ACM Neto diz que Bolsonaro nunca apresentou propostas relevantes como deputado

/ Política

Neto ataca Jair Bolsonaro e Fernando Haddad. Foto: Facebook

Muito aplaudido quando discursou ontem (21) em comício receptivo a Geraldo Alckmin, o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM) foi duro ao criticar o candidato do PSL, Jair Bolsonaro, por segundo ele nunca ter apresentado propostas relevantes como parlamentar, e o presidenciável do PT, Fernando Haddad, a quem ironizou por ter perdido a eleição para prefeitura de São Paulo ainda no primeiro turno, em 2016. O tom duro do aliado foi a senha para Alckmin, conhecido pelo tom tranquilo, também endurecer o discurso contra os rivais, que lideram as últimas sondagens eleitorais. ”(Haddad) Não conseguiu dar conta de uma prefeitura, como é que vai conseguir dar conta do Brasil?”, afirmou, por exemplo, sobre o candidato do PT, mas sem citá-lo nominalmente. O ex-governador paulista ainda voltou a afirmar que Bolsonaro ”deu o primeiro tiro no bolso do contribuinte, na classe média, querendo criar mais um imposto, um imposto ruim, em cascata”, ao se referir à proposta de recriação da CPMF, feita pelo guru econômico do capitão da reserva, o economista Paulo Guedes. ”Do outro lado tem um candidato querendo resolver tudo na bala. O Brasil não vai resolver seus problemas na bala”, alfinetou Alckmim. A ex-presidente cassada Dilma Rousseff (PT) também foi alvo do presidenciável, quando perguntado sobre o desemprego no País. ”Foi dona Dilma e o PT que foram responsáveis por esse descalabro. A crise foi muito dura. Foram 13 milhões de desempregados que o PT deixou como herança do descontrole total das contas públicas”, afirmou.

Os comentários estão fechados.