Boletim epidemiológico: Estado da Bahia tem 18.392 casos confirmados de Covid-19

/ Bahia

A Bahia registra 18.392 casos confirmados de coronavírus (Covid-19), o que representa 15,86% do total de notificações no estado. Os 29 óbitos contabilizados no boletim epidemiológico deste domingo (31) referem-se a um período de 24 dias, conforme observado nos perfis detalhados. Ou seja, não ocorreram em 24 horas. Estas notificações tardias estão sendo apuradas pela Auditoria do Sistema Único de Saúde (SUS) e pela Corregedoria.

Considerando o número de 18.392 casos confirmados, 6.053 recuperados e 667 óbitos, 11.672 pessoas permanecem monitoradas pela vigilância epidemiológica e com sintomas da Covid-19, o que são chamados de casos ativos. Na Bahia, 2.683 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19.

Os casos confirmados ocorreram em 304 municípios do estado, com maior proporção em Salvador (61,35%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 1.000.000 habitantes foram Uruçuca (5.653,30), Ipiaú (4.294,47), Itabuna (4.281,90), Salvador (3.859,91) e Itajuípe (3.660,14) .

O boletim epidemiológico registra 41.045 casos descartados e 115.981 notificações em toda a Bahia. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17h30 deste domingo (31).

Taxa de ocupação

Na Bahia, dos 1.731 leitos disponíveis do Sistema Único de Saúde (SUS) exclusivos para coronavírus, 1.002 possuem pacientes internados, o que representa uma taxa de ocupação de 58%. No que se refere aos leitos de UTI adulto e pediátrico, dos 771 leitos exclusivos para o coronavírus, 520 possuem pacientes internados, compreendendo uma taxa de ocupação de 67%. Cabe ressaltar que o número de leitos é flutuante, representando o quantitativo exato de vagas disponíveis no dia. Intercorrências com equipamentos, rede de gases ou equipes incompletas, por exemplo, inviabilizam a disponibilidade do leito. Ressalte-se que novos leitos são abertos progressivamente mediante o aumento da demanda.

Exames

O Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen-BA) realizou 54.510 exames do tipo RT-PCR, que é o padrão ouro para identificar o genoma viral do coronavírus, no período de 1° de março a 31 de maio de 2020. Estão em análise 2.646 exames.

Óbitos

A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) contabiliza 667 mortes pelo novo coronavírus.

639º óbito – homem, 70 anos, residente em Salvador, portador de doença renal crônica, diabetes mellitus e hipertensão arterial. Internado dia 24/05, veio a óbito dia 28/05, em hospital da rede pública, em Salvador;

640º óbito – homem, 65 anos, residente em Dias D´Ávila, portador de doença cardiovascular e doença renal crônica. Internado dia 07/05, veio a óbito dia 26/05, em hospital filantrópico, em Salvador;

641º óbito – homem, 42 anos, residente em Iaçu, sem comorbidades. Internado dia 25/05, veio a óbito dia 26/05, em hospital da rede pública de Iaçu;

642º óbito – homem, 52 anos, residente em Ibitiara, portador de doença cardiovascular e doença hepática. Internado dia 24/05, veio a óbito dia 25/05, em hospital da rede pública, em Seabra;

643º óbito – homem, 50 anos, residente em Campo Alegre de Lourdes, sem comorbidades. Internado dia 07/05, veio a óbito dia 26/05, em hospital da rede pública, em Juazeiro;

644º óbito – homem, 87 anos, residente em Salvador, portador de doença cardiovascular. Internado dia 28/05, veio a óbito dia 30/05, em hospital da rede particular, em Salvador;

645º óbito – homem, 61 anos, residente em Simões Filho, portador de diabetes mellitus e doença do sistema nervoso. Internado dia 21/05, veio a óbito dia 27/05, em hospital da rede pública, em Salvador;

646º óbito – homem, 89 anos, residente em Valença, portador de doença do sistema nervoso. Internado dia 14/05, veio a óbito dia 16/05, em hospital filantrópico, em Valença;

647º óbito – mulher, 43 anos, residente em Salvador, portadora de doença renal crônica, obesidade e hipertensão arterial. Internada dia 16/05, veio a óbito dia 29/05, em hospital da rede particular, em Salvador;

648º óbito – mulher, 81 anos, residente em Itabuna, portadora de imunodeficiência. Internada dia 14/05, veio a óbito dia 20/05, em hospital filantrópico, em Itabuna;

649º óbito – homem 85 anos, residente em Pau Brasil, portador de hipertensão arterial, diabetes mellitus, doença cardiovascular e doença renal crônica. Internado dia 28/04, veio a óbito dia 21/05, em hospital da rede filantrópica, em Itabuna;

650º óbito – homem, 65 anos, residente em Buerarema, portador de neoplasia. Internado dia 27/04, veio a óbito dia 24/05, em hospital filantrópico, em Itabuna;

651º óbito – homem, 81 anos, residente em Filadélfia, portador de doença respiratória crônica. Sem data de internação, veio a óbito dia 28/05, em hospital da rede pública, em Filadélfia;

652º óbito – homem, 70 anos, residente em Itabuna, portador de doença cardiovascular. Internado dia 18/05, veio a óbito dia 19/05, em hospital da rede pública, em Itabuna;

653º óbito – homem, 70 anos, residente em Itabuna, portador de diabetes mellitus e hipertensão arterial. Veio a óbito dia 07/05, em seu domicílio;

654º óbito – homem, 50 anos, residente em Itabuna, sem informação acerca de comorbidades. Veio a óbito dia 24/05, em seu domicílio;

655º óbito – homem, 75 anos, residente em Buerarema, sem comorbidades. Internado dia 18/05, veio a óbito dia 25/05, em hospital da rede pública, em Itabuna;

656º óbito – mulher, 85 anos, residente em Itabuna, portadora de hipertensão arterial. Veio a óbito dia 21/05, em seu domicílio;

657º óbito – homem, 77 anos, residente em Salvador, portador de diabetes mellitus. Veio a óbito dia 21/05, em hospital da rede pública, em Salvador;

658º óbito – homem, 72 anos, residente em Itabuna, sem comorbidades. Sem data de internação informada, veio a óbito dia 25/05, em hospital filantrópico, em Itabuna;

659º óbito – mulher, 91 anos, residente em Feira de Santana, portadora de diabetes mellitus e doença renal crônica. Sem data de admissão informada, veio a óbito dia 24/05, em hospital da rede particular, em Feira de Santana;

660º óbito – mulher, 64 anos, residente em Salvador, portadora de diabetes mellitus, doença cardiovascular e doença renal crônica. Internada dia 13/05, veio a óbito dia 26/05, em hospital da rede pública, em Salvador;

661º óbito – homem, 44 anos, residente em Salvador, sem comorbidades. Internado dia 15/05, veio a óbito dia 19/05, em hospital da rede pública, em Salvador;

662º óbito – homem, 69 anos, residente em Salvador, sem comorbidades. Sem data de internação informada, veio a óbito dia 20/05, em unidade da rede pública de saúde, em Salvador;

663º óbito – homem, 55 anos, residente em Salvador, portador de diabetes e hipertensão arterial, foi internado dia 16/05 e veio a óbito dia 28/05, em unidade da rede pública, em Salvador.

664º óbito – mulher, 43 anos, residente em Madre de Deus, portadora de diabetes e doença cardiovascular crônica, data de internação não informada, veio a óbito dia 30/05, em unidade da rede pública, em Salvador.

665º óbito – mulher, 56 anos, residente em Salvador, portadora de doenças autoimunes, foi internada dia 09/05 e veio a óbito dia 27/05, em unidade da rede pública, em Salvador.

666º óbito – mulher, 79 anos, residente em Salvador, portadora de diabetes e hipertensão arterial, foi internada dia 21/05 e veio a óbito dia 26/05, em unidade da rede pública, em Salvador.

667º óbito – homem, 88 anos, residente em Eunápolis, portador de diabetes e hipertensão arterial, foi internado dia 22/05 e veio a óbito dia 23/05, em unidade da rede pública, Eunápolis.

Faixa etária

Quanto ao sexo dos casos confirmados, 53,01% foram do sexo feminino, 44,08% foram do sexo masculino e 2,91% sem informação. A faixa etária mais acometida foi a de 30 a 39 anos, representando 19,91% do total. O coeficiente de incidência por 1.000.000 de habitantes foi maior na faixa etária de 80 anos ou mais (1.810,78/1.000.000 habitantes), indicando que o risco de adoecer foi maior nesta faixa etária, seguida da faixa de 30 a 39 anos (1.596,25/1.000.000 habitantes).

Auxílio emergencial de R$ 600 começa a ser creditado na conta de beneficiários

/ Economia

A Caixa Econômica Federal informou neste domingo (31) que vai começar a creditar a segunda parcela do auxílio emergencial de R$ 600 diretamente nas contas bancárias indicadas pelos beneficiários.

Os recursos, que haviam sido antecipados para uso digital pelo aplicativo Caixa Tem, agora serão transferidos automaticamente para as contas informadas pelos beneficiários, de acordo com o calendário de saque em espécie.

A transferência dos valores não movimentados pelo aplicativo Caixa Tem será realizada para quem indicou contas para recebimento de outros bancos ou poupança existente na Caixa. Com isso, esses beneficiários poderão procurar as instituições financeiras com quem tem relacionamento, caso queiram sacar, segundo orientou o banco estatal.

Ato pró-democracia termina em confusão entre manifestantes e PM, em São Paulo

/ Brasil

Ato reuniu torcidas organizadas. Foto: Reprodução/Twitter

Um movimento que reuniu torcidas organizadas de times de futebol de São Paulo, como Palmeiras, Corinthians, São Paulo e Santos, militantes de oposição ao governo Bolsonaro e integrantes de movimentos sociais neste domingo (31), na Avenida Paulista, terminou em tumulto e enfrentamento com policiais.

Durante o protesto, que começou de forma pacífica, um tumulto entre manifestantes ocorreu próximo ao Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand (Masp), por volta das 13h30.

Grupo de pessoas foi dispersado por bombas de gás lacrimogêneo. Em seguida, parte dos manifestantes entrou em conflito com policiais, atirando pedras. A PM reagiu com bombas de efeito moral e, na sequência, a tropa de choque entrou em ação. Alguns manifestantes foram detidos e levados até o 78º Distrito Policial, no bairro dos Jardins. Todas as faixas da via foram bloqueadas e a estação do metrô Trianon-Masp foi fechada.

A tropa de choque da Polícia Militar reforçava a segurança no local, pois havia ao menos dois grupos distintos — um pró e outro contra o governo Bolsonaro — presentes na Avenida Paulista. Próximo ao Masp, o grupo de torcidas organizadas se concentrava e, alguns quarteirões à frente, um outro grupo formado por apoiados do governo Bolsonaro, vestidos de verde e amarelo, também se reunia.

A cavalo, Jair Bolsonaro participa de mais um ato contra STF e pró-intervenção militar

/ Brasília

Bolsonaro, sem usar máscara, a cavalo. Foto; Reprodução

Apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) fizeram uma manifestação na manhã de deste domingo (31), na Esplanada dos Ministérios, em Brasília. Em meio ao acirramento das relações entre o governo e o STF (Supremo Tribunal Federal), alguns manifestantes carregaram faixas com os dizeres ”abaixo à ditadura do STF” e ”intervenção militar”. Havia ainda uma bandeira pedindo ”intervenção no STF”.

Em live transmitida em suas redes sociais, o presidente sobrevoou o local de helicóptero e acenou para os manifestantes. Depois que a aeronave pousou, Bolsonaro, sem usar máscara, percorreu o cercado onde se aglomeravam os manifestantes, contrariando as orientações de autoridades sanitárias para manter distanciamento social por causa do novo coronavírus. O mandatário também pegou uma criança no colo.

Imagens transmitidas pela CNN Brasil mostraram que o presidente ainda andou a cavalo durante a manifestação. Bolsonaro ficou por cerca de 25 minutos no local e dirigiu-se ao Palácio da Planalto, antes de retornar ao Palácio da Alvorada. A manifestação foi convocada por redes sociais e a concentração começou por volta das 10h. O presidente chegou ao local por volta das 12h. O uso de máscara no Distrito Federal é obrigatório como medida de prevenção contra a Covid-19.

Um dos investigados, o deputado estadual Douglas Garcia (PSL-SP), participou do ato na capital federal. Ele e um grupo de apoiadores, vestindo camiseta do ”Movimento Conservador” entoaram um grito de ordem contra o STF. ”Supremo é o povo”, bradaram.

No sábado, Bolsonaro voltou a criticar Moraes, postando um vídeo em que o ministro fala de liberdades e também afirmou que ”tudo aponta para uma crise”, citando críticas à imprensa e ao STF. Ele também circulou sem máscara em eventos em Goiás. Filha de Jefferson participa de manifestações A ex-deputada federal Cristiane Brasil, filha do presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, foi outra a participar das manifestações.

“A toga não é mais forte que o fuzil”

A ex-deputada federal Cristiane Brasil, filha do presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, foi outra a participar das manifestações. Jefferson é o mais novo aliado de Bolsonaro, após movimento do Palácio do Planalto para se aproximar do bloco de partidos do Centrão, do qual o PTB faz parte, na tentativa de construir uma base aliada ao presidente da República.

Em sua conta no Twitter, Cristiane publicou uma foto exibindo sua participação nas manifestações. Ela usava uma camiseta replicando frase dita pelo seu pai contra o STF: ”A toga não é mais forte que o fuzil”.

Justiça manda transferir presos com Covid-19 de um presídio para o outro Feira Santana

/ Bahia

O Poder Judiciário deferiu liminarmente o pedido do MPBa de transferência de presos do Complexo Policial do Sobradinho para a Unidade Prisional, em Feira de Santana.

O pedido liminar foi feito no bojo da Ação Civil Pública movida, na última sexta-feira (29/05), por um grupo de trabalho composto por Promotorias de Justiça com atribuição no controle externo da atividade policial de Feira de Santana. O objetivo da ação é regularizar a condição dos presos provisórios, no contexto da pandemia da doença COVID -19, em específico aqueles recolhidos no Complexo Policial do Sobradinho.

A decisão foi exarada pela juíza de direito Maria Lúcia Coelho Matos, no plantão judiciário do Tribunal de Justiça da Bahia, neste sábado (30/05). Na sentença, a magistrada determinou a imediata transferência dos presos Misael Pereira da Silva e Jéssica Santos Souza, infectados pelo COVID-19, para o Conjunto Penal de Feira de Santana, sob pena de multa diária de R$ 7.000 (sete mil reais), a ser revertida em favor do Fundo Penitenciário Estadual criado pela Lei n.º 11.402/94.

Quanto aos demais pedidos liminares formulados, deverão ser examinados pela Vara da Fazenda Pública do município de Feira de Santana.

”Tentei me matar inúmeras vezes”, diz o cantor Lucas Lucco sobre período de depressão

/ Entretenimento

Cantor disse que enfrentou momentos difíceis. Foto: Rede social

O cantor Lucas Lucco, de 29 anos, revelou que passou por momentos muito difíceis e, durante período em que esteve em depressão, tentou cometer suicídio.

Em vídeo publicado em suas redes sociais, ele comentou sobre o período de quarentena devido à pandemia do novo coronavírus (Covid-19), que pode agravar quadros de ansiedade e depressão.

Ele contou ainda que conseguiu sair do pior momento de sua vida se conectando com Deus. ”Nenhum remédio é igual à coragem que você tem que ter para mergulhar dentro de você, encarar você mesmo e fazer uma reforma íntima, como se fosse uma casa. Você que tem ansiedade e depressão, é disso que você precisa. É uma grande oportunidade de fazer uma reforma íntima”, disse.

E completou: ”Foi só através da depressão que eu consegui ter isso [uma relação direta com Deus]. Eu vivi os piores momentos da minha vida. Tentei me matar inúmeras vezes. Eu tenho tudo, e tentei me matar inúmeras vezes. Mas hoje, compreendo cada dia, cada sofrimento. Eu entendi a lição”.