Prefeito de Jaguaquara faz novas mudanças na equipe; secretário de Agricultura é exonerado

/ Jaguaquara

Prefeito exonera secretário e nomeia a prima para a Agricultura

O prefeito de Jaguaquara voltou a promover mudanças no primeiro escalão do governo. Giuliano Martinelli (PP) buscou soluções caseiras para novas mudanças na equipe. O gestor exonerou, do cargo de secretário de Agricultura e Meio Ambiente, José Ivanaldo Saraiva dos Santos, que atuava no cargo desde a primeira gestão do alcaide e será substituído pela prima do prefeito, Adriele Andrade Ribeiro, nomeada para comandar a pasta depois de exonerada da Coordenadoria Municipal da Defesa Civil.

Martinelli encontrou na sua esposa, a primeira-dama e atual secretária de Governo, Geisa Silva Santana Martinelli a solução para preencher a vaga deixada pelo locutor Weder Mello, que foi exonerado em fevereiro último do cargo de secretário de Cultura, Esporte e Lazer. Conforme publicação do Diário Oficial, Geisa irá responder, interinamente, pela Cultura, que estava sob o comando da secretária de Educação, Juliana Santiago Ferreira.

Os decretos de exoneração e nomeação assinados pelo chefe do Executivo estão datados de segunda-feira (8) e terça-feira (9), e revelam a terceira fase de trocas na equipe, apenas neste ano. Em janeiro, Juliana assumiu a Educação em substituição a Jurema Bomfim de Quadros, que havia assumido a pasta em outubro de 2016. Em fevereiro, foi à vez de o prefeito exonerar Weder. Agora, em abril, Martinelli voltou a mexer no tabuleiro.

Itaparica: Suspeitos de envolvimento no assassinato de policial civil morrem durante confronto com PMs

/ Polícia

Três homens suspeitos de envolvimento na morte do policial civil, no distrito de Barra Grande, que fica na Ilha de Itaparica, região metropolitana de Salvador, morreram durante um confronto com policiais militares, no final da manhã desta quarta-feira (10), em Vera Cruz. A informação foi divulgada pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA). Segundo informações da SSP, equipes da 19ª Delegacia Territorial (DT/Itaparica) receberam uma denúncia anônima sobre a fuga dos suspeitos pela região de Jiribatuba, em Vera Cruz. Os policiais foram até o local e montaram uma blitz para fazer as prisões deles.

De acordo com o órgão, os suspeitos, que não tiveram a identidade revelada e estavam em um carro que faz transporte alternativo, pararam na barreira e desceram atirando após receberem a voz de prisão. Os três homens foram atingidos, socorridos, mas não resistiram aos ferimentos. A Secretaria de Segurança Pública informou que foram apreendidos duas pistolas, dois carregadores, um deles alongados, celulares, dinheiro, maconha, cocaína, crack e anotações referentes à venda de drogas.

Ainda de acordo com o órgão, os suspeitos são apontados como traficantes e autores de roubos. Testemunhas foram ouvidas e buscas foram realizadas durante toda a madrugada. Além das equipes de delegados e investigadores, guarnições territoriais e especializadas da PM também continuam na região em busca de outros comparsas do trio. Com informações do G1

Ramon Fernandes entrega trator a moradores da comunidade de Barragem da Pedra, em Jequié

/ Jequié

Vereador Ramon Fernandes faz entrega de trator. Foto: Divulgação

Os moradores e produtores rurais da comunidade de Barragem da Pedra, em Jequié, receberam nesta quarta-feira (10) um importante equipamento para o fortalecimento da agricultura familiar na localidade. Durante encontro com os membros da associação de moradores, o vereador Ramon Fernandes fez a entrega de um trator, fruto de uma emenda parlamentar do seu pai, o deputado estadual Euclides Fernandes, que atendeu a solicitação do vereador.

”Esse trator representa uma iniciativa que vai impulsionar as atividades da agricultura e facilitar a vida dos pequenos agricultores. É um equipamento que chega para auxiliar as pessoas da comunidade em obras que fortalecem a economia de Jequié, porque quando se produz no campo, a cidade também ganha”, ressaltou Ramon.

”A nossa gratidão também ao governo do estado, que tem contemplado outros municípios com tratores destinados as comunidades através de emendas, e nós sabemos que o deputado Euclides tem se esforçado para atender as demandas das cidades que ele representa”, concluiu.

Jequié: Vereadora Laninha defende projeto de ”inclusão digital” para a terceira idade

/ Jequié

Vereadora Laninha tem requerimento aprovado. Foto: Ascom/CMJ

A Câmara Municipal de Jequié aprovou, por unanimidade, nesta quarta-feira 910), Requerimento (34/2019) de autoria da vereadora Laninha apresentado com o objetivo de que seja analisado o impacto da tecnologia na vida pessoal sob a ótica das pessoas da terceira idade, precisamente, verificar as vantagens e as dificuldades encontradas pelas pessoas de terceira idade no uso da tecnologia.

Segundo a vereadora Laninha, a inclusão no curso digital traz resultados favoráveis a essas pessoas, pois eles afirmaram ter conquistado independência para manusear o computador e dentre outro equipamentos digitais, conseguiram obter melhor comunicação à distância, melhoraram sua autoestima, e conseguem manter-se atualizados, proporcionando conhecimento e amizade e disseram também que são mais felizes.

Conta que ”pesquisas comprovam que os resultados demonstram que as maiores dificuldades encontradas pelos idosos estão relacionadas ao manuseio do computador e das informações. Quanto às vantagens, o resultado obtido foi de melhora na autoestima e maior confiança. Sendo que algumas pessoas da terceira idade procuraram o curso de inclusão digital para aprender a usar o computador para fins de trabalho, porém, a maioria procura pelo curso para aprender a usar o computador em casa, para se manter atualizados ou até mesmo usar as redes sociais”.

Senadora do PSL e suplente são cassados pela Justiça por caixa 2 e abuso de poder econômico

/ Política

Selma omitiu despesas de campanha. Foto: Agência Senado

O Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE-MT) cassou os mandatos da senadora Selma Arruda (PSL) e do suplente da vaga, Gilberto Possamai, nesta quarta-feira (10), por omitirem da Justiça Eleitoral despesas de R$ 1,2 milhão na campanha de 2018, configurando caixa dois e abuso de poder econômico. O desembargador determinou nova eleição para o cargo.

Selma afirmou, por meio de nota, que vai recorrer da decisão. ”Estou tranquila com a decisão proferida nesta quarta-feira (10) pelo Tribunal Regional Eleitoral. A tranquilidade que tenho é com a consciência dos meus atos, a retidão que tive em toda a minha vida e que não seria diferente na minha campanha e trajetória política. Respeito a Justiça e, exatamente por esse motivo, vou recorrer às instâncias superiores, para provar a minha boa fé e garantir que os 678.542 votos que recebi da população mato-grossense sejam respeitados”.

O relator do processo, desembargador Pedro Sakamoto, se manifestou a favor da perda do mandato da parlamentar ao apontar que ela gastou e não declarou à Justiça Eleitoral o montante de R$ 1,2 milhão. Não houve qualquer registro desse gasto na contabilidade oficial de campanha.

Voto do relator

O voto do desembargador foi acompanhado por todos os magistrados que compõem o Pleno do TRE. Eles, porém, não concordaram que a vaga fosse ocupada interinamente pelo terceiro colocado nas eleições do ano passado, Carlos Fávaro. Por maioria, decidiram que uma nova eleição deve ser realizada.

O gasto omitido por Selma Arruda corresponde a 72% das despesas feitas pela parlamentar durante a campanha. ”Saiu em larga vantagem em relação aos outros candidatos, ferindo o princípio da isonomia”, declarou o relator. Selma e o suplente também foram considerados inelegíveis e não podem concorrer à próxima eleição.

Pagamentos sem contrato

Selma recebeu R$ 1,5 milhão em transferências bancárias de Gilberto Possamai, sendo uma em abril e outra em julho do ano passado. ”Esse dinheiro permitiu que ela fizesse esses gastos sem observar a norma prevista na legislação eleitoral vigente”, afirmou o magistrado.

Enem: 3 milhões de estudantes já pediram isenção da taxa, segundo balanço do Inep

/ Educação

Até o momento, três milhões de estudantes solicitaram a isenção da taxa do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), segundo balanço divulgado hoje (10), pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). O prazo termina nesta quarta-feira (10) e os pedidos poderão ser feitos até 23h59, no horário de Brasília, na Página do Participante do Enem. A taxa de inscrição deste ano é R$ 85.

O prazo para pedir a isenção da taxa começou no último dia 1º. De acordo com o Inep, não foi registrada nenhuma intercorrência no sistema ao longo do período. Podem solicitar a isenção da taxa os estudantes que estão cursando a última série do ensino médio, em 2019, em escola da rede pública; aqueles que cursaram todo o ensino médio em escola da rede pública ou como bolsista integral na rede privada, com renda, por pessoa, igual ou menor que um salário mínimo e meio, o que, em valores de 2019, equivale a R$ 1.497.

São também isentos os participantes em situação de vulnerabilidade socioeconômica, ou seja, membros de família de baixa renda com Número de Identificação Social (NIS), único e válido, com renda familiar por pessoa de até meio salário mínimo (R$ 499), ou renda familiar mensal de até três salários mínimos (R$ 2.994). A isenção de taxa de inscrição não é automática e a solicitação não poderá ser feita durante as inscrições.

Justificativa

Termina também hoje (10) o prazo para que os estudantes que não pagaram o Enem 2018 e que, por algum motivo, faltaram às provas, apresentem justificativa e peçam de novo a isenção. Esses estudantes precisam enviar, também pela Página do Participante, documentos comprobatórios da justificativa da ausência. Os documentos aceitos variam de acordo com a causa: acidentes, mortes na família, internação, trabalho, casamento, emergência médica, intercâmbio acadêmico, entre outros. A relação dos documentos consta do anexo II do Edital do Enem. Não serão aceitos documentos autodeclaratórios emitidos pelos pais ou responsáveis.

Próximos passos

Os resultados do pedido de isenção e da justificativa de ausência no Enem 2018 serão divulgados no dia 17 de abril. Os estudantes que não tiverem a solicitação aceita poderão entrar com recurso, no período de 22 a 26 de abril, na Página do Participante. O resultado do recurso será divulgado, no mesmo endereço, a partir de 2 de maio. Para participar do exame, os estudantes, com ou sem isenção da taxa, devem fazer a inscrição no período de 6 a 17 de maio.

Enem 2019

O Enem será aplicado nos dias 3 e 10 de novembro. No primeiro dia de prova, os participantes responderão a questões de linguagens e ciências humanas e farão a prova de redação. Para isso, terão 5 horas e 30 minutos No segundo dia, os estudantes terão 5 horas para resolver as provas de ciências da natureza e matemática.

Os gabaritos das provas objetivas serão divulgados no Portal do Inep e no aplicativo oficial do Enem até o dia 13 de novembro. O resultado será divulgado, conforme o edital, em data a ser divulgada posteriormente.

As notas do Enem podem ser usadas para ingressar em instituição pública pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), para obter bolsas de estudo em instituições particulares de ensino superior pelo Programa Universidade para Todos (ProUni) e para obter financiamento pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Ministério Público/BA anuncia inauguração da sua sede própria em Jequié, para o dia 17

/ Jequié

Sede do MP fica no Centro Administrativo. Foto: Blog Marcos Frahm

O Ministério Público Estadual – MPE, estará inaugurando suas instalações na sede própria do órgão, construída no Centro Administrativo Municipal, anexo ao Centro de Cultura, no bairro Jequiezinho. A sede será inaugurada no próximo dia (17), as 11h, e estará abrigando as Procuradorias Regionais de Justiça e contará com salas de reunião e dependência administrativa. O ato inaugural contará com a presença da Procuradora-Geral de Justiça do Estado, Ediene Lousado, além de outras autoridades.

Mudanças na Carteira de Habilitação vão facilitar punição de infração grave, diz ministro

/ Trânsito

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, disse hoje (10) que as mudanças a serem propostas na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) vão tornar mais rápida a punição de infrações graves. Segundo ele, o objetivo é aumentar de 20 para 40 pontos o limite para suspender o documento. ”Se você observar o que está acontecendo, os órgãos de trânsito não estão tendo capacidade de processar e fazer a suspensão quando se atinge os 20 pontos”, ressaltou, após participar de seminário promovido pelo jornal Valor Econômico.

Segundo Freitas, a maior parte da pontuação distribuída aos motoristas não corresponde a condutas graves. ”As infrações, em sua maioria, são bestas, muito leves. Então, no final das contas, é burocracia”, disse. Por isso, aumentar o limite de pontuação é uma forma de abrir espaço para executar as sanções nos casos mais graves, como embriaguez ao volante, segundo o ministro. ”A gente simplifica o processo de suspensão naquilo que é grave e aumenta a pontuação, até para que os órgãos tenham capacidade de processar naquilo que é leve”, disse.

As mudanças, que devem incluir o aumento do tempo de validade da carteira de cinco para dez anos, serão feitas por um projeto de lei. Segundo Freitas, o texto será enviado até semana que vem ao Palácio do Planalto, que vai decidir o momento mais oportuno para abrir a discussão com os parlamentares. ”Isso tem que ser discutido pelo Congresso”, ressaltou.

Rodovias

O ministro informou ainda que o governo pretende aproveitar o fim dos contratos de concessões de rodovias federais para rever as condições. ”Estamos falando da primeira etapa de concessões de rodovias federais na década de 1990. De lá para cá, trilhamos uma curva de aprendizado”, disse, referindo-se a estradas como a Presidente Dutra, que liga São Paulo ao Rio de Janeiro e que tem contrato válido até 2021. Da Agência Brasil

Weintraub leva nomes sem experiência em educação para cargos do Ministério da Educação

/ Educação

Abraham é o novo ministro da Educação: Fotos: André Borges

O novo ministro da Educação, Abraham Weintraub, vai levar para o Ministério da Educação (MEC) pessoas sem experiência na área e que atuavam na Casa Civil e Ministério da Economia. Das sete secretarias sob seu comando, seis terão trocas. A Secretaria de Educação Básica (SEB) dever ser assumida por Janio Carlos Endo Macedo. Formado em Direito e com especializações em Administração, atuou por mais de dez anos em banco e, em 2016, durante a gestão Michel Temer foi nomeado secretário executivo do, então, Ministério Trabalho. A pasta é considerada uma das mais importantes já que o presidente Jair Bolsonaro diz que tem como prioridade aumentar os investimentos e a qualidade do aprendizado na educação básica – que engloba da educação infantil ao ensino médio – do País. O cargo está vago desde o dia 26 de março, quando Tania Leme de Almeida pediu demissão – ela deixou o MEC depois de não ser consultada sobre a decisão de não se avaliar a alfabetização das crianças. O número 2 de Weintraub será Antonio Paulo Vogel de Medeiros, que irá assumir a Secretaria Executiva. Foramdo em Economia, Medeiros atuou como analista no Ministério da Fazenda e estava como secretário executivo adjunto da Casa Civil. O cargo atualmente é ocupado pelo tenente brigadeiro Ricardo Machado Vieira, que foi do Secretário de Pessoal, Ensino, Saúde e Desporto do Ministério da Defesa e chefe do Estado-Maior da Aeronáutica. Medeiros terá como adjunto Rodrigo Toledo Cabral Cota, atual subsecretário de governança das estatatais, no Ministério da Economia. A Secretaria de Educação Superior (Sesu) será assumida por Arnaldo Barbosa de Lima Júnior. Secretário adjunto de Política Econômica do Ministério da Fazenda na gestão Temer, ele é formado em Comércio Exterior. A pasta é atualmente ocupada por Mauro Rabelo, único remanescente da gestão Temer que foi aproveitado por Vélez. A Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior (Seres) deve ser reassumida por Silvio Cecchi, ligado ao MDB e que chegou ao MEC em 2016. Já a Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) será assumida pelo também economista Ariostolo Antunes Culau, que atuou nos últimos anos na Secretaria de Orçamento Federal, do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão. O único que deve permanecer no cargo é Carlos Nadalim. Da ala dos olavistas, ele é o secretário de Alfabetização.

Deputado quer dar título de cidadão baiano a General Mourão por notório relevo ao estado

/ Política

vice-presidente da República, Hamilton Mourão. Foto: Estadão

O deputado estadual Capitão Alden (PSL-BA) propôs à Assembleia Legislativa um projeto para conceder o título de cidadão baiano ao vice-presidente da República, Hamilton Mourão (PRTB). Na justificativa, o parlamentar afirma que o vice, que não tem registro de sequer visita à Bahia, prestou ”notório relevo” ao país e à comunidade baiana. O deputado ainda acredita que Mourão ”auxilia com maestria” o presidente Jair Bolsonaro sempre que por ele convocado para missões especiais ou o substitui.

No entanto, apesar da justificativa usada pelo parlamentar, o vice-presidente tem demonstrado ser um contraponto ao presidente. Na viagem que Mourão fez aos EUA, por exemplo, o vice se reuniu com moderados, diferentemente de Bolsonaro, que escolheu apenas com autoridades aliadas ao pensamento conservador dele. O vice adotou um discurso mais apaziguador no início do governo Bolsonaro, após ter dado declarações polêmicas no período da campanha eleitoral.

Itaparica: Policial civil é morto por indivíduos de bicicleta em tentativa de assalto à residência

/ Polícia

Waldeck Monteiro de Jesus foi morto a tiros. Foto: Reprodução

Um policial civil foi morto a tiros na noite desta terça-feira (9) dentro da própria casa em Barra Grande, na Ilha de Itaparica. A vítima foi identificada como Waldeck Monteiro de Jesus. Ele trabalhava na 19ª Delegacia Territorial, em Itaparica. Segundo a 5ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM /Vera Cruz), dois homens chegaram de bicicleta ao condomínio onde o policial residia e pularam o muro da casa da vítima para roubar a residência.

Ainda segundo relato, o policial foi baleado quando tentava pegar uma arma. Mesmo ferido, Waldeck ainda teria conseguido atirar contra um dos acusados, que também teria sido alvejado. Logo após o crime, policiais civis e militares iniciaram as buscas para identificar e localizar os bandidos. As informações são do Bahia Notícias

TJ escolhe lista tríplice para desembargador; Genro de Walter Pinheiro é considerado favorito

/ Justiça

Marcelo Junqueira Ayres Filho é favorito. Foto: Reprodução

O Tribunal de Justiça da Bahia acaba de escolher a lista tríplice para a escolha do novo desembargador do órgão, na vaga de advogado. São eles Gildásio Rodrigues Alves, José Soares Ferreira Aras Neto e Marcelo Junqueira Ayres Filho. A lista segue agora para o governador Rui Costa (PT), a quem cabe a escolha, entre os três indicados. Há quem diga que Ayres Filho seria o favorito dada a relação de seu sogro, o ex-senador Walter Pinheiro, com o governador, de quem é secretário de Planejamento. As informações são do site Política Livre

Atletas baianos já podem se inscrever no Programa de Incentivo ao Esporte Amador Olímpico

/ Esporte

A Resolução 01/2019, que apresenta os critérios para elaboração, inscrição e avaliação do Programa de Incentivo ao Esporte Amador Olímpico e Paralímpico (FazAtleta), foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) de terça-feira (9). Em 2019, a iniciativa vai investir R$ 4,5 milhões, a título de incentivo fiscal, em apoio aos atletas.

A publicação torna oficiais as deliberações tomadas pela Comissão Gerenciadora (Comger) do FazAtleta, em reunião realizada no último dia 3. Entre as mudanças positivas para este ano estão a atualização nos valores de incentivo aos atletas nas categorias individuais e por equipe, a ampliação do percentual destinado às despesas em viagens dos atletas e seus treinadores e o aumento do valor máximo para projetos apoiados.

Outra novidade foi a ampliação no atendimento por faixa etária. Antes, o FazAtleta atendia por categoria até os 21 anos e, após essa idade, o atleta pleiteava vaga no geral. Com a nova resolução, os atletas irão concorrer junto às empresas em suas respectivas categorias. Os interessados devem agendar a inscrição pelo telefone 71 3315-1642.

Criado em 1999, o programa funciona por meio da concessão de abatimento no Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), que é dado às empresas situadas na Bahia e que apoiam financeiramente projetos esportivos de atletas, equipes ranqueadas e eventos do calendário das federações e/ou confederações que se enquadram na categoria de esporte amador, olímpico e paralímpico.

O apoio inclui o pagamento de despesas em viagens, aluguel de equipamento esportivo, contratação de seguro de vida, aquisição de material esportivo, além de bolsa-auxílio para o atleta que se dedica exclusivamente à prática esportiva e remuneração do técnico que o acompanha, entre outros benefícios.

Jequié: Prefeitura inicia instalação das novas barracas do Centro de Abastecimento Vicente Grilo

/ Jequié

Barracas de estrutura metálica chegam ao CEAVIG. Foto: Secom

Considerado como uma das mais importantes áreas comerciais de Jequié e responsável pela geração de emprego e renda de milhares de famílias, sendo um equipamento imprescindível para o produtor e o trabalhador rural da região, o Centro de Abastecimento Vicente Grilo (CEAVIG), inaugurado em 1990, está ganhando novas barracas de metal galvanizado que irão substituir as barracas de madeira, que existem no espaço há quase 30 anos. A Prefeitura de Jequié, após a ordem de serviço assinada pelo prefeito Sérgio da Gameleira, começou a receber, na tarde de segunda-feira (8), as primeiras barracas, desta primeira etapa de instalação. O secretário de Serviços Públicos, Renê Andrade, esteve acompanhando e fazendo a verificação de chegada dos itens.

Muitas das atuais barracas de madeira, existentes no CEAVIG, já não têm condições mínimas para serem utilizadas. Algumas com pedaços faltando ou feitas de material de refugo, como papelão e plástico, oferecendo riscos aos feirantes e clientes que frequentam o local, além de prejudicar a qualidade e a higiene na disponibilização dos produtos oferecidos aos consumidores.

A empresa que ganhou a licitação pública para execução da obra, a Day Construções LTDA, vai construir, no total, 725 unidades, que vão ter três metros de largura por três metros de comprimento, divididas em 145 conjuntos, cada conjunto contendo cinco barracas, que serão padronizadas, feitas em tubos galvanizados, com telhas ecológicas de fibrocimento e policarbonato, resistentes e duráveis.