Prefeito do PP retira apoio a ACM Neto e se une a Jerônimo no 2º turno das eleições 2022 na Bahia

/ Política

Yuri Andrade é prefeito de Pedro Alexandre. Foto: Divulgação

O prefeito de Pedro Alexandre, Yuri Andrade (PP), anunciou, nesta terça-feira (18), apoio à candidatura de Jerônimo Rodrigues (PT) a governador do Estado. O gestor pedro-alexandrense apoiou no primeiro turno o ex-prefeito de Salvador, ACM Neto (União), mas decidiu caminhar, no segundo turno da corrida eleitoral, ao lado do grupo governista.

”O bom filho à casa torna e o meu coração está aqui. No primeiro turno, respeitei e segui a decisão do partido. Agora, volto com o coração, porque acredito que, com Jerônimo, Pedro Alexandre irá trilhar o caminho do desenvolvimento, assim como caminhou com Rui Costa, com muitas obras e benefícios”, afirmou Yuri Andrade.

Com isso, Jerônimo já totaliza, no segundo turno, o apoio de 21 prefeitos e prefeitas que antes apoiavam ACM Neto. ”Quero agradecer a todos em Pedro Alexandre pela votação que tivemos eu, Lula, Otto e os nossos deputados, agradecer a chegada de Yuri, dos vereadores e das lideranças políticas, que ajudarão a ampliar os votos para Lula, para ele cuidar do Brasil”, agradeceu Jerônimo.Com informações do site Bahia Notícias

Superado por Otto para senador, Cacá Leão aposta que ACM será eleito governador: ‘’com a fé em Deus’’

/ Política

Cacá não se elegeu senador. Foto: Reprodução/Redes Sociais

O deputado federal Cacá Leão (PP) ressaltou, que o candidato ao Governo da Bahia pelo União Brasil ACM Neto, será capaz de solucionar os problemas do estado com muito diálogo. O parlamentar deixa claro o que está em jogo neste segundo turno e reforça a potencialidade do ex-prefeito de Salvador, como o melhor nome para gerir a Bahia.

”O que está em jogo nesse momento é quem vai resolver os problemas da Bahia. ACM Neto, quando foi prefeito de Salvador, apresentou resultados positivos para os soteropolitanos em todos seus mandatos. Seja quem for o presidente escolhido pelos brasileiros e brasileiras, como governador, Neto fará ainda melhor”, declarou Cacá, que cumpre agenda na região Oeste, nesta terça-feira (18).

O pepista relembrou os 8 anos de gestão de ACM Neto na capital baiana, que no período dialogou com três presidentes da República: Dilma Rousseff (PT), Michel Temer (MDB) e Jair Bolsonaro (PL), ambos de partidos e ideologias diferentes, e que nenhum deles interferiu na eficiência do trabalho do aliado. ”Será assim novamente, pois Neto será eleito governador da Bahia, com fé em Deus e no povo baiano”, finalizou, confiante.

Lula diz que redução do ICMS vai afetar recursos para saúde e educação; ”Que a gente consiga organizar”

/ Brasil

O candidato do PT à Presidência, Luiz Inácio Lula da Silva, disse hoje (18) que acredita que a necessidade de recursos para saúde e educação será uma das principais discussões do ano que vem. Segundo ele, a lei que limitou as alíquotas do Impostos sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) que incidem sobre os combustíveis vai impactar as receitas dos governos estaduais que seriam destinadas a essas áreas.

A Lei Complementar nº 194, sancionada em junho deste ano, ao definir como essenciais itens como combustíveis, energia elétrica, comunicações e transportes coletivos, não permite, às unidades federativas, cobrar taxas com percentual acima da alíquota do ICMS, que varia entre 17% e 18% – percentual inferior ao cobrado para os demais itens, considerados ”supérfluos”.

”A discussão do ano que vem será mais dinheiro para a saúde e para a educação”, disse em um encontro virtual com comunicadores para discutir estratégias da campanha eleitoral.

Lula disse ainda que pretende fazer uma aliança com diversos campos políticos para combater a expansão da extrema-direita no Brasil. ”Eu espero que a gente consiga organizar as forças democráticas desse país para a gente enfrentar o negacionismo, a barbárie e o fascismo que tenta se implantar neste país e em outros países no mundo”, destacou.

O candidato também pediu para que seus apoiadores façam divulgação das suas propostas e realizações nos mandatos anteriores na Presidência. ”A gente não pode ficar apenas tentando rebater as mentiras deles. É preciso que ao rebater as mentiras a gente passe as nossas mensagens das coisas positivas que existem e vão existir nesse país: parte das propostas que estão no programa de governo, parte das coisas que nós já fizemos. É preciso que a gente coloque em cada resposta a uma crítica uma proposta. Para que o povo saiba que nós sabemos o que fazer quando ganharmos as eleições”, disse. Da Agência Brasil

Presidente Jair Bolsonaro pede desculpas a menores após acusação de prostituição infantil

/ Política

Jair optou por pedir desculpas às adolescentes. Foto: Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro (PL) optou por pedir desculpas às adolescentes venezuelanas que acusou de prostituição infantil na última sexta-feira (14) durante sua participação em um podcast.

O pedido aconteceu através de um vídeo em que aparece junto à primeira-dama Michelle Bolsonaro (PL) e de María Teresa Belandria, uma representante enviada pelo autoproclamado presidente da Venezuela Juan Guaidó.

Na peça, o presidente mudou sua versão e disse que as mulheres refugiadas que viu em São Sebastião, região administrativa do Distrito Federal, eram  na verdade trabalhadoras.

”Se as minhas palavras, que por má-fé foram tiradas de contexto de alguma forma, foram mal entendidas ou provocaram algum constrangimento às nossas irmãs venezuelanas, peço desculpa, já que meu compromisso sempre foi o de melhor acolher e atender a todos que fogem de ditaduras pelo mundo”, afirmou Jair. Apesar de aparecer, Belandria não fez nenhuma declaração. Com informações do site Bahia Notícias

Estudantes da Ufba fazem protesto no centro de Salvador por causa de cortes na área da Educação

/ Bahia

Ato contesta cortes feitos pelo governo federal na Educação. Foto: G1

Estudantes da Universidade Federal da Bahia (Ufba) protestam na manhã deste terça-feira (18), no Centro de Salvador. Segundo a Superintendência de Trânsito do Salvador (Transalvador), o trânsito é lento na região.

O ato, que segundo os organizadores, tem o objetivo de protestar contra os cortes feitos pelo governo federal na área da Educação, começou por volta das 10h20, na Praça do Campo Grande. O grupo tem como destino a Praça Municipal.

Além de Salvador, existe a previsão de protestos nesta terça em Irecê (Rodoviária), Valença (Praça da República), Porto Seguro (Trevo do Cabral), Eunápolis (UNEB), Barreiras (Praça da Coruja), Ilhéus (Praça da Iren), Itabuna (Jardim do Ó), Feira de Santana (Em frente ao Colégio Gastão) e Santo Antônio de Jesus (Praça das Vans). As informações são do G1

Oeste baiano: Empresário é investigado por obrigar mulheres a gravar voto em candidato

/ Bahia

Um empresário do agronegócio com atuação no Oeste baiano foi procurado pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) a responder em até esta quarta-feira (19) a respeito de áudios atribuídos a ele em que coage trabalhadores a votar no candidato dele.

A manifestação do MPT foi feita nesta segunda-feira (17) e tem como alvo Adelar Elói Lutz, conhecido por apoiar nas redes sociais o presidente Jair Bolsonaro (PL). Conforme o órgão, um inquérito foi aberto para apurar áudios em que o acusado confessaria uma série de atos ilegais, no qual conclama empregadores a ”pôr para fora” quem não votar em determinado candidato.

Ele também, aponta a acusação, orienta os patrões a colocar ”o celular no sutiã” de mulheres para filmar o voto na urna eletrônica e comprovar, posteriormente, que votaram conforme a imposição feita.

Ainda segundo o MPT, este é o segundo caso materializado por meio de provas que o MPT investiga nessas eleições de 2022 no Oeste baiano. A região é conhecida pela forte atividade de produção de commodities agrícolas [matérias-primas] e que concentra grandes propriedades rurais e alta produção de grãos.

Outros seis casos também estão sob análise do órgão, que contabiliza somente na Bahia nove denúncias de assédio eleitoral. No país, o número atingiu nesta terça-feira (18) a marca de 419 casos, volume maior do que na última eleição presidencial, que ficou em 212. As informações são do site Bahia Notícias

Marido de Ana vê erro de ACM ao se intitular como melhor prefeito e chamar Jerônimo pior secretário

/ Política

Deputado é esposo da candidata Ana Coelho. Foto: Reprodução

Deputado estadual e esposo da candidata a vice-governadora na chapa encabeçada por ACM Neto (União), Tiago Correia (PSDB) classificou o discurso do ex-prefeito de Salvador, ao se intitular melhor prefeito do país, como um erro. Em entrevista à Rádio Metropole nesta terça-feira (18), deputado também concordou que seu aliado “não teria embasamento” para atribuir ao candidato do PT, Jerônimo Rodrigues, o título de pior secretário de Educação no Brasil.

”São os discursos eleitoreiros, que muita coisa eu não concordo. Principalmente essa questão dos prefeitos, tem tanto prefeito dedicado, com realidades diferentes, às vezes, com orçamentos apertados”, disse o deputado, reiterando que os levantamentos que colocaram Neto como melhor prefeito consideram apenas as capitais do país.

Sobre o discurso de que Jerônimo teria sido o pior secretário de Educação do país, Tiago concordou que Neto não teria embasamento para fazer essa declaração e justificou complementando: ”até porque a Bahia não está em último [lugar na Educação], está em penúltimo”.

Analisando o resultado do primeiro turno na eleição para governador da Bahia, o deputado disse acreditar que os números mostraram a força do ex-presidente  Lula (PT), do Partido dos Trabalhadores e do governador Rui Costa (PT) no estado.

”Jerônimo ainda é um candidato desconhecido, foi colocado em cima da hora. A força do 13, do Lula e do governador Rui Costa, que é muito bem avaliado, fez com que a diferença fosse ampliada para o candidato Jerônimo frente a ACM Neto. A gente luta contra um número muito forte, um candidato a presidente muito forte e isso, com certeza, teve um peso considerável no resultado do primeiro turno”, analisou, segundo publicação do site Metro1.

Relembrando as quatro últimas eleições para o governo da Bahia, quando o PT ganhou no primeiro turno, Correia afirmou que o grande derrotado desta vez foi o próprio Partido dos Trabalhadores, que, assim como fez nos pleitos anteriores, ”deveria ter ganhado no primeiro turno”.

A candidatura de João Roma (PL) no pleito pelo Palácio de Ondina foi, para o deputado, um dos fatores que levou ao segundo turno. ”Talvez se não tivesse essa candidatura, o candidato do PT teria vencido no primeiro turno. Claro que é uma conjectura, mas analisando os dados e os fatos, fica essa dúvida”, disse.

BR-101: Ação da PRF apreende carga com quase 2 mil caranguejos transportada de forma ilegal

/ Trânsito

A carga era transportada sem nota fiscal da mercadoria. Foto: PRF

Uma ação apreendeu na noite desta segunda-feira (17) em um trecho da BR-101 de Eunápolis, na Costa do Descobrimento, quase dois mil unidades de caranguejo da espécie ”guaiamum” transportados de forma ilegal.

O material era transportado ”em péssimas condições” em um reboque de um Fiat/Pálio, sem refrigeração adequada, sem nota fiscal e sem a chamada Guia de Trânsito de Animal (GTA), informou a Polícia Rodoviária Federal (PRF) na Bahia. Entre os crustáceos havia diversas fêmeas cuja pesca é proibida.

Aos policiais, o motorista disse que capturou os crustáceos em um manguezal na cidade de Macaé, no litoral do Rio de Janeiro (RJ), e os levava para vender em bares e restaurantes de Aracaju (SE).

Ainda segundo a PRF, o motorista e os ocupantes do veículo foram detidos e levados para a delegacia de Eunápolis. Eles vão responder pelo crime de pescar, comercializar ou transportar pescado proveniente de pesca proibida (art. 34 da Lei 9.605/1998).

O Ibama [Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis] foi acionado para fazer as notificações e destinação do pescado. A PRF adverte que em certas épocas do ano, os caranguejos saem de suas tocas e andam pelo manguezal para acasalamento e liberação de ovos.

Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga faz novo apelo para vacinação de crianças contra a pólio

/ Saúde

Ainda distante da meta de vacinar 95% das crianças menores de 5 anos de idade – cerca de 11,5 milhões – contra a poliomielite no país, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, fez hoje (17) um novo apelo para que os pais ou responsáveis levem suas crianças às salas de vacinação. Nesta segunda-feira é comemorado o Dia Nacional da Vacina.  

Até o momento, segundo dados divulgados pelo Ministério da Saúde, a campanha imunizou 65,6% do público-alvo, cerca de 7,6 milhões de crianças. Apenas a Paraíba, com 95,09% das crianças imunizadas, atingiu a meta nacional. No Amapá, a imunização está em 90,8%, segundo a pasta.

“Desde o dia 7 de agosto, temos feito um apelo à nação brasileira para que levem suas crianças com menos de 5 anos para completar o esquema vacinal da pólio e a meta é de 95% de cobertura vacinal, das cerca de 15 milhões de crianças que são aptas a receber essas vacinas”, ressaltou o ministro.

Alerta

O Brasil não registra casos de paralisia infantil desde 1989, mas com a queda das taxas de vacinação desde 2015, diversos órgãos ligados à saúde alertam para o risco de retorno da doença.

A Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), agência ligada à Organização das Nações Unidas (ONU), advertiu em setembro que esse risco é muito alto. “Precisamos vacinar a população, principalmente nossas crianças. É inaceitável que, em pleno século 21, nós tenhamos sofrimento das nossas crianças por doenças que já estão erradicadas há muito tempo”, acrescentou Queiroga.

De acordo com o Ministério da Saúde, a meta de cobertura vacinal contra a poliomielite em crianças menores de 1 ano não é atingida desde 2017.

Ao listar esforços das secretarias de saúde de muitos estados que ainda não atingiram a meta, como atendimento em horários ampliado e aos finais de semana, Marcelo Queiroga também destacou que a baixa adesão tem ocorrido no mundo todo e que o comportamento não é uma exclusividade do Brasil. Queiroga ressaltou ainda que as vacinas do calendário nacional seguem disponíveis nos 38 mil postos de saúde do Brasil.

Poliomielite

A poliomielite ou pólio é uma doença contagiosa aguda causada por um vírus que vive no intestino, chamado poliovírus, que pode infectar crianças e adultos por meio do contato direto com fezes ou com secreções eliminadas pela boca das pessoas infectadas. Nos casos mais graves da doença, também chamada de paralisia infantil, ela provoca o comprometimento do sistema nervoso, levando à paralisia de membros e alterações nos movimentos e pode até ser fatal.

Covid-19

O Ministério da Saúde adiantou que a vacina contra covid-19 da Pfizer – liberada para crianças de seis meses a menores de quatro anos – deve chegar ao Brasil na próxima semana.

“Nós estamos nas tratativas finais com relação à chegada das vacinas e a expectativa é de que elas já estejam no país em meados da próxima semana, na quarta-feira (26). Esse foi último dado que recebemos da própria empresa”, afirmou o secretário-executivo do ministério, Bruno Dalcolmo, sem especificar quantidade. Da Agência Brasil

Conheça Kim Villanelle, de Feira de Santana, a 1ª mulher trans da Polícia Militar da Bahia

/ Bahia

Soldado PM Kim Villanelle. Foto: Acorda Cidade

Natural de Feira de Santana, criada no bairro Queimadinha e estudante do curso de Direito da Uefs (Universidade Estadual de Feira de Santana), a soldado PM Kim Villanelle entrou para a história da segurança pública do estado, como a primeira mulher trans da Polícia Militar da Bahia.

Desde criança enfrentou o preconceito e escondia seu sofrimento dos pais para não preocupá-los. Seu lar era seu refúgio e sempre teve a compreensão dos seus familiares. ”O que importava para meus pais é que eu tirasse boas notas e escolhesse sempre o lado do bem”, disse.

Incentivada por amigos, e já tendo passado pela transição de gênero, Kim, que trabalhava como agente comunitária de seu bairro, fez o concurso da Polícia Militar em 2012 e foi convocada em 2014. Atualmente, ela é lotada na 64ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM) e ama o que faz: ”Me acho uma super policial”, declarou.

Ao site Acorda Cidade conta como foi a recepção de Kim Villanelle na corporação e quando ela passou a usar o nome civil, bem como é a sua atuação na polícia. A policial também falou de sua vida pessoal, e relembrou como foi a primeira vez que vestiu a farda da PM usando maquiagem e autorizada a deixar o cabelo crescer. Veja

Prefeitura de Itamari continua proibida pela Justiça de jogar lixo às margens da BA 537

A Prefeitura de Itamari continua proibida de jogar lixo às margens da BA 537. A decisão é do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) que indeferiu um recurso da prefeitura. A gestão do prefeito Everton Borges Vasconcelos pedia a suspensão de uma ordem da Comarca de Gandu, que havia proibido o descarte de lixo às margens da BA-537. Na decisão, publicada nesta segunda-feira (17).

No recurso, a prefeitura alegou que não tinha condições de arcar com a instalação de um aterro sanitário, forma mais adequada para o caso, e que isso acarretaria problemas financeiros, impactando na prestação de serviços essenciais. O desembargador, por sua vez, não acatou o pedido. Com informações do site Jequié e Região

Sem espaço num eventual Governo Jerônimo, Zé Cocá teria musculatura para se reeleger prefeito de Jequié?

/ Política

Zé Ccá e um futuro político de grandes desafios. Foto: Rede social

O que reelege um prefeito? Responder a essa pergunta talvez nos faça entender como será o futuro político do prefeito de Jequié, Zé Cocá (PP), caso Jerônimo Rodrigues (PT), que venceu o primeiro turno e inclusive foi o mais votado sem o apoio do gestor na Cidade Sol, venha a ser o novo governador da Bahia. Inegavelmente, Cocá vem fazendo um mandato elogiado pela maioria dos munícipes, com diversas obras públicas e a execução de um arrojado programa de urbanização que ele diz ser bancado com recursos próprios do município e por emendas parlamentares dos deputados federais que o apóiam, Leur Lomanto Jr (UB) e Cacá Leão (PP), este derrotado como candidato a senador na chapa liderada pelo ex-prefeito de Salvador, ACM Neto (UB). Isso pode aumentar a probabilidade de reeleição de Zé Cocá, já que o município de 166 mil habitantes ficou 16 anos mergulhado em administrações públicas que não  acrescentaram ao seu crescimento socioeconômico.

Cocá mostrou, recentemente, uma grande habilidade e poder de articulação quando, navegando contrário às fortes águas do Palácio de Ondina, elegeu o seu secretário de Governo, Hassan Iossef (PP), obtendo votação em 283 municípios baianos, o que mostrou, também, que a força de Zé extrapola os limites dos territórios Médio Rio das Contas e Vale do Jiquiriçá.

Com o segundo turno das eleições findando e novos governos estadual e federal prestes a assumir, o chefe do Executivo de Jequié poderá enfrentar uma mudança de cenários no campo político e terá que saber dialogar com o que virá e, ainda, com as presenças dos deputados estaduais Euclides Fernandes (PT), reeleito para o 5º mandato, e Patrick Lopes (Avante), ex-prefeito de Jitaúna, no seu calcanhar. Os parlamentares são apadrinhados pelo governador Rui Costa (PT), que mesmo enfrentando a evacuação de apoiadores que seguiram Zé, que optou pela aliança com ACM, sob forte influência do vice-governador e deputado federal eleito João Leão (PP), saiu das urnas jequieenses fortalecido e também teve o reconhecimento do eleitoral local pelos investimentos em importantes obras que representaram demandas antigas não atendidas pelos antecessores, com o seu candidato, Jerônimo (PT), conquistando 41.765 sufrágios, (48,83%) dos votos válidos, superando ACM Neto (UB): 32.105 votos (37,54%), João Roma (PL): 11.235 votos (13,14%) Kleber Rosa (PSOL): 366 votos (0,43%) e Giovani Damico (PCB): 49 votos (0,06%).

O que se pode antever, até agora, é que Cocá já tem um gigantesco mérito de ter conseguido fazer Jequié avançar. Há, perceptivelmente, um sentimento de progresso e de desenvolvimento tomando conta das ruas do município e isso é registrado nos elevados índices de aprovação do prefeito, que tem mais dois anos à frente dos destinos da terra do sol e com planejamento de ações e projetos que, ainda, não foram apresentados à população, conforme o mandatário enfatiza em seus discursos. Se trabalho for o que os eleitores esperam de um gestor municipal, o caminho para a reeleição de Zé será algo absolutamente natural, mas com algumas dificuldades não esperadas. Ele terá que conviver, caso Jerônimo seja eleito, sem as benesses que o cargo de presidente da União dos Municípios da Bahia lhe oferece e com a restrição de cesso aos órgãos estaduais, ambientes que por muito tempo foram favoráveis à sua projeção.

*Blog Marcos Frahm

Sem Jerônimo, Debate na Band vira entrevista e o candidato ACM Neto critica adversário Jerônimo

/ Política

ACM acabou concedendo entrevista à Band. Foto: Reprodução 

O Debate na Band Bahia do segundo turno na corrida pelo governo do Estado, na noite desta segunda-feira (17), virou entrevista de 30 minutos. Isso porque, ACM Neto (União) compareceu e Jerônimo Rodrigues (PT) preferiu não ir à sede da emissora, assim como fez na semana passada no Debate da TV Aratu/SBT. O ex-prefeito de Salvador criticou o petista e disse que os eleitores estão comparando ele ao seu adversário.

”Me permita aqui lamentar a ausência do candidato Jerônimo Rodrigues. A verdade é que ele não está comparecendo a nenhum dos debates nesse segundo turno. Eu, inclusive, ontem estava assistindo, ao vivo, o debate entre os dois candidatos do segundo turno da disputa pela Presidência da República, Lula e Bolsonaro. Parabenizo a TV bandeirantes pela iniciativa, sendo mais uma vez pioneira”, disse Neto nos primeiros minutos da entrevista.

”Poderíamos hoje, aqui, nesse momento, estar eu e Jerônimo, frente a frente, olho no olho. E vocês que estão nos assistindo poderiam ter oportunidade de comparar a história, a trajetória, o currículo, as ideias, o preparo de cada um de nós dois. Infelizmente, o candidato Jerônimo falta a mais um debate nesse segundo turno, que está sendo disputado por mim e por ele. E quem perde com isso hoje é o telespectador, mas no dia 30 quem vai perder com isso é Jerônimo”, completou o postulante ao Palácio de Ondina.Com informações do site Bahia Notícias 

Operação Intensificação do 19º BPM no combate aos crimes contra a vida e o patrimônio em Jequié

/ Jequié

Desde a última quinta-feira (13), o 19° Batalhão da Policia Militar,  desencadeou em Jequié, por tempo indeterminado, a Operação Intensificação objetivando principalmente o combate aos crimes contra a vida e contra o patrimônio. A operação terá foco em abordagens a veículos e pessoas, em pontos estratégicos da cidade, diuturnamente.

Para o Ten Cel PM Reinaldo, Comandante da Unidade, ”a presença ostensiva da Polícia Militar proporciona de maneira comprovada, um clima favorável à segurança, coibindo ações delituosas, além de assegurar maior sensação de tranquilidade para a população”.