Neoenergia Coelba retira duas mil ligações irregulares em estabelecimentos comerciais na Bahia

/ Bahia

As ações de combate ao furto de energia realizadas pela Neoenergia Coelba acontecem em todos os segmentos socioeconômicos da Bahia, desde o consumidor residencial até as grandes indústrias. Apenas nos três primeiros meses de 2022, os técnicos da distribuidora identificaram e removeram cerca de duas mil ligações irregulares em unidades comerciais no Estado. As operações recuperaram, neste recorte, 9,5 milhões de quilowatt-hora, energia suficiente para abastecer 81 mil residências durante um mês.

As irregularidades foram flagradas, entre outros locais, em restaurantes, supermercados, hotéis, lojas de construção e de pets espalhados em diversas regiões da Bahia. Nos três primeiros meses do ano, as equipes da concessionária inspecionaram mais de 7 mil unidades comerciais no Estado.

”Quando o estabelecimento comercial furta energia elétrica, além de cometer crime, ele está promovendo uma concorrência desleal no setor, prejudicando toda uma cadeia econômica e levando uma vantagem indevida. Por isso é importante que os diversos segmentos da economia fiquem atentos a este tipo de prática criminosa e denuncie”, explicou o gerente de Operações da Neoenergia Coelba, Tales Itaborai.

Considerando todos os segmentos de consumidores – residenciais, rurais, industriais e comerciais, a Neoenergia Coelba identificou, no primeiro trimestre de 2022, aproximadamente 30 mil irregularidades em toda a Bahia. No total, foram recuperados 93 milhões de quilowatt-hora, energia suficiente para abastecer todo o município de Vitória da Conquista durante três meses.

A distribuidora estima que cerca de R$ 2,6 milhões referentes a impostos deixariam de ser recolhidos devido a atuação fraudulenta nas unidades flagradas com irregularidades em todo o Estado. Porém, com a atuação de combate ao furto de energia pela Neoenergia Coelba, esse valor será recuperado e poderá ser revertido em benefício da população.

Crime e denúncias

A Neoenergia Coelba reforça que o furto de energia é crime previsto no artigo 155 do Código Penal Brasileiro, com pena de até oito anos de reclusão pela prática. Além de ilegal, a prática também coloca a vida da população em risco e prejudica o fornecimento de energia das regiões, podendo ocasionar interrupções nas localidades.

Por isso, é importante a denúncia de fraudes e furtos de energia. O apoio da comunidade é essencial para identificar os desvios e acionar a distribuidora. As denúncias podem ser feitas de forma anônima através do telefone 116 ou no site da Neoenergia Coelba, na parte de Serviços, na aba Denúncia de Irregularidade.

Custando R$ 860, cantora Ivete Sangalo esgota abadás em 2 horas para o Carnaval da Bahia 2023

/ Entretenimento

A cantora comanda o Bloco Coruja. Foto: Rafa Mattei

Os fãs da cantora Ivete Sangalo parecem realmente que estão com saudades da artista e da maior festa de rua do mundo, o Carnaval. Após anunciar as vendas do primeiro lote do Bloco Coruja, os abadás se esgotaram em apenas duas horas. 

O valor de cada abadá custa R$ 860,00. Ivete comanda o Bloco Coruja em 2023 no sábado e na segunda-feira, no circuito Barra Ondina. Com informações do Bahia.ba

Senado regulamenta identidade profissional de radialista; documento pode ser usado em todo o país

/ Imprensa

O Senado aprovou hoje (18) a regulamentação da identidade profissional de radialista. Com isso, o documento pode ser usado como identidade válida em todo o território nacional. O projeto segue para sanção presidencial.

De acordo com o texto aprovado, o documento deve ser emitido pelo sindicato da categoria. Caso não exista tal sindicato na área de atuação do profissional, a carteira poderá ser emitida por federação devidamente credenciada e registrada no Ministério do Trabalho.

Não é necessário o radialista ser sindicalizado para ter direito ao documento. Basta ele ser habilitado e registrado perante o órgão regional do Ministério do Trabalho nos termos da legislação que regulamenta a atividade profissional.

Tramitação
A regulamentação do documento de identidade para radialistas sofreu um atraso na tramitação. A proposta já havia passado por três comissões, mas uma medida provisória (MP) editada pelo governo em 2019, influenciou na tramitação do projeto que cria a carteira dos radialistas. A MP criava o Contrato Verde e Amarelo e fazia outras mudanças na legislação trabalhista e as mesmas comissões pelas quais o projeto haviam passado temiam que a MP o invalidasse.

Argumentos posteriores de Jorge Kajuru (Podemos-GO) e Rogério Carvalho (PT-SE), relatores do projeto nas Comissões de Assuntos Sociais (CAS) e na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), respectivamente, mostraram que a MP não tinha qualquer relação com o projeto. Além disso, Carvalho lembrou que a MP deixou de valer porque não foi votada no prazo pelo Congresso.

Itiruçu: Câmara aprova projeto que aumenta em 32% salários da prefeita, vice-prefeito e secretários

/ Itiruçu

Câmara aprovou PL com pedido de urgência. Foto: Blog Itiruçu Online

A Câmara de Itiruçu aprovou aumento nos salários da prefeita, do vice-prefeito, dos secretários e dos próprios vereadores, cujo reajuste no  subsídio dos edis passa a valer a partir de janeiro de 2023.

O aumento salarial de 32% para a prefeita, vice-prefeito e secretários foi aprovado em sessão da Câmara na noite de terça-feira (17), a partir do Projeto de Lei Nº 05/2022 de autoria da prefeita Lorenna Di Gregorio (PSD) e teve pedido de urgência feito pelos vereadores Tony Anjos, Ezequiel Borges, Agnaldinho, Ito do Feto, Val Caetano e Jó de Jú, conforme informações do Blog Itiruçu Online.

Ainda segundo o portal de notícias, ”o Projeto tem em sua justificativa a recomposição inflacionária nos salários da classe política, retroagindo a Janeiro.  O último reajuste para classe política foi dando em 2016, sendo fixado em R$ 14.000,00 de prefeito, R$ 7.000,00 para o vice; e Secretários Municipais em 4.000,00, que sofrerão reajustes de 32%, passando a R$ 18.480,00 para prefeita, 9.240,00 o vice e Secretários 5.280,00. O controlador interno do município passa a receber R$ 5.940,00”. O PL já foi sancionado nesta quarta-feira.

No Legislativo, o subsídio dos vereadores é  de R$ R$ 6.000,00, mas com a emenda ao Projeto apresentado pelo vereador Val Caetano, em 2023, passará a ser de R$ 7.920,00 o salário de parlamentar.

No aniversário da cidade, Cocá afaga a ex-prefeito e diz que Jaguaquara ”continua em boas mãos”

/ Política

Zé Cocá elogia Edione e faz afago a Martinelli. Foto: Rede social

Ao discursar nesta quarta-feira (18) em avento alusivo ao aniversário de 101 anos de emancipação político – administrativa de Jaguaquara, o prefeito de Jequié e presidente da União dos Municípios da Bahia, Zé Cocá (PP), decidiu fazer afago ao seu ex-aliado político, ex-prefeito Giuliano Martinelli (PP), com quem rompeu as relações desde 2021, quando Martinelli resolveu declarar ruptura por não ter em Zé o apoio que almejava depois de deixar o comando da Prefeitura para concretizar a ideia de ser candidato a deputado estadual, projeto que naufragou.

Durante seu discurso na visita ao Município, Cocá fez efusivos elogios a prefeita Edine Agostinone (PP), tendo afirmado que a mandatária estaria dando continuidade ao trabalho desenvolvido anteriormente por Martinelli: ”Parabéns, Jaguaquara, graças a Deus, por continuar em boas mãos. Ele não está nesse momento, mas o coração dele está aqui, que é o ex-prefeito Giuliano, que começou esse trabalho e, você, Edione, está dando sequência. Tenho orgulho de chegar nessa cidade e dizer, valeu a pena votar”, afirmou Cocá, que estava ladeado pelo ex-secretário de Governo da Prefeitura de Jequié, Hassan Iosseff (PP), o seu preferido para disputar uma cadeira na Assembleia Legislativa da Bahia.

O grupo elogiado por Cocá detém o poder há quase 20 anos, com poucas mudanças na equipe de uma gestão para outra e venceu as eleições municipais de 2020 por apenas 58 votos de diferença para o time derrotado, liderado à época por Raimundo Louzado (PSD) e Ademir Moreira (UB), ex-vice-prefeito e ex-prefeito do Município.