Educação: Ufba oferece aulas online gratuitas para estudantes que vão fazer Enem

/ Educação

O núcleo de Pós-Graduação em Biodiversidade e Evolução do Instituto de Biologia da Universidade Federal da Bahia (Ufba) oferece aulas de biologia gratuitas para estudantes que vão participar do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). As inscrições são pela internet, e devem ser feitas até dia 21 de outubro.

As aulas serão ministradas por pós-graduandos da Ufba e transmitidas pelo canal do YouTube do Programa de Pós-Graduação em Biodiversidade e Evolução (PPGBioEvo UFBA), toda quarta-feira, às 18h, de 14 de outubro até 16 de dezembro.

Qualquer pessoa pode assistir, porém, para receber certificado é necessário preencher um formulário online. Mais informações podem ser pedidas através do e-mail: [email protected].

O projeto foi idealizado por oito pós-graduandos no Instituto de Biologia da Ufba, com a orientação de quatro docentes.

Em queda de audiência, Globo faz mudanças na programação da TV Bahia e troca horário do GE

/ Imprensa

Mariana Aragão, apresentadora do Globoesporte. Foto: TV Globo

A queda de audiência da TV Bahia na faixa do horário de almoço fez com que a Globo tomasse uma medida drástica. A partir de segunda-feira (5), a emissora irá exibir o ‘Globo Esporte’ a partir das 11h45, logo após o ‘Encontro com Fátima Bernardes’.

A mudança também será feita em Goiânia pelo mesmo motivo, e caso funcione, isso quer dizer, recupere a audiência, ela será aplicada em todo o Brasil.

De acordo com o site ‘UOL’, a escolha das capitais foi feita pelo fato de ambas serem vice-líderes de audiência com a atração.

A medida vem como uma tentativa de bater de frente com a Record, que é a maior causadora de dor de cabeça para a emissora.

O novo horário da atração esportiva da Globo pode prejudicar a Band, que neste horário está exibindo o ‘Jogo Aberto’ comandado por Renata Fan, que até o momento não competia com nenhuma atração do segmento.

Veja vídeo: Graer resgata passageiros de lancha que ficou à deriva na Baía de Todos-os-Santos

/ Bahia

Cinco pessoas que estavam a bordo de uma lancha na Baía de Todos os Santos foram resgatadas no início da tarde deste sábado (3), por um helicóptero do Grupamento Aéreo da Polícia Militar (Graer). A embarcação estava à deriva entre o Corredor da Vitória e a Penha.

Segundo informações da corporação, o chamado veio através da Central de Operações, que imediatamente fez contato com a Capitania dos Portos para buscar maiores detalhes. De acordo com um dos ocupantes da lancha, houve um princípio de incêndio no motor antes da embarcação ficar à deriva.

O Guardião 2 fez um sobrevoou e localizou a embarcação, que sofria com a agitação das ondas. Uma embarcação da Capitania dos Portos auxiliou no resgate, rebocando a lancha avariada até a Marina da Penha. Não houve feridos.

Em um período de 24 horas, Salvador registra 13 mortes e 137 casos de Covid-19

/ Bahia

Salvador registrou hoje (3) mais 13 mortes por coronavírus e 137 novos casos de coronavírus em 24 horas, conforme dados disponibilizados pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab).

A capital baiana acumula 86.386 casos da doença deste o início da pandemia, 927 casos ativos e 2.753 óbitos. A cidade ainda registrou 40% da taxa de ocupação dos leitos de UTI adulto para pacientes com coronavírus.

Trump grava vídeo tranquilizando eleitores; Casa Branca diz que situação é ”preocupante”

/ Mundo

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse estar se sentindo ”muito melhor”, mas que os ”próximos dias serão o verdadeiro teste”, em um vídeo compartilhado nas redes sociais neste sábado (3).

”Eu vim para cá, não estava me sentindo tão bem. Eu me sinto muito melhor agora, estamos trabalhando duro para eu me recuperar completamente —tenho que estar de volta porque ainda temos que fazer com que a América seja grande novamente”, declarou, tranquilizando os eleitores. ”Estou começando a me sentir bem, mas você não sabe, eu acho que os próximos dias serão o verdadeiro teste”.

Todavia, os sinais vitais do presidente, que está com Covid-19, estiveram ”muito preocupantes” ao longo do último dia e ele não está fora de perigo, segundo o chefe de Gabinete da Casa Branca, Mike Meadows.

A equipe médica afirmou que ainda não há previsão de alta para o presidente. As declarações contrariam o que havia sido dito pelos médicos minutos antes, trazendo ainda mais incerteza sobre o real estado de saúde do presidente americano e os detalhes de seu diagnóstico.

”Os sinais vitais nas últimas 24 horas foram muito preocupantes, e as próximas 48 horas serão críticas para o seu tratamento”, declarou, contrariando as declarações da equipe médica do hospital.

Planalto põe panos quentes, mas briga com Marinho aumenta desgaste de Paulo Guedes

/ Brasília

Bolsonaro tenta apaziguar briga entre ministros. Foto: Reprodução

A briga entre os ministros Paulo Guedes (Economia) e Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional) coroou uma semana de desgaste político para o posto ipiranga, na avaliação de pessoas próximas ao presidente Jair Bolsonaro.

A ordem no Palácio do Planalto, agora, é pôr panos quentes na briga para evitar ainda mais atritos à luz do sol.

Avisado de que Marinho o havia criticado para investidores, Guedes disparou ofensas públicas contra o colega. Em entrevista na noite desta sexta (4), o titular da Economia chamou Marinho de “despreparado, desleal e fura-teto”.

Após o episódio, segundo líderes partidários próximos do Planalto, o próprio Jair Bolsonaro entrou em campo e pediu que o ministro do Desenvolvimento se acalmasse e não respondesse para evitar ainda mais a crise, que mexeu com o mercado financeiro.

Na avaliação de líderes no Congresso e ministros, ambos os auxiliares do presidente estão errados na disputa. O estranhamento entre os dois vem desde abril, com troca de farpas em reuniões com outros ministros, mas ainda não havia ocorrido uma briga em público.

Para aliados de Bolsonaro no Parlamento e no governo ouvidos pela Folha, Marinho errou ao criticar o colega para investidores e Guedes, por ter dobrado a aposta ao rebatê-lo publicamente.

O episódio em si foi descrito como “surreal” por dirigentes partidários. Mas parlamentares avaliaram que faltou bom senso e equilíbrio ao ministro da Economia, que colocou mais lenha na fogueira.

Ministros também dizem que o posto ipiranga provocou primeiro Marinho, ao lançar diretas e indiretas ao colega e dar apelidos nos bastidores, como fura-teto.

A briga ocorreu após uma semana em que Guedes já havia se desgastado com parlamentares por causa de discordâncias a respeito do Renda Cidadã. O ministro criticou a ideia de usar precatórios para bancar o programa. Deputados e senadores, porém, dizem que a proposta partiu do próprio titular da Economia.

Por isso, parlamentares dizem que ele cometeu no mínimo uma “grosseria” com Márcio Bittar (MDB-AC), relator da iniciativa.

Nesta sexta-feira (2), Guedes assumiu a culpa pela confusão e disse que gostaria de eximir Bittar e o líder do governo na Câmara, Ricardo Barros (PP-PR), de qualquer responsabilidade.

O ministro afirmou que a ideia de usar os precatórios foi “um vírus que escapou do laboratório da Economia”. Ele argumenta que a limitação dos pagamentos estava em estudo, mas apenas como forma de controlar despesas do governo, e não para bancar o novo programa social, que exige uma fonte sólida e permanente de recursos.

A irritação de Guedes com Marinho já havia se intensificado na última semana, antes da briga pública. Na busca por saídas para o novo programa social do governo, o ministro da Economia disse a interlocutores que Marinho havia sugerido furar o teto de gastos em R$ 70 bilhões.

Nesse momento, Guedes teria determinado uma força-tarefa para vasculhar o Orçamento em busca de recursos, na tentativa de evitar a burla à regra fiscal. Foi nessa busca, segundo interlocutores, que surgiu a ideia de reavaliar gastos com precatórios.

O episódio ampliou o desconforto entre os ministros. Em grupos de mensagens no Ministério da Economia, circula uma foto que é tratada como piada por técnicos. Nela, um homem empurra um caminhão, enquanto um segundo rapaz aparece em cima da carroceria do veículo, fingindo que está empurrando. Na montagem, Guedes seria o personagem que empurra o caminhão, enquanto Marinho finge, em uma comparação com as ações para a retomada da economia.

Em reunião na sexta, segundo relatos, Guedes chamou o ministro do Desenvolvimento de “picareta” e disse que ele está em um “surto populista” na busca por ser candidato ao Senado ou ao governo do Rio Grande do Norte.

Além desse episódio, o ministro também teve conflito público com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Esses episódios, coroados pelo conflito público com Marinho fazem Guedes perder cada vez espaço no governo, avaliam articuladores políticos e dirigentes partidários.

Hoje, o ministro do Desenvolvimento é considerado ”10 vezes” mais próximo de Bolsonaro do que o ministro da Economia.

Na área econômica, no entanto, técnicos apostam nas declarações públicas de Bolsonaro em apoio a Guedes para justificar sua força no governo. Na recorrentes crises entre o ministro e a ala política, o presidente tem se pronunciado em defesa do Ministro da Economia, afirmando ter compromisso com o teto de gastos.

Em conversas com auxiliares, o chefe da Economia tem dito que se formaram duas vertentes no governo: a ala política, que inclui Marinho, que busca manter a popularidade do presidente em alta a qualquer custo, e a equipe econômica, que busca ajustar as contas e, na avaliação da pasta, tem aval do presidente.

Neste sábado, Bolsonaro convidou Guedes para um almoço no Palácio da Alvorada.

Líderes partidários, no entanto, acreditam que Guedes pode nem ”comer o peru de natal”, em uma referência de que ele pode deixar o governo. O ideal, para integrantes da cúpula de partidos de centro, é que o ministro seja substituído pelo presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, que tem mais trânsito no Legislativo e manda um sinal positivo para o mercado.

No governo, porém, não há sinal de saída próxima de Guedes. Bolsonaro ainda seria muito grato ao ministro pelas eleições de 2018 e o trata com lealdade, o que é apontado como o principal fator para a permanência do ministro. Com informações do Estadão

Rio Paraguaçu ganha rota náutica para ajudar na navegação e turismo da região

/ Bahia

A Secretaria de Turismo do Estado irá implementar uma carta de navegação para quem desejar desbravar as belezas do Rio Paraguaçu.

O secretário da pasta, Fausto Franco, assinou um protocolo de intenções neste sábado que prevê uma rota náutica mais segura para os navegadores e turistas que desejam conhecer o local.

A iniciativa faz parte das ações do Prodetur Nacional Bahia que, além das obras estruturais, a exemplo da construção do terminal turístico de Cachoeira, visa também o desenvolvimento do Turismo Sustentável na Baía de Todos-os-Santos.

”Nosso objetivo é a construção de uma rota navegável que permita chegar a Cachoeira com mais segurança, observando aspectos como condições de maré, profundidade e calados de embarcações”, afirma Fausto Franco.

A navegação pelo Rio Paraguaçu até Cachoeira está prevista no projeto de roteirização náutica da Baía de Todos-os-Santos pelo Prodetur, desenvolvido pela Secretaria de Turismo do Estado.

”É um rio de grande importância para o turismo, margeado por belezas naturais e um rico acervo arquitetônico”, diz o secretário.

Brasil ultrapassa 145 mil mortos e 4,9 milhões de casos de Covid-19, diz Ministério da Saúde

/ Brasil

De acordo com dados divulgados pelo Ministério da Saúde, o Brasil registrou 599 mortes e 26.310 novos casos confirmados da Covid-19, neste sábado (3).

Com isto, o país chega à marca de 145.987 óbitos e 4.906.833 infecções pelo novo coronavírus, desde o início da pandemia. O total de pacientes recuperados, segundo os dados do governo federal, é de 4.248.574.

No recorte regional, o Sudeste apresenta o maior número de mortes acumuladas, com 66.226; seguido do Nordeste, com 39.579; Norte (15.142); Centro-Oeste (12.926) e Sul (12.314).

A Bahia, por sua vez, registrou 46 óbitos neste sábado (3), chegando a um total de 6.890 vítimas fatais do novo coronavírus, desde o início da pandemia

Bahia registra 1.307 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas, diz boletim da Sesab

/ Bahia

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 1.307 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,4%) e 1.444 curados (+0,5%). Dos 314.711 casos confirmados desde o início da pandemia, 301.080 já são considerados curados e 6.741 encontram-se ativos. A base de dados completa dos casos suspeitos, descartados, confirmados e óbitos relacionados ao coronavírus está disponível em https://bi.saude.ba.gov.br/transparencia/.

Para fins estatísticos, a vigilância epidemiológica estadual considera um paciente recuperado após 14 dias do início dos sintomas da Covid-19. Já os casos ativos são resultado do seguinte cálculo: número de casos totais, menos os óbitos, menos os recuperados. Os cálculos são realizados de modo automático.

Os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (27,75%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram: Ibirataia (6.733,28), Almadina (6.497,07), Madre de Deus (6.120,51), Itabuna (6.082,83), São José da Vitória (5.338,52).

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 627.589 casos descartados e 78.729 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas deste sábado (3).

Na Bahia, 26.331 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

Óbitos

O boletim epidemiológico de hoje contabiliza 46 óbitos que ocorreram em diversas datas, conforme tabela abaixo. A existência de registros tardios e/ou acúmulo de casos deve-se a sobrecarga das equipes de investigação, pois há doenças de notificação compulsória para além da Covid-19. Outro motivo é o aprofundamento das investigações epidemiológicas por parte das vigilâncias municipais e estadual a fim de evitar distorções ou equívocos, como desconsiderar a causa do óbito um traumatismo craniano ou um câncer em estágio terminal, ainda que a pessoa esteja infectada.

O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 6.890, representando uma letalidade de 2,19%. Dentre os óbitos, 55,72% ocorreram no sexo masculino e 44,28% no sexo feminino. Em relação ao quesito raça e cor, 53,74% corresponderam a parda, seguidos por branca com 17,26%, preta com 15,27%, amarela com 0,80%, indígena com 0,12% e não há informação em 12,82% dos óbitos. O percentual de casos com comorbidade foi de 72,03%, com maior percentual de doenças cardíacas e crônicas (75,70%).

Vitória cede empate no fim e fica no 1×1 com o Operário no Paraná, pela Série B do Brasileiro

/ Esporte

Júnior Viçosa ocupou vaga de Léo Ceará. Foto: Estadão Conteúdo

Não foi dessa vez que o Vitória conseguiu entrar no G4 – ou conquistar seu primeiro triunfo fora de casa na Série B. Na noite desta sexta-feira (2), no estádio Germano Krüger, no interior do Paraná, o Leão abriu o placar sobre o Operário, com gol de Ewandro, no início do segundo tempo, mas viu o rival fazer o 1×1 já nos acréscimos, aos 46, com Jefinho.

O empate marcou o quinto resultado igualado do rubro-negro longe de Salvador na segundona – fora, o time também perdeu outras duas vezes. Dessa forma, não tem mais chance de colar nos quatro primeiros nessa rodada. Como o CRB bateu o Avaí por 3×1, ainda fez o Leão cair uma colocação – agora, está na 8ª posição, com 18 pontos, mesma pontuação do Operário.

O Vitória volta a Salvador e prepara para dois jogos no Barradão. Primeiro, recebe o América-MG, às 19h15 de terça-feira (6), pela 14ª rodada. Depois, no sábado (10), enfrenta o Avaí, às 16h30.

Caixa abre neste sábado 770 agências no Brasil para pagar auxílio emergencial e FGTS

/ Economia

A Caixa Econômica Federal vai abrir neste sábado (3) 770 agências no Brasil para o pagamento dos 9 milhões de beneficiários do auxílio emergencial e do saque emergencial do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço). O atendimento acontecerá das 8h às 12h.

Em comunicado, a Caixa esclarece que todas as pessoas que procurarem as agências durante o funcionamento serão atendidas.

Os beneficiários do auxílio emergencial nascidos em maio, 4 milhões de pessoas, poderão sacar o benefício em dinheiro e os trabalhadores nascidos em junho, 5 milhões, vão poder retirar em espécie os valores do saque emergencial do FGTS.

Jequié não registra óbito por Covid há 03 dias, mas número de casos segue aumentando

/ Jequié

Número de casos em Jequié chegou a 5.746. Foto: Blog Marcos Frahm

A Prefeitura de Jequié informou que registrou, nesta sexta-feira (2), mais 16 novos casos do coronavírus, perfazendo um total de 5.746 pessoas confirmadas com a doença, até agora.

Mais 35 pessoas tiveram alta, sendo liberadas para suas atividades, contabilizando 5.408 pacientes que encontram-se recuperados e não apresentam mais o sintomas da doença. Os que estão em quarentena somam 526 pessoas.

Conforme os dados repassados pelo HGPV e pelo Hospital São Vicente, a taxa de ocupação geral dos leitos de UTI/adulto é de 58,62%. Destes, 10 leitos estão ocupados por residentes de Jequié e 7 leitos ocupados por pessoas de outros municípios.