Reeleito para o 5º mandato, Euclides apresenta moção de repúdio contra ataques xenofóbicos ao Nordeste

/ Política

Euclides diz que ataques aos nordestinos são inaceitáveis. Foto: BMF

Reeleito no último domingo (02) para o 5º mandato consecutivo com mais de 55 mil votos, o deputado estadual Euclides Fernandes (PT), divulgou, nesta sexta-feira (09), uma moção de repúdio contra manifestações xenófobas direcionadas aos nordestinos após o resultado do primeiro turno das Eleições 2022.

O documento assinado pelo parlamentar foi apresentado na Assembleia Legislativa da Bahia. Em trecho da moção, Euclides diz que os ataques praticados nas redes sociais contra os nordestinos são inaceitáveis.

”No último domingo (02), após o resultado do primeiro turno das eleições presidenciais, uma onda de manifestações preconceituosas, e porque não dizer xenofóbicas, foram proferias contra o povo do Nordeste. Neste contexto, os ataques de ódio e hostilidade que vêm sendo praticados nas redes sociais contra nosso povo, são inaceitáveis e não podem ser justificados sob nenhum pretexto. Com efeito, citemos algumas das milhares de postagens que estão circulando nas redes, as quais mencionam que ‘os habitantes do nordeste são uma sub raça, um povo miserável sob todos os aspectos, escória do País…’. Outrossim, destacamos que a escolha político-partidária dum povo ou de determinada região, não pode ser motivo de ataques desta natureza. Por isto, em face de tais ações, apresentamos esta Moção de Repúdio a todo e qualquer ato racista e xenofóbico praticado contra o povo do Nordeste”, justifica Euclides Fernandes.

Pedágios em trechos das BRs 324 e 116 na Bahia terão novas tarifas a partir de segunda-feira (10)

/ Trânsito

Motoristas que usam as BRs 324 e 116 na Bahia terão novas tarifas a partir da próxima segunda-feira (10). Com isso, quem passar pelos pedágios da BR-324 vai pagar R$ 3,20, atualmente é R$ 2,90; e quem trafegar pela BR-116, R$ 5,50, em vez dos R$ 5,10 atuais.

A informação foi confirmada ao Bahia Notícias nesta sexta-feira (7) pela concessionária ViaBahia, que administra os trechos no estado.

Conforme a concessionária, o aumento nos valores foi aprovado nesta quinta-feira (6) pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). A concessionária divulgou duas tabelas com as tarifas para diferentes tipos de veículos. Confirma no site Bahia Notícias

Atendendo a demanda dos moradores do Cansanção, prefeito de Jequié inaugura nova praça pública no bairro

/ Jequié

Prefeito Zé oca segue entregando obras em Jequié. Foto: PMJ

Em solenidade bastante movimentada, o prefeito de Jequié, Zé Cocá, inaugurou na quinta-feira (7), a Praça Valdeci de Jesus Silva, no bairro Cansanção, obra de relevante impacto para os moradores da localidade. Estiveram presentes o prefeito de Jequié, Zé Cocá; o secretário de Relações Institucionais e Comunicação Social, Eliezer Pereira de Souza, o Fiim; demais secretários municipais; o presidente da Câmara Municipal, o vereador Emanoel Campos Silva; os vereadores Daubti Rocha, o Colorido; Ladislau Bulhões, o Bui; José Augusto de Aguiar, o Gutinha; além dos permissionários dos quiosques e moradores da localidade.

Executada pela Secretaria de Infraestrutura, o equipamento é mais uma ação estruturante do planejamento de urbanização que vem sendo executado por meio do programa ”A Praça É Nova”, em vários bairros e comunidades da cidade. O novo espaço público, construído em uma área utilizada pela população para descarte irregular de lixo e completamente abandonado, agora é uma praça moderna, toda iluminada em LED, dotada com três quiosques, parque infantil, bancos e mesa de jogos, um projeto paisagístico bastante robusto e academia ao ar livre, que ainda estará sendo instalada.

Durante o evento, os permissionários, Daiana Freire Nogueira, Murilo Souza dos Santos, Carlos Machado Nardes, receberam as chaves dos quiosques e já começaram a comercializar e foi entregue ao secretário de Relações Institucionais, Eliezer Pereira de Souza, irmão e aos demais familiares de Valdeci de Jesus Silva, uma placa de homenagem pelos relevantes serviços prestados à comunidade. Valdeci foi morador e responsável por diversas ações sociais implementadas na localidade.

Santa Inês transferiu a maior votação proporcional do Vale do Jiquiriçá para Jerônimo e Lula no 1º turno

Candidatos petistas foram majoritários em Santa Inês. Foto: Rede social

O Município de Santa Inês, no Vale do Jiquiriçá, transferiu aos candidatos petistas na disputa pelo Governo do Estado e pela presidência da República, a maior votação proporcional no território, durante as eleições do 1º turno.

Nas urnas, Lula obteve 82,93% dos votos válidos, Jerônimo 75,26%, além de 81,35% contabilizados para Otto Alencar, senador eleito pelo PSD.

Os candidatos com expressiva votação em Santa Inês foram apoiados explicitamente pelo prefeito Émerson Eloi, do PT, e pelo seu grupo político, desbancando os adversários também na disputa entre deputados, com os petistas Jorge Sola conquistando 52,17% e Rosenberg Pinto 51,99% dos votos

Exaltado, Bolsonaro ataca Alexandre de Moraes, do STF, e chama o candidato Lula de ”pinguço”

/ Política

Jair Bolsonaro ataca Alexandre de Moraes e Lula. Foto: TV Globo

O presidente Jair Bolsonaro (PL) se exaltou em entrevista nesta sexta-feira (7) ao falar do rival, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), e do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). Bolsonaro chegou a chamar Lula de ”pinguço”.

”O tempo todo usando a caneta para fazer maldade, tentar me tirar de combate, para desgastar. Já desafiei o Alexandre de Moraes, que vazou a quebra de sigilo telemático do meu ajudante de ordens, que é um crime o que esse cara fez. Esse cara fez um crime. Meu ajudante de ordem, em especial o Cid — porque eu tenho quatro — , é um cara de confiança meu’, disse o presidente, aos gritos, ao falar com a imprensa.

Em tom de voz elevado, ele criticou ainda a decisão do ministro que quebrou o sigilo de mensagens de um assessor da Presidência, Mauro Cesar Barbosa Cid. A quebra do sigilo faz parte das investigações do inquérito das milícias digitais.

O presidente também elevou o tom ao falar de Lula. ”Se vocês botarem um pinguço para dirigir o Brasil… Um cara sem qualquer responsabilidade, que tem um rastro de corrupção. Um rastro de deboche para com a família brasileira, de ataques a padres, a pastores, de ataque às Forças Armadas, de ataque aos policiais. Vocês acham que vai dar certo?”, atacou Bolsonaro.

Do partido de ACM, vice-prefeito de Eunápolis pula e anuncia apoio a Jerônimo Rodrigues

/ Política

Wanderson Barros declara apoio a Jerônimo. Foto: Reprodução

O vice-prefeito Wanderson Barros (União Brasil), de Eunápolis, anunciou que irá apoiar o candidato a governador Jerônimo Rodrigues (PT) no segundo turno do pleito estadual. O anúncio do vice-prefeito foi realizado nesta quinta-feira (06) após encontro com o candidato petista.

”Apoiar a candidatura de Jerônimo é garantir que Eunápolis terá um governador que conhece a Bahia, conhece as necessidades do povo baiano. Vamos trabalhar para dar a maior votação que Eunápolis pode dar ao governador. Tenho certeza que a população irá abraçar e apoiar a candidatura de Jerônimo”, afirmou o político.

”Muito obrigado por esse apoio no segundo turno. Meu carinho e gratidão por Eunápolis. Nós vamos continuar com o nosso cuidar de gente, e a população baiana e de Eunápolis que continuar com essa política. Vamos garantir desenvolvimento econômico, gerar empregos e cuidar de toda Bahia”, declarou Jerônimo Rodrigues.

ACM Neto comemora apoio do prefeito bolsonarista de Cruz das Almas, que apoiou Roma no 1º turno

/ Política

Ednaldo Ribeiro declara apoio a ACM Neto. Foto: Divulgação

O candidato a governador ACM Neto (União Brasil) comemorou na noite desta quinta-feira (6) o apoio de três novos prefeitos e ressaltou que novos anúncios de adesões serão feitos nos próximos dias. Ele se reuniu, no Centro de Convenções, com prefeitos e vice-prefeitos de todas as regiões da Bahia, que foram a Salvador a fim de reforçar o seu apoio neste segundo turno.

No encontro, Neto destacou que, mesmo diante de ataques e perseguições enfrentados no primeiro turno, impostos pelo grupo que domina o poder há 16 anos, o resultado das eleições apontou que a maioria do povo baiano votou contra os atuais governantes, demonstrando o desejo por mudança.

Participaram da reunião prefeitos que já estavam na base de Neto no primeiro turno e novas adesões, a exemplo dos gestores de Cruz das Almas, Ednaldo Ribeiro (Republicanos); de Curaçá, Pedro Oliveira (PSC); e Zé do Povo (UB), de Ourolândia, município do qual o ex-prefeito Antônio Araújo (PL) também declarou apoio a ACM Neto. O encontro ocorreu logo após o evento com lideranças de todas as regiões do estado, realizado no Centro de Convenções de Salvador.

ACM Neto agradeceu às adesões mais recentes: ”Teremos mais anúncios importantes nos próximos dias, de outros prefeitos, ex-prefeitos, candidatos que disputaram as eleições no primeiro turno por outros partidos e que agora estão nos acompanhando. Eu não tenho dúvidas de que, com a soma dos esforços daqueles que estiveram conosco no primeiro turno, mais aqueles que estarão conosco no segundo, vai prevalecer a vontade de mudança dos baianos. Ou seja, vai prevalecer o voto no 44”, disse.

”Se coloque no seu lugar e respeite o povo nordestino”, diz Rui sobre Jair Bolsonaro

/ Política

Governador Rui Costa dispara contra o presidente. Foto: Reprodução

O governador Rui Costa (PT) criticou o presidente da República, Jair Bolsonaro (PL), por declarações feitas em relação à população do Nordeste, região em que Luiz Inácio Lula da Silva (PT) venceu com grande votação no primeiro turno das eleições presidenciais. A resposta do gestor estadual foi dada nesta sexta-feira (7), em Remanso, norte da Bahia, durante evento de inauguração de um colégio de ensino integral.

”Vim demonstrar, como governador da Bahia, como nordestino que sou, a minha profunda indignação com a declaração do presidente da República, de agredir o povo nordestino, de atacar o povo nordestino, de forma preconceituosa, racista, como ao longo do mandato dele”, comentou Rui.

”Ele insiste em demonstrar o seu ódio, o seu preconceito contra nordestinos, contra negros e contra pobres. A palavra aqui, seja como cidadão, seja como governador: presidente da República, se coloque em seu lugar e respeite o povo nordestino”, continuou o governador da Bahia.

Rui aproveitou para lembrar que a Bahia e o Nordeste costumam contribuir com grandes nomes para as artes e as ciências para o Brasil e para o mundo. ”Daqui, saíram e sairão cada dia músicos, artistas, poetas, grandes cirurgiões, grandes cientistas, grandes escritores e grandes seres humanos, que brilham hoje no Brasil inteiro e no exterior. Tem baianos trabalhando em empresas de alta tecnologia no mundo inteiro. Tem baianos brilhando na música, no canto, na arte, na medicina no mundo inteiro. Então, por favor, se coloque no seu lugar e tenha respeito por quem trabalha 12, 14, 16 horas por dia”, concluiu o governador. Com informações do site Bahia Notícias

Bahia é o segundo estado do país com mais queimadas registradas em 48h, segundo o Inpe

/ Bahia

O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), registrou o estado da Bahia como a região no país com a segunda maior quantidade de incêndios nas últimas 48 horas.

Fatores importantes que influenciaram nesta marca foram as diversas queimadas contabilizadas, desde quinta-feira (6), na área de preservação ambiental popularmente conhecida como ”Rota das Cachoeiras”, localizada na cidade de Barreiras.

Pelo fogo ter se espalhado rapidamente, as chamas também acabaram se alastrando para as regiões norte e sudoeste. Desde janeiro de 2022, o instituto registrou o total de 1.578 queimadas no sudoeste da Bahia.

Vacinação contra Poliomielite atinge 81% da meta em Jequié; A informação é do secretário de Saúde

/ Jequié

De acordo com a Prefeitura, 6.873 doses foram aplicadas. Foto: PMJ

”A campanha de vacinação contra a pólio chegou a 81,48% do público-alvo”. A informação é do secretário de Saúde, Marlon Pereira, ao falar sobre o trabalho realizado em Jequié no decorrer da Campanha de Multivacinação, que contempla uma dose extra da vacina contra a Poliomielite, que terminou em todo o país na sexta-feira (30).

Segundo o secretário, o montante superou diversos outros municípios e atribui os índices ao empenho dos profissionais da saúde e a parceiros a exemplo do Rotary que mobilizou todos os seus clubes da cidade. ”Essa é uma doença que, infelizmente, já retornou em vários países, devido à baixa cobertura de rotina e da campanha. Não podemos ficar parados, esperando que surja um primeiro caso, após tantos anos de inatividade da doença no Brasil”, frisou Marlon Pereira.

Ele aproveitou para alertar a população para as demais campanhas de vacinação que ainda estão ativas, como a do Sarampo e contra a gripe Influenza. ”Precisamos da participação de todos neste momento!”, destacou.

Desde o início da campanha, a Prefeitura de Jequié, através da Secretaria de Saúde, em parceria com a Secretaria de Educação e com apoio dos clubes de Rotary de Jequié, adotou várias estratégias para facilitar o acesso à vacinação. Além das Unidades de Saúde, a imunização foi ofertada, também, em postos temporários de vacinação, nos bairros, em algumas unidades escolares e nos núcleos do Projeto Judô Ação, no Residencial Segredo, Loteamentos Jardim Tropical e Sol Nascente, ampliando, assim, o atendimento do esquema vacinal.

De acordo com a Prefeitura, 6.873 doses foram aplicadas com uma cobertura de 81,48% do público-alvo, sendo este um montante bastante satisfatório em comparação aos demais resultados obtidos no país afora.

Ainda, como forma de manter ativas as estratégias de Saúde no combate à gripe Influenza e ao Sarampo, a Secretaria de Saúde convoca a população, a partir de 6 meses de idade e os trabalhadores da Saúde, para se vacinar contra essas doenças. Para isso, é preciso levar a carteira de vacinação ou cartão SUS, um documento com foto e se dirigir até uma Unidade de Saúde.

Ministério Público quer garantia de direito à saúde de ”’Testemunhas de Jeová” em hospitais privados

/ Bahia

O Ministério Público da Bahia (MP-BA) quer que hospitais privados garantam o direito à saúde de “Testemunhas de Jeová”. A recomendação foi feita pela 3ª Promotoria de Justiça do Consumidor. A orientação é que as unidades hospitalares disponham de técnicas alternativas para aqueles que, por motivos religiosos, recusem receber o tratamento terapêutico, sobretudo transfusão de sangue e hemoderivados.

A recomendação orienta que o atendimento ao paciente não será condicionado ”à assinatura de documentos médicos que não permitam a recusa terapêutica”. Também não poderá ser paralisado/interrompido em virtude da expressão da recusa terapêutica, ainda que por meio de adendos, observações, ressalvas ou notas.

As instituições de saúde deverão adequar os Termos de Consentimento Livre e Esclarecido utilizado para realização de internações, procedimentos cirúrgicos e anestésicos, a fim de que seja oportunizado ao paciente a possibilidade de expressar seu consentimento ou não quanto ao recebimento de transfusões de sangue alogênico (que consiste transferência de sangue de um doador para o sistema circulatório de outra pessoa, definida como receptor).

Segundo a promotora de Justiça Thelma Leal, as instituições de saúde privadas podem investir em protocolos específicos de gerenciamento e manejo do sangue do paciente em suas instituições, como formas alternativas de tratamento às transfusões. Os hospitais também podem incentivar os profissionais da saúde a se familiarizem com estratégias que minimizam a necessidade de sangue alogênico. A recomendação levou em consideração casos de pessoas, na região metropolitana de Salvador, que não aceitam transfusões por conta de suas crenças religiosas, bem como, de pacientes que tiveram o atendimento negado diante da recusa terapêutica.

Thelma Leal considerou, também, a Recomendação nº 01/2016 do Conselho Federal de Medicina (CFM), que orienta que, nos casos de recusa de consentimento por razão religiosa, a conduta do médico já não pode se limitar à constatação de risco de morte para transfundir sangue compulsoriamente, mas precisa levar em consideração as recentes alternativas disponíveis de tratamento ou a possibilidade de transferência para equipes com profissionais treinados em tratamentos realizados através de substitutos do sangue.

Foi recomendado, ainda, que o hospital ou clínica disponha de um médico especialista nas estratégias de tratamentos isentos de transfusão de sangue alogênico e/ou hemocomponentes. E, nos casos de recusa de atendimento por parte do profissional médico, fundamentada no direito à objeção de consciência, a instituição deverá providenciar a continuidade do atendimento daquele paciente por outro médico integrante da equipe.

Perspectiva de poder de Jerônimo Rodrigues seduz mais do que ACM Neto no 2º turno na Bahia

/ Política

Jerônimo disputa o 2º turno das eleições na Bahia. Foto: Divulgação

Passado o primeiro turno das eleições de 2022, começam a ficar implícitos os comportamentos daqueles que trabalham, a cada dois anos, com a perspectiva de poder. Isso acontece tanto no plano nacional, quando no plano estadual e pode ser exemplificado pelas idas e vindas de partidos e políticos de um barco para outro, a depender de como os ventos sopram. Se entre Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e Jair Bolsonaro (PL) esses ventos também sugerem planejamento de longo prazo, já de olho em 2026, no caso da corrida pelo governo da Bahia eles dificultam qualquer esforço de ACM Neto (União) para reverter o quadro, agora completamente favorável a Jerônimo Rodrigues (PT). Porém sobram analistas sobre a corrida do Planalto, então tracemos o recorte baiano.

O ex-prefeito de Salvador liderou as intenções de voto na maioria das pesquisas realizadas antes do primeiro turno. Ancorados nesses números, diversos prefeitos, candidatos e/ ou lideranças políticas enxergavam em ACM Neto uma perspectiva real de poder. Então, houve o movimento de aproximação desses grupos, que tinham uma perspectiva fisiológica, mas que imaginavam que o ciclo do PT na Bahia estaria prestes a acabar. O resultado disso pode ser visto com a robusta aliança obtida pelo candidato do União Brasil na construção do primeiro turno. E foi uma aposta que, ao abrir das urnas, mostrou-se equivocada. O ex-gestor da capital foi ultrapassado por Jerônimo e, por muito pouco, não se viu derrotado na primeira etapa.

Agora, sob uma nova perspectiva, vê-se um movimento no sentido contrário. Lideranças que antes estavam com ACM Neto começam a migrar o apoio para a candidatura de Jerônimo sem qualquer tipo de constrangimento. É algo típico da política, decerto, mas algo que precisa ser evidenciado também. Aos poucos, ex-aliados iniciam conversas ao pé do ouvido – ou nem tanto -para aderir novamente ao petismo na Bahia e o ex-prefeito se vê mais isolado e sem muitos caminhos para driblar esse cerco. Ao PT e a Jerônimo cabem aceitar de bom grado, pois expõe a fragilidade do adversário e esfacela as chances, já pequenas, de uma mudança na posição que as urnas deixaram os dois candidatos que disputam o segundo turno.

ACM Neto já não tem a mesma perspectiva de chegar ao poder como tinha antes das urnas. Jerônimo, por outro lado, rascunha a vitória sem tantos sobressaltos, bastando apenas não cometer os erros que o adversário cometeu ao longo da campanha no primeiro turno. A partir dessa expectativa de vitória, os políticos vão migrar, acompanhando as ondas da cena local. Ou o ex-prefeito consegue mudar para onde sopram os ventos ou ficará a ver navios. *por Fernando Duarte / Bahia Notícias

ACM Neto volta a polemizar nas redes sociais após usar filtro que deixa pele bronzeada

/ Política

A polêmica em torno da autodeclaração de ACM Neto (União) como pardo voltou a repercutir nas redes sociais na noite de quinta-feira (6). A conta do candidato no Instagram publicou um vídeo do ex-prefeito de Salvador com o filtro ”Bronzer”, da influenciadora Carol Peixinho. Nas redes sociais, internautas acusaram o político de tentar “escurecer” o tom da pele usando o filtro.

”Foi falta de atenção, coincidência. Foi um erro da equipe, não tem outra coisa para dizer. É verdade [a publicação do conteúdo]”, disse a assessoria de Neto para o portal Uol. Após a repercussão, o stories do vídeo com o filtro foi apagado.

Com o debate em torno da sua autodeclaração como pardo ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Neto viu as menções diárias ao seu nome multiplicarem por quatro e as interações diárias relacionadas a ele multiplicarem por oito no Twitter (veja mais aqui).

Em entrevista ao podcast Projeto Prisma, Neto se disse “moreno”, disse que não fez bronzeamento artificial e questionou adversários políticos que também se declararam como pardos ou pretos à Justiça Eleitoral. Ele lembrou que se posiciona como pardo desde 2016, quando a Justiça Eleitoral passou a exigir a autodeclaração racial e ainda não existiam as cotas de distribuição dos recursos do fundo eleitoral. O candidato ainda garantiu que não irá mudar a forma como se declara (clique aqui).

O ex-prefeito de Salvador foca na disputa do segundo turno ao Governo da Bahia contra Jerônimo Rodrigues (PT). No primeiro turno, o petista saiu na frente e obteve 49,45% dos votos válidos contra 40,80 de Neto. As informações são do site Bahia Notícias

Ronaldo minimiza efeito MDB em votos em Feira e projeta transferência para Neto em 2° turno

/ Política

Apoiador de ACM, Zé comenta resultado em Feira. Foto: Rede social

O ex-prefeito de Feira de Santana e colocado como coordenador da campanha de ACM Neto, José Ronaldo (União), minimizou o balanço da eleição para governador no município, sobretudo à participação do MDB, partido do prefeito Colbert Martins Filho, opositor do PT (ver aqui), mas que neste ano está na coligação de Jerônimo Rodrigues.

Abertas as urnas feirenses, seu candidato, ACM Neto (União), teve 1,66 ponto percentual a frente de Jerônimo Rodrigues (PT) (saiba mais aqui). Ao Bahia Notícias, Ronaldo acredita que os votos conferidos na cidade ao terceiro colocado João Roma (PL), 14,68% dos sufrágios, devem migrar para Neto, por uma lógica de lado ideológico e partidário.

”Não vejo atrapalhação do MDB. Acho que foram circunstâncias que mesmo assim deram a Vitória a ACM Neto. Tradicionalmente, quem votou em João Roma em Feira, a vida inteira votou em Zé Ronaldo. Acho que nesses votos, a tendência é votar em ACM Neto. Espero que isso ocorra e estou trabalhando nesse objetivo”, disse o ex-prefeito de Feira de Santana.

O coordenador da campanha de Neto projeta uma situação difícil para o segundo turno, mas mostrou confiante em uma virada. ”Trabalho, dedicação e confiança total. É o que nós temos e vamos vencer. Tenho muita confiança. Já passei por esse filme antes, de disputar um segundo turno”, afirmou. José Ronaldo ainda acrescentou que a oferta de candidatos também facilitará a escolha para a candidatura de Neto.

”A eleição em Feira é uma eleição difícil. E alguns fatos aconteceram na campanha, como João Roma ter quase 50 mil votos em Feira. Acredito que a ampla maioria caminha para nos apoiar. Acredito também no crescimento da campanha. Você ter cinco candidatos na campanha é uma coisa, com dois, fica mais simples, mais prático, objetivo para se votar”, finalizou. *por por Maurício Leiro / Francis Juliano /  Bahia Notícias