Candidato a vereador morre após ser atacado durante live; autor é irmão do prefeito, diz polícia

/ Brasil

Cassio Remis (PSDB) era candidato a vereador. Foto: Rede social

Um candidato a vereador na cidade de Patrocínio, interior de Minas Gerais, Cassio Remis (PSDB), foi morto a tiros na tarde desta quinta-feira (24), após ser atacado durante uma live. De acordo com a polícia, o autor do crime é Jorge Marra, irmão do prefeito da cidade. As informações são do G1

Antes de morrer, a vítima estava na Avenida João Alves do Nascimento mostrando o processo de revitalização quando alegou na transmissão ao vivo que funcionários da Prefeitura eram usados para fazer serviços particulares em frente a uma residência que seria o comitê de campanha do atual prefeito, Deiró Moreira Marra. Nesse momento, o assassino saiu de um veículo, tomou o aparelho da vítima e voltou ao carro.

Segundo o tenente-coronel Salomão Queiroz Caixeta, em seguida Remis foi atrás de Jorge Marra, que se dirigiu à Secretaria de Obras. Na porta do local, o candidato tentou pegar o telefone de volta, mas Marra atirou e fugiu.

Atualmente, Jorge Marra ocupa o cargo de secretário de Obras. Após o crime, a Prefeitura informou que se pronunciaria durante coletiva para a imprensa

Os comentários estão fechados.