Educação: Corte de bolsas pela Capes atinge programas de pós-graduação da UESB

/ Educação

A Uesb recebeu na quinta (9), Ofício Circular da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) no qual foi informado que a Diretoria Executiva (DEX) da CAPES decidiu em reunião realizada em 3 de maio de 2019 recolher as bolsas e taxas escolares não utilizadas no último mês de abril concedidas no âmbito dos seguintes programas de fomento da CAPES: a) Programa de Demanda Social (DS); b) Programa de Excelência Acadêmica (PROEX); c) Programa de Suporte à Pós-Graduação de Instituições Comunitárias de Ensino Superior (PROSUC); d) Programa de Suporte à Pós-Graduação de Instituições de Ensino Particulares (PROSUP); e) Programa Nacional de Pós-Doutorado (PNPD/CAPES). No âmbito da Uesb, a decisão da Capes atingiu o Programa de Demanda Social e o Programa Nacional de Pós-Doutorado.

A decisão de ”recolher as bolsas […] não utilizadas no último mês de abril” foi efetivada sem qualquer comunicado prévio às instituições. Com isso, alguns programas que se encontravam em processo de remanejamento de bolsas, em função de seus calendários próprios de defesas e de ingressos, tiveram recolhidas bolsas que são fundamentais para o desenvolvimento e fortalecimento de suas atividades acadêmicas.

No total, a Capes reteve 7 bolsas dos programas de pós-graduação da Uesb: 6 bolsas de mestrado (Demanda Social, R$1.500,00/mês) e 1 bolsa de pós-doutorado (PNPD, R$ 4.100,00/mês). Os programas mais diretamente atingidos foram os de Mestrado em Letras: Cultura, Educação e Linguagens, Mestrado em Química e o de Mestrado e Doutorado em Zootecnia. A Reitoria e a Pró-Reitoria de Pesquisa de Pesquisa e Pós-Graduação da Uesb informam que permanecerão em contato permanente com os fóruns representativos das Universidades Públicas Federais e Estaduais buscando, conjuntamente, articular formas de reverter a decisão da Capes que impacta negativamente no desenvolvimento da pesquisa, da tecnologia e da cultura no Brasil. Fonte: ASCOM/UESB

Leur Lomanto Jr. diz que o Governo da Bahia não deu assistência ao Distrito Industrial de Jequié

/ Jequié

Leur brada contra o Governo da Bahia. Foto: Blog Marcos Frahm

Um discurso inflamado, sem poupar críticas ao Governo da Bahia. Foi assim que se posicionou o deputado federal Leur Lomanto Jr. (MDB), durante Audiência Pública na Câmara de Jequié, proposta pelo vereador Gutinha (MDB), seu correligionário político na cidade para discutir os problemas estruturantes do Distrito Industrial da Cidade Sol. Leur bradou contra o Governo, ao afirmar que a precariedade do local, com vias de acesso as empresas instaladas na área completamente esburacadas e outras deficiências é resultado da falta de assistência do Estado.

”As pessoas cobram dos representantes de Jequié, mas se o Distrito Industrial está abandonado, jogado as traças é por culpa do Governo da Bahia”. Para Leur, que anunciou a destinação de R$1,5 milhão para colaborar com a Associação Comercial e Industrial nas obras de requalificação, a situação do local impede que novas empresas se instalem em Jequié. ”São 60 empresas instaladas no Distrito Industrial, a mola propulsora do desenvolvimento econômico, da geração de emprego em Jequié e não pode continuar como se encontra, sem gerar poder de atração para que novas empresas possam se instalar. São ruas esburacadas, sem iluminação, sem a infraestrutura adequada”.

O deputado também relatou ter sido informado de questões relacionadas a segurança pública no local, com o registro de assaltos e que já havia alertado o Estado para a situação. ”Por várias vezes, quando eu exercia o mandado de deputado estadual, juntamente com o deputado Euclides fomos em secretarias, mostrar ao governo os problemas do distrito industrial”, disse Leur, que foi aplaudido pelo público presente.

Euclides diz não ser ilusionário e que é preciso ação para resolver os problemas do Distrito Industrial

/ Jequié

Deputado diz que discurso não resolve. Foto: Blog Marcos Frahm

O deputado estadual Euclides Fernandes (PDT) disse não ter perfil ilusionário ao discursar no plenário da Câmara de Jequié, durante Audiência Pública que discutiu sobre a situação do Distrito Industrial do município. O evento foi realizado objetivando buscar soluções para a reestruturação do local, com execução de serviços de pavimentação e outras ações que possam melhorar a infraestrutura da área onde estão instaladas grandes empresas geradoras de emprego em Jequié.

No quarto mandato, Euclides afirmou ser defensor de Jequié, colocou o seu mandato a disposição da Associação Comercial e Industrial e prometeu empenho para levar representantes da entidade ao secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, o vice-governador João Leão (PP), para que a demanda seja atendida também pelo Estado. ”Não sou ilusionário, pois não é discurso que resolve problemas, e sim ação. Por tanto, a situação do Distrito Industrial é muito mais complexa. Para deixar o local bem preparado, é preciso obras de asfaltamento, drenagem, iluminação e uma série de outras ações”.

Euclides cobrou participação efetiva de políticos que tem verba impositiva, se referindo aos deputados federais votados em Jequié e disse que cobrará também o apoio o deputado Jorge Sola (PT), votado em dobradinha com ele nas eleições de 2018 para que destine emenda parlamentar para ajudar na requalificação do Distrito Industrial. ”Vamos abraçar a classe empresarial, que gera emprego e impulsiona a economia local. Se a Ramarim fechar, por exemplo, gera desemprego e é lá que ela e outras empresas estão instaladas”. Fernandes ganhou elogios do deputado federal Leur Lomanto Jr. (MDB), que disse ser prova do esforço de Euclides para que o Governo da Bahia priorize a questão.

Zé Coá propõe união de forças para obra de requalificação do Distrito Industrial

/ Jequié

Cocá garante emenda de Cacá Leão. Foto: Blog Marcos Frahm

O deputado estadual Zé Cocá (PP) propõe união de forças para buscar recursos para  a requalificação do Distrito Industrial de Jequié, que encontra-se com vias de acesso as empresas instaladas na área em péssimas condições.

Ao participar de audiência Pública para discutir o assunto, nesta sexta-feira (10), na Câmara de Jequié, Cocá falou em união ao citar nominalmente as outras lideranças políticas presentes, como o deputado estadual Euclides Fernandes (PDT), o deputado federal Leur Lomanto Jr. (MDB) e o prefeito da cidade, Sérgio da Gameleira (PSB), além dos 19 vereadores presentes no evento.

”Como disse o prefeito, está de parabéns o vereador Gutinha por não pensar em questão partidária e promover esse encontro. Hoje eu sei da força que a Associação Comercial e Industrial de Jequié tem. Vocês estão plantando uma semente. Precisamos nos unir em buscar da solução para os problemas”. O deputado se predispões a ajudar a entidade que representa o Distrito Industrial e garantiu, em discurso, que o deputado federal Cacá Leão (PP), seu colega de partido, embora não tenha sido votado em Jequié destinará R$ 500 mil em emenda para a execução da obra.

Distrito Industrial: Prefeito garante emenda de R$ 1 mi de deputado e coloca gestão à disposição

/ Jequié

Sérgio participou de audiência Pública. Foto: Blog Marcos Frahm

O prefeito de Jequié, Sérgio da Gameleira (PSB) colocou sua gestão à disposição das lideranças empresariais e da Câmara de Vereadores do município para buscar apoio do Governo do Estado em relação aos problemas estruturantes do Distrito Industrial, onde estão instaladas grandes empresas que geram empregos na Cidade Sol.

”Podem contar com a nossa gestão, com o apoio da Prefeitura, dentro de suas limitações, para que possamos buscar soluções para os problemas do Distrito Industrial”. Gameleira ainda elogiou a ação do vereador Gutinha (MDB), autor do requerimento que resultou na Audiência Pública e afirmou que o parlamentar foi sábio em convocar lideranças políticas de diferentes grupos para discutir a situação. ”A questão deve ser tratada dessa forma mesmo, com uma ação suprapartidária”.

O gestor de Jequié garantiu que o deputado federal Paulo Magalhães (PSD), seu correligionário político, destinará emenda parlamentar no valor de R$ 1 milhão para investimento na obra de requalificação que é pleiteada pela Associação Comercial e Industrial de Jequié.

Jequié: Audiência sobre Distrito Industrial resulta em emendas parlamentares e documentos

/ Jequié

Audiência foi proposta pelo vereador Gutinha. Fotos: BMFrahm

A Câmara Municipal de Jequié, atendendo proposta do vereador Gutinha, promoveu uma Audiência Pública, nesta sexta-feira (10), com a participação maciça de empresários, representantes da sociedade civil organizada, órgãos públicos, classe política e população em geral, sobre a situação do Distrito Industrial de Jequié. A reunião foi realizada com a finalidade de encontrar soluções práticas a serem implementadas com vistas à reestruturação do local, a partir da execução de obras de pavimentação asfáltica e outras providências, como a requalificação dos passeios, sinalização, iluminação das vias públicas, além de medidas de segurança.

Deputados Zé Cocá, Leur e Euclides Fernandes marcaram presença

A reunião foi bastante representativa e muito produtiva, com vereadores, prefeito, deputados, empresários expressando suas opiniões e sugestões, ficando evidenciado, a partir dos depoimentos, de que providências urgentes devem ser adotadas para evitar maiores prejuízos, haja vista, a situação, considerada deplorável, e do conhecimento do governador do Estado, se arrasta a mais de 10 anos, ficando decidido que será enviado um documento e agendada uma audiência com o secretário de desenvolvimento econômico e vice-governador João Leão, para que esteve viabilize um encontro com o governador Rui Costa a fim de concretizar as soluções para as demandas do Distrito.

Audiência contou com a participação de todos os vereadores

Também ficou acertado que alguns deputados federais vão direcionar recursos oriundos de Emenda Parlamentar para a execução de obras. O deputado federal Leur Lomanto Jr. anunciou a destinação de R$1,5 milhão, enquanto o representante do deputado federal Paulo Magalhães garantiu R$1 milhão e o deputado Cacá Leão R$ 500 mil. A representação do deputado federal Antônio Brito informou que o mesmo, em breve estará na cidade, quando divulgar o montante que disponibilizará. Outros parlamentares também deverão se comprometer com o direcionamento de emendas.

Grande público compareceu à Câmara durante audiência pública

”A Câmara cumpre seu papel ao promover mais uma importante Audiência Pública em busca de alternativas para os problemas da cidade”, disse o vereador Gutinha, que se diz muito satisfeito com o resultado do encontro. “A ideia é manter a mobilização e buscar que o Governo do Estado faça sua parte no sentido de assegurar a reestruturação do Distrito Industrial de Jequié, que abriga 60 empresas e emprega cerca de 8 mil pessoas”, completou.

Distribuidora de combustíveis apresenta projeto para investir R$ 14 milhões em Jequié

/ Jequié

Dirigentes da empresa detalharam o projeto. Foto: Secom

A empresa baiana LARCO especializada na distribuição de combustíveis, com plano de ampliar sua estrutura operacional no Nordeste, apresentou na quinta-feira (9), em reunião na sede do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (INEMA), projeto que prevê investimento da ordem de R$ 14 milhões, na construção de uma base em Jequié, com a geração numa primeira etapa de 70 empregos diretos.

O projeto em sua fase de ampliação pode chegar a 130 vagas, ao longo da execução das obras.  Falando do projeto em nome da empresa, José Henrique Haerter, consultor executivo da diretoria da LARCO, explicou que Jequié faz parte do programa estratégico de investimentos que, mesmo diante da crise econômica que atravessa o país, foi decidido investir na cidade por ser de extrema importância e estratégica para todo o sudoeste da Bahia. A LARCO é uma empresa baiana, fundada em 2000 atuando no setor de distribuição de combustíveis com pretensão de implantar em Jequié uma base de combustíveis com cerca de 4 mil metros de capacidade de armazenamento, ”a fim de que possa desenvolver sua operacionalidade no mercado, no sudoeste do estado”, disse.

Na manhã desta sexta-feira (10), o Conselho Municipal do Meio Ambiente-CONDEMA se  reuniu na Secretaria de Agricultura, Irrigação e Meio Ambiente, para a votação da viabilidade ambiental para a instalação da empresa. Foi discutida a faixa da Área de Preservação Permanente conhecida como APP, mantendo as orientações do Plano Diretor Municipal, embasado pelo Código Florestal Brasileiro. O Conselho aprovou, por unanimidade, a viabilidade do empreendimento e deu encaminhamento para que a Diretoria de Meio Ambiente possa elaborar a Licença Prévia e a empresa possa dar início às obras.

Os representantes da empresa apresentaram um Estudo de Impacto Ambiental (EIA) para dar início à sua instalação no município, nas proximidades da BR 116, respeitando as normatizações,  seguindo a determinação do Código Florestal Brasileiro. As obras estão planejadas para começarem no próximo mês de junho, com cronograma de conclusão em fevereiro do próximo ano.

Governador em exercício, Leão vai à Portugal atrair investidores em vinícolas para a Bahia

/ Bahia

Leão embarca para Portugal neste domingo. Foto: Secom

O governador em exercício João Leão (PP) embarca para Portugal neste domingo (12) para prospectar investimentos para a Bahia. Na agenda, o também secretário de Desenvolvimento Econômico do estado se reunirá com empresários do segmento de vinícolas do país europeu.

O comando interino do Governo do Estado será assumido pelo presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, deputado Nelson Leal (PP). Já o governador Rui Costa (PT), está fora do país, desde a última segunda-feira (6), em Washington, nos Estados Unidos, em sua 6ª missão internacional.

Pesquisadores já realizam testes em humanos para obter vacina segura contra a chikungunya

/ Saúde

Pesquisadores da Universidade de Oxford, no Reino Unido, já realizam testes em humanos para obter uma vacina segura e eficaz contra a chikungunya. O estudo foi apresentado ontem (10), no Rio de Janeiro, pelo infectologista mexicano Arturo Reyes-Sandoval, no Simpósio Desafios e Oportunidades na Pesquisa Clínica em Chikungunya: Produzindo Evidências para Saúde Pública.

A vacina contra o vírus da chikungunya já está em testes em 24 voluntários no Reino Unido e deve passar por uma nova rodada de testagens ao longo do ano que vem, com entre 120 e 150 pessoas no México. Arturo conta que os testes realizados atualmente buscam uma dosagem eficiente para a imunização, que já demonstrou não apresentar efeitos adversos. O estudo no México deve avaliar também a possibilidade de uma vacina que combine a imunização da chikungunya e da zika de forma segura. Caso a pesquisa caminhe no melhor dos cenários, estima, uma vacina contra a doença pode estar disponível em cinco anos.

O pesquisador afirma que, ao contrário de outros vírus, o da chikungunya tem uma capacidade limitada de mutação, o que permitiu que os pesquisadores mapeassem todas as suas formas registradas e criassem uma vacina com base em uma sequência genética que abrange todas e permitisse precaver futuras mutações.

“Estarmos um passo à frente do vírus”, comemora Arturo. Ele afirma que o principal entrave para os avanços no combate à doença eram a falta de conhecimento e de financiamento para as pesquisas. ”Historicamente, a grande dificuldade foi a falta de interesse. Agora, a chikungunyua está em muitas partes do mundo e está chegando à Europa. Isso favorece o financiamento.”

A presença do vírus no Brasil e a capacidade de instituições como o Instituto Butantan e a Fundação Oswaldo Cruz fazem com que o país seja um importante parceiro para o futuro das pesquisas desenvolvidas em Oxford, aponta Arturo Reyes-Sandoval. ”Depois de testarmos no México, considero que o país mais importante para finalizar esse desenvolvimento é o Brasil. O Brasil tem capacidade econômica e instituições fortes para poder produzir a vacina.” Da Agência Brasil

Acidente em cruzamento próximo a Rodoviária de Jaguaquara deixou taxista ferido

/ Jaguaquara

Taxista foi socorrido após ter carro atingido. Foto: Leitor/BMFrahm

Um taxista sofreu lesões e foi socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência após ter seu veículo atingido por outro automóvel, em Jaguaquara. A colisão ocorreu na tarde desta sexta-feira (10), num cruzamento entre uma via de acesso ao bairro Popular e a Rodovia BR-420, estrada que corta o Vale do Jiquiriçá.

Segundo informações, o táxi trafegava pela rodovia e um carro preto saia do bairro, próximo ao terminal rodoviário de Jaguaquara. A batida atraiu um grande número de pessoas ao local, que acionaram uma guarnição da Polícia Militar para o registro do caso. O taxista foi levado ao Hospital Municipal e posteriormente liberado.

Um jovem morto e outro detido no Entroncamento de Jaguaquara; arma e droga apreendidas

/ Jaguaquara

A polícia prendeu um suspeito e alvejou outro. Fotos: Divulgação

Um jovem de 22 anos morreu e outro de 20 foi detido em ação da Polícia Militar, nesta sexta-feira (10), no distrito Stela Dubois  – Entroncamento de Jaguaquara. Segundo a PM, denúncia anônima dava conta de que em um imóvel do programa Minha Casa, Minha Vida, no bairro Cidade Nova, estaria homiziado um suspeito de participação em um triplo homicídio ocorrido naquele distrito, no último dia (3), quando um idoso, uma gestante e uma adolescente foram mortos a pauladas.

Com base na denúncia, os militares foram ao local indicado, determinando que os ocupantes deixassem o imóvel para averiguação, quando o suspeito foi identificado e abordado. Ainda segundo informou a Polícia Militar através da 3ª Cia, questionado sobre o crime, o suspeito teria confirmado sua participação e ainda indicou uma terceira pessoa envolvida, que estaria em outro imóvel, onde a guarnição esteve e, após realizado o cerco policial, no bairro Terra Braz, local do triplo homicídio foi encontrado um jovem apelidado de Zé, delatado pelo primeiro detido.

Uma pistola Taurus, calibre 6.35 foi apreendida pela Polícia Militar

A PM disse ainda que ao se aproximar da casa os policiais ouviram disparos de arma de fogo, que o autor dos disparos foi identificado, havendo revide, sendo o mesmo alvejado e encontrado posteriormente caído ao solo, com uma arma ao lado e que foi prestado socorro até o Hospital Municipal de Jaguaquara (HMJ), mas que o alvejado, Jailton Santos Oliveira, o Zé, não resistiu e foi a óbito. Foi conduzido a Delegacia Fábio Viana Silva, 20 anos, detido na Cidade Nova. Foi apreendida uma pistola Taurus, calibre 6.35 de numeração H 65126, além de 2 kg de substância análoga à cocaína.

Educação: Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 já tem 3 milhões de inscritos

/ Educação

A edição de 2019 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) já atingiu a marca de 3 milhões de inscritos. O balanço foi divulgado pelo Ministério da Educação e contabiliza os inscritos até as 22h de ontem. As inscrições foram abertas no último dia 6 e vão até o dia 17 de maio, pela internet. As provas do Enem serão aplicadas em dois domingos, 3 e 10 de novembro.

Do total de inscritos, 63% estão isentos do pagamento da taxa de inscrição. A taxa para o Enem é de R$ 85 e deve ser paga até o dia 23 de maio. O participante terá até 17 de maio para atualizar dados de contato, escolher outro município de provas, mudar a opção de língua estrangeira e alterar atendimento especializado e/ou específico. Após esse prazo, não serão mais permitidas mudanças.

O candidato que precisar de atendimento especializado e específico deve fazer a solicitação durante a inscrição. O prazo para pedidos de atendimento por nome social vai de 20 e 24 de maio.

Quem já concluiu o ensino médio ou vai concluir este ano pode usar as notas do Enem, por exemplo, para se inscrever em programas de acesso à educação superior como o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e o Programa Universidade para Todos (ProUni) ou de financiamento estudantil.

A prova também pode ser feita pelos chamados treineiros – estudantes que vão concluir o ensino médio depois de 2019. Neste caso, os resultados servem somente para autoavaliação, sem possibilidade de o estudante concorrer efetivamente às vagas na educação superior ou para bolsas de estudo. Esses participantes devem declarar ter ciência disso já no ato da inscrição.

Polícia Civil de Jequié procura motorista que atropelou e matou jovem motociclista em Jequié

/ Jequié

Polícia procura Focus Hatch, cor branca, com a placa Mercosul

A Polícia Civil de Jequié divulgou pelas redes sociais a procura do motorista de um carro Focus Hatch, cor branca, com a placa Mercosul, o veículo foi identificado por testemunhas como o modelo do carro envolvido no acidente que atropelou e matou o estudante Pedro Henrique Andrade Santos. O caso aconteceu no último dia 27/04 , quando a vítima estava de pilotando uma moto na Praça da Bandeira e aconteceu a batida com o carro. Após o acidente, o motorista do Focus fugiu e não prestou socorro. Pedro Henrique foi levado ao HGPV, mas não resistiu aos ferimentos. A Polícia Civil segue a procura do motorista e pede a população que entre em contato caso tenha alguma informação sobre o caso. Informações do Jequié Repórter

Dia de sorte: Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 275 milhões no sorteio deste sábado

/ Esporte

O concurso de número 2.150 da Mega-Sena, que será realizado neste sábado (11/05/2019), pode pagar um prêmio de R$ 275 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio ocorre às 20h (no horário de Brasília), na cidade de São Paulo (SP).

Em toda a história, este é o maior prêmio acumulado nos concursos regulares – o que exclui a Mega da Virada. Anteriormente, o mais alto tinha sido em 2015, quando foi sorteado o valor de R$ 200 milhões em novembro.

As apostas podem ser feitas até 19h nas casas lotéricas ou pela internet. A aposta mínima é de R$ 3,50. A probabilidade de uma pessoa vencer o concurso varia de acordo com o número de dezenas apostadas e do tipo de aposta. Para a aposta simples, com apenas seis dezenas, com preço de R$ 3,50, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860, segundo a Caixa. Já para uma aposta com 15 dezenas (limite máximo), com o preço de R$ 17.517,50, a probabilidade de acertar o prêmio é de 1 em 10.003, ainda de acordo com o banco público.