarece que não houve aplicação de doses de vacina contra Covid-19 com data de validade vencida em Salvador e outros municípios, a exemplo de Juazeiro, como está sendo erroneamente divulgado.

Conforme explica a superintendente de Vigilância e Proteção da Saúde (Suvisa), Rívia Barros, os imunizantes foram aplicados no prazo de validade, mas a notificação, ou seja, o registro no sistema do Ministério da Saúde ocorreu depois da data de vencimento da vacina.

A Sesab acrescenta que pode também ter acontecido um erro de digitação no sistema do Ministério da Saúde. A Secretaria Municipal da Saúde de Salvador também e afirma que a capital baiana não registra ocorrência de aplicação de doses vencidas.

Lista com vacinas vencidas teria incluído Salvador, Feira, Conquista, Jequié, Jaguaquara, Jiquiriçá

/ Bahia

Lista apresenta oitenta e quatro cidades baianas. Foto: Reprodução

Oitenta e quatro cidades baianas constam na lista dos locais que vacinaram lotes da AstraZeneca, na primeira dose, fora do prazo de validade. No total, 1.217 pessoas no estado vão precisar voltar às unidades de saúde para iniciar a imunização. Em reportagem desta sexta-feira (2), a Folha de São Paulo informou que pelo menos 26 mil doses do imunizante foram aplicadas no país em tempo superior à validade.

Segundo a reportagem, Salvador foi a quinta em número de imunizados com lotes fora do prazo validade, com 824 pessoas na condição. A Secretaria Municipal da Saúde de Salvador no entanto, nega e afirma que a capital baiana não registra ocorrência de aplicação de doses vencidas.

A lista ainda tem Itabuna [78 pessoas], Vitória da Conquista [76], Barreiras [24], Candeias [19], Camaçari [15] e outras 78 cidades. O lote com 70% das doses vencidas foi o 4120Z005 com prazo limite de 14 de abril. Os outros lotes com o problema tem o número e a validade abaixo:

4120Z001 -29.mar
4120Z004 -13.abr
CTMAV501-30.abr
CTMAV505 -31.mai
CTMAV506 -31.mai
CTMAV520 – 31.mai
4120Z025 – 4.jun

A recomendação é que a pessoa que recebeu a vacina com os lotes citados volte de novo ao posto de saúde e peça nova aplicação. Para isso, é preciso esperar até 28 dias da data em que tomou a dose errada. Em 38 cidades do estado, apenas uma pessoa foi vacinada irregularmente. Veja abaixo a lista com as cidades e a quantidade de pessoas que tomou a dose vencida no mesmo município. As informações foram reproduzidas pelo site Bahia Notícias

Salvador     824
Itabuna    78
Vitória da Conquista    76
Barreiras    24
Candeias     19
Camaçari    15
Andorinha    9
Licínio de Almeida    8
Muritiba    8
São Francisco do Conde    8
Feira de Santana    7
Iramaia    6
Itarantim     6
Riachão das Neves    6
Juazeiro    5
São Sebastião do Passé    5
Camacã    4
Capela do Alto Alegre    4
Conceição do Jacuípe    4
Itagi    4
Itaparica    4
Anagé    3
Casa Nova     3
Igrapiúna    3
Lauro de Freitas    3
São Domingos     3
Senhor do Bonfim    3
Banzaê    2
Barra do Rocha    2
Bonito    2
Cândido Sales    2
Glória     2
Ibirataia    2
Irecê    2
Itapebi    2
Itapetinga    2
Jiquiriçá    2
João Dourado    2
Nova Canaã    2
Nova Soure    2
Piraí do Norte    2
Ponto Novo    2
Rui Barbosa    2
Seabra    2
Uauá    2
Aramari    1
Boa Nova     1
Boquira    1
Caém    1
Caetanos    1
Canápolis    1
Capim Grosso    1
Catu    1
Coração de Maria    1
Iaçu     1
Ibicuí    1
Ibirapitanga    1
Ibirapuã    1
Ibititá    1
Ichu    1
Ipecaetá    1
Itatim    1
Itororó    1
Ituaçu    1
Jaguaquara     1
Jequié    1
Jeremoabo    1
Luís Eduardo Magalhães    1
Malhada de Pedras    1
Nova Ibiá    1
Paulo Afonso    1
Pedrão    1
Pedro Alexandre    1
Porto Seguro    1
Santa Cruz Cabrália    1
Santo Antônio de Jesus    1
Santo Estêvão    1
Sento Sé    1
Serra Preta    1
Simões Filho    1
Teixeira de Freitas    1
Terra Nova    1
Valença    1
Wanderley    1

Bahia receberá mais 292.890 vacinas da Pfizer/BioNtech contra Covid até sábado

/ Bahia

A Bahia receberá mais duas remessas de vacinas contra Covid-19 até as 23h50 deste sábado (3), segundo informações da Secretaria Estadual da Saúde (Sesab). Uma remessa, com 107.640 doses do imunizante da Pfizer/BioNtech, está prevista para chegar ao aeroporto de Salvador nesta sexta-feira (2), às 20h30. A outra, com 185.250 imunizantes da Oxford/AstraZeneca, tem previsão de chegada ao aeroporto de Salvador em um voo com pouso marcado para 23h50 de amanhã.

No total, serão mais 292.890 vacinas. As doses da Pfizer/BioNtech serão destinadas para a primeira aplicação, enquanto que as da Oxford/AstraZeneca para o complemento do esquema vacinal.

Os imunizantes devem começar a ser enviados para os municípios baianos ainda neste fim de semana, após conferência da equipe da Coordenação de Imunização do Estado. Eles serão remetidos, exclusivamente, aos municípios que aplicaram 85% ou mais das doses anteriores. Esta foi uma decisão da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), que é uma instância deliberativa da saúde e reúne representantes dos 417 municípios e o Estado.

Com estas duas novas cargas, a Bahia chegará ao total de 8.998.280 doses de vacinas recebidas, sendo 3.360.200 da Coronavac, 4.698.900 da AstraZeneca/Oxford, 847. 080 da Pfizer e 92.100 da Janssen.

Bahia ultrapassa os 5 milhões de vacinados com 1ª dose e dose única contra Covid

/ Bahia

A Bahia ultrapassou nesta sexta-feira (2) a marca de mais de 5 milhões de vacinados com 1ª dose e dose única contra a Covid-19, segundo informações da Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab). O estado tem mais de 5.009.928 imunizados, o que representa 45% da população com 18 anos ou mais a ser imunizada, estimada em 11.035.540.

O secretário estadual da Saúde, Fábio Vilas-Boas, comemorou a marca nas redes sociais e ressaltou a importância da segunda dose da vacina. ”Para a população, fica o meu apelo: Não podemos esquecer de tomar a segunda dose, sendo 28 dias para a Coronavac e 12 semanas para a Astrazeneca/Oxford e Pfizer. A vacina salva vidas!”, escreveu em seu perfil no Twitter.

No mês de junho, a Bahia bateu recorde de vacinação contra a Covid-19. Foram 1.485.438 baianos imunizados com a primeira dose. O mês com mais doses aplicadas, até então, tinha sido março, quando 1.171.096 baianos receberam a primeira injeção.

Cerimônia simbólica do 2 de Julho na capital baiana destaca batalha contra a Covid-19

/ Bahia

Bruno Reis, Rui Costa e Adolfo Menezes. Foto: Betto Jr./Secom

Pelo segundo ano consecutivo devido à Covid-19, a celebração presencial em Salvador ao 2 de Julho, Independência do Brasil na Bahia, foi restrita a um ato simbólico realizado no Largo da Lapinha, na manhã desta sexta-feira (2). Na ocasião, autoridades como o prefeito Bruno Reis e o governador Rui Costa destacaram o esforço realizado por todos os heróis do momento, desde os profissionais de saúde até a população, nesta batalha contra a pandemia. Não à toa, este ano a celebração tem como tema ”A Chama da Esperança”.

”Chegamos a mais um Dois de Julho, dia de muito orgulho para todos nós, baianos, que nossos corações batem mais forte, comemoramos a vitória do nosso povo e prestamos homenagem aos nossos heróis. Infelizmente, devido à pandemia, este é o segundo aos que temos que comemorar a data com as limitações que o momento exige. Já são 16 meses de uma longa batalha que vem se travando contra a pandemia, e neste dia temos que prestar homenagem a todos os heróis dessa batalha”, declarou Bruno Reis.

No discurso, ele completou que Salvador conseguiu chegar até aqui como a capital com um dos menores índices de mortalidade e destacou que está mais perto o retorno às atividades normais. ”Isso se deve ao esforço coletivo de todos: gestores, profissionais envolvidos e população, que muitas vezes, mesmo a contragosto, atendeu à nossa convocação de adotar medidas de isolamento social”.