Pré-candidato à Prefeitura de Jequié, Zé Cocá não quer perder o vínculo com a região

/ Política

Zé Cocá estará no páreo em Jequié. Foto: Blog Marcos Frahm

Pré-candidato a prefeito de Jequié, o deputado estadual Zé Cocá (PP) parece não querer perder o vínculo com a região, sobretudo com os municípios do Vale do Jiquiriçá, onde foi majoritário nas principais cidades do território quando disputou às eleições de 2018.

Ao participar da 1º assembleia de 2020 promovida na última sexta-feira (28/02) pelo Consórcio de Desenvolvimento Sustentável do Vale do Jiquiriçá – Convale, Cocá afirmou, em entrevista ao Blog Marcos Frahm que estará focado no projeto político em Jequié, mas com a mente na região. ”Eu não quero ser prefeito de Jequié para não ver ela sendo a metrópole da região. O nosso projeto é de região e se eu for eleito prefeito irei trabalhar regionalmente. Teremos uma equipe boa para que coordene esse trabalho, porque a região tem perdido a sua identidade e precisamos fortalecer os territórios Médio Rio de Contas e Vale do Jiquiriçá para que possamos juntos buscar benefícios para os municípios”.

Informações que circulam nos bastidores da política dão conta de que Cocá busca o quanto antes a definição de um nome que possa lhe representar nos municípios em que foi votado durante o período eleitoral, quando estiver focado em Jequié e é claro, sem tempo hábil de visitar as bases.

O grupo do parlamentar cita dois nomes do PP, o de Patrick Lopes, prefeito de Jitaúna, e Giuliano Martinelli, prefeito que deixará o cargo em Jaguaquara em dezembro deste ano. Os coquistas analisam um plano B.

Contudo, há quem diga que nenhum dos dois teria o trânsito livre que Cocá teve nos municípios da região, por ser nome leve, de fácil relação e com histórico de contas aprovadas quando prefeito de Lafaiete Coutinho.

Jaguaquara: Ademir e Raimundo aparam arestas e selam a paz visando às eleições 2020

/ Política

Ademir e Raimundo marcharão juntos nas eleições. Foto: Instagram

”Estamos mais unidos e fortes do que nunca”. O comentário é do presidente da Câmara de Vereadores de Jaguaquara e prefeiturável, Raimundo Louzado, ao se reportar sobre a reunião que teve com o ex-prefeito Ademir Moreira onde o assunto foi à sucessão municipal de Jaguaquara 2020.

Anuncia que ambos têm um projeto respaldado pelos senadores Otto Alencar e Ângelo Coronel e pelo deputado federal Antônio Brito e que marcharão juntos. ”Estaremos juntos com os nossos líderes nos próximos dias e voltaremos com mais novidades”, assegura. Comenta-se nos corredores da política que a dupla estava com a relação em atrito, mas, pelo visto, possíveis dificuldades estão sendo ou já foram equacionadas.

Para Raimundo Louzado, a população de Jaguaquara almeja mudanças. ”Vamos apresentar um projeto consolidado e voltado para todos e não apenas para uma parte da sociedade”, alfineta. E dispara: ”Continuaremos lutando pelo povo e para o povo, enfrentando aqueles que querem o poder pelo poder”.

Raimundo é apontado como um dos nomes  da oposição ao prefeito Giuliano Martinelli (PP), de quem já foi aliado e vice-prefeito até dezembro de 2016, quando encerrou-se o primeiro mandato de Martinelli, que venceu, com o apoio de Ademir e fazendo dobradinha com Raimundo em 2012 uma das eleições mais emblemáticas da história política do município, derrotando à época o empresário petista Ricardo Leal.

Para a disputa deste ano, o apoio de Ademir, para muitos articuladores, pode representar um divisor de águas pela influência política que ele ainda detém no município. Outros já acreditam que, Ricardo Leal, seria o chamado divisor de águas, mas não há confirmação sobre de qual lado estará o petista.

Educação: Inscrições para monitoria do programa ”Mais Estudo” seguem até quarta-feira

/ Educação

Seguem, até quarta-feira (4), as inscrições para 10 mil vagas do Programa Mais Estudo. O programa, desenvolvido pela Secretaria da Educação do Estado, contemplará com uma bolsa de R$ 200, por mês, de março a maio, estudantes do 9º ano do Ensino Fundamental e da 1ª a 3º ano do Ensino Médio e da 4ª série da Educação Profissional, para que possam dar monitoria em Língua Portuguesa e Matemática aos colegas, contribuindo para o processo de ensino e aprendizagem. O investimento é de R$ 6 milhões nesta primeira etapa do programa para o ano letivo de 2020.

Para participar, além de estar regularmente matriculado, o estudante deve ter obtido média igual ou superior a oito na disciplina que pretende atuar como monitor. Além disso, as unidades escolares precisarão fazer a adesão ao programa, preenchendo um formulário disponibilizado no Portal da Educação, mesmo site para que as escolas realizem a inscrição. Também caberá à escola a seleção dos estudantes, bem como mobilizar e registrar, em documento próprio, os professores e/ou articuladores que irão atuar como supervisores dos estudantes monitores.

Sobre o Mais Estudo
O programa foi lançado em 2019, quando foram oferecidas 10 mil vagas. As aulas aconteceram no turno diferente ao qual os estudantes estão matriculados. Com a linguagem própria da juventude, os monitores ajudaram os colegas a desenvolverem seus conhecimentos e habilidades, tanto que já há registros de melhoria nas notas dos envolvidos e de redução da reprovação. Os monitores são acompanhados por professores supervisores e coordenadores pedagógicos.

Fator campo não influencia e o Doce Mel, time de Ipiaú segue sem vencer no Baianão

/ Esporte

Em casa, Doce Mel empatou com o Conquista. Foto: Divulgação

O fator campo não influenciou no resultado final da partido do Doce Mel contra o Vitória da Conquista, primeira partida do time em Ipiaú, em virtude da demora na entrega da reforma do Estádio Municipal Pedro Caetano. O jogo terminou empatado (0x0).

Mais de 1600 pessoas foram a estádio para incentivar a equipe que permanece na vice-lanterna do Baianão 2020, com 3 pontos e sem uma única vitória na competição, à frente apenas do Jacobina que soma somente um ponto.

Para complicar a situação, o próximo adversário do Doce Mel é o invicto Bahia que lidera o certame com 14 pontos. Foto: Tesouras Notícias.

Escola suspende aula em Jaguaquara após morte de estudante na zona rural do município

/ Jaguaquara

Rian Conceição Marques morreu após passar mal. Foto: Rede social

As aulas do Colégio Luzia Silva, estabelecimento de ensino que atende estudantes das redes estadual e municipal no Centro de Jaguaquara foram suspensas nesta segunda-feira (02/03), em decorrência do falecimento do estudante do 9º ano do Ensino Médio, Rian Conceição Marques.

Um comunicado na página do Luzia na rede social informava a suspensão das aulas. As informações são de que o jovem teria falecido na área rural do município.

Há comentários sob suspeita de uma congestão, mas não foram divulgadas informações sobre a causa da morte. O sepultamento foi realizado na tarde de hoje. Na rede social, familiares e colegas de Rian lamentaram a sua morte precoce.

Jovem talento jequieense, músico Samuel Menezes faz sucesso tocando em Portugal

/ Entretenimento

Samuel Menezes nasceu e cresceu em Jequié. Foto: Divulgação

O jovem talento jequieense Samuel Menezes nasceu e cresceu em Jequié, desde criança interessado por música, aos 13 anos ganhou seu primeiro contrabaixo, de lá pra cá o baixo se tornou sua verdadeira paixão. Suas primeiras influências musicais foram os grandes baixistas Marcus Miller, Victor Wooten e Celso Pixinga.

Iniciou sua carreira no meio Gospel, tocando em bandas da sua cidade e região e aos poucos foi ganhando espaço e visibilidade, realizando trabalhos no Rio de Janeiro e São Paulo com o cantor Rico Ayade. Aos 26 anos Samuel deixou sua cidade rumo a capital Portuguesa, hoje com 27 anos tem seu trabalho reconhecido no meio artístico português.

Atualmente o músico vive em Lisboa, e já participou de diversos projetos, entre eles destacam-se as participações em programas de televisão com os cantores David Carreira e Axel, participações musicais com o cantor Nego do Borel, e concertos em casamentos e casas de show com as bandas Trio os Limas (MPB/Bossa Nova), More or Less guys (Pop Rock), Happy Strings (Instrumental) e Little Lion (Reggae), além dos cantores Max Soul (Pagode/Samba) e Isabely Cotias (MPB/Axé).

O músico já produziu e gravou dois discos para o Trio os Limas, com releituras de clássicos da MPB e Bossa Nova. Considerado um músico versátil e eclético, Samuel é cogitado para a banda fixa do programa de TV ”Conversa no Sol Fá” da emissora NOS e MEO.

Operação Carnaval: número de mortes nas estradas federais da Bahia triplica, aponta PRF

/ Trânsito

As rodovias federais que cortam a Bahia registraram aumento no número de mortes durante o período do Carnaval 2020, em comparação a mesma época do ano passado. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), no período da ação, foram registradas nove mortes, enquanto no período da folia no ano passado foram três óbitos.

Outro dado que aumentou foi o de número de acidentes nas rodovias baiana. Durante o carnaval deste ano, a PRF registrou 61 acidentes. No ano passado foram 52. Desse total, 26 ocorrências foram graves e 89 pessoas ficaram feridas.

Nos seis dias de operação, a PRF autuou 2.296 condutores cometendo ultrapassagens proibidas, infração que lidera o ranking do órgão.
Foram fiscalizados 11.704 veículos e 13.974 pessoas no período da operação. Também foram realizados 10.330 testes do bafômetro, com 328 casos de pessoas que dirigiram sob efeito de bebida alcoólica.

Comparado ao carnaval de 2019, houve aumento de 10% dos casos de alcoolemia, tendo em vista que no ano anterior foram 294 autuados. A infração é gravíssima e a multa é de R$ 2.934,70. Durante as fiscalizações, a PRF também emitiu 73 autos de infração para motociclistas sem capacete e 7 motoristas foram flagrados manuseando aparelho celular. Quando o alvo das fiscalizações foi o condutor ou passageiro sem cinto de segurança, 539 autos foram emitidos, contra 405 em 2019.

A PRF informou que focou a fiscalização, principalmente, no combate a condutas como: excesso de velocidade, embriaguez ao volante e as ultrapassagens proibidas. Durante os seis dias da operação, a PRF na Bahia recuperou 27 veículos e 72 pessoas foram detidas por diversos crimes. Houve também a apreensão de 09 armas de fogo e mais 75 munições.

PRF apreende em caminhão pistolas, carregadores, munições e crack com casal na BR-116

/ Polícia

Policias Rodoviários Federais aprenderam, no final da tarde deste domingo (01), em Vitória da Conquista (BA), 36 pistolas de calibre 9 milímetros, 2.000 munições do mesmo calibre, 74 carregadores e quase 50 quilos de crack.

Os policiais realizavam fiscalização de combate à criminalidade no Km 815 da BR 116, quando foi dada ordem de parada a uma carreta Iveco/Stralishd com placas do Paraná, conduzido por um homem de 33 anos. Ele estava acompanhado da esposa também com 33 anos de idade.

Durante a entrevista, os agentes perceberam um certo nervosismo por parte do casal, como também respostas desencontradas em relação ao destino e motivo da viagem, o que levou a equipe a aprofundar a fiscalização e acabou descobrindo a carga ilícita na cabine do caminhão.

Do total de armas apreendidas, 34 são de fabricação checa. As outras duas, de origem croata. Também foram apreendidos 74 carregadores calibre 9 milímetros e 48,60 quilos de crack.

O homem preso, que declarou ser comerciante, disse aos agentes da PRF que recebeu a carga ilícita na cidade paranaense de Medianeira. O destino final era a cidade de Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo Baiano. Informou ainda que receberia 10.000 reais pelo transporte das mercadorias.

A PRF encaminhou a carga ilícita e os presos para a Delegacia da Polícia Federal em Vitória da Conquista.

Moto bate com carro e deixa homens mortos na rodovia BA-650, entre Ipiaú e Itagibá

/ Trânsito

Uemisson e Nildo são as vítimas do acidente. Foto: Rede social

Um acidente envolvendo uma moto Honda Bros e um carro modelo Fiat Pálio, na BA-650, na noite deste domingo (01/03), deixou dois homens mortos. O acidente aconteceu nas imediações do acesso à cidade de Aiquara, na rodovia Ipiaú/Itagibá.

As vítimas fatais foram identificadas como Givanildo Santos Andrade, 42, conhecido como Nildo, e Uemisson Brandão Santos, 30. Os dois estavam na motocicleta que colidiu na lateral do automóvel.

Eles retornavam de Itagibá quando o veículo colidiu com o carro que trafegava no sentido contrário. Os dois homens mortos moravam na Serra Verde e na Aldeia, zona rural de Itagibá.

O Departamento de Polícia Técnica foi acionado para realizar a perícia e encaminhar os corpos para o IML de Jequié. A causa do acidente será investigada pelas autoridades competentes. As informações são do site Giro em Ipiaú

Medida Provisória autoriza contratação temporária de servidor aposentado para INSS

/ Emprego

Para reduzir a fila de 1,8 milhão de pessoas à espera de benefícios do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), o governo editou hoje (2) a Medida Provisória (MP) 922/2020, que autoriza a contratação temporária de servidores civis federais aposentados. O texto também permite a contratação por outros órgãos federais em caso de emergência.

Entre as ocupações abrangidas pelas contratações temporárias estão professores para aperfeiçoamento de médicos de Atenção Básica em saúde em regiões prioritárias e profissionais para assistência humanitária a estrangeiros que entram no país. A MP enquadra como necessidade temporária de excepcional interesse público situações de aumento transitório no volume de trabalho e atividades como tecnologia da informação, comunicação e revisão de processos de trabalho, pesquisadores e técnicos para o desenvolvimento de produtos e serviços em projetos com prazo determinado e atividades relacionadas à redução de passivos processuais.

A contratação temporária também abrange ações preventivas para conter situações de risco à sociedade, incidentes de calamidade pública, danos e crimes ambientais e emergências humanitárias ou de saúde pública. Dessa forma, a MP abre caminho para a contratações temporárias relacionadas ao controle do coronavírus no Brasil.

No fim de janeiro, o governo tinha publicado um decreto para contratar militares da reserva para reforçarem o atendimento no INSS, ganhando adicional de 30% sobre a remuneração recebida na inatividade. O texto previa a contratação para outras atividades em órgãos públicos. O decreto, no entanto, enfrenta questionamentos no Tribunal de Contas da União (TCU).

Recrutamento

Os trabalhadores temporários serão contratados por meio de um processo seletivo simplificado, sem concurso público, apenas por meio de edital de chamamento. No entanto, a MP dispensa o processo seletivo nas seguintes situações: calamidade pública, emergência em saúde pública, emergência e crime ambiental, emergência humanitária e situações de iminente risco à sociedade.

Os temporários só poderão ser novamente admitidos 24 meses depois do fim do contrato, exceto quando a contratação decorrer de processo seletivo simplificado de provas ou de títulos, como nas universidades federais e nos institutos de pesquisa. Pessoas com mais de 75 anos e aposentados por incapacidade permanente não poderão ser contratadas.

No caso de contratação temporária para pesquisa e desenvolvimento, os contratos terão prazo de até quatro anos, podendo ser prorrogados por mais oito anos. A MP autoriza a contratação de profissionais para atividades que se tornarão obsoletas no curto ou médio prazo, nas quais o governo considere desvantajosa a realização de concursos. Um decreto regulamentará esse ponto.

A MP estabelece que o servidor aposentado contratado terá direito a auxílio transporte, auxílio alimentação e diárias. O contrato de trabalho terá metas de produtividade, com o pagamento de uma parcela fixa e outra vinculada ao desempenho. A remuneração – fixa e variável – não será incorporada à aposentadoria nem estará sujeita à contribuição previdenciária. Da Agência Brasil

Governo do Estado divulga lista de licença prêmio para 1.500 servidores da Educação

/ Educação

Secretário estadual da Educação, Jerônimo. Foto: Claudionor Jr.

O Governo do Estado, por meio da Secretaria da Educação (SEC), divulgou, no Diário Oficial do Estado deste sábado (29), a lista classificatória para a concessão de 1.500 licenças prêmios para professores da rede estadual. De acordo com a Portaria nº 948/2019, assinada pelo secretário da Educação, Jerônimo Rodrigues, a relação classifica mil servidores para licenças convertidas em pecúnia (em verba indenizatória) e 500 para fruição (usufruto). No segundo semestre deste ano, a SEC divulgará uma nova lista, para a classificação de mais 1.500 servidores, podendo totalizar, em 2020, três mil licenças convertidas em pecúnia e para fruição. Isto implicará em recursos do Tesouro Estadual acima de R$ 30 milhões, neste ano.

O prazo para recursos será desta segunda (2) a sexta-feira (6). Após a análise dos recursos, será publicada a lista final e o início da concessão está previsto para o dia 23 de março deste ano, conforme estabelecido na Portaria nº 948/2019, de 26/12/2019.

A superintendente de Recursos Humanos da Educação, Maria do Rosário Muricy, disse que a ação mostra o compromisso do Estado em assegurar a valorização do profissional de Educação, além de normatizar os procedimentos administrativos para conceder os benefícios aos educadores de carreira da rede estadual de ensino. Rosário Muricy explica que o dispêndio financeiro do Estado em três meses será de R$ 12,5 milhões para licenças por pecúnia e R$ 3,2 milhões para licenças por fruição. ”Como esta é a primeira etapa, no segundo semestre teremos mais 1.500 licenças a serem classificadas, o que significa que, no ano, o Estado vai custear R$ 25 milhões para licenças por pecúnia e R$ 6,4 milhões de licenças para fruição”.

 

Licença prêmio

Trata-se de um direito previsto para os servidores públicos efetivos, que ao completarem cinco anos de exercício, o denominado quinquênio, fazem jus a três meses de licença remunerada, a título de prêmio por assiduidade. Na licença por fruição, o servidor fica ausente do seu exercício por três meses e aqueles que optarem pela conversão da licença em pecúnia, permanecerão na função e receberão financeiramente por esse direito.

 

Governador Rui Costa alcança número de 400 escolas públicas visitadas na Bahia

/ Educação

Rui Costa visita escola em São Sebastião do Passé. Foto: Manu Dias

O governador Rui Costa já visitou 400 escolas da rede pública na Bahia. O número foi alcançado nesta segunda-feira (2), no Colégio Polivalente Monsenhor Luiz Ferreira de Brito, em São Sebastião do Passé, na Região Metropolitana de Salvador (RMS). Além de conhecer as instalações e assistir a apresentações de música e dança, Rui se reuniu com a comunidade escolar, com a qual conversou por mais de uma hora, e anunciou o investimento de R$ 2 milhões na unidade, para a construção de mais 15 salas de aula, quadra coberta e outros benefícios.

Na ocasião, Rui lembrou que a Secretaria da Educação é responsável pelo planejamento das diretrizes que serão seguidas na rede estadual, ”mas é na escola que a educação acontece. Essas visitas são muito importantes. Elas têm um propósito, em primeiro lugar, de conhecer as escolas. Nas visitas, nós aprendemos muito, conhecemos os projetos inovadores e as iniciativas positivas, que podem ser replicadas em outras unidades, e também observamos o que precisa ser corrigido, seja no aspecto físico ou no funcional”.

O secretário da Educação, Jerônimo Rodrigues, destacou que a visita às escolas leva a mensagem de que o governador acredita na instituição. ”Isso é uma escuta. Há as reivindicações da parte pedagógica, de infraestrutura e das questões salariais. Então, a reunião proporciona resolutividade para essas demandas”.

Segundo Rodrigues, o governador orienta as escolas durante as visitas, valorizando os profissionais. ”Quando ele vai embora, fica para a secretaria uma obrigação, que é dar resolutividade. Por isso, por toda a Bahia, estamos fazendo licitações, reformas, contratação e formação continuada de profissionais, observando a alimentação, o transporte, o material didático, entre outras coisas”.

No Colégio Polivalente, em São Sebastião do Passé, Rui conheceu Casten dos Santos, 17 anos, participante do programa Mais Estudo. ”Eu entrei no ensino médio bastante ansioso. Tive aulas com os professores e consegui pegar o método de estudos”, disse. Foi assim que ele conseguiu tirar dez em português e matemática e alcançar a vaga de monitor. “Recebi R$ 200 por mês e estou juntando para comprar uma impressora. Meu sonho é ter um computador completo e um celular. Este ano, o governador já disse que vai ampliar o programa e espero me classificar novamente”.

Mais de 700 mil eleitores tiveram títulos ”cancelados” na Bahia, diz Justiça Eleitoral

/ Justiça

Os cidadãos que tiveram o título de eleitor cancelado, têm até o dia 6 de maio para regularizar a situação. De acordo com informações do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), existem 799.076 eleitores baianos em situação irregular.

Mais de 800 mil eleitores baianos ainda não fizeram o recadastramento biométrico, que é obrigatório. A falta do recadastramento causa o cancelamento dos títulos e também fica impedido de votar este ano.

Quem ficou três vezes consecutivos sem votar nas eleições ou ficou sem justificar a ausência às urnas, também fica irregular com a Justiça Eleitoral, com o título cancelado. Cada turno de um pleito é considerado uma eleição diferente. O eleitor deve evitar o cancelamento do título e normalizar a situação no cartório ou posto eleitoral. O cidadão pode consultar a sua situação no Portal do TRE-BA na internet.

Record Bahia mira Uziel Bueno para substituir o apresentador Zé Eduardo no Balanço Geral

/ Imprensa

Apresentador deve trocar a Record pela TV Bahia. Foto: Reprodução

A Record Bahia passou a se movimentar diante da possibilidade de saída de Zé Eduardo do quadro de funcionários da emissora.

O apresentador do Balanço Geral está praticamente certo na TV Bahia, emissora na qual deve assumir o Bahia Meio Dia, no lugar de Jéssica Senra, a partir de abril.

Segundo o site bahia.ba, um dos nomes favoritos da cúpula da Record para substituir Zé Eduardo é o de Uziel Bueno, atual apresentador do Brasil Urgente, na Band Bahia. O nome dele foi citado em reunião na última semana entre diretores do canal.

Dentro da Record Bahia, o clima é de incerteza. A atual produção do Balanço Geral teve algumas baixas nas últimas semanas em função da provável saída de Zé Eduardo.

Um dos empecilhos para a ida do apresentador para a Rede Bahia seria a multa rescisória, que, segundo apuração do bahia.ba, foi um assunto superado.

Na TV Aratu, Uziel Bueno foi o substituto de Zé Eduardo em 2007. Ele assumiu o Na Mira, programa criado para bater o extinto Se Liga Bocão, da Record, e conseguiu grandes índices de audiência, sendo líder no horário do meio-dia.