Após protestos contra Bolsonaro em bairros de Salvador, bolsonaristas reagem a favor

/ Política

Depois de registrar protestos em diversos bairros de Salvador contra o presidente Jair Bolsonaro, uma nova série de panelaços, dessa vez a favor do governo federal. Os registros foram mais tímidos nessa ”segunda etapa”. As batidas de panelas aconteceram em menos bairros da capital baiana, de acordo com informações do Bahia Notícias.

Os atos a favor do presidente foram convocados pelo próprio Bolsonaro e por apoiadores após começarem a circular sugestões de panelaços contra o governo. O presidente reclamou, inclusive, que os atos contra ele foram incentivados por veículos de comunicação e jornalistas, citando o Grupo Globo e também a jornalista Vera Magalhães, do Grupo Estado e responsável pela divulgação dos ”convites” feitos por Bolsonaro para as manifestações do último dia 15.

Presidente Jair Bolsonaro é alvo de panelaço em várias cidades, pelo 2º dia seguido

/ Política

Presidente Bolsonaro é alvo de panelaços. Foto: Carolina Antunes

Pelo segundo dia consecutivo, o presidente Jair Bolsonaro foi alvo de panelaços. Na noite desta quarta-feira, 18, foram registradas manifestações pelo menos em São Paulo e no Rio de Janeiro. Os protestos estavam marcados para às 20h30, mas começaram ao menos uma hora antes disso.

No Rio, o panelaço e os gritos de protesto começaram parte na tarde desta quarta-feira durante a entrevista coletiva, em Brasília, do presidente Bolsonaro e de alguns ministros sobre a pandemia do Covid-19. Enquanto as declarações eram transmitidas pela televisão, houve manifestações pelo menos nos bairros da Lagoa, Leme, Laranjeiras, Cosme Velho e Flamengo. ”Fora Bolsonaro” e ”canalha” foram algumas das palavras gritadas pelos manifestantes, das janelas dos prédios.

Os protestos na cidade foram retomados depois, quando Bolsonaro voltou a se pronunciar, à noite. Houve panelaços em Flamengo, Botafogo, Laranjeiras, Copacabana, Ipanema, e Glória, na zona sul, e no Grajaú, na zona norte da capital. Em Niterói, do outro lado da Baía de Guanabara, também foi possível ouvir o bater de panelas. Em todos, houve gritos de “Fora” dirigidos ao presidente.

Em entrevista coletiva nesta quarta-feira, 18, Bolsonaro afirmou que encara qualquer movimento por parte da população como uma expressão da democracia. ”Qualquer manifestação popular nas ruas ou dentro de casa, como o panelaço, nós, políticos, devemos entender como a pura manifestação da democracia”.

Em seguida, o presidente citou que seus apoiadores organizaram um panelaço a favor do governo para 30 minutos depois da oposição, mas que veículos da imprensa não falaram sobre o ato. ”A TV Globo divulgou esse movimento do panelaço, bem como a Veja Online. Mas não vi esses órgãos da imprensa falando que corre nas mídias sociais um panelaço às 21h favorável ao governo Jair Bolsonaro”, disse.

A noite da última terça-feira, 17, também contou com panelaço contra o presidente em ao menos doze bairros da capital paulista: Bela Vista, Barra Funda, Campos Elíseos, Consolação, Higienópolis, Jardins, Perdizes, Pinheiros, Pompéia, Praça Roosevelt, Santa Cecília, Vila Madalena e Vila Romana. Também houve registros no Rio de Janeiro e em Brasília.

Em Salvador, o presidente Jiar Bolsonaro foi alvo também de panelação em diversos em locais da cidade, inclusive em bairros nobres como Graça, Barra e Pituba, onde até pouco tempo atrás era reduto de apoiadores. Informações Estadão Conteúdo

Unidades do Minha Casa Minha Vida podem ser usadas para isolamento, diz Bolsonaro

/ Brasília

móveis do programa habitacional Minha Casa Minha Vida ainda desocupados serão reservados para abrigar pacientes que precisem ficar isolados por causa do novo coronavírus. O anúncio foi feito durante coletiva de imprensa do presidente da República, Jair Bolsonaro, e oito de seus ministros.

”Fomos instados a colocar à disposição, para eventualidades, unidades habitacionais do Minha Casa Minha Vida, se precisar deixar pessoas em quarentena fora da estrutura dos hospitais”, explicou o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho. O objetivo das autoridades é evitar a superlotação de hospitais e unidades de saúde, caso o número de pessoas infectadas seja muito grande.

Além disso, a pasta colocou à disposição do Ministério da Saúde o sistema de envio de mensagens de celular (SMS) e via TV digital utilizado pela Defesa Civil para alertar a população em casos de catástrofes. A ideia é que sejam enviadas mensagens com orientações sanitárias para conter a propagação do vírus.

“São 26 milhões de usuários cadastrados em todo o Brasil, que serão municiados com informações do Ministério da Saúde, em relação ao tema em questão, inclusive com orientações profiláticas, que vão permitir que a população possa ser parametrizada em relação às principais ações que possam ser exercidas para evitar a propagação da doença”, disse Marinho.

Companhias aéreas

O governo também manifestou preocupação com a situação das companhias aéreas. De acordo com o setor, a queda do número de voos internacionais chegou a 85%, enquanto a demanda doméstica caiu 50%. Durante a coletiva de imprensa do governo, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas citou as medidas que foram adotadas, entre elas a postergação do recolhimento de tarifas de navegação aérea e do pagamento das outorgas aeroportuárias, que são as parcelas pagas ao governo na privatização dos aeroportos. Outra medida é a prorrogação das obrigações de reembolso de passagens em dinheiro.

”Caiu absurdamente a quantidade demandada, tanto no internacional, quanto no doméstico. As empresas têm custo em dólar, dificuldade de caixa, e algumas medidas estão sendo tomadas para preservar o caixa das empresas”, disse Freitas.

Ele também falou em adotar prazo maior para renovação da validade de documentos como a Carteira Nacional de Habilitação (CNH), já que os atendimentos de consulta e procedimentos presenciais de renovação estão sendo suspensos nos estados.

Rui anuncia convocação de policiais aposentados para ajudar no bloqueio das estradas

/ Trânsito

Para evitar a propagação do novo coronavírus, o governador Rui Costa (PT) anunciou a convocação de policiais aposentados para trabalhar nos bloqueios das estradas em Salvador, Feira de Santana, Porto Seguro e Prado.

”Nós vamos montar uma operação policial, usando o Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar, e estou determinando a convocação de pessoas aposentadas da polícia que queiram trabalhar nesse período”, disse o chefe do Executivo baiano, na tarde desta quarta-feira (18), durante reunião online com prefeitos do interior.

”A Lei Federal possibilita hoje a convocação de reservistas, para eles nos ajudarem nos bloqueios das estradas”, acrescentou.

Na oportunidade, Rui comunicou, também, a proibição da entrada e a saída de ônibus do Terminal Bom Despacho, na Ilha de Itaparica, para qualquer cidade do estado. A medida passa a valer a partir de sexta (20).

ANTT suspende viagens internacionais por ônibus devido à pandemia de coronavírus

/ Brasil

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) determinou hoje (18) a suspensão de todas as viagens rodoviárias internacionais de passageiros, em decorrência da pandemia de coronavírus. A medida vale para os transportes de fretamento e semiurbano em região de fronteira, realizada por empresas brasileiras e estrangeiras.

Segundo a ANTT, a proibição tem vigência por 60 dias, podendo ser prorrogada.

Além da suspensão das viagens internacionais, a agência também determinou que as empresas adotem medidas de higienização da frota, com a utilização de métodos que impeçam a proliferação de ”vírus, bactérias, fungos, ácaros e microrganismos nocivos à saúde”.

Entre as medidas, estão higienizar ou esterilizar após cada viagem, os pega-mãos, corrimãos, catracas, equipamentos de bilhetagem e demais superfícies onde há o constante contato das mãos dos passageiros, do motorista e do cobrador. Também deve ser disponibilizado álcool-gel 70% para os motoristas, cobradores e passageiros e, se possível, máscaras.

A agência disse que o reembolso das passagens será feito de acordo com a resolução em vigor que prevê que o pagamento terá valor equivalente em moeda estrangeira convertida no câmbio do dia da efetivação do reembolso.

Com relação ao transporte interestadual de passageiros, a ANTT disse que continua em operação. ”Devido à situação emergencial para evitar situações que possibilitem o contágio pelo coronavírus, a agência flexibilizou a redução de frequência de horários”. Da Agência Brasil

Em reunião com autoridades judiciais, prefeitos se comprometem a adotar medidas contra o coronavírus

/ Jaguaquara

Prefeitos, juíza e promotor no Fórum Ilmar Galvão. Foto: Flávio Silva

Prefeitos, secretários de saúde e educação de municípios do Vale do Jiquiriçá, se reuniram, na manhã desta quarta-feira (18), com autoridades judiciais no Fórum Ministro Ilmar Galvão, em Jaguaquara, para discutir medidas que os poderes podem adotar contra a propagação do coronavírus na região. Os participantes da audiência falaram em medidas restritivas em órgãos públicos para conter o COVID -19.

O Ministério Público, representado pelo promotor de Justiça Lúcio Meira Mendes fez recomendações aos municípios para que adotem medidas como a proibição a aglomeração de mais de 30 pessoas em locais públicos e privados, suspensão de eventos religiosos, tendo cobrado dos municípios fiscalização eficaz, através das secretarias de saúde e vigilância sanitária de cada município a entrada de pessoas oriundas de outras cidades, a fim de identificar possíveis portadores do coronavírus. Os municípios estipularão multas para o descumprimento das determinações, sem prejuízo das sanções criminais, previstas nos arts: 268 e 330, ambos do CPB, consoante portaria conjunta do Ministério da Saúde e Ministério da Justiça, que regulamentam o tema.

Participaram da audiência prefeitos de Jaguaquara: Giuliano Martinelli, de Planaltino: Zeca Braga, de Nova Itarana, Antonio Danilo, de Itaquara, Marco Aurélio, de Itiruçu, Lorena Di Gregório, de Lajedo do Tabocal, Mariane Fagnudes e de Lafaiete Coutinho, João Freitas, além do Comandante da Polícia Militar na região, o Capitão Hianderson Cleiton de Brito Ribeiro. Alguns gestores informaram ter tomado decisões como suspensão de aulas nas escolas das redes pública municipal de ensino e a proibição de eventos. O prefeito de Planaltino e atual presidente do Consórcio de Desenvolvimento Sustentável do Vale do Jiquiriçá, por exemplo, disse já ter adotado medidas em sua cidade: ”Desde o dia 16 que nós publicamos um decreto com determinações, e estamos nos empenhando, com a equipe da prefeitura, no trabalho de prevenção e fiscalização”, declarou Zeca Braga ao Blog Marcos Frahm. Ele colocou o Consórcio Intermunicipal a disposição das prefeituras: ”Estamos de prontidão para colaborar com apoio no combate a possíveis casos suspeitos, oferecendo o que o consórcio dispões”.

O gestor de Jaguaquara, maior município do território de identidade, Giuliano Martinelli, ainda não assinou decreto, mas prometeu para esta quarta-feira um decreto com medidas restritivas. As aulas da rede municipal foram suspensas. Para a juíza Andrea Padilha Sodré Leal Palmarella, que presidiu o encontro a discussão serviu para alinhar o pensamento do Judiciário e do MP ao dos prefeitos e secretários: ”Foi uma reunião proveitosa no sentido de discutir uma unificação das medidas nos municípios, que são todos vizinhos e a população se confunde com medidas diferentes. Todos os prefeitos e secretários estavam com pensamentos alinhados e a gente só fez debater a aprofundar um pouco essas medidas”. *Nota original do Blog Marcos Frahm

Após diagnóstico de médico com coronavírus, Villas Boas diz se reunirá com entidades ligadas a categoria

/ Saúde

Secretário acompanha casos do coronavírus. Foto: Paula Fróes

O secretário estadual de Saúde, Fábio Villas Boas, disse nesta quarta-feira (18), que se reunirá com entidades ligadas aos médicos para enfatizar a necessidade dos membros da categoria utilizarem equipamentos de proteção individual durante o atendimento aos pacientes.

Nesta manhã, o titular da pasta divulgou por meio de sua conta no Twitter que um médico foi diagnosticado com o coronavírus. ”Vamos reunir as entidades médicas para pedir a elas que reforcem junto aos médicos a necessidade de uso de proteção individual”, disse ao site BNews.

Com a confirmação do diagnostico do profissional de saúde, sobe para 17 o número de casos confirmados no Estado da Bahia.

Rui Costa suspende aulas em escolas públicas e privadas e cancela transporte intermunicipal

/ Bahia

Governo suspende aulas em toda a Bahia. Foto: Paula Fróes

O governador Rui Costa (PT) anunciou, durante uma vistoria técnica no Hospital Espanhol na manhã desta quarta-feira (18), que irá publicar um novo decreto com medidas mais restritivas, como a suspensão das aulas em todas as escolas públicas e privadas do estado por 30 dias.

Na oportunidade, o chefe do Executivo baiano disse, também, que irá proibir o transporte coletivo e por vans de veículos que saírem das cidades que já testaram positivo para a doença.

De acordo com informações da Secretaria de Saúde (Sesab), Feira de Santana, Salvador, Prado e Porto Seguro são os municípios que já tiveram ocorrências do Covid-19.

Regulamentada suspensão, por 120 dias, de prova de vida de aposentados e pensionistas

/ Brasil

A Instrução Normativa nº 22 publicada na edição de hoje (18) do Diário Oficial da União regulamenta a suspensão, pelo período de 120 dias, da realização de prova de vida dos beneficiários do INSS. Essa foi uma das medidas anunciadas no último dia 12 para enfrentar os impactos da pandemia do novo coronavírus.

A instrução normativa estabelece que a suspensão não afeta o pagamento de proventos ou pensões aos beneficiários. Também define que a regra não se aplica ao recadastramento de aposentado, pensionista ou anistiado político cujo pagamento do benefício esteja suspenso na data de publicação desta Instrução Normativa.

A realização de visitas técnicas para fins de comprovação de vida também ficam suspensas por 120 dias. Da Agência Brasil

Em meio a surto de coronavírus, Gusttavo Lima curte piscina com filho de Jair Bolsonaro

/ Entretenimento

A amizade ganhou conhecimento do público. Foto: Reprodução

O cantor Gusttavo Lima tem um novo amigo para adicionar em sua lista: Jair Renan Bolsonaro.

A amizade ganhou conhecimento do público última terça (17), após fotos do filho mais novo do presidente curtindo o fim de semana ao lado do ‘Embaixador’, enquanto Bolsonaro participava de manifestações em Brasília, viralizarem na web.

Seguindo a linha do pai, Renan optou por quebrar o protocolo de isolamento solicitado pela OMS para evitar a propagação do coronavírus, e compartilhou nas redes sociais fotos de um banho de piscina coletivo.

Coronavírus: Esporte Clube Bahia suspende atividades do Centro de Treinamento por 15 dias

/ Esporte

Tricolos anunciou dispensa de atletas. Foto: Felipe Oliveira

Por causa do ”decorrente avanço do novo coronavírus no Brasil”, o Bahia suspendeu, por 15 dias, as atividades no Centro de Treinamento Evaristo de Macedo, em Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador. A decisão foi tomada, na tarde desta terça-feira (17), após reunião entre os dirigentes.

A Cidade Tricolor também não tem expediente para os atletas da categoria de base, equipe feminina, grupo do Time de Transição e também o elenco principal. Os funcionários da área administrativa, segundo o tricolor, já estavam em esquema de home office.

Ainda por meio de nota, o Bahia disse que, por ora, as atividades estão interrompidas até 30 de março.

”Além disso, o clube decidiu fechar preventivamente a Loja Esquadrão e a Central de Atendimento ao Sócio (CAS), na Fonte Nova. O torcedor pode continuar com os serviços de ambos pela internet (AQUI e AQUI). As medidas seguem recomendação das autoridades de saúde municipal, estadual e federal a fim de evitar aglomeração e contato entre as pessoas, precauções fundamentais no combate à COVID-19”. Informações do bahia.ba

Hospital Aliança confirma mais 2 casos de coronavírus; número sobe para 7 em Salvador

/ Saúde

Pandemia assusta os brasileiros. Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Dois homens, de 50 e 60 anos, são os novos casos confirmados do coronavírus, o Covid-19, em Salvador. A informação foi divulgada, na noite desta terça-feira (17), pelo Hospital Aliança. Segundo a unidade, os pacientes estão internados e não têm previsão de alta.

A Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) havia divulgado, no final da tarde, o boletim atualizado com 14 casos no estado –os homens que receberam o diagnóstico no Aliança, contudo, não entraram na conta porque a pasta não contabiliza casos antes que passem pela análise do Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen).

Segundo a unidade particular, a confirmação veio após teste laboratorial realizado nesta noite. ”Informamos que o Hospital adota os protocolos de atendimento preconizados pelo Ministério da Saúde, Anvisa e Secretaria de Controle de Infecção do Aliança”, afirma nota, assinada pelo superintendente do hospital, o médico Raymundo Paraná.

Conforme a Sesab, de janeiro até às 17 horas de hoje, a Bahia registrou 671 suspeitas clínicas de infecção pelo novo coronavírus, sendo 14 confirmados nos municípios de Salvador (5), Feira de Santana (5), Porto Seguro (3) e Prado (1). Outros 252 foram descartados e 405 aguardam análise laboratorial

Presos do Conjunto Penal de Jequié recebem prisão domiciliar em prevenção ao coronavírus

/ Jequié

Nesta terça-feira (17), em cumprimento à Recomendação Nº 62, de 17 de março de 2020, como medida preventiva ao COVID-19, foi decido pelo Juiz da Execução Penal de Jequié pela concessão de prisão domiciliar, pelo período de 30 dias, a todos os 113 presos do Presídio que foram beneficiados com a saída temporária para o período de 12 a 18 de março de 2020.

Foi decidido ainda pela prisão domiciliar para os presos idosos e para os presos pertencentes ao grupo de risco ao COVID-19, que compreende pessoas idosas, gestantes e pessoas com doenças crônicas, imunossupressoras, respiratórias e outras comorbidades preexistentes que possam conduzir a um agravamento do estado geral de saúde a partir do contágio, com especial atenção para diabetes, tuberculose, doenças renais, HIV e coinfecções.

Tal medida está sendo adotada em toda em todas as comarcas da Bahia, que possuem unidades prisionais com o objetivo de contenção da proliferação do vírus para evitar mortes e o colapso do sistema de saúde dos municípios e região.

Em sua decisão, o magistrado afirma que ”as notícias recentes da evolução do CONVID-19, bem como os atos das autoridades públicas refletem a necessidade de se acautelar o bem maior (vida), quando em conflito temporário com a necessária restrição da liberdade dos condenados definitivamente. Há, assim, a necessidade de preservação da incolumidade física dos servidores que atuam no Conjunto Penal de Jequié, bem como das próprias pessoas privadas de liberdade, inclusive diante do nítido caráter potencializador da contaminação em ambiente prisional”.

Segundo a Direção do Conjunto Penal de Jequié, além dos 113 presos que já se encontram na saída temporária, outros 50 presos devem se recolher em prisão domiciliar até a sexta-feira (20).

Prefeitura de Jaguaquara promete decreto para conter coronavírus; aulas são suspensas

/ Jaguaquara

Posto de saúde substitui hospital. Foto: Blog Marcos Frahm

Em Jaguaquara, cidade mais populosa do Vale do Jiquiriçá, onde a prefeitura, até esta terça-feira (17), não havia se manifestado sobre o enfrentamento ao coronavírus, mesmo não tendo caso registrado na cidade, a expectativa é de que a gestão pública municipal publique, nesta quarta-feira (18), decreto anunciando medidas preventivas para conter o (Covid-19).

As informações são de que o Poder Executivo decidiu que estabelecerá, através do decreto, mudanças nas rotinas de trabalho dos servidores, inclusive com a suspensão, a partir de hoje, das aulas na rede municipal de ensino.

Uma reunião com representantes de órgãos e entidades ocorreu na tarde desta terça, na sede da prefeitura, para discutir ações conjuntas.

O prefeito Giuliano Martinelli (PP) ainda não se posicionou, publicamente, sobre o coronavírus. O gestor deverá marcar presença, na manhã desta quarta, em uma reunião convocada pelo Poder Judiciário, no Fórum Ilmar Galvão, envolvendo prefeitos e secretários de saúde do município, além de Itaquara, Irajuba, Itiruçu e Lafaiete Coutinho.

As autoridades judiciais de Jaguaquara demonstram preocupação com as informações sobre casos de coronavírus no Estado e estão de prontidão para possíveis casos suspeitos na região.

O  Judiciário, por meio de ação conjunta com o Ministério Público informou que já estabelece medidas temporárias visando a prevenção ao contágio pelo novo coronavírus, considerando a classificação de pandemia pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Com os prefeitos e secretários, a juíza Andréa Padilha Sodré Leal Palmarella e o promotor de Justiça Lúcio Meira Mendes irão discutir um plano estratégico.

Vale ressaltar que Jaguaquara enfrenta epidemia de casos suspeitos ou confirmados de dengue, tendo recebido da Secretaria de Saúde da Bahia três carros fumacê, que circulam as ruas da cidade pulverizando inseticida para matar e inibir a proliferação do mosquito Aedes aegypti.

Os pacientes com os sintomas estão recorrendo a um posto de saúde instalado no bairro Miritiba, funcionando provisoriamente para o atendimento de casos emergenciais, em decorrência das obras de reforma e ampliação do Hospital Municipal – HMJ, que encontra-se fechado por conta das intervenções. *Nota original do Blog Marcos Frahm