Lacen registra aumento de 234% no número de casos positivos de Covid-19 na Bahia

/ Bahia

O aumento do número de casos positivos para o vírus da Covid-19 voltou a acender um alerta na Bahia. Com mais de 3 mil exames de RT-PCR analisados diariamente, o Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen-BA) registrou um aumento de 234% na positividade dos testes para detecção da doença em relação ao exames realizados no período entre 1º a 12 de janeiro de 2022. A última vez que o estado atingiu essa marca foi em outubro de 2021.

Coordenadora Técnica dos Laboratórios de Vigilância Epidemiológica, Felicidade Pereira explica que o dado mostra que, a cada 100 exames, o número saltou de 6,55 para 21,93 casos positivos. ”A gente vê hoje que o percentual tem se elevado diariamente e isso atribuímos a essa nova variante Ômicron, o que é muito preocupante. Tínhamos índices baixos de positividade, mas agora já estamos vendo um reflexo de um novo cenário epidemiológico no estado”, alerta.

Até esta quinta-feira (13), o Lacen detectou, por meio de sequenciamento genético, doze amostras da variante Ômicron na Bahia. Esse total representa 12,5% dos 96 sequenciamentos realizados em amostras coletadas no mês de dezembro. Além da identificação da Ômicron, foram detectadas 81 amostras da variante delta e as outras três não foi possível realizar a análise. ”É algo a ser monitorado de forma muito cautelosa para que as medidas sejam baseadas no cenário que venha a se instalar. Mas, de qualquer forma, é necessário destacar que, apesar do aumento da positividade, a gente tem que avaliar também o cenário do atendimento da rede hospitalar”, explica.

Mais de 1,7 milhão de testes realizados

A Bahia já realizou mais de 1,7 milhão de testes RT-PCR, para detecção de Coronavírus, através do Lacen. Somente no período entre 01 de março de 2021 e 12 de janeiro de 2022, foram realizados 1.744,163 testes do tipo RT-PCR, que é o padrão ouro para identificar a infecção por Coronavírus. Para a secretária da Saúde, Tereza Paim, é necessário continuar ampliando as medidas de proteção e a ampla testagem. ‘É de extrema importância que a população complete o ciclo vacinal e respeite as medidas de prevenção como o uso da máscara e do álcool em gel. Estamos em um momento epidemiológico complicado, a população precisa compreender que a pandemia ainda não acabou”, destaca.

Vacinação

Apesar do aumento do número de infectados, a efetividade da vacinação tem sido uma aliada no processo de combate à Covid-19 na Bahia. ”A vacina foi nossa grande aliada no combate a esse vírus e ela é bastante efetiva no que se refere aos casos graves. A gente vê que os casos graves estão bem reduzidos e isso se dá graças a vacina, já que hoje as pessoas que estão agravando por caso de infecção de Covid-19 são aquelas que não estão vacinadas”, conclui.

O boletim epidemiológico da última quarta-feira (12) mostrou que, até o momento, o estado possui 10.853.508 pessoas vacinadas com a primeira dose da vacina, 261.283 com a dose única, 8.940.457 com a segunda dose e 1.652.456 com a dose de reforço. As informações são da Sesab

Casos ativos de Covid na Bahia superam o registrado durante pico da terceira onda

/ Bahia

A Secretaria Estadual de Saúde (Sesab) fez um alerta na última quarta-feira (12). O boletim epidemiológico divulgado ontem mostrou que a Bahia voltou a superar a marca de 6 mil casos ativos de Covid-19.

Com 6.174 pessoas infectadas pela doença, o número é maior que o registrado durante o pico da terceira onda no estado. A última vez em que a Bahia teve uma quantidade de casos ativos próximo ao atual foi em 31/07/2021, quando havia 6.075.

O percentual de leitos ocupados atualmente no estado também é maior do que o registrado na época. Porém, o número de leitos abertos agora é consideravelmente menor.

Hoje, a taxa de ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) destinados ao tratamento de Covid na Bahia está em 63%, o que representa 353 dos 564 leitos disponíveis. Enquanto isso, naquele 31 de julho do ano passado, a taxa de ocupação era menor, estava em 53%. Porém haviam 1423 leitos abertos, o que significa que 753 estavam ocupados.

Bahia registra mais 1.610 casos de Covid-19 e 12 óbitos pela doença, diz boletim da SESAB

/ Bahia

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 1.610 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,13%) e 917 recuperados (+0,07%). O boletim epidemiológico desta quarta-feira (12) também contabiliza 12 óbitos. Dos 1.281.737 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.247.935 já são considerados recuperados, 6.174 encontram-se ativos e 27.628 tiveram óbito confirmado. A última vez que a Bahia teve um número de ativos próximo ao de hoje foi em 31/07/21, quando havia 6.075. Os dados ainda podem sofrer alterações devido à instabilidade do sistema do Ministério da Saúde. A base ministerial tem, eventualmente, disponibilizado informações inconsistentes ou incompletas.

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.705.789 casos descartados e 275.672 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até às 17 horas desta quarta-feira. Na Bahia, 53.156 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

Vacinação

Até o momento temos 10.853.508 pessoas vacinadas com a primeira dose, 261.283 com a dose única, 8.940.457 com a segunda dose e 1.652.456 com a dose de reforço.

Seinfra libera tráfego de veículos na BA-130, entre Ibicuí e Ibitupã, após fortes chuvas na região

/ Bahia

A passagem de veículos no KM 35 da BA-130, que liga Ibicuí a Ibitupã, foi autorizada pela Secretaria de Infraestrutura da Bahia (Seinfra) nesta terça-feira (11). Os serviços de recomposição do bueiro, que rompeu devido ao volume das chuvas na região, foram concluídos e permitiram a liberação total do tráfego na via.

Nesta terça (11), o órgão também realizou ações em outras três rodovias estaduais: na BA-262, que liga Ilhéus a Uruçuca; na BA-972, em Coaraci, entre a sede municipal e os distritos de Itamotinga e Cafundó; e no acesso a Floresta Azul.

Na BA-634 foi registrado um deslizamento de terra entre Tomba e Ribeirão do Largo, e a Seinfra já está deslocando equipe e equipamentos para a limpeza da pista. O trânsito no local está parcialmente interrompido.

Desde o mês de dezembro, a Secretaria de Infraestrutura tem executado ações para retomar a circulação de veículos nas rodovias afetadas pelas chuvas. O reparo das vias permitiu ao órgão liberar o tráfego parcialmente ou totalmente em 59 dos 72 trechos atingidos.

A lista com as condições de trafegabilidade dos trechos de rodovias baianas afetados pelas fortes chuvas das últimas semanas (72) está disponível neste link.

Incêndio atinge casarão no bairro de Nazaré, em Salvador; situação foi registrada por moradores

/ Bahia

Casarão pegou fogo na noite desta terça. Foto: Redes Sociais

Um incêndio atingiu um casarão antigo na noite desta terça-feira (11), no bairro de Nazaré, em Salvador. Segundo informações de testemunhas, o imóvel fica na Avenida Joana Angélica, na região do Campo da Pólvora. Não há informações sobre feridos.

A situação foi registrada por moradores e pôde ser vista de outros bairros, como o Garcia, por exemplo. O incêndio atraiu curiosos que observaram as chamas que atingiam o imóvel. Não há informações se tinham pessoas no casarão.

Não há detalhes sobre o que provocou o incêndio. O Corpo de Bombeiros foi acionado para atuar no combate às chamas.

De acordo com moradores da região, os bombeiros precisaram acessar a garagem de um prédio vizinho para alcançarem o local do incêndio. Ainda segundo os moradores, o prédio é abandonado.

O trânsito na Avenida Joana Angélica precisou ser parcialmente interditado para atuação dos bombeiros. Equipes da Transalvador foram encaminhados para montarem um desvio de veículos e orientar motoristas que passam pelo local.

Nas rede sociais, moradores da região que viram as chamas se assustaram com a situação e repercutiram o caso. As informações são do G1

Bahia registra mais 2.152 casos de Covid-19 e 9 óbitos pela doença, diz boletim da Sesab

/ Bahia

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 2.152 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,17%) e 1.149 recuperados (+0,09%).

A última vez que o número de novos casos havia ultrapassado 2 mil foi em 29 de julho de 2021, quando houve 2.025 registros. O boletim epidemiológico desta terça-feira (11) também contabiliza 9 óbitos.

Dos 1.280.127 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.247.018 já são considerados recuperados, 5.493 encontram-se ativos e 27.616 tiveram óbito confirmado. Os dados ainda podem sofrer alterações devido à instabilidade do sistema do Ministério da Saúde. A base ministerial tem, eventualmente, disponibilizado informações inconsistentes ou incompletas.

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.704.212 casos descartados e 273.381 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até às 17 horas desta terça-feira. Na Bahia, 53.064 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

Vacinação

Até o momento temos 10.846.001 pessoas vacinadas com a primeira dose, 261.130 com a dose única, 8.918.740 com a segunda dose e 1.608.463 com a dose de reforço.

Prefeita de Lauro de Freitas reduz público em eventos privados na cidade para mil pessoas

/ Bahia

Decreto de Moema vale até o dia 30 de janeiro. Foto: Divulgação

O público máximo permitido em eventos privados realizados no município de Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador, passa a ser de mil pessoas ou 50% da capacidade de ocupação do espaço.

O decreto nº 4.956, da prefeita Moema Gramacho, publicado no Diário Oficial do município (DOM) de segunda-feira (10), visa evitar aglomerações e reduzir o número de casos ativos da Covid-19 na cidade, que aumentou em 190% nos últimos trinta dias.

A medida é válida até o dia 30 de janeiro e mantém ainda a suspensão de todos os eventos públicos ou apoiados pela Prefeitura, a exemplo de lavagens, eventos calendarizados e Carnaval de rua, que este ano mais uma vez não será realizado no município. Também segue valendo a exigência de comprovante de vacinação de contribuintes e servidores municipais para acessar instituições públicas.

Decreto reduz para 3 mil pessoas o número máximo de público em eventos e estádios na Bahia

/ Bahia

Após reunião realizada no fim da manhã desta segunda-feira (10), o governador Rui Costa decidiu reduzir para até 3 mil o número máximo de pessoas em eventos em todo o território baiano, incluindo estádios de futebol. O novo decreto será publicado na edição desta terça-feira (11) do Diário Oficial do Estado (DOE) e substitui o atual, que permite até 5 mil pessoas em eventos e teria validade até o dia 14 de janeiro.

De acordo com o governador, dois parâmetros foram determinantes para a decisão. ”Estamos lidando com uma situação de pré-colapso nas emergências municipais, UPAs, postos de saúde e nas emergências dos hospitais estaduais, assim como uma verdadeira explosão do número de casos ativos. Estamos lidando com essa pandemia desde março de 2020 e, com a experiência desse tempo, ficou comprovado que toda vez que se restringe o contato, restringimos o contágio. Esperamos que essa medida sirva de alerta também para quem organiza eventos, que passem a exigir o atestado de vacinação com maior rigor”, afirmou.

Além do número máximo de 3 mil pessoas, os eventos devem obedecer à regra de lotação máxima de 50% da capacidade de cada local. Serão mantidas no novo decreto as obrigatoriedades da comprovação de vacinação contra a Covid-19 e do uso de máscara pelo público e demais participantes dos eventos. Essa exigência se estenderá para bares e restaurantes que, a partir de agora, devem exigir dos clientes o comprovante de vacinação.

”É importante que todos ajudem, comerciantes, donos de bares e restaurantes, que exijam o uso de máscara e o comprovante de vacinação para entrada em seus estabelecimentos. Dessa forma, vocês estarão protegendo a saúde das pessoas e também os seus negócios, sua atividade econômica. Se todo mundo ajudar, a gente sai dessa situação rapidamente”, acrescentou Rui.

A decisão pelo reforço de medidas de maior restrição ocorre para tentar conter o aumento de casos de infecção pelo coronavírus. O número de casos ativos na Bahia já ultrapassa a marca dos 4 mil, de acordo com o boletim mais recente divulgado pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesab).

O governador falou também sobre a possibilidade de ampliação dos leitos de UTI na Bahia. “Nós estamos ampliando os leitos para Covid nos hospitais existentes, o Espanhol, Metropolitano e Couto Maia, e também para receber pacientes graves de H3N2. Estamos separando alas diferentes para atender os infectados dessa doença [H3N2] que tem crescido muito também e é muito contagiosa”, disse.

Participaram da reunião os secretários estaduais da Saúde, Tereza Paim, e da Casa Civil, Carlos Mello, e o procurador-geral do Estado, Paulo Moreno.

Estado da Bahia tem 166 municípios em situação de emergência após chuva, diz Defesa Civil

/ Bahia

A Bahia contabiliza 166 municípios em situação de emergência devido às enchentes que ocorreram em diversas regiões do Estado em razão da forte chuva que caiu no final de dezembro de 2021. O número total de pessoas atingidas é de 850.445.

De acordo dados desta segunda-feira (10) da Superintendência de Proteção e Defesa Civil da Bahia (Sudec), ao todo, são 26.606 desabrigados, 60.099 desalojados, duas pessoas desaparecidas, 26 mortos e 521 feridos.

Ainda segundo a Sudec, estes números correspondem às ocorrências registradas em 177 municípios afetados pela chuva.

As localidades com vítimas fatais são: Amargosa (2), Itaberaba (2), Itamaraju (4), Jucuruçu (3), Macarani (1), Prado (2), Ruy Barbosa (1), Itapetinga (1), Ilhéus (3), Aurelino Leal (1), Itabuna (2), São Félix do Coribe (2), Ubaitaba (1) e Belo Campo (1).

Municípios com decreto de situação de emergência:

1.AIQUARA
2.ALCOBAÇA
3.AMARGOSA
4.AMÉLIA RODRIGUES
5.ANAGÉ
6.ANDARAÍ
7.ANGICAL
8.APUAREMA
9.ARATACA
10.AURELINO LEAL
11.BAIXA GRANDE
12.BARRA DO CHOÇA
13.BARRA DO MENDES
14.BARRA DO ROCHA
15.BARRO ALTO
16.BELMONTE
17.BELO CAMPO
18.BOA NOVA
19.BOA VISTA DO TUPIM
20.BOM JESUS DA SERRA
21.BREJÕES
22.BREJOLÂNDIA
23.BRUMADO
24.BUERAREMA
25.CAATIBA
26.CACHOEIRA
27.CAETANOS
28.CAMACÃ
29.CAMAMU
30.CANAVIEIRAS
31.CÂNDIDO SALES
32.CARAÍBAS
33.CARAVELAS
34.CARINHANHA
35.CATURAMA
36.COARACI
37.COCOS
38.CONCEIÇÃO DO ALMEIDA
39.CONDEÚBA
40.CORDEIROS
41.COTEGIPE
42.CRAVOLÂNDIA
43.CRISTÓPOLIS
44.DÁRIO MEIRA
45.DOM BÁSILIO
46.ENCRUZILHADA
47.ENTRE RIOS
48.EUNÁPOLIS
49.FEIRA DE SANTANA
50.FIRMINO ALVES
51.FLORESTA AZUL
52.GANDÚ
53.GONGOGI
54.GUARATINGA
55.IAÇU
56.IBICARAI
57.IBICOARA
58.IBICUÍ
59.IBIPEBA
60.IBIRAPITANGA
61.IBIRAPUÃ
62.IBIRATAIA
63.IBITIARA
64.IGRAPIUNA
65.IGUAÍ
66.ILHÉUS
67.IPIAÚ
68.IRAJUBA
69.IRAMAIA
70.ITABELA
71.ITABERABA
72.ITABUNA
73.ITACARÉ
74.ITAETÉ
75.ITAGI
76.ITAGIMIRIM
77.ITAJU DO COLÔNIA
78.ITAJUÍPE
79.ITAMARAJU
80.ITAMARI
81.ITAMBÉ
82.ITANHÉM
83.ITAPÉ
84.ITAPEBI
85.ITAPETINGA
86.ITAPITANGA
87.ITAQUARA
88.ITARANTIM
89.ITORORÓ
90.ITUBERÁ
91.JAGUAQUARA
92.JEQUIÉ
93.JIQUIRIÇÁ
94.JITAÚNA
95.JUCURUÇU
96.JUSSARI
97.JUSSIAPE
98.LAFAIETE COUTINHO
99.LAGOA REAL
100.LAJE
101.LAJEDÃO
102.LENÇÓIS
103.LIVRAMENTO DE NOSSA SENHORA
104.MACARANI
105.MACAÚBAS
106.MAETINGA
107.MANOEL VITORINO
108.MARAGOGIPE
109.MARCIONÍLIO DE SOUZA
110.MASCOTE
111.MEDEIROS NETO
112.MILAGRES
113.MIRANTE
114.MUCUGÊ
115.MUCURI
116.MUNDO NOVO
117.MUTUÍPE
118.NAZARÉ
119.NILO PEÇANHA
120.NOVA CANAÃ
121.NOVA ITARANA
122.NOVA VIÇOSA
123.NOVO HORIZONTE
124.PALMAS DE MONTE ALTO
125.PARAMIRIM
126.PARATINGA
127.PAU BRASIL
128.PIRAÍ DO NORTE
129.PIRIPÁ
130.PLANALTO
131.POÇÕES
132.PORTO SEGURO
133.POTIRAGUÁ
134.PRADO
135.PRESIDENTE JÂNIO QUADROS
136.PRESIDENTE TANCREDO NEVES
137.RIACHO DE SANTANA
138.RIBEIRA DO POMBAL
139.RIBEIRÃO DO LARGO
140.RIO DE CONTAS
141.RIO DO PIRES
142.RUY BARBOSA
143.SANTA CRUZ CABRÁLIA
144.SANTA CRUZ DA VITÓRIA
145.SANTA INÊS
146.SANTA MARIA DA VITÓRIA
147.SANTANA
148.SANTANÓPOLIS
149.SÃO FÉLIX
150.SÃO FÉLIX DO CORIBE
151.SERRA DOURADA
152.TABOCAS DO BREJO VELHO
153.TANHAÇU
154.TAPEROÁ
155.TEIXEIRA DE FREITAS
156.TEOLÂNDIA
157.TREMEDAL
158.UBAÍRA
159.UBAITABA
160.UBATÃ
161.URUÇUCA
162.VALENÇA
163.VEREDA
164.VITÓRIA DA CONQUISTA
165.WANDERLEY
166.WENCESLAU GUIMARÃES

Bahia registra mais 367 novos casos de Covid-19 e 15 óbitos pela doença, diz Sesab

/ Bahia

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 367 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,03%) e 314 recuperados (+0,03%). O boletim epidemiológico desta segunda-feira (10) também registra 15 mortes. De acordo com a Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), de 1.277.975 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.245.869 são considerados recuperados, 4.499 encontram-se ativos e 27.607 pessoas tiveram óbito confirmado devido à doença.

O boletim epidemiológico da Sesab contabiliza ainda 1.701.099 casos descartados e 271.377 em investigação. Ainda segundo a secretaria, estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde, até as 17 horas desta segunda-feira. Na Bahia, 52.958 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19.

Conforme a Sesab, estes dados ainda podem sofrer alterações devido à instabilidade do sistema do Ministério da Saúde. A base ministerial tem, eventualmente, disponibilizado informações inconsistentes ou incompletas.

Vacinação

A secretaria ainda informa que a Bahia tem 10.836.914 pessoas vacinadas contra Covid-19 com a primeira dose, 260.867 com a dose única, 8.902.277 com a segunda dose e 1.588.035 com a dose de reforço.

Bahia registra 776 casos de Covid-19 e mais 3 óbitos pela doença em 24 horas, diz boletim

/ Bahia

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 776 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,06%) e 428 recuperados (+0,03%). O boletim epidemiológico deste domingo (9) também registra 3 óbitos. Dos 1.277.608 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.245.555 já são considerados recuperados, 4.461 encontram-se ativos e 27.592 tiveram óbito confirmado. Os dados ainda podem sofrer alterações devido à instabilidade do sistema do Ministério da Saúde. A base ministerial tem, eventualmente, disponibilizado informações inconsistentes ou incompletas.

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.700.104 casos descartados e 271.434 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até às 17 horas deste domingo. Na Bahia, 52.949 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

Vacinação

Até o momento temos 10.832.886 pessoas vacinadas com a primeira dose, 260.867 com a dose única, 8.892.033 com a segunda dose e 1.559.922 com a dose de reforço.

Bahia tem 850 mil atingidos por chuvas, informa Defesa Civil em balanço neste sábado

/ Bahia

Com base em informações recebidas das prefeituras, a Superintendência de Proteção e Defesa Civil da Bahia (Sudec) atualizou, na tarde deste sábado (8), os números referentes à população atingida pelas enchentes que ocorrem em diversas regiões do estado. São 26.607 desabrigados, 61.516 desalojados, 02 desaparecidos, 26 mortos e 520 feridos. O número total de atingidos chega a 850.424 pessoas.

Os números correspondem às ocorrências registradas em 176 municípios afetados. É importante destacar que, desse total, 165 estão com decreto de situação de emergência. O último decretado foi o município de Caraíbas.

As localidades com vítimas fatais são: Amargosa (2), Itaberaba (2), Itamaraju (4), Jucuruçu (3), Macarani (1), Prado (2), Ruy Barbosa (1), Itapetinga (1), Ilhéus (3), Aurelino Leal (1), Itabuna (2), São Félix do Coribe (2), Ubaitaba (1) e Belo Campo (1).

Bahia registra 1.543 casos de Covid-19 e mais 15 óbitos pela doença em 24 horas, diz Sesab

/ Bahia

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 1.543 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,12%) e 783 recuperados (+0,06%). O boletim epidemiológico deste sábado (8) também registra 15 óbitos. Dos 1.276.832 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.245.127 já são considerados recuperados, 4.116 encontram-se ativos e 27.589 tiveram óbito confirmado. Os dados ainda podem sofrer alterações devido à instabilidade do sistema do Ministério da Saúde. A base ministerial tem, eventualmente, disponibilizado informações inconsistentes ou incompletas.

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.698.396 casos descartados e 271.748 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até às 17 horas deste sábado. Na Bahia, 52.914 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

Vacinação

Até o momento temos 10.832.691 pessoas vacinadas com a primeira dose, 260.844 com a dose única, 8.890.604 com a segunda dose e 1.556.019 com a dose de reforço.

Covid: Mais de 80% dos pacientes em UTIs na Bahia não tomaram vacina, diz Sesab

/ Bahia

Secretaria de Saúde da Bahia, Tereza Paim. Foto: Sesab

Mais de 80% dos internados nas UTIs não tomaram vacina contra a Covid-19, diz a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab). Em postagem nas redes sociais, nesta quinta-feira (6), a pasta ainda afirma que a tendência de crescimento se acentuou tanto na rede SUS, em toda a Bahia, quanto na rede privada de Salvador.

Na Bahia, dos 525 leitos de UTIs para adultos, 294 estão ocupados, o que representa 56% de ocupação. Nesta quinta-feira, o boletim epidemiológico da Sesab contabilizou 1.288 novos casos de Covid-19 e quatro mortes.