Apuarema: Coligação de Rair denuncia contrabando de eleitores nas eleições 2012

/ NOTÍCIAS

Foto: Blog Marcos Frahm

A coligação do prefeito Rai de Apuarema, derrotado nas urnas no pleito do dia 7, acusa o grupo liderado pela prefeita eleita de ter cometido “Contrabando de Eleitores” no dia das eleições. A informação foi passada pelo  advogado Dr. André Braga, durante entrevista ao jornalista Wilson Novaes na Rádio 93 FM. Representando a coligação “A Nossa Força é Nossa União”, o advogado André Braga deu entrada na segunda-feira (22), na Justiça Eleitoral da 23ª Zona, com sede em Jequié, num requerimento pela instauração de procedimento investigatório criminal sob  de que ocorreu no município, o chamado “Contrabando de Eleitores”, que consiste em uma trapaça, ao  transferir eleitores de outras localidades para as cidades  menores, onde seu peso pode ser decisivo. A coligação autora da denúncia apresentou como candidato à reeleição o atual prefeito Rair (PP), que obteve 2.097 votos,  (48,90%), perdendo para Lene (PR), com 2.191 (51,10%), numa diferença de 94 votos. No requerimento são citados nominalmente 16 eleitores com domicílio em Apuarema, “sem nenhum vínculo ou afinidade com o município”. O advogado revela sua confiança em que o Juiz Eleitoral determine a apuração da denúncia, inclusive com a intimação das pessoas citadas para que possam apresentar suas justificativas relativas ao domicílio eleitoral em que estão inscritas.

Os comentários estão fechados.