Vereador de Aracaju pede prisão do cantor Igor Kannário; ”está jogando as pessoas contra a Polícia Militar”

/ Política

Cabo Amintas defende Bolsonaro e ataca Kannário. Foto: Reprodução

Vereador de Aracaju pelo PTB, Cabo Amintas defendeu durante pronunciamento na Câmara Municipal, na quinta-feira (27), a prisão do deputado federal pelo DEM baiano, Igor Kannário, que se envolveu em uma polêmica com a Polícia Militar da Bahia (PM-BA) durante o Carnaval de Salvador.

Na tribuna, o parlamentar iniciou seu discurso mostrando vídeo em que o deputado federal aparece em cima de um trio elétrico incitando foliões contra a polícia. Logo depois, apresentou um vídeo antigo em que o mesmo deputado usa suposta droga ilícita em uma comunidade na capital baiana.

”Esse é o Congresso que temos, um deputado maconheiro que está jogando as pessoas contra a Polícia Militar da Bahia. O deputado federal Igor Kannário é filmado fumando maconha com a facção criminosa Bonde do Maluco em Salvador. Esse Congresso não merece o respeito de ninguém. Quero saber, qual foi o momento em que o Presidente, que está colocando o país nos eixos, disse que vai fechar o Congresso?”, indagou o parlamentar.

Ainda na ocasião, Amintas comentou sobre o vídeo disparado pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) convocando para uma manifestação no próximo dia 15 de março. ”Alguns estão reclamando dessa mídia que está sendo divulgada. Onde esse vídeo insinua que o Presidente vai fechar o Congresso? O que dói nesses críticos é que no vídeo está escrito que temos um presidente incorruptível, cristão, um homem honesto”, avaliou o vereador.

Para concluir, Amintas afirmou que ”a nossa bandeira é verde e amarela, não é vermelha e nunca será. Vocês perderam a presidência desse país porque roubaram, saquearam e deveriam estar na cadeia junto com Igor Kannário”.

Outro lado

A reportagem tentou contato com o gabinete do deputado Igor Kannário, por meio do número disponibilizado no site da Câmara Federal, mas as chamadas não foram atendidas.

Rui Costa pode enviar policiais ao Ceará se Bolsonaro não prorrogar GLO no estado

/ Bahia

Rui deve enviar policiais militares ao Ceará. Foto: Elisa Elsie

O governador Rui Costa (PT) pode enviar policiais militares baianos para o Ceará se o presidente Jair Bolsonaro não prorrogar a Garantia da Lei e da Ordem (GLO) no estado.

A GLO permite que militares das Forças Armadas atuem na segurança estadual.

Segundo o jornal Folha de São Paulo, governadores de pelo menos quatro estados estão se mobilizando para ajudar no policiamento do Ceará, que enfrenta há quase duas semanas uma greve severa da PM.

Os estados que podem enviar tropas ao Ceará são, além da Bahia, Rio de Janeiro, Piauí e Maranhão.

Secretaria de Saúde do estado explica situação dos 12 casos suspeitos de coronavírus na Bahia

/ Saúde

Do mês de janeiro até a última quinta-feira (27), a Bahia teve notificações de 12 casos suspeitos de infecção pelo novo coronavírus. No total, cinco cidades baianas tiveram pessoas com sintomas parecidos com o vírus, entre elas, Jequié (que já foi descartada), Camçari, Tucano, Itabuna, Jacaraci e Salvador.

A Secretária de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), divulgou que seis, dos doze casos suspeitos da doença, já foram excluídos por não se enquadrarem nos critérios do Ministério da Saúde, outros quatro foram descartados em testes de laboratórios e dois ainda estão em análise.

Nessa época de difusão do vírus, todo cuidado é pouco, é indicado evitar lugares de grande aglomeração e sempre que possível lavar as mãos.

Professores da rede estadual protestam contra corte no salário; Governo não foi informado de paralisação

/ Educação

”Devolva meu salário!”. Esse é o mote de um protesto organizado pela Associação dos Professores Licenciados do Brasil – Secção da Bahia (APLB-BA) para esta sexta-feira (27). O ato é contra o corte no salário dos servidores da Rede Estadual de Ensino feito pelo governo do estado. O desconto, que segundo a entidade de classe variou entre R$ 600 e R$ 1 mil, refere-se a uma paralisação realizada pela categoria nos dias 18 e 19 de fevereiro.

Sobre a decisão, a Secretaria de Educação do Estado da Bahia (SEC) e a Secretaria de Administração estadual (Saeb) declararam que ”o Estado não foi informado oficialmente sobre a paralisação, que aconteceu uma semana após o início do ano letivo e às vésperas do Carnaval”. As pastas informaram ainda que ”a decisão de efetuar os descontos seguiu entendimento do Supremo Tribunal Federal (STF), na linha de que a administração pública deve proceder ao desconto dos dias de paralisação”.

Em 2016, o Plenário do Superior Tribunal Federal (STF) decidiu, por 6 votos a 4, que a administração pública deve fazer o corte do ponto dos grevistas, mas admitiu a possibilidade de compensação dos dias parados mediante acordo. A decisão resultou do julgamento do Recurso Extraordinário (RE) 693456. A Corte decidiu ainda que o desconto não poderá ser feito caso o movimento grevista tenha sido motivado por conduta ilícita do próprio Poder Público.

O professor Rui Oliveira, presidente da APLB-BA, contestou, a necessidade de ”comunicado” para a realização de protestos como o realizado. ”Nós nunca procuramos a Secretaria [de Educação]. Isso não acontecia nem na ditadura. Ano passado nós paramos nove vezes e não teve nenhum ofício. Fizemos uma assembleia na segunda [17] e decidimos parar nos dias 18 e 19. A motivação foi a distorção das tabelas, a questão do plano de carreira, o piso salarial, a reforma do ensino médio, dentre outras questões, e ele resolveu retaliar e cortou indevidamente o salário de toda a rede, até de aposentados. Isso mostra que não há nenhum controle. Cortou de funcionário de escola, de Redas”.

O presidente da entidade alegou ainda que, nos mesmos dias, ”também paralisaram a Polícia Civil, a Aduneb [Seção Sindical dos Docentes da Universidade do Estado da Bahia] e o Sindisaúde, mas nenhuma das categorias teve ponto cortado”.

De acordo com a SEC, apenas 30% das escolas estaduais aderiram à paralisação e os professores e servidores que tiveram desconto indevido devem ”comunicar imediatamente à escola e esta ao Núcleo Territorial de Educação (NTE), pois será feita uma folha antecipada”. A pasta informa ainda que a ”reposição dos salários para os que paralisaram as atividades acontecerá mediante calendário e comprovação da reposição das aulas pela direção das escolas e NTE”.

A manifestação proposta pela APLB será realizada às 9h desta sexta-feira (27), em frente à sede da Secretaria de Educação, no Centro Administrativo da Bahia, em Salvador. Nas cidades do interior, como Itabuna, Feira e Vitória da Conquista, o ato será em frente ao NTE daqueles municípios.

Há ainda a previsão de uma nova assembleia da categoria na próxima quarta-feira (4), com indicativo de greve. Com informações do site Bahia Notícias

Depois de 35 anos instalada, agência do Banco Bradesco de Jaguaquara muda de endereço

/ Jaguaquara

Agência muda para a Rua Ilmar Galvão. Foto: Blog Marcos Frahm

Depois de mais de 35 anos funcionando na Rua do Triângulo, na Praça dos Imigrantes, no Centro de Jaguaquara, a agência do Banco Bradesco mudou para uma nova sede, que de acordo com informações levantadas pelo Blog Marcos Frahm funcionará, de forma provisória, por alguns meses, em um prédio anexo a Câmara Municipal de Vereadores, na Rua Ilmar Galvão.

Ainda segundo informações, o Bradesco, que detém na cidade um grande número de clientes, inclusive operando a folha de pagamento de servidores públicos da Prefeitura de Jaguaquara transferiu as suas instalações após ter detectado que a estrutura física da antiga sede estaria comprometida para o funcionamento da agência. Contudo, uma moderna sede deve ser inaugurada ainda neste ano, na Rua Avelar.

Prefeitura de Jequié divulga escala de plantão de atendimento 2020 das farmácias da cidade

/ Jequié

De acordo com a Lei nº 2.070, proposta pela Câmara Municipal e sancionada pelo prefeito de Jequié, Sérgio da Gameleira, em setembro de 2018, instituiu o serviço de plantão de atendimento das farmácias e drogarias, disciplinando o horário de funcionamento e atendimento, mediante um sistema de rodízio, no município, devendo as mesmas prestarem atendimento ao público de forma ininterrupta, no horário das 22h às 7h, todos os dias da semana, inclusive sábados, domingos e feriados.

A Prefeitura de Jequié divulga, abaixo, a escala de plantão dessas farmácias e drogarias, com os dias de atendimento do plantão e seus endereços:

Escala de Plantão das Farmácias 2020

Coronel da PM morre em acidente na BR-116, após carro capotar e cair em lago

/ Trânsito

Acidente aconteceu no trecho da cidade de Serrinha. Foto: Reprodução

Um coronel da Polícia Militar morreu após um acidente de carro no início da manhã desta sexta-feira (28), no Km-355 da BR-116, no trecho da cidade de Serrinha, conforme publicação do site G1.

A vítima foi identificada como Zeliomar Almeida Volta, 67 anos e ele já estava na reserva. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o carro da vítima capotou, saiu da pista, caiu em um barranco e parou dentro de um lago. Zeliomar morreu ainda no local.

A suspeita da PRF é de que o acidente tenha sido provocado por um derramamento de óleo na pista, durante madrugada desta sexta. Outros acidentes foram registrados pela PRF no mesmo trecho, depois desse derramamento. O veículo responsável pelo óleo não foi identificado.

A PRF informou ainda que o caso deverá ser investigado pela delegacia da cidade de Serrinha.

De acordo com a Polícia Militar, o coronel, que estava há seis anos na reserva, serviu à corporação por 43 anos. Ele comandou o Batalhão de Polícia de Choque, Comando de Policiamento Especializado e o Comando de Operações Policiais. O coronel também foi superintendente de Prevenção à Violência.

O militar deixa esposa e filhos. Ainda não há informações sobre o sepultamento da vítima.

ProUni: selecionados na 2ª chamada podem comprovar dados até esta sexta-feira

/ Educação

Os estudantes selecionados em segunda chamada para o Programa Universidade para Todos (ProUni) têm até esta sexta-feira (28) para comprovar as informações fornecidas no ato da inscrição. A documentação deve ser apresentada diretamente às instituições de ensino.

As bolsas de estudo não solicitadas serão destinadas aos participantes da lista de espera. O prazo para se inscrever na lista de espera é de 6 a 9 de março e a divulgação será feita no dia 12 de março.

Neste semestre, o ProUni está oferecendo 252.534 bolsas. O sistema registrou mais de 1,5 milhão de inscrições, feitas por 782.497 estudantes. O número de inscrições é maior que o de inscritos porque cada participante pode escolher até duas opções de instituição, curso e turno.

ProUni

O ProUni é um programa do Ministério da Educação que oferece bolsas de estudos, integrais e parciais (50%), em instituições particulares de educação superior.

Podem participar estudantes que tenham cursado todo o ensino médio na rede pública, ou na rede particular na condição de bolsista integral; estudantes com deficiência; professores da rede pública de ensino, no efetivo exercício do magistério da educação básica, integrantes de quadro de pessoal permanente de instituição pública.

Para concorrer às bolsas integrais, o estudante deve comprovar renda familiar bruta mensal, por pessoa, de até um salário mínimo e meio. Para as parciais, a renda familiar bruta mensal deve ser de até três salários mínimos por pessoa.

Só pode se inscrever no ProUni o estudante que não tiver diploma de curso superior, que tenha participado do Enem mais recente e obtido, no mínimo, 450 pontos de média das notas, e nota acima de zero na redação.

Atleta que brilhou no time do Jequié, é convocada para a Seleção Brasileira de Futebol 7

/ Esporte

Lidiane vai servir à Seleção Brasileira. Foto: Emanuel Jr

Lidiane, atleta que brilhou nas quadras e nos gramados vestindo a camisa do Jequié acaba de ser convocada para a Seleção Brasileira de Futebol 7 para disputar a Copa América 2020, competição que acontecerá entre os dias 27 e 29 de março, em Porto Alegre (RS), com a participação das principais forças do continente.

Não é a primeira vez que uma jogadora do Jequié faz parte da Seleção Brasileira. No ano passado, Giovana fora convocada.

As duas, fizeram história pelas mãos do treinador Vereador Tinho, responsável por ter colocado o futebol feminino do interior da Bahia em um outro patamar, com a formação de elencos competitivos e atletas de alta qualidade.

Novas alíquotas aprovadas para a Previdência Social entram em vigor a partir deste domingo

/ Economia

As novas alíquotas aprovadas na reforma da Previdência entram em vigor no próximo domingo (1º). Assim, as novas alíquotas de contribuição começam a ser aplicadas sobre o salário de março, pago geralmente em abril.

No Regime Geral de Previdência Social (RGPS), as novas alíquotas valerão para contribuintes empregados, inclusive para empregados domésticos, e para trabalhadores avulsos. Não haverá mudança, contudo, para os trabalhadores autônomos (contribuintes individuais), como prestadores de serviços a empresas e para os segurados facultativos.

Segundo a Secretaria de Previdência, as alíquotas progressivas incidirão sobre cada faixa de remuneração, de forma semelhante ao cálculo do Imposto de Renda.

Como a incidência da contribuição será por faixas de renda, é preciso fazer um cálculo para saber qual será a alíquota efetiva. Quem recebe um salário mínimo por mês, por exemplo, terá alíquota de 7,5%. Já um trabalhador que ganha o teto do Regime Geral, também conhecido como o teto do INSS – atualmente R$ 6.101,06 –, pagará uma alíquota efetiva total de 11,69%, resultado da soma das diferentes alíquotas que incidirão sobre cada faixa da remuneração.

O governo disponibiliza na internet uma calculadora da alíquota efetiva, que mostra quanto era descontado do salário antes da reforma e quanto será deduzido com a entrada em vigor das novas regras.

Confira as novas alíquotas na tabela abaixo:

Sem alteração

De acordo com a Secretaria de Previdência, contribuintes individuais e facultativos continuarão pagando as alíquotas atualmente existentes, cuja alíquota-base é de 20%, para salários de contribuição superiores ao salário mínimo.

Para salários de contribuição igual ao valor do salário mínimo, deverá ser observado:

I – para o contribuinte individual que trabalhe por conta própria, sem relação de trabalho com empresa ou equiparado e o segurado facultativo, o recolhimento poderá ser mediante aplicação de alíquota de 11% sobre o valor do salário mínimo;

II – para o microempreendedor individual e para o segurado facultativo sem renda própria que se dedique exclusivamente ao trabalho doméstico no âmbito de sua residência, desde que pertencente a família de baixa renda inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), o recolhimento deverá ser feito mediante a aplicação de alíquota de 5% sobre o valor do salário mínimo;

III – o contribuinte individual que presta serviço a empresa ou equiparado terá retido pela empresa o percentual de 11% sobre o valor recebido pelo serviço prestado e estará obrigado a complementar, diretamente, a contribuição até o valor mínimo mensal do salário de contribuição, quando as remunerações recebidas no mês, por serviços prestados a empresas, forem inferiores ao salário mínimo.

A Secretaria destaca que o segurado, inclusive aquele com deficiência, que contribua mediante aplicação das alíquotas de 11% ou 5% e pretenda contar o respectivo tempo de contribuição para fins da aposentadoria por tempo de contribuição transitória ou para contagem recíproca do tempo correspondente em outro regime, deverá complementar a contribuição mensal sobre a diferença entre o percentual pago e o de 20%, com os devidos acréscimos legais.

Individuais e facultativos

O contribuinte individual é aquele que trabalha por conta própria (de forma autônoma) ou que presta serviços de natureza eventual a empresas, sem vínculo empregatício. São considerados contribuintes individuais, dentre outros, os sacerdotes, os diretores que recebem remuneração decorrente de atividade em empresa urbana ou rural, os síndicos remunerados, os motoristas de táxi e de aplicativos, os vendedores ambulantes, as diaristas, os pintores, os eletricistas e os associados de cooperativas de trabalho.

O contribuinte facultativo é a pessoa com mais de 16 anos que não possui renda própria, mas decide contribuir para a Previdência Social. São donas de casa, síndicos de condomínio não-remunerados, desempregados, presidiários não-remunerados e estudantes bolsistas, por exemplo.

Servidores da União

As novas alíquotas valerão também para os servidores públicos vinculados ao Regime Próprio da Previdência Social (RPPS) da União. No RPPS da União, contudo, as alíquotas progressivas não se limitarão ao teto do RGPS, pois haverá novas alíquotas incidindo também sobre as faixas salariais que ultrapassem o teto.

Confira as alíquotas:

Maracás: Prefeito anuncia aquisição de aparelho de ultrassonografia para o Hospital Municipal

/ Política

Prefeito, deputados e secretário em audiência. Foto: Divulgação

Em Maracás, o Hospital Municipal Álvaro bezerra passará a contar com um sistema digital de ultrassonografia. O anúncio foi feito na redes social, na noite desta quinta-feira (28), pelo prefeito Uilson Novaes – Soya (PDT), após ter participado de audiência com o secretário de Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas, acompanhado dos deputados Euclides Fernandes (PDT) e Félix Mendonça (PDT), em Salvador.

Segundo o prefeito, Maracás realiza um grande número de ultrassonografias.  Contudo, o Hospital não possui o importante aparelho, sendo necessário o deslocamento de pacientes a outros municípios para realização de exames.

Agora, será possível melhorar o atendimento, graças à chegada de um aparelho de ultrassonografia ao Hospital.  ”Essa aquisição trará uma maior comodidade às pessoas, já que, com o aparelho, mais exames poderão ser realizados em nosso município, sem a necessidade do paciente se deslocar a outras cidades para receber o atendimento”.

”Graças a Deus está muito bem”, diz Cacá sobre estado de saúde do vice-governador João Leão

/ Saúde

João Leão foi internado ontem, na capital. Foto: Reprodução

Após um mal-estar e seguir internado em um hospital particular em Salvador, o vice-governador da Bahia, João Leão (PP), realiza uma série de exames na manhã desta sexta-feira (28) e passa bem.

De acordo com o deputado federal Cacá Leão (PP), filho do político, em conversa com o site BNews, é bem possível que o pai receba alta nesta tarde.

”Graças a Deus está muito bem. Deve terminar de fazer os exames hoje. Deve ir pra casa hoje a tarde. Ele melhorou do mal estar que estava sentindo. Está tudo bem”, disse.

Marcelo Nilo revela que não se tornou vice-governador no lugar de João Leão por ”erro primário”

/ Política

Nilo em entrevista à Rádio Metrópole. Foto: Reprodução

O deputado federal Marcelo Nilo (PSB) revelou, em entrevista à Rádio Metrópole FM de Salvador, na manhã desta sexta-feira (28), que poderia ter sido o vice-governador da Bahia, no lugar de João Leão (PP), caso não tivesse cometido um ”erro primário” nas eleições de 2014.

”Cometi um erro primário. Qual foi o erro primário? Não ter um partido”, declarou Nilo. ”Em 2014, Leão foi escolhido vice. Eu era muito mais forte do que Leão politicamente. Ele foi escolhido porque tinha um partido”, lembrou.

Disseminação de fake news sobre o novo ”coronavírus” preocupa especialistas

/ Saúde

Desde o fim de janeiro, o serviço do Ministério da Saúde que combate a disseminação de notícias falsas já refutou dezenas de mentiras que circulam na internet sobre o novo coronavírus. Entre textos, imagens e vídeos, chama a atenção a quantidade de recomendações erradas para prevenir a doença, de uísque a vitamina D. A velocidade da dispersão de informações equivocadas e sem comprovação científica sobre o vírus preocupa especialistas ouvidos pela Agência Brasil.

No início de fevereiro, a Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI) divulgou uma nota de repúdio a respeito de um vídeo distribuído via WhatsApp que citava a injeção de vitamina D em doses altas como estratégia preventiva ao novo coronavírus.

O vice-presidente da SBI, Alberto Chebabbo, alerta que altas dosagens dessa vitamina podem ser prejudiciais à saúde e que outros métodos falsos podem prejudicar a real prevenção da doença.

”Há uma quantidade enorme de fake news, de notícias falsas, e a maior parte delas relacionadas a formas de prevenção. Uso de vitamina para melhorar o sistema imunológico, fazer gargarejo com água quente, coisas que não têm nenhum tipo de evidência científica”, diz o especialista que avalia o fenômeno com preocupação.
Cuidado com as redes sociais

Chebabbo pede que a população não repasse nem compartilhe em suas redes sociais quaisquer recomendações sem a certeza de que as fontes são confiáveis e de que os conteúdos são verdadeiros.

Entre as recomendações falsas disparadas via WhatsApp estão: tomar chá de abacate com hortelã, chá de alho, uísque quente com mel ou vitamina C com zinco. Nenhuma dessas medidas ajuda a prevenir o coronavírus.

Chebabbo recomenda buscar informações nas páginas da própria Sociedade Brasileira de Infectologia, do Ministério da Saúde e das secretarias estaduais de saúde.

A SBI também divulga notas técnicas e recebe perguntas por meio de um serviço Fale Conosco em seu site. Já o serviço Canal Saúde Sem Fake News, do Ministério da Saúde, pode ser consultado na internet. Dúvidas podem ser enviadas pelo Whatsapp (61) 99289-4640.

Desinformação

Especialista em fake news sobre saúde, o pesquisador Igor Sacramento, do Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde da Fundação Oswaldo Cruz (Icict/Fiocruz), avalia que as epidemias vieram acompanhadas de boatos e pânico em momentos da história muito anteriores à internet, como a epidemia de peste bubônica que matou milhões de pessoas no século 14.

Um exemplo mais recente é o do vírus Influenza, cuja pandemia foi objeto de boatos na internet há cerca de uma década. Apesar dessa recorrência, ele destaca que o momento atual é preocupante pelo descrédito que a ciência vem sofrendo em parte da sociedade.

”As pessoas têm confiado cada vez mais em discursos e informações que não são baseadas em evidências nem na ciência, mas na experiência de pessoas que disseram que isso aconteceu”, alerta. ”É muito preocupante quando as pessoas acreditam mais em um testemunho no YouTube do que em um especialista que pesquisou um assunto por anos.”

Primeiro país a ter sido afetado pela doença, a China vem sendo alvo de parte dessas notícias falsas. Em algumas delas, produtos importados do país asiático são considerados possíveis transmissores do vírus, que, segundo um desses textos, poderia ser transportado pelo ar dentro do plástico-bolha.

Ao desmentir essa informação falsa, o Ministério da Saúde destaca que não há evidências de que isso possa ocorrer, ”já que vírus geralmente não sobrevivem muito tempo fora do corpo de outros seres vivos, e o tempo de tráfego destes produtos costuma ser de muitos dias”.

Igor Sacramento lamenta que, além de confundir a população sobre a prevenção, a desinformação sobre o coronavírus também tenha espalhado preconceitos contra chineses e seus descendentes, com fake news que atribuíram à doença uma falsa origem étnica.

”O que a gente vê no processo de construção social de uma doença é o quanto ela revela traços de uma sociedade e de mudanças sociais profundas. No caso do coronavírus, revela o contexto que a gente vive de enorme desinformação”, diz o pesquisador.