Nos pênaltis, Bahia vence Atlético de Alagoinhas e conquista o título de tricampeonato Baiano

/ Esporte

Elenco do Bahia comemora o 49º título estadual Foto: Felipe Oliveira

Com emoção, o Bahia espantou a zebra que passeava por Pituaçu neste sábado (8) e conquistou o terceiro título seguido do Campeonato Baiano ao vencer nos pênaltis o Atlético de Alagoinhas. Depois do 0 a 0 no jogo de ida, o Tricolor buscou o empate em 1 a 1, e levou nos pênaltis por 7 a 6. É a 49ª vez que o clube se torna campeão estadual.

O primeiro tempo foi de pouquíssimas emoções em Pituaçu. O Bahia tinha mais posse de bola, mas chegava sem perigo no ataque, e não teve nenhuma grande finalização. Do outro lado, o Atlético de Alagoinhas também não conseguia ser incisivo nos contra-ataques, o que tornou o jogo morno.

Na volta do intervalo, os visitantes surpreenderam e abriram o placar com o experiente Magno Alves, aos 15 minutos. O Magnata recebeu com espaço na entrada da área e bateu de canhota. A bola ainda desviou na zaga antes de entrar no cantinho. Ainda assim, o Bahia lutou para buscar o gol de empate, e ele saiu aos 25 minutos com o meia Daniel.

Com o 1 a 1 no placar, a decisão do título ficou para a disputa de pênaltis. Magno Alves desperdiçou para o Atlético, enquanto Marco Antônio perdeu para o Bahia. De resto, todos acertaram, levando para as alternadas. Até que, na oitava cobrança, o goleiro Douglas foi buscar a batida de Dedeco, conquistando o título para o Tricolor Baiano.

Congresso e Supremo Tribunal Federal decretam luto oficial pelas 100 mil mortes por Covid-19

/ Brasil

Após o país atingir a marca de 100 mil mortos por Covid-19 na tarde deste sábado (8), o Supremo Tribunal Federal decretou luto oficial de três dias. O presidente do STF, ministro Dias Tofolli divulgou uma nota onde diz que ”somos uma nação enlutada, que sofre pela perda de familiares, amigos e pessoas do nosso convívio social”.

O ministro manifestou ”sentimentos de profunda tristeza e solidariedade aos familiares e aos amigos de cada uma das 100 mil vítimas. Em solidariedade à dor de inúmeros brasileiros e em homenagem a cada uma das 100 mil vítimas, o Supremo Tribunal Federal decreta luto oficial de três dias”.
Tofolli disse ainda que ”nesses tempos de tantos temores e perdas, humanas e materiais, somos instados a exercer a solidariedade e o espírito fraternal” e desejou que “a esperança, o espírito de Fé e a Ciência sejam nossos guias para que possamos encontrar meios de superação”.

Mais cedo, o presidente do Congresso, Davi Alcolumbre, decretou luto oficial de quatro dias por conta das mortes pela pandemia. O anúncio foi feito pelo Twitter do senador.

Confira a nota de Dias Toffoli na íntegra:

Na data de hoje, o Brasil chora pelas 100 mil mortes em razão da Covid-19. Somos uma nação enlutada, que sofre pela perda de familiares, amigos e pessoas do nosso convívio social.

Jamais vivemos uma tragédia dessa dimensão em nosso país. São 100 mil pessoas que tinham um nome, uma profissão, projetos e sonhos. 100 mil vidas que certamente deixaram sua marca no mundo e na vida de outras pessoas. São filhas e filhos que não mais estarão com seus pais no dia especial de amanhã. São pais que não terão o que festejar neste domingo.

Em nome do Poder Judiciário e do Supremo Tribunal Federal, manifesto nossos sentimentos de profunda tristeza e solidariedade aos familiares e aos amigos de cada uma das 100 mil vítimas. Em solidariedade à dor de inúmeros brasileiros e em homenagem a cada uma das l00 mil vítimas, o Supremo Tribunal Federal decreta luto oficial de três dias.

Uma das maiores pandemias da humanidade tem assolado a vida dos brasileiros. Passamos a conviver com a incerteza quanto ao futuro, a temer por nossa própria vida e saúde e pelas daqueles que amamos. Os reflexos e as dores oriundas da pandemia são inúmeros e imensuráveis. Mas a maior de todas as dores é, sem dúvida, a perda de alguém que amamos. Isso é algo que jamais pode ser restituído ou compensado.

Nesses tempos de tantos temores e perdas, humanas e materiais, somos instados a exercer a solidariedade e o espírito fraternal; a olharmos uns aos outros como irmãos, como companheiros de jornada. Cada um de nós tem ‘apenas duas mãos, e o sentimento do mundo’, para usar a expressão de Carlos Drummond de Andrade. Que esse ‘sentimento do mundo’ continue nos mobilizando a apoiar uns aos outros como irmãos e a lutar por dias melhores. Que a esperança, o espírito de Fé e a Ciência sejam nossos guias para que possamos encontrar meios de superação.

O Poder Judiciário Nacional e o Supremo Tribunal Federal seguirão a postos para servir os brasileiros em suas demandas por justiça, ainda mais essencial nesse momento de fragilidade social. Seguiremos incansáveis na proteção dos mais vulneráveis e desassistidos e em assegurar os direitos fundamentais do cidadão, promovendo a justiça e a paz social.

Itaquara confirma o 1º óbito Covid-19; paciente idoso estava internado em Salvador

/ Itaquara

Itaquara já registrou 28 casos do vírus. Foto: Divulgação

O município de Itaquara, no Vale do Jiquiriçá, registrou, neste sábado (8), o 1º óbito por Covid-19. Conforme informações divulgadas pela Prefeitura, o paciente, um idoso de 80 anos, deu entrada no serviço de saúde local com dispnéia e no dia 18/7 foi transferido para o  Hospital de Campanha Wet’n Wild em Salvador.

Na manhã do dia 19/7, ele foi internado como caso confirmado por teste rápido de coronavírus. Neste sábado, o idoso não resistiu ao vírus.

A Prefeitura publicou nota de pesar pela morte do ancião, que teve o nome revelado pela gestão, sendo identificado como Manoel José Santos. Itaquara registrou 28 casos, desde o início da pandemia.

Jequié confirma 90 novos casos do vírus, chegando a 3.935, com 2.346 curados, sem óbitos neste sábado

/ Saúde

Ocupação de UTI/adulto é de 94,9%. Foto: Blog Marcos Frahm

A Prefeitura de Jequié, através da Secretaria de Saúde, informou registrou, neste sábado (8), mais 90 novos casos do coronavírus, perfazendo um total de 3.935 pessoas confirmadas com a doença, até agora.

Mais 89 pessoas tiveram alta, sendo liberadas para suas atividades contabilizando 2.346 pacientes que encontram-se recuperados e não apresentam mais o sintomas da doença. Os que estão em quarentena somam 4.618 pessoas.

Conforme os dados repassados pelo HGPV e pelo Hospital São Vicente, a taxa de ocupação geral dos leitos de UTI/adulto é de 94,9%. Destes, 26 leitos estão ocupados por residentes de Jequié e 11 leitos ocupados por pessoas de outros municípios.

Bahia registra 3.509 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas, diz boletim da Sesab

/ Bahia

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 3.509 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +1,9%), 56 óbitos (+1,5%) e 3.621 curados (+2,1%). Dos 191.401 casos confirmados desde o início da pandemia, 172.943 já são considerados curados, 14.559 encontram-se ativos e 3.899 tiveram óbito confirmado para coronavírus.

Para fins estatísticos, a vigilância epidemiológica estadual considera um paciente recuperado após 14 dias do início dos sintomas da Covid-19. Já os casos ativos são resultado do seguinte cálculo: número de casos totais, menos os óbitos, menos os recuperados. Os cálculos são realizados de modo automático.

Os casos confirmados ocorreram em 413 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (33,00%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram: Dário Meira (4.285,71), Almadina (4.209,37), Gandu (3.811,38), Itajuípe (3.645,50) e Itapé (3.447,10).

A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) disponibiliza para acesso público, a base de dados completa dos casos suspeitos, descartados, confirmados e óbitos relacionados ao coronavírus (Covid-19). Para fazer o download, é simples: basta acessar o link https://bi.saude.ba.gov.br/transparencia/ e clicar no ícone localizado no topo da página. A iniciativa amplia transparência e possibilita que qualquer cidadão, em qualquer lugar do mundo, possa acompanhar e analisar a evolução da pandemia na Bahia.

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 372.974 casos descartados e 82.130 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas deste sábado (08).

Na Bahia, 16.650 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

Óbitos

A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) contabiliza 3.899 mortes pelo novo coronavírus.

Em virtude da disponibilização da base de dados relacionada aos óbitos da Covid-19, os interessados no detalhamento dos perfis podem fazer o download do arquivo completo. Esclarecemos que a data de ocorrência dos óbitos, ou seja, o dia da morte de um paciente, geralmente não é o dia da notificação nos sistemas oficiais. Esta divergência é evidenciada, quando ocorre, no banco de dados que está disponível para download no link https://bi.saude.ba.gov.br/transparencia/.

Presidente da Câmara de Itabuna testa positivo para Covid-19 e é um dos 17 casos na Casa

/ Política

Ricardo Xavier testou positivo para o vírus. Foto: Reprodução

Presidente da Câmara Municipal de Itabuna, no Litoral Sul, Ricardo Xavier (Cidadania) foi um dos 17 casos de coronavírus registrados na última sexta-feira (7) na Casa, de acordos com dados disponibilizados neste sábado (8) pelo Legislativo municipal.

Segundo o comunicado, os demais diagnosticados são outro vereador, cujo nome não foi identificado, e servidores da Casa. Ele apresentou sintomas leves e vai trabalhar de forma remota pelos próximos 15 dias. As informações são do site Bahia Notícias

Governador Rui lamenta perda de 100 mil vidas em decorrência do coronavírus no Brasil

/ Bahia

”Meus sentimentos”, disse Rui Costa. Foto: Carol Garcia

Em pronunciamento nas redes sociais neste sábado (8), o governador Rui Costa (PT) lamentou que o Brasil tenha ultrapassado a marca de 100 mil mortes em decorrência da Covid-19.

”Atingimos a marca de 100 mil brasileiros e brasileiras vítimas fatais do coronavírus. São milhares de famílias despedaçadas. Meus sentimentos a todas estas pessoas que perderam seus parentes e amigos nesta guerra contra a pandemia”, disse Rui.

O governador tem criticado duramente o posicionamento do governo Bolsonaro no combate à pandemia. Rui ainda reafirmou o compromisso de continuidade das ações contra a disseminação do vírus na Bahia.

Ministro interino da Saúde lamenta mortes por Covid-19 e exalta pacientes recuperados

/ Brasil

Ministro interino da Saúde, Eduardo Pazuello. Foto: Reprodução

Após o país superar 100 mil mortes em decorrência do novo coronavírus, o ministro interino da Saúde, Eduardo Pazuello, afirmou neste sábado (8) que lamenta profundamente cada vida perdida na pandemia e exaltou o número de pacientes recuperados.

Em nota divulgada no início da noite, Pazuello disse que o Ministério da Saúde permanece trabalhando 24 horas por dia em parceria com estados e municípios para garantir que não faltem recursos, leitos, medicamentos e apoio às equipes de saúde.

”Não se trata de números, planilhas ou estatísticas, mas de vidas perdidas que afetam famílias, amigos e atingem o entorno do convívio social”, escreveu.

O ministro interino agradeceu aos profissionais de saúde que atuam no enfrentamento à Covid-19. Ele ressaltou que pessoas com sintomas da doença devem procurar atendimento imediato em uma Unidade Básica de Saúde.

”Brasil ocupa o primeiro lugar no mundo em número de pacientes recuperados, registrando mais de dois milhões de brasileiros curados”, afirmou.

Menos de cinco meses após registrar a primeira morte causada pela Covid-19, o Brasil superou, na tarde deste sábado, a marca de 100 mil óbitos decorrentes da doença.

Com o registro de 538 novas mortes desde a véspera até 13h30 deste sábado, o país soma assim 100.240 mortos pela doença, segundo dados coletados com as secretarias estaduais da saúde pelo consórcio formado por Folha, UOL, O Estado de S. Paulo, Extra, o Globo e G1.

O número de casos registrados, por sua vez, beira os 3 milhões, com 21.732 novas notificações e um total de 2.988.796 pessoas que tiveram a infecção confirmada, mas é provável que haja subnotificação. Com isso, o Brasil tem hoje cerca de 6,5% dos casos mundiais e 13,8% dos mortos pela doença no mundo, embora o país abrigue apenas 2,7% da população do planeta.

Motoboy humilhado por morador de condomínio de luxo ganha moto de humorista

/ Brasil

Motoboy Matheus ganhou uma moto. Foto: Reprodução/Instagram

Durante bate-papo com Luciano Huck nesta sexta-feira (7), Matheus Pires, 19, obteve do apresentador a promessa de ganhar uma moto zero km, já que a dele estava com problemas no motor. Isso aconteceu após vídeo que o mostrou sendo humilhado por um morador de um condomínio de luxo em Valinhos, no interior de São Paulo, viralizar nesta sexta-feira (7).

O que ele não esperava é que, indignado com o ocorrido, o humorista do SBT, Matheus Ceará se anteciparia e na noite da própria sexta-feira lhe presentearia com uma moto. “Aí Galera! Achamos o Matheus e já entregamos a moto pra ele. A historia esta nos Stories só seguir la e ver. Como disse anteriormente, não quero saber o que houve mas o video me sensibilizou e me identifiquei”, compartilhou o artista.

Desde que a humilhação de que foi vítima espalhou-se, Pires viu sua popularidade crescer da noite para o dia. O jovem conta hoje com 1.5 milhão de seguidores no Instagram e postou uma foto na rede social com o presente na manhã deste sábado (8). ”Obrigado pelo carinho, sem palavras para agradecer!!!”, escreveu. Alexandre Pires, Camila Camargo e Gui Araújo estão entre as celebridades que comentaram na postagem.

O iFood também usou as redes sociais para se manifestar sobre o caso. ”Racismo é crime. Nós, do iFood, condenamos qualquer forma de preconceito ou discriminação e por isso nos solidarizamos com o entregador Matheus, vítima do crime racial praticado por um consumidor na cidade de Valinhos conforme vídeo que circula nas redes sociais”.

Em seguida, a rede informou que Mateus Abreu Almeida Prado Couto, responsável pela humilhação contra o entregador não fazia mais parte da base de clientes do aplicativo de entrega. ”O iFood descadastrou o usuário agressor da plataforma e oferecerá à vítima apoio jurídico e psicológico”, compartilhou nesta sexta-feira (7).

Vírus dá sinais de desaceleração no Norte, Nordeste e Sudeste, mas segue avançando no Sul e Centro-Oeste

/ Saúde

A pandemia da Covid-19 apresentou sinais de desaceleração em três regiões brasileiras na última semana epidemiológica. Segundo dados oficiais do governo federal, na região Norte, houve redução de 16% nos diagnósticos e 39% nos óbitos. No período de uma semana, a média diária de casos na região caiu de 4.822 para 4.029.

Os estados do Nordeste também apresentaram queda nos números da Covid-19. Os casos confirmados tiveram redução de 3% e os óbitos de 11%. Situação semelhante foi observada na região Sudeste. São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Espírito Santo registraram diminuição de 3% nos diagnósticos e de 8% nas mortes em decorrência da infecção pelo coronavírus.

O sinal de melhora, no entanto, não se aplica às outras duas regiões brasileiras. Os números no Sul do país continuam crescendo. A média diária de casos confirmados no Rio Grande do Sul, Paraná e Santa Catarina subiu de 5.588 para 6.181 nas duas últimas semanas, aumento de 11% – percentual de variação que foi observado também nos óbitos. A Covid-19 também avançou no Centro-Oeste. Aumento de 2% nos registros confirmados e 8% nas mortes.

Segundo o secretário-executivo do Ministério da Saúde, Arnaldo Medeiros, a sazonalidade tem influência direta nos diferentes números registrados nas cinco regiões brasileiras. Para Medeiros, o balanço epidemiológico dividido por região é fundamental para o entendimento do comportamento da pandemia em território brasileiro.

”Nas últimas quatro, cinco semanas, você tem as regiões Norte e Nordeste com redução nos números relacionados às hospitalizações e aos óbitos, enquanto que na região Sul há crescimento desses dados devido claramente à sazonalidade que estamos vivendo. Quando a gente fala de Brasil, o dado do país como um todo é extremamente importante, mas é fundamental avaliarmos o comportamento da doença e dos óbitos por região, por estado, porque aí verificamos a mudança”, afirmou Medeiro

Mais dois municípios baianos têm transporte intermunicipal suspenso; total chega a 392

/ Trânsito

O governo do Estado suspendeu o transporte intermunicipal nas cidades de Ichu e São Domingos. Publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) deste sábado (8), a medida vale a partir deste domingo (9) e tem o objetivo de conter o avanço do novo coronavírus pelo interior baiano. Com isso, chega a 392 o número de municípios nesta condição no estado.

Pelo decreto, ficam suspensas nesses municípios, até 14 de agosto, a circulação, a saída e a chegada de qualquer transporte coletivo intermunicipal, público e privado, rodoviário e hidroviário, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans.

O decreto também autoriza a retomada do transporte intermunicipal em Barro Alto, Ibiassucê, Ibicoara, Itaetê e Nova Itarana, cidades com 14 dias ou mais sem novos casos de Covid-19.

LISTA DE MUNICÍPIOS

São essas as cidades com transporte intermunicipal suspenso: Abaíra, Abaré, Acajutiba, Adustina, Água Fria, Aiquara, Alagoinhas, Alcobaça, Almadina, Amargosa, Amélia Rodrigues, América Dourada, Anagé, Andaraí, Andorinha, Angical, Anguera, Antas, Antônio Cardoso, Antônio Gonçalves, Aporá, Apuarema, Araçás, Aracatu, Araci, Aramari, Arataca, Aratuípe, Aurelino Leal, Baianópolis, Baixa Grande, Banzaê, Barra, Barra do Choça, Barra do Mendes, Barra do Rocha, Barreiras, Barro Preto, Barrocas, Belmonte, Belo Campo, Biritinga, Boa Nova, Boa Vista do Tupim, Bom Jesus da Lapa, Bom Jesus da Serra, Boninal, Bonito, Boquira, Brejões, Brumado, Buerarema, Buritirama, Caatiba, Cabaceiras do Paraguaçu, Cachoeira, Caculé, Caetanos, Caetité, Cafarnaum, Cairu, Caldeirão Grande, Camacã, Camaçari, Camamu, Campo Alegre de Lourdes, Campo Formoso, Canarana, Canavieiras, Candeal, Candeias, Candiba, Cândido Sales, Cansanção, Canudos, Capela do Alto Alegre, Capim Grosso, Caraíbas, Caravelas, Cardeal da Silva, Carinhanha, Casa Nova, Castro Alves, Catolândia, Catu, Central, Chorrochó, Cícero Dantas, Cipó, Coaraci, Cocos, Conceição da Feira, Conceição do Almeida, Conceição do Coité, Conceição do Jacuípe, Conde, Condeúba,  Contendas do Sincorá, Coração de Maria, Cordeiros, Coribe, Coronel João Sá, Correntina, Cotegipe, Cravolândia, Crisópolis, Cristópolis, Cruz das Almas, Curaçá, Dário Meira, Dias d’Ávila, Dom Basílio, Dom Macedo Costa, Elísio Medrado, Encruzilhada, Entre Rios, Esplanada, Euclides da Cunha, Eunápolis, Fátima, Feira da Mata, Feira de Santana, Filadélfia, Firmino Alves, Floresta Azul, Formosa do Rio Preto, Gandu, Gavião, Gentio do Ouro, Glória, Gongogi, Governador Mangabeira, Guajeru, Guanambi, Guaratinga e Heliópolis.

A restrição inclui ainda Iaçu, Ibicaraí, Ibicuí, Ibipeba, Ibirapitanga, Ibirapuã, Ibirataia, Ibitiara, Ibititá, Ibotirama, Ichu, Igaporã, Igrapiúna, Iguaí, Ilhéus, Inhambupe, Ipecaetá, Ipiaú, Ipirá, Irajuba, Iraquara, Irará, Irecê, Itabela, Itaberaba, Itabuna, Itacaré, Itagi, Itagibá, Itagimirim, Itaguaçu da Bahia, Itaju do Colônia, Itajuípe, Itamaraju, Itamari, Itambé, Itanagra, Itanhém, Itaparica, Itapé, Itapebi, Itapetinga, Itapicuru, Itapitanga, Itaquara, Itarantim, Itatim, Itiruçu, Itiúba, Itororó, Ituaçu, Ituberá, Iuiu, Jaborandi, Jacobina, Jaguaquara, Jaguarari, Jaguaripe, Jandaíra, Jequié, Jeremoabo, Jiquiriçá, Jitaúna, João Dourado, Juazeiro, Jucuruçu, Jussara, Jussari, Jussiape, Lafaiete Coutinho, Lagoa Real, Laje, Lajedão, Lajedinho, Lajedo do Tabocal, Lamarão, Lapão, Lauro de Freitas, Lençóis, Licínio de Almeida, Livramento de Nossa Senhora, Luís Eduardo Magalhães, Macajuba, Macarani, Macaúbas, Macururé, Madre de Deus, Maetinga, Mairi, Malhada, Malhada de Pedras, Manoel Vitorino, Mansidão, Maracás, Maragogipe, Maraú, Marcionílio Souza, Mascote, Mata de São João, Matina, Medeiros Neto, Miguel Calmon, Milagres, Mirangaba, Mirante, Monte Santo, Morpará, Morro do Chapéu, Mortugaba, Mucugê, Mucuri, Mundo Novo, Muniz Ferreira, Muquém do São Francisco, Muritiba, Mutuípe, Nazaré, Nilo Peçanha, Nordestina, Nova Canaã, Nova Fátima, Nova Ibiá, Nova Redenção, Nova Soure, Nova Viçosa, Novo Triunfo, Olindina, Oliveira dos Brejinhos, Ouriçangas, Ourolândia, Palmas de Monte Alto, Palmeiras, Paramirim, Paratinga, Paripiranga, Pau Brasil, Paulo Afonso, Pé de Serra, Pedrão, Pedro Alexandre, Piatã, Pilão Arcado, Pindobaçu, Pintadas, Piraí do Norte, Piripá, Piritiba, Planaltino, Planalto, Poções, Pojuca, Ponto Novo e Porto Seguro.

Também estão com transporte suspenso Potiraguá, Prado, Presidente Dutra, Presidente Jânio Quadros, Presidente Tancredo Neves, Queimadas, Quijingue, Quixabeira, Rafael Jambeiro, Remanso, Retirolândia, Riachão das Neves, Riachão do Jacuípe, Riacho de Santana, Ribeira do Amparo, Ribeira do Pombal, Ribeirão do Largo, Rio de Contas, Rio do Antônio, Rio do Pires, Rio Real, Ruy Barbosa, Salinas da Margarida, Salvador, Santa Bárbara, Santa Brígida, Santa Cruz Cabrália, Santa Cruz da Vitória, Santa Inês, Santa Luzia, Santa Maria da Vitória, Santa Rita de Cássia, Santa Teresinha, Santaluz, Santanópolis, Santo Amaro, Santo Antônio de Jesus, Santo Estêvão, São Desidério, São Domingos, São Felipe, São Félix, São Félix do Coribe, São Francisco do Conde, São Gabriel, São Gonçalo dos Campos, São José da Vitória, São José do Jacuípe, São Miguel das Matas, São Sebastião do Passé, Sapeaçu, Sátiro Dias, Saubara, Saúde, Seabra, Sebastião Laranjeiras, Senhor do Bonfim, Sento Sé, Serra Dourada, Serra Preta, Serrinha, Serrolândia, Simões Filho, Sítio do Mato, Sítio do Quinto, Sobradinho, Souto Soares, Tanhaçu, Tanque Novo, Tanquinho, Taperoá, Tapiramutá, Teixeira de Freitas, Teodoro Sampaio, Teofilândia, Teolândia, Terra Nova, Tremedal, Tucano, Uauá, Ubaíra, Ubaitaba, Ubatã, Uibaí, Umburanas, Uma, Urandi, Uruçuca, Utinga, Valença, Valente, Várzea da Roça, Várzea do Poço, Várzea Nova, Varzedo, Vera Cruz, Vereda, Vitória da Conquista, Wagner, Wanderley, Wenceslau Guimarães e Xique-Xique.

WhatsApp lançou um novo recurso que pode ajudar a combater a disseminação de fake news

/ Tecnologia

Na última semana, o WhatsApp lançou um novo recurso que pode ajudar a combater a disseminação de fake news. Mas, para isso, é preciso que muitas pessoas conheçam e, principalmente, utilizem essa função. Trata-se de uma lupa para pesquisar sobre o conteúdo de mensagens viralizadas.

Desde abril, o aplicativo limitou o compartilhamento das mensagens encaminhadas com frequência. Essas mensagens, sinalizadas com uma seta dupla ao lado da palavra “Encaminhada”, podem ser enviadas a apenas uma conversa por vez. Outras mensagens podem ser encaminhadas para até cinco pessoas (ou grupos) ao mesmo tempo.

Agora, o WhatsApp acrescentou uma lupa ao lado dessas mensagens viralizadas. Para usar o recurso, é só clicar em cima da lupa. Surge então uma mensagem perguntando se o usuário deseja pesquisar sobre o assunto. Basta clicar em “Buscar na internet”.

Automaticamente, através do navegador de internet instalado no celular ou no computador, é feita uma busca no Google com as palavras contidas na mensagem. Nos resultados mostrados, o sistema dá prioridade a páginas que fazem checagem de informações.

O ponto negativo é que o recurso funciona apenas para mensagens de texto. A lupa não aparece ao lado de fotos ou vídeos, mesmo que sejam mensagens sinalizadas com a seta dupla. Espero que em breve a pesquisa possa ser feita em fotos e vídeos também.

Mas a própria pessoa pode (e deve) checar as informações contidas em uma imagem ou vídeo encaminhado com frequência pelo WhatsApp. Faça uma pesquisa no Google sobre o assunto. Visite também sites de checagem como projetocomprova.com.br, piaui.folha.uol.com.br/lupa, aosfatos.org, g1.globo.com/fato-ou-fake e boatos.org.

Se encontrar um boato, ajude a espalhar a verdade. Por causa da sua criptografia de ponta a ponta, o WhatsApp ainda é o meio por onde mais circulam fake news criminosas. Ajude a combater isso.