Bolsonaro diz que haverá novo reajuste nos combustíveis; Petróleo já subiu quase 4%

/ Economia

Jair anuncia novo aumento dos combustíveis. Foto: Anderson Riedel

O presidente Jair Bolsonaro afirmou neste domingo que os combustíveis devem ter novo reajuste devido à alta recente do petróleo. Desde o último aumento da gasolina, o petróleo já subiu quase 4%. Nesta segunda-feira, o barril do tipo Brent, referência no mercado internacional, segue em alta, cotado a US$ 86,35 o barril.

A Petrobras anunciou reajuste de 7,2% da gasolina em 8 de outubro. O novo preço nas refinarias passou a valer no dia seguinte, um sábado. No ano, o preço do combustível já subiu 62% para as distribuidoras.

Para o consumidor final, o reajuste é diferente, pois reflete o lucro das distribuidoras e impostos. Segundo a Agência Nacional do Petróleo, o preço médio da gasolina no país alcançou R$ 6,36 o litro. Em algumas cidades, já passou de R$ 7.

Os comentários estão fechados.