Morre no Prado Valadares menino de 11 anos baleado na cabeça por amigo de 13 enquanto brincavam

/ Jequié

Menino estava internado na UTI do Prado. Foto: Blog Marcos Frahm

Morreu neste domingo (23), o garoto Icolly Barbosa Oliveira, de 11 anos, que foi baleado na cabeça por um amigo de 13, enquanto brincavam com uma arma, no município de Jitaúna. O acidente aconteceu no dia 16 de setembro. A vítima, que estava no Hospital Prado Valadares – HGPV, em Jequié, passou por uma cirurgia para a retirada do projétil, mas estava em estado grave e não resistiu. A Polícia Civil informou que, a arma, que pertencia ao pai da vítima, estava guardada dentro de um veículo. No momento do disparo, o carro estava estacionado na garagem da residência do menino, situada no bairro Adelino Henrique. O pai da criança chegou a ser apresentado pela Polícia Militar na delegacia de Jequié, mas a arma não foi localizada pelos agentes. O caso é investigado pela delegacia do município.

Fies abre inscrições para as vagas que não foram preenchidas no processo seletivo regular

/ Educação

Estão abertas, a partir de hoje (24), as inscrições para as vagas que não foram preenchidas no processo seletivo regular do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), referentes ao segundo semestre de 2018. Para concorrer, os interessados devem fazer um cadastro no site do programa.  Podem disputar as vagas remanescentes candidatos que tenham participado de alguma edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) desde 2010 e tenham obtido a nota mínima de 450 pontos nas provas e acima de zero na redação. Além disso, é necessário comprovar renda familiar mensal bruta per capita de até três salários mínimos. Uma vez pré-selecionados, eles terão um prazo de dois dias úteis para complementar os dados solicitados pelo FiesSeleção e, em seguida, três dias úteis para comparecer à instituição onde serão validadas as informações inseridas. Com a validação dos dados, os candidatos poderão comparecer ao banco para efetivar a contratação do financiamento.

Prazos de inscrição

As datas para a inscrição, tanto de início quanto finais, variam de acordo com o perfil do estudante. A prioridade é dos estudantes que participaram do processo seletivo regular do Fies do segundo semestre de 2018 e se inscreveram em cursos nos quais não houve formação de turma no período inicial. Para esses, o prazo de inscrição termina na quinta-feira (27). O prazo de inscrição para os candidatos que desejam concorrer a vaga em instituições nas quais não estão matriculados termina no dia 1º de outubro e, para aqueles que querem concorrer a financiamentos nas instituições nas quais já estão matriculados, no dia 9 de novembro. O cronograma detalhado dos períodos de inscrição está disponível na página do Fies.

Cursos superiores

O Fies concede financiamento a estudantes em cursos superiores de instituições privadas com avaliação positiva pelo Ministério da Educação (MEC). O novo Fies tem modalidades de acordo com a renda familiar. A modalidade Fies tem juro zero para os candidatos com renda mensal familiar per capita de até três salários mínimos. Nesse caso, o financiamento mínimo é 50% do curso, enquanto o limite máximo semestral é R$ 42 mil. A modalidade chamada de P-Fies é para candidatos com renda familiar per capita entre 3 e 5 salários mínimos. Nesse caso, o financiamento é feito por condições definidas pelo agente financeiro operador de crédito, que pode ser um banco privado ou Fundos Constitucionais e de Desenvolvimento.

Presidente do PSL na Bahia é condenada pela Justiça Eleitoral e concede direito de resposta a Rui Costa

/ Eleições 2018

Dayane Pimentel lidera o partido de Jair Bolsonaro. Foto: Vida Diária

A Justiça Eleitoral condenou a presidente do PSL na Bahia, Dayane Pimentel, a conceder direito de reposta ao governador Rui Costa (PT). Nas redes sociais, a presidente, que também é candidata a deputada federal divulgou um vídeo da campanha do governador. Ainda assim, Dayane escreveu no Facebook: ”Estão querendo me calar. Mas estou com Bolsonaro até o fim”. O vídeo tem 42 segundos. No vídeo, a apresentadora conta que foi concedido o espaço por ”ataques a honra do governador”. Enquanto isso, a dona da página afirma que chamou o ”PT de quadrilha” respondendo a uma outra acusação de que ”Bolsonaro colheu o que plantou”. Em sua decisão, a juíza Gardênia Pereira Duarte, afirma que ”ocorre, no entanto, que a livre exteriorização do pensamento não pode ser concebida como um direito absoluto, devendo a prática de eventuais abusos cometidos serem coibidas”.

Candidato Bolsonaro perde para Haddad, Ciro e Alckmin no segundo turno, diz Ibope

/ Eleições 2018

Bolsonaro não conseguiria vencer no 2º turno. Foto: Divulgação

Líder nas pesquisas de intenção de voto no primeiro turno, o presidencial Jair Bolsonaro não conseguiria superar nenhum adversário nas simulações de segundo tuno apresentadas pelo Ibope em nova pesquisa divulgada nesta segunda-feira (24). De acordo com o instituto, se a segunda etapa das eleições fosse hoje, Bolsonaro perderia para Fernando Haddad (PT), Ciro Gomes (PDT) e Geraldo Alckmin (PSDB). O deputado federal carioca ainda empataria com Marina Silva (Rede). No confronto entre Haddad e Bolsonaro, o candidato do PT tem 43% das intenções de voto e o capitão da reserva 37%. Segundo o útimo levantamento, divulgado pelo Ibope no dia 18 de setembro, os dois estavam numericamente empatados, com 40% das intenções cada um.  O líder nas pesquisas também perderia para Ciro Gomes em um segundo turno. Se houvesse uma disputa entre os dois, o pedetista venceria Bolsonaro por 46% a 35%. Há uma semana, havia empate técnico no confronto: Ciro tinha 40% contra 39% do candidato do PSL. A situação se repetiria com Geraldo Alckmin. O tucano tem 41% contra 36% de Jair, na pesquisa. Na Ibope divulgada no dia 18, os dois tinham o mesmo porcentual no cenário: 38%. Após superar Marina Silva em uma simulação de segundo turno na semana passada, o candidato do PSL agora empata com a candidata da Rede: 39% a 39%.  O Ibope ouviu 2.506 pessoas em 178 municípios entre os dias 22 e 23 de setembro. A margem de erro estimada é de 2 pontos porcentuais para mais ou para menos, e o nível de confiança é de 95%. A pesquisa foi contratada pelo Estado e pela TV Globo. O registro no Tribunal Superior Eleitoral foi feito sob o protocolo BR?06630/2018.

Pesquisa Ibope à Presidência: Bolsonaro lidera com 28%, Haddad já tem 22%, e Ciro 11%

/ Política

Jair Bolsonaro e Haddad polarizam eleição. Fotomontagem BMF

Sob ataques constantes dos outros candidatos à Presidência da República, Jair Bolsonaro (PSL) se manteve com 28% das intenções de voto em uma nova pesquisa Ibope divulgada nesta segunda-feira (24). Enquanto o líder parece ter estacionado, Fernando Haddad, candidato do PT ao Planalto, segue em ascensão. O estudo mostrou que o substituto do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva já tem 22% da preferência do eleitorado. Com o crescimento, Haddad ampliou a diferença para o terceiro colocado e já tem o dobro das intenções de votos que Ciro Gomes (11%), candidato do PDT. A pesquisa ainda mostrou que Geraldo Alckmin (PSDB) e Marina Silva (Rede) também estacionaram, oscilando na margem de erro com 8% e 5% das intenções, respectivamente. O Ibope ouviu 2.506 pessoas em 178 municípios entre os dias 22 e 23 de setembro. A margem de erro estimada é de 2 pontos porcentuais para mais ou para menos, e o nível de confiança é de 95%. A pesquisa foi contratada pelo Estado e pela TV Globo. O registro no Tribunal Superior Eleitoral foi feito sob o protocolo BR?06630/2018.

Prazo para eleito solicitar 2ª via do título eleitoral termina nesta quinta-feira (27)

/ Política

Termina nesta quinta-feira (27), dez dias antes do primeiro turno das eleições 2018, o prazo para o eleitor solicitar a segunda via do título no cartório eleitoral da zona onde está cadastrado. A previsão consta no artigo 52 do Código Eleitoral. É importante ressaltar que para a emissão da segunda via do título, o eleitor deve estar quite com a Justiça Eleitoral, ou seja, não poderá ter débitos pendentes como multas por ausência às urnas ou aos trabalhos eleitorais, como o de mesário, ou ainda ter recebido multas em razão de violação de dispositivos do Código Eleitoral (Lei 4.737/1965), da Lei das Eleições (Lei 9.504/1997) e leis conexas. Multas devem ser pagas por meio de Guia de Recolhimento da União (GRU) emitida pelo cartório eleitoral e podem variar de R$ 1,05 a R$ 35,14.

Jequié: Homem é preso com 44 kg de cocaína embaladas com foto de Pablo Escobar

/ Trânsito

Droga foi encontrada dentro de um Renault/Duster. Foto: PRF

Policiais rodoviários federais apreenderam 44,3 kg de cocaína durante fiscalização na BR 116, em Jequié, no final da manhã desta segunda-feira (24). Segundo a PRF, por volta das 11h30 , foi abordado, no KM 677 da rodovia, um veículo Renault/Duster com placas de São Paulo (SP) conduzido por um homem de 39 anos. Durante os procedimentos normais de fiscalização, os agentes desconfiaram de uma história contada pelo condutor. Após verificações no veículo, foram encontrados, escondidos no porta-malas, 44 tabletes de cocaína, que somavam 44,3 kg. Ainda de acordo com a polícia, a droga estava embalada em fita adesiva com imagem de Pablo Escobar,  narcotraficante colombiano morto em 1993. Quando questionado, o condutor relatou que havia pegado a droga em São Paulo (SP) e pretendia levar até Feira de Santana (BA). O motorista disse ainda que ele aceitou realizar o transporte do entorpecente após ser abordado por dois homens na capital paulista, que lhe ofereceram dinheiro para levar a cocaína. O motorista foi levado preso para a Delegacia de Polícia Civil em Jequié e responderá por tráfico de droga.

Juiz Federal anula decisão sobre patente de remédio para tratamento de hepatite C

/ Saúde

A Justiça Federal de Brasília decidiu hoje (24) anular a decisão do Instituto Nacional de Propriedade Intelectual (Inpi) que, na semana passada, concedeu à empresa farmacêutica norte-americana Gilead o pedido de patente do medicamento Sofosbuvir no Brasil, usado para o tratamento da hepatite C. A decisão foi proferida pelo juiz Rolando Valcir Spanholo, da 21ª Vara da Justiça Federal, e atendeu a um pedido liminar protocolado pela candidata à presidência Marina Silva (Rede) e seu vice, Eduardo Jorge (PV). O magistrado entendeu que o Inpi deixou de analisar que o pedido de patente feito pela empresa ”não se coadunava com o interesse social, tecnológico e econômico do país”. Segundo Spanholo, o instituto ”desrespeitou a sua obrigação constitucional de zelar, preventivamente, pela guarda da soberania nacional e do interesse público”. ”Por isso, não andou bem o INPI quando se eximiu de enfrentar os argumentos de que a patente guerreada atenta contra o interesse social (a vida de quase 1 milhão de pacientes que dependem do SUS para tratar a Hepatite C), tecnológico (há notícia de que fundação pública nacional já desenvolveu tratamento genérico seguro e eficaz para a mesma doença, cujo projeto terá que ser abortado em decorrência da patente requerida) e econômico do povo brasileiro (anualmente, o SUS desembolsa quase R$ 1 bilhão para atender tais pacientes), sob a pretensa ausência de competência”, decidiu o juiz. De acordo com o Ministério da Saúde, o preço de cada tratamento de hepatite C, que dura 84 dias, ficaria em pouco mais de R$ 5 mil usando o medicamento nacional. Comprando o remédio dos laboratórios privados, o custo por paciente já chegou ao patamar de US$ 84 mil (aproximadamente R$ 343 mil, na cotação desta segunda-feira). Por meio de nota, o INPI informou que ainda não foi intimado da decisão.

Jequié: Tombamento de bens culturais é discutido entre Prefeitura e Instituto do Patrimônio Artístico

/ Jequié

Reunião objetivou a proteção ao patrimônio cultural. Foto: Secom

Com o objetivo de proteger o patrimônio cultural como as obras de arte, objetos, documentos e edificações de valor histórico e artístico, existentes no município, a Prefeitura de Jequié sancionou, em outubro de 2017, a Lei Municipal nº 2.024, elaborada pela Secretaria de Cultura e Turismo, atendendo ao requerimento do vereador José Augusto de Aguiar, o Gutinha, com o objetivo de assegurar a proteção aos bens materiais e imateriais, que são relacionados aos saberes populares, tradições e celebrações da cultura popular. Nesse sentido, uma reunião foi realizada na sede do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (IPAC-BA), em Salvador, na tarde da última sexta-feira, dia 21. Na ocasião estiveram, presentes o secretário de Cultura e Turismo de Jequié, Alysson Andrade, e o arquiteto do IPAC-BA, José Carlos Motta. Durante o encontro foi discutido, entre outros assuntos, o tombamento cultural do painel do artista plástico paranaense Lênio Braga, de propriedade do Estado da Bahia, edificado em 1967, na parte interna do Terminal Rodoviário de Jequié, uma obra de inestimável valor histórico e artístico. De acordo com o secretário, em 2018, os jequieenses poderão celebrar o aniversário de 121 anos de emancipação política da cidade com mais alegria, isso porque estão previstos, para o mês de outubro, os três primeiros tombamentos históricos e culturais em âmbito municipal. Os tombamentos dos bens culturais locais, cujos processos se encontram em fase de conclusão na sede da Secretaria, tornam-se um marco para o município de Jequié, considerando que muito se perdeu em relação ao seu patrimônio histórico e cultural, ao longo dos anos, em função da falta de iniciativa do poder público.

 

Rui Costa cumpre agenda de campanha nesta terça no Vale, encerrando com caminhada em Jaguaquara

/ Política

Rui vai cumprir agenda no Vale do Jiquiriçá. Foto: Ulisses Dumas

Os candidatos da chapa majoritária governista, liderados pelo governador Rui Costa (PT), que tenta a reeleição, cumprirão agenda nesta terça-feira (25) em Jaguaquara. Rui, João Leão (PP), Wagner (PT) e Angelo Coronel (PSD) desembarcam em Maracás, a partir das 09h, onde terá início a visita da comitiva ao Vale do Jiquiriçá. Os candidatos farão carreata por Maracás, Lagedo do Tabocal, Itiruçu, Itaquara, encerrando o ato as 17h30 com comício na Praça dos Imigrantes em Jaguaquara, após caminhada que terá como ponto de partida o Trevo da Onça, entrada da cidade.

Às vésperas da eleição, Angelo Coronel espera que ‘100% do PSB’ apoie sua candidatura

/ Política

Coronel foi indicado por Otto para a majoritária Foto: Divulgação

O não apoio do PSB, comandado na Bahia pela senadora e candidata a deputada federal, foi questionado pelo jornal Tribuna da Bahia durante entrevista ao postulante ao Senado pelo PSD, Angelo Coronel. Lídice foi preterida pelo governador Rui Costa (PT) e acabou sendo substituída pelo presidente da Assembleia Legislativa da Bahia na chapa majoritária do governo. Segundo Coronel, ainda existe uma ”pequena parte” do partido que ainda não o apoia, mas a situação pode ser revertida. ”Eu espero que 100% do PSB venha nos apoiar, mas hoje já temos um grande número de pessoas que nos apoiam, tanto prefeitos, ex-prefeitos, deputados federais e estaduais que nos apoiam. Tem uma pequena parte que ainda não declarou apoio ao nosso nome para senador e outros já declararam a outros nomes, mas eu espero que a consciência chegue e que venha nos apoiar porque grupo é grupo”, ressaltou.

Apoiador de Bolsonaro, Lázaro diz que relação com ACM, que apoia Alckmin, está ótima

/ Política

Lázaro está em segundo lugar nas pesquisas. Foto: Facebook

Presente no ato de apoio à candidatura de Jair Bolsonaro (PSL) à Presidência da República, no domingo (23), no Farol da Barra, o candidato ao Senado pelo PSC, Irmão Lázaro, afirmou que sua relação com o prefeito de Salvador e presidente nacional do Democratas, ACM Neto, e com o candidato ao governo pelo partido, José Ronaldo, ”continua ótima”.”Sempre apoiei Bolsonaro, Bolsonaro sempre foi meu amigo. Quando meu nome foi aceito pela chapa, todos já sabiam que eu apoiava o Jair Bolsonaro. Mas, a minha relação com o prefeito ACM Neto é maravilhosa, a mesma coisa com o ex-prefeito de Feira de Santana, o candidato José Ronaldo”, ressaltou à coluna Raio Laser, do jornal Tribuna da Bahia. Lázaro está em segundo lugar nas pesquisas de intenções de votos atrás de Jaques Wagner (PT) e à frente de Angelo Coronel (PSD) e Jutahy Magalhães (PSDB), seu companheiro de chapa.

Internado no Albert Einstein, Jair Bolsonaro pode receber alta hospitalar na sexta-feira

/ Saúde

Bolsonaro segue no Hospital Albert Einstein. Foto:Estadão

O presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) pode ter alta nesta sexta-feira, 28, segundo a Coluna do Estadão apurou com a equipe médica que o acompanha no Hospital Albert Einstein. O candidato está internado no hospital desde o dia 7 de setembro, quando chegou transferido de unidade hospitalar de Juiz de Fora (MG), onde fez sua primeira cirurgia após ser vítima de uma facada durante um evento de campanha. No Einstein, Bolsonaro fez uma segunda cirurgia devido a uma aderência que obstruiu o intestino delgado. A alta médica não significa que Bolsonaro poderá voltar a fazer campanha nas ruas. A recomendação é para que ele fique em repouso. O jornal O Globo divulgou hoje que a família de Bolsonaro alugou uma cama hospitalar para ser entregue na casa do parlamentar no Rio. O candidato do PSL lidera as pesquisas de intenção de voto, mesmo afastado da campanha de rua desde o dia 6 de setembro, quando foi esfaqueado. O autor do atentado, Adélio Bispo de Oliveira, está preso. A Polícia Federal vai concluir nos próximos dias o inquérito sobre a agressão. A Coluna apurou que a conclusão será que Adélio agiu sozinho.

PF leva Geddel da Papuda para audiência no Supremo na ação do bunker de R$ 51 mi

/ Polícia

Geddel está preso desde setembro de 2017. Foto: Reprodução

Preso desde setembro do ano passado na Papuda, em Brasília, pelo caso do ‘bunker’ de R$ 51 milhões, o ex-ministro Geddel Vieira Lima esteve no Supremo Tribunal Federal (STF) nesta segunda-feira, 24, escoltado por agentes da Polícia Federal, para acompanhar depoimentos de testemunhas na ação penal em que é réu perante à Corte. Visivelmente mais magro, vestindo o uniforme branco dos detentos da Papuda, Geddel chegou na sala de audiências do STF por volta das 10h, onde ficou por cerca de uma hora. Ele assistiu aos depoimentos das testemunhas chamadas pelo irmão, o deputado Lúcio Vieira Lima (MDB-BA), que também responde pelo caso do ‘bunker’ encontrado em apartamento em Salvador (BA). A mãe dos políticos, Marluce Vieira Lima, o ex-assessor parlamentar, Job Ribeiro Brandão, e o empresário Luiz Fernando Machado da Costa Filho são os outros réus na ação penal, aberta pelo STF em maio para apurar supostos crimes de lavagem de dinheiro e associação criminosa. O relator é o ministro Edson Fachin. Geddel conseguiu deixar a Papuda por algumas horas porque tem direito de assistir aos depoimentos no processo. Diante do juiz Paulo Marcos de Farias, os servidores do Senado Thiago Nascimento Castro Silva e Marcos Machado Melo falaram sobre a tramitação da Medida Provisória 613. Em delação, o ex-diretor da Odebrecht Cláudio Melo Filho destacou que Lúcio participou da aprovação da MP como presidente da Comissão Mista, e que o deputado teria solicitado “apoio financeiro” para trabalhar pelos interesses da empreiteira no caso. “Os pagamentos foram realizados no início do mês de outubro de 2013 na cidade de Salvador. Embora o pedido de contribuição financeira tenha sido feito pelo parlamentar acima com fundamento em necessidade de custear despesas de campanhas eleitorais, ficou claro que o não atendimento ao pedido traria dificuldades na aprovação da MP 613”, diz trecho da colaboração. “Foi completamente normal. Uma como qualquer outra”, disse Melo sobre a tramitação da medida a jornalistas depois da audiência. Ele é da Coordenação das Comissões Mistas do Senado. O outro servidor da Casa que prestou depoimento, Thiago Nascimento Castro Silva, acompanhou a tramitação da MP 613, segundo a defesa de Lúcio. A Medida Provisória 613, aprovada em agosto de 2013 pelo Senado, desonerava a cadeia de produção do etanol e beneficiava a Odebrecht.