Estado da Bahia recebe mais de 186 mil vacinas contra a Covid-19 na noite deste sábado

/ Bahia

Vacinas chegam no Aeroporto de Salvador. Foto: Divulgação/Sesab

A Bahia recebeu na noite deste sábado (6), 186.200 novas doses da vacina contra o coronavírus (Covid-19). O carregamento de Coronavac chegou às 21h30 no Aeroporto Internacional de Salvador.

Com a utilização de dez aeronaves do Governo da Bahia, a expectativa é que em até 24 horas todos os 417 municípios tenham recebido novas doses e inicie já na próxima segunda-feira (8), a vacinação de idosos acima de 80 anos.

Mais de 736 mil doses

Essa é a quarta remessa de vacinas que chega à Bahia. Com a carga deste sábado (6), a Bahia totaliza 736.900 doses recebidas, entre Coronavac Oxford, desde o dia 18 de janeiro, quando chegou a primeira remessa.

Vacinados na Bahia
O total de vacinados no estado já supera os 280 mil baianos, sendo o segundo do Brasil em número de imunizados, segundo informações da Secretaria de Saúde.

Jequié: Leitos de UTI/adulto permanecem com 100% de ocupação e 60 novos casos de covid são registrados

/ Jequié

O novo boletim epidemiológico do coronavírus em Jequié, atualizado neste sábado (5) pela Secretaria Municipal de Saúde, registra nas últimas 24h em Jequié, mais 60 novos casos, perfazendo um total de 9.742 pessoas confirmadas com a doença, até agora.

Ainda segundo o boletim, 8.316 pacientes encontram-se recuperados e não apresentam mais os sintomas da doença e o número de óbitos desde o início da pandemia é de 206.

Conforme os dados repassados pelo HGPV e pelo Hospital São Vicente, a taxa de ocupação geral dos leitos de UTI/adulto voltou a atingir 100%. Destes, 17 leitos estão ocupados por residentes de Jequié e 12 leitos ocupados por pessoas de outros municípios.3.758 pessoas foram imunizadas em Jequié.

Quatro pessoas da mesma família morrem após carro em que estavam bater com caminhão na BR-030

/ Trânsito

Batida ocorreu entre Caetité e Brumado. Foto: Achei Sudoeste

Quatro pessoas de uma mesma família, entre elas uma menina de oito anos, morreram após o carro em que estavam bater de frente com um caminhão, na manhã deste sábado (6), na BR-030, entre as cidades de Caetité e Brumado, no sudoeste da Bahia.

Segundo informações da Polícia Militar (PM), o acidente ocorreu em um trecho conhecido como ”Curva da Candonga”, por volta das 10h30.

Ainda de acordo com a PM, o motorista do carro de passeio teria perdido controle da direção do veículo e batido de frente com o caminhão. O impacto foi tão grande, que o carro se partiu ao meio.

As quatro vítimas morreram no local. Elas foram identificadas como Edio Ribeiro da Costa, 44 anos (motorista); Regiane Brasil de Souza, 32 anos; Emanuelle Brasil da Costa, 8 anos; e Maria Aparecida Brasil de Souza, 54 anos.

O motorista do caminhão, identificado como João Paulo Prates de Oliveira, 26 anos, foi encaminhado pelo SAMU para a UPA de Caetité, sem lesões aparentes.

Projeto de Euclides Fernandes coíbe a prática de tiro desportivo por menores de 18 anos na Bahia

/ Política

O deputado Euclides Fernandes (PDT) apresentou, na Assembleia Legislativa, um projeto de lei que proíbe a prática de tiro desportivo por menores de 18 anos na Bahia e sugere punição para associações, clubes e similares que burlarem a proibição. As sanções vão desde multa de até 50 salários-mínimos vigentes no país à suspensão do funcionamento em caso de reincidência.

O projeto foi motivado por recente notícia do assassinato de uma adolescente com um tiro na cabeça por uma amiga de 14 anos praticante de tiro desportivo. A menor infratora admitiu que a arma usada ”no ato infracional análogo a crime de homicídio” era utilizada nas suas atividades desportivas e que o disparo aconteceu sem intenção. ”Com intenção ou não”, analisou Fernandes, ”percebe-se que o cerne da questão está diretamente relacionado com a prática de tiro desportivo realizada por menores de idade”. O pedetista afirmou que seu projeto, ”além de buscar evitar novas situações como a aqui mencionada, também tem o escopo de afastar o público infantojuvenil do contato direto com armas de fogo”.

Ele cita o Estatuto da Criança e do Adolescente, especificamente o inciso I, do art. 81, que ”proíbe a venda de armas ou correlatos para crianças e adolescentes” e o art. 79 que veda a revistas ou publicações destinadas ao público infantojuvenil disponibilizarem ”ilustrações, fotografias, legendas, crônicas ou anúncios de armas e munições, e deverão respeitar os valores éticos e sociais da pessoa e da família”.

Para o autor da proposição, não faz nenhum sentido que os meios publicitários sejam impedidos de oferecer esses conteúdos, ”situação que é absurdamente menos nociva, e os jovens possam praticar tiro desportivo com armas de fogo”.

Em que pese à prática de tiro ser considerada como desportiva, ”entende-se que tal esporte não deve ser oferecido aos baianos com menos de 18 anos”, considera Fernandes.

 

Juíza de Salvador determina retorno das atividades escolares presenciais na Bahia até o dia 1º de março

/ Justiça

A juíza Juliana de Castro Madeira Campos, da 6ª Vara da Fazenda Pública de Salvador, determinou, nesta sexta-feira (5), a retomada das atividades escolares presenciais na Bahia, com prazo até o dia 1º de março para o retorno. Segundo a magistrada, a suspensão das aulas viola o princípio constitucional da razoabilidade.

Em sua decisão, que atendeu a um pedido do vereador de Salvador Alexandre Aleluia (DEM), a juíza determina ainda que o governo estadual apresente em 5 dias corridos, a contar da intimação eletrônica, os protocolos de prevenção ao contágio da Covid-19 que deverão ser seguidos por todas as escolas do estado.

”Após a apresentação dos protocolos, deverão as escolas públicas e privadas retornar às atividades de forma presencial (com revezamento de alunos em sala) e/ou híbrida (parte dos alunos em sala de aula e outra parte em tempo real na internet), dando continuidade ao ano letivo”, diz a magistrada.

”O Estado da Bahia deverá adequar as escolas públicas aos protocolos estabelecidos para início das aulas no prazo máximo e improrrogável de 01 de março de 2021”, concluiu.

Neste momento, representantes do governo estadual estão reunidos com gestores municipais de toda a Bahia para decidir sobre a volta às aulas. O governador Rui Costa (PT) considera a possibilidade de antecipar a vacinação de pessoas mais idosas que trabalham nas escolas. As informações são do Bahia Notícias

Jornalista Mariana Becker é demitida da TV Globo após 27 anos de atuação na emissora

/ Imprensa

Contrato da repórter se encerrou em dezembro. Foto: Reprodução

A jornalista Mariana Becker foi demitida pela Rede Globo nesta sexta-feira (05), após 27 anos de atuação na emissora. Em nota ao colunista do UOL Gabriel Vaquer, a Globo confirmou que o contrato da repórter se encerrou em dezembro do ano passado e não foi renovado.

Conforme a publicação, a decisão teria sido tomada como reflexo da desistência da Globo em tentar a renovação da transmissão da Fórmula 1 para este ano. Geralmente, Becker cobria a F1 e realizava outras reportagens quando era requisitada.

A jornalista tem 49 anos e foi contratada pela emissora em 1994 para atuar no jornalismo esportivo. Natural de Porto Alegre (RS), ela foi transferida para o Rio de Janeiro no ano seguinte e em 2008 passou a ser titular na cobertura da F1, entrando no lugar de João Pedro Paes Leme.

Na última terça (02), outro jornalista esportivo também deixou a casa. Tino Marcos anunciou que decidiu de aposentar e deixou a emissora após 35 anos.

Abertas inscrições para cursos à distância sobre Educação Financeira, pela Secretaria do Consumidor

/ Educação

Estão abertas as inscrições para cursos à distância sobre Educação Financeira, que será realizado pela Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), por meio da Escola Nacional de Defesa do Consumidor. Serão oferecidos os cursos: Planejar para realizar Sonhos; Dominando emoções e criando novos hábitos e Inteligência financeira; Saia do Sufoco; Práticas Abusivas; e Vício do Produto e do Serviço.

Podem se inscrever nos cursos os membros do Sistema Nacional de Defesa do Consumidor ou qualquer pessoa maior de 16 anos. Os participantes receberão certificado de extensão pela Universidade de Brasília (UnB). Todos os cursos terão carga horária de 20 horas semanais, com duração de quatro semanas. Além disso, todos ocorrerão na modalidade a distância e são divididos por módulos. As inscrições podem ser feitas até o dia 22 de fevereiro no portal Defesa do Consumidor

Diretor da OMS pede que países ricos atrasem vacinação para ajudar mais pobres

/ Saúde

Diretor -geral da OMS, Tedros Adhanom. Foto: Reprodução

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom, pediu que os países mais ricos atrasem os programas de vacinação para que os imunizantes sejam entregues a países mais pobres em um primeiro momento. Ele sugeriu que a suspensão temporária seja feita quando a população mais vulnerável e os profissionais de saúde já tenham sido vacinados.

Para Adhanom, apesar do número de imunizados superar o de casos ser uma boa notícia, o fato esconde uma grande desigualdade. Isto porque mais de três quartos destes casos foram registrados em apenas 10 países. Nações como Reino Unido e Canadá, por exemplo, já asseguraram doses suficientes para vacinar toda a população. Em contrapartida, mais de 100 países com 2,5 bilhões de pessoas ainda não possuem nenhuma dose.

”Isso é fundamental porque, enquanto houver uma grande parcela de pessoas sem imunidade, cresce a possibilidade de o vírus sofrer mutações e escapar do efeito das vacinas. E voltaremos à estaca zero”, disse, mas frisando que a ajuda aos outros países deve ser feita após pessoas mais velhas e profissionais de saúde já terem sido imunizadas.

Jequié confirma mais 1 óbito e 77 novos casos de Covid; taxa de ocupação de UTI é de 100%

/ Jequié

O boletim do coronavírus emitido pela Prefeitura de Jequié na noite desta sexta-feira (5) informou que houve o registro de mais 1 óbito, sendo um homem, de 69 anos, residente no Mandacaru, com histórico de Hipertensão Arterial Sistêmica e Diabetes Mellitus, que estava internado no HGPV, elevando para 206 o número de mortes.

Nas últimas 24 horas foram registrados 77 novos casos, perfazendo um total de 9.682 pessoas confirmadas com a doença, até agora. 8.316 pacientes encontram-se recuperados e não apresentam mais os sintomas da doença.

Conforme os dados repassados pelo HGPV e pelo Hospital São Vicente, a taxa de ocupação geral dos leitos de UTI/adulto voltou a atingir 100%. Destes, 15 leitos estão ocupados por residentes de Jequié e 14 leitos ocupados por pessoas de outros municípios. Até o presente momento 3.639 pessoas foram imunizadas em Jequié.

Empresário de Jaguaquara morre após ser baleado na feira livre de Santo Antônio de Jesus

/ Jaguaquara

Kleyson Pinheiro, de 39 anos, foi morto. Fotomontagem / BMF

O cometimento de um crime no Recôncavo baiano, na noite desta sexta-feira (5), chocou moradores de Jaguaquara, no Vale do Jiquiriçá.

Um empresário jaguaquarense, do ramo de hortifruti, Kleyson Pinheiro, de 39 anos, foi vítima de disparos de arma de fogo enquanto trabalhava em seu estabelecimento de comercialização de produtos hortifrutigranjeiros na feira livre de Santo Antônio de Jesus.

Segundo informações divulgadas pela imprensa de SAJ, indivíduos teriam surpreendido o empresário, houve troca de tiros e Kleyson acabou atingido, sendo socorrido ao pronto-socorro do Hospital Regional, mas não resistiu.

A Polícia Militar esteve no local, para apurar o caso, mas não encontrando o autor ou autores dos disparos.

Ainda segundo informações da mídia local,  a polícia não descarta ter ocorrido latrocínio. Kleyson era oriundo de Jaguaquara, membro de uma tradicional família. Ele deixa esposa e três filhos, de 8, 4 e de 09 meses.

Vacina contra Covid-19 gera inaptidão para doação de sangue por até 7 dias após a aplicação

/ Saúde

A vacina contra a Covid-19 impede a doação de sangue pelo período de 48 horas até sete dias após a aplicação da dose, dependendo do tipo do imunizante tomado, segundo determinação do Ministério da Saúde. Com isso, a Hemoba convida os baianos para doarem sangue antes de serem vacinados, em função do impedimento temporário para doação após o recebimento da vacina.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), informou nesta quarta-feira (3), que a inaptidão temporária para doação de sangue deve ser aplicada por 48 horas após cada dose da vacina baseada em vírus inativado, como a da fabricante Sinovac/Butantan e Covaxin/Bharat Biotech, e sete dias após cada dose das demais fabricantes que utilizam vetores virais, RNA mensageiro (mRNA) ou DNA, como as da Astrazeneca/Oxford, produzida no Brasil pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), a e Sputnik V, produzida na Rússia.

Segundo o diretor da Hemoba, Fernando Araújo, o período de inaptidão garante a segurança de possíveis efeitos colaterais nos receptores da transfusão sanguínea. ”Recomendamos que os voluntários que desejam se candidatar à doação de sangue compareçam às unidades da Hemoba portando o cartão de vacinação ou que realizem a doação antes de receber a vacina. Garantir a saúde de todos, é conseguir assistir também quem precisa de sangue nesse momento”, diz.

Zé Cocá promete parceria entre Prefeitura de Jequié e Sindicato Rural para revitalizar Parque de Exposições

/ Jequié

Coronel Ivo Silva, Claudemiro e Zé Cocá. Foto: Blog Marcos Frahm

O prefeito de Jequié, Zé Cocá, se reuniu na noite desta sexta-feira (5) com o presidente do Sindicato Rural de Jequié, Coronel Ivo Silva Santos e produtores membros da entidade, na sede do Sindicato, na Avenida Rio Branco, tendo discutido demandas do agronegócio no Município.

Durante o encontro, que contou com a presença do secretário municipal de Agricultura, Irrigação e Meio Ambiente, Claudemiro Brandão, o prefeito ressaltou a importância de investimentos no setor, apontado como uma das principais forças econômicas da região do Médio Rio de Contas e garantiu firmar parceria com o SRJ para revitalização do Parque de Exposições Luiz Braga, local que sedia anualmente a Exposição Agropecuária e Industrial, evento que ao longo dos últimos anos ganhou destaque no cenário nacional e que em 2021 está ameaçado de acontecer em decorrência da pandemia.

Com distanciamento, produtores e prefeito discutiram demandas

Conhecedor do campo, o chefe do Executivo assegurou que irá apoiar as ações do Sindicato Rural. ”Ajudar a quem produz é um dever do poder público e nós iremos fazer isso. Eu vim do campo e sei o quanto é difícil para um sindicato rural promover eventos sem ajuda. Primeiro nós vamos firmar uma parceria para revitalizar o parque e depois discutir a realização da feira de animais, a exemplo da que implantamos em Lafaiete Coutinho e se tornou uma referência. Quanto a Expo Jequié, infelizmente a gente não tem a certeza se irá acontecer nesse ano por causa do pandemia, mas quando houver a próxima edição estaremos juntos, como parceiros, para que possamos fortalecer a economia”, ressaltou Zé Cocá.

19º BPM homenageia enfermeira que atua na linha contra Covid em hospital de Jequié

/ Jequié

Joelma Lemos dos Anjos foi homenageada. Foto: Divulgação

O comandante do 19° BPM de Jequié, Ten Cel Itamar Gondim Bandeira, homenageou a enfermeira Joelma Lemos dos Anjos, que atua na linha de frente de combate à Covid19 no Hospital São Vicente.

Joelma vem, desde julho de 2020, realizando com muita presteza, atenção e dedicação, a testagem do efetivo do 19° Batalhão e demais forças de segurança estadual que atuam no município de Jequié, mediante parceria firmada com a Unidade Básica de Saúde (UBS) da OPM e o hospital.

”Nesse período tão desafiador para todos nós que atuamos na linha de frente, quero enaltecer e destacar ainda, a importância de cada profissional da saúde e, em nome de todo o efetivo, agradecer pelos serviços prestados também à população, pelo amor, empenho e dedicação para cuidar e salvar as vidas de tantas pessoas”, concluiu o comandante.

Novo auxílio emergencial só viria com calamidade pública, diz o ministro da Economia, Paulo Guedes

/ Economia

Uma eventual nova rodada do auxílio emergencial deve estar dentro do orçamento e ser acionada apenas em caso de nova calamidade pública, disse o ministro da Economia, Paulo Guedes. Ele reuniu-se ontem (4) à noite com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco.

Segundo o ministro, a extensão do auxílio seria mais ”focalizada” e atenderia 32 milhões de brasileiros, pouco menos da metade dos 67,9 milhões de pessoas que receberam o benefício em 2020.

Para chegar à estimativa de 32 milhões de pessoas, Guedes explicou que uma nova versão do auxílio emergencial não abrangeria os inscritos no Bolsa Família e se concentraria apenas na população não atendida por nenhum programa social. O ministro ressaltou que a recriação do auxílio deverá ter previsões de recursos no orçamento, com o remanejamento de outras despesas e com a ativação do estado de calamidade.

”É possível. Nós temos como orçamentar isso, desde que seja dentro de um novo marco fiscal. Se o Congresso aciona o estado de calamidade, temos condição de reagir rapidamente. Mas é muito importante que seja dentro de um quadro de recuperação das finanças. Estamos preparados para fazer as coisas dentro das proporções”, declarou Guedes.

Ao lado de Guedes na saída da reunião, Pacheco disse que foi ao Ministério da Economia expressar “formalmente” à equipe econômica a preocupação dos parlamentares com o fim do auxílio emergencial. “A pandemia continua, e agora eu vim ao ministro da Economia externar o que é uma preocupação do Congresso Nacional”, disse.

Ao comentar que a retomada do auxílio emergencial é importante, Pacheco disse ter se antecipado à reunião do colégio de líderes, ao discutir a questão com Guedes. O senador, no entanto, ressaltou que a recriação do benefício deve ser discutida observando as regras fiscais. ”Obviamente com cautela, com prudência, com observância de critérios, para evitar que as coisas piorem”, afirmou.

Reformas

Sobre o cronograma de votação das reformas econômicas, o presidente do Senado reiterou que pretende concluir a reforma tributária em 2021, aproveitando as propostas em tramitação no Congresso, sem impor um novo texto. O Ministério da Economia poderá contribuir com sugestões na comissão especial.

Além da reforma tributária, Pacheco listou, como prioridades, as propostas de emenda à Constituição (PECs) do pacto federativo, emergencial e da desvinculação dos fundos públicos. A cláusula de calamidade, que permitiria a recriação do auxílio emergencia, seria incluída na primeira PEC, do pacto federativo, sendo acionada pelo Congresso e discutida no Conselho Fiscal da República que seria criado pela proposta.

Marcado para o fim da tarde dessa quinta-feira, o encontro entre Pacheco e Guedes ocorreu no fim da noite. Por causa da sessão no Senado, que se estendeu além do horário previsto, o encontro atrasou três horas. Da Agência Brasil