Em evento com ACM Neto, Leão provoca prefeito da capital e critica saúde em Salvador

/ Política

João Leão fala da Saúde pública na capital. Fotomontagem BMF

Uma semana após dizer na imprensa que o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), não tem nomes para compor uma chapa para a disputa do Governo da Bahia em outubro o vice-governador do Estado, o secretário estadual de Planejamento, João Leão (PP), voltou a alfinetar o demista. Segundo o site Bahia.ba, durante evento com o ministro da Saúde, Ricardo Barros, nesta terça-feira (6), na sede da UPB. Leão pediu ao ministro que ajude Salvador na área da saúde e cutucou o rival político. ”Precisamos chegar a 100% das unidades de saúde básica de Salvador. Como precisamos no Estado, aumentar o número de hospitais regionais […] Nós precisamos realmente fazer um trabalho na saúde sem olhar o lado político, gente. Política é política. Saúde é saúde. Neto, não precisamos só de [recursos] na saúde não, precisamos na educação, na infraestrutura. Precisamos de ações do governo federal”, afirmou. Apesar do embaraço, o gestor municipal, após a fala do pepista, amenizou. ”Não vi [provocação]. Nem prestei atenção”, disse, ao bahia.ba.

Acordo entre Bamin e chineses permite início de cronograma para implantar Porto Sul

/ Bahia

Rui assina acordo entre a Bamin e e chineses. Foto: Mateus Pereira

Já estão em andamento no sul da Bahia diversas ações para a construção do Porto Sul na localidade de Aritaguá, Litoral Norte de Ilhéus. Nesta terça-feira (6) mais um passo para a viabilização do empreendimento foi dado com a assinatura, por representantes de três empresas chinesas e da Bahia Mineração (Bamin), de documento que permitirá que as instituições discutam os negócios do projeto para a formação de uma futura joint venture, aliança entre empresas para realização de atividade econômica em comum. Em dezembro passado, o Governo do Estado e a Bamin firmaram acordo na China com o cronograma de atividades iniciais para as obras do Porto Sul, que já possui todas as licenças necessárias para início da construção. Para Rui, o acordo é o segundo grande passo para viabilizar definitivamente a mineração, a ferrovia e o porto aqui na Bahia. ”O primeiro passo foi em Pequim, com a assinatura de um documento na presença do presidente chinês, e hoje a gente consolida esse consórcio de empresas chinesas junto com a Bamin, para a realização dos investimentos. Ficamos felizes porque finalmente chegou-se a um entendimento de composição de todos os interessados nesses três projetos, o que viabiliza os investimentos. Nós sempre insistimos que não existe porto sem ferrovia, nem mineração que não tenha um porto e uma ferrovia. Portanto, compartilhando os resultados desses três projetos, nós obtemos um resultado positivo para cada ator econômico e garantimos a principal obra para o desenvolvimento da Bahia para os próximos anos”. Para o presidente da Bamin, Eduardo Ledshaw o passo dado nesta terça-feira é extremamente importante. ”Uma parceria que espera consolidar a construção do Porto Sul e abrir o canal para a Fiol e para a mineração. A nossa expectativa é que este ano a gente avance ainda mais para que no ano que vem comecemos as obras tanto do Porto Sul como da mineração. A parceria com o Governo do Estado é fundamental, a gente já começou este ano. Não há outra forma de alcançar o sucesso em um projeto desse porte”.

Em entrevista ao Jornal da Band, Temer admite mudanças para aprovar a Previdência

/ Brasília

Temer concede entrevista ao Jornal da Band. Foto: Marcos Corrêa

Para aprovar a reforma da Previdência, o presidente Michel Temer admitiu ceder na regra de transição para ingressos no serviço público até 2003. O presidente também pode abrir mão do limite de dois salários mínimos no caso de acúmulo de aposentadorias e benefícios, ampliando-o para o teto da Previdência Social. ”Se decidirem que o acúmulo da pensão não será até dois salários mínimos, como está no projeto que vai ser apresentado amanhã [7], e chegarem à conclusão de que deve ser o teto da Previdência Social, de R$ 5.645, eu penso que, por força do diálogo, poderá eventualmente chegar a isso. De igual maneira, a questão daqueles anteriores a 2003, uma regra de transição”, disse o presidente, em entrevista ao Jornal da Band,, exibida na noite desta terça-feira (6). Na entrevista, Temer voltou a citar a economia de R$ 600 bilhões que o atual texto da reforma trará em 10  anos, mas admitiu uma redução desse número “para R$ 480 bilhões ou qualquer coisa assim”. O presidente abraça a ideia de que uma redução na economia prevista é melhor do que economia nenhuma. O governo já vinha sinalizando a disposição para o diálogo. Os únicos pontos inegociáveis, de acordo com o próprio presidente e seus ministros, são o aumento da idade mínima para aposentadoria, além da unificação do limite de benefício, algo que o governo tem chamado de ”fim dos privilégios”.

Saúde: Hospital Municipal de Salvador começa a funcionar em 52 dias, anuncia Prefeitura

/ Saúde

ACM no hospital com ministro da Saúde. Foto: Prefeitura de Salvador

Algumas áreas do hospital já estão mobiliadas, como é o caso das UTIs adulto e pediátrica. Após o Carnaval começam a chegar os equipamentos, a maioria deles de tecnologia de ponta. Segundo o Jornal Correio, os prontuários serão informatizados e o equipamento de raio-x será digital. Para ter acesso a este e outros serviços como ressonância magnética e endoscopia, o paciente poderá agendar seu atendimento pelo sistema Vida, software já usado pela Secretaria Municipal de Saúde para agendamento de procedimentos. ”O hospital vem para preencher lacunas identificadas no setor público de saúde disponível à população de Salvador”, o coordenador de urgência e emergência do município, Ivan Paiva. Lá será o único hospital público da cidade com capacidade de atendimento de urgência e emergência a  superobesos. Duas camas da unidade de UTI adulto suportarão pacientes de até 300 kg. Outra novidade será a criação de oito leitos para pacientes psiquiátricos (quatro na emergência e quatro na enfermaria). O hospital municipal também contará com um heliponto, possibilitando o atendimento mais veloz de vítimas em estado grave, por exemplo. Uma sala exclusiva para atender pacientes que chegam de helicóptero foi criada, possibilitando que eles sejam estabilizados e encaminhados para outros procedimentos de forma quase imediata. O ministro da Saúde, Ricardo Barros, visitou o hospital nesta terça-feira (6), ao lado do prefeito da capital, ACM Neto e explicou que, inicialmente, a contribuição a ser dada é padrão no país e refere-se ao faturamento dos serviços prestados na unidade. ”O hospital terá os credenciamentos e habilitações necessários e tudo o que for produzido aqui terá a remuneração federal de 50% do custo do serviço. Tenho certeza de que será oferecido aqui um serviço de altíssima qualidade. O modelo mais eficiente de gestão será implantado aqui. A contribuição de parlamentares também ajudará na sustentabilidade dessa maravilhosa obra”, destacou Barros.

Espanhóis chamam SUS brasileiro de “milagre” e gastam 6x mais com saúde

/ Saúde

Jorge Solla participa de missão especial sobre saúde. Foto: Divulgação

Conhecer o sistema de Saúde Pública da Espanha e estudar as experiências daquele país que podem colaborar com o Sistema Único de Saúde (SUS). Com este objetivo, o deputado Jorge Solla (PT-BA) participa de missão oficial da Câmara de Deputados que visita o ministério da Saúde espanhol, em Madrid. ”Quando levamos os dados do Brasil, que destina cerca de 430 dólares por habitante ao ano para a Saúde Pública, eles chamaram nosso SUS de ”milagre”. Na Espanha, com os custos muito parecidos – porque são globais – de equipamentos e medicamentos a recursos humanos, o gasto por cidadão é seis vezes maior, de mais de 2,6 mil dólares por habitante”, destaca Solla. Planilhas disponibilizadas pelo governo espanhol detalham ainda que lá a população paga um percentual do medicamento retirado nas farmácias públicas e percentual do custo com órtese e prótese. ”A marcação de consulta com especialistas tem média de espera de 58 dias. Cirurgias eletivas de 104 dias. Se tivéssemos metade do financiamento que eles têm faríamos uma revolução no Brasil”, completou. O petista faz parte de uma comitiva de cinco deputados Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara que cumpre agenda em Madrid com autoridades espanholas para debater o marco regulatório e os modelos de financiamento e carteira de serviços da Saúde Pública.

TRÂNSITO PARA DESAFOGAR SUS

Entre as políticas adotadas na Espanha que desafogaram o sistema de saúde público de lá, está a de tolerância zero para os acidentes de trânsito. Em 1992, morriam ao ano cerca de 6 mil pessoas vítimas de acidente de trânsito. Hoje, menos de 2 mil pessoas morrem ao ano por este motivo, numa média de 4,3 por cada 100.000 habitantes/ano – no Brasil, temos 40 mil mortes no trânsito por ano para 200 milhões de habitantes – 20 mortes para cada 100 mil hab/ano. ”Eles avaliam que o rigor na fiscalização com multas e apreensão da habilitação, além da grande melhoria na qualidade das estradas, foram determinantes para reduzir estes acidentes, que geravam forte pressão de gastos no sistema de saúde. Esse é um ponto em que temos muito que aprender”, salientou Solla.

Jequié: duplicação do Hospital Geral Prado Valadares será concluída neste primeiro semestre

/ Jequié

Prado Valadares alcançará 275 leitos. Foto: Blog Marcos Frahm

Com o investimento de R$ 28 milhões na duplicação do Hospital Geral Prado Valadares (HGPV), em Jequié, a unidade alcançará 275 leitos, tornando-se a maior do interior do estado. Na inspeção realizada na sexta-feira (2), o secretário da Saúde do Estado da Bahia (SESAB), Fábio Vilas-Boas Pinto, verificou que as obras estão em ritmo acelerado, com mais de 90% concluído, e previsão de inauguração no primeiro semestre deste ano. ”O governador Rui Costa tem investido no fortalecimento da rede de saúde em todo o estado e aqui não é diferente. Nos últimos três anos foram mais de R$ 55,2 milhões investidos na construção da Policlínica Regional, na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) 24 horas, na implantação da Parceria Público-Privada (PPP) de Imagem e no credenciamento de clínicas e hospitais para a realização de cirurgias cardíacas e eletivas, bem como o atendimento de traumas. Agora estamos duplicando o hospital estadual”, afirma Vilas-Boas. De acordo com o titular da pasta da Saúde, a duplicação do HGPV contempla mais de 6 mil metros quadrados de área construída, onde terão leitos de UTI, enfermarias, consultórios, além de salas cirúrgicas.

Mulher perde controle e capota automóvel em estrada vicinal de Lajedo do Tabocal

/ Trânsito

Carro seguia para Itiruçu. Foto: Reprodução/Blog do Ely Morais

Um automóvel Fiat Uno conduzido por uma mulher capotou numa estrada vicinal do município de Lajedo do Tabocal, na manhã desta terça-feira (6). Segundo o Blog do Ely Morais, o acidente aconteceu por volta das 8h30, nas proximidades de uma fazenda, quando a mulher de identidade não revelada teria perdido o controle da direção do carro. A condutora, que teria saído da localidade de Angélica, na área rural de Planaltino, com destino a Itiruçu sofreu lesões leves.

Prazo para pagar o IPVA 2018 com 10% de desconto termina nesta quarta-feira (7)

/ Trânsito

Termina nesta quarta-feira (7) o prazo para aproveitar o desconto de 10% no Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), exercício 2018, válido para pagamento à vista em cota única. Os motoristas baianos podem também optar pelo desconto de 5% para quitação do valor integral no dia do vencimento da primeira das três cotas do parcelamento padrão do IPVA, data que varia de acordo com o número final da placa do veículo. É possível ainda parcelar em três vezes, bastando para isso observar a data de vencimento da primeira cota. As datas estão escalonadas em tabela divulgada pela Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia (Sefaz-Ba) e disponível no site www.sefaz.ba.gov.br. Vale ressaltar que o proprietário que perder o prazo da primeira cota deixa de ter o direito ao parcelamento em três vezes. O pagamento pode ser feito em qualquer agência do Banco do Brasil, Bradesco ou Bancoob, bastando apenas apresentar o número do Renavam. Os débitos referentes à taxa de licenciamento e às multas de trânsito deverão ser pagos até a data de vencimento da terceira parcela, e os débitos anteriores do IPVA ainda não notificados também podem ser divididos em três vezes, juntamente com o IPVA 2018. Já o seguro obrigatório deverá ser pago integralmente até o vencimento da primeira parcela do imposto, em caso de parcelamento do IPVA. O pagamento do tributo referente a embarcações e aeronaves deverá ser efetuado até 30 de maio de 2018. O IPVA é a segunda fonte de arrecadação tributária do Governo do Estado. A frota tributável da Bahia é de cerca de 1,9 milhão de veículos. O valor arrecadado é dividido meio a meio com o município em que o veículo foi emplacado. Todas as informações poderão ser consultadas no www.sefaz.ba.gov.br ou por meio do call center da Sefaz-Ba, pelo 0800 071 0071.

Jequié anuncia contratação do técnico Carlos Rabello, ex-Juazeirense, para substituir Eduardo Bahia

/ Esporte

Carlos Rabello foi técnico da Juazeirense. Foto: Reprodução/Agência CH

A Associação Desportiva Jequié (ADJ) confirmou a contratação do técnico Carlos Rabello, de 53 anos. Rabello é um técnico com vasta experiência no futebol de São Paulo e no Nordeste do país. Em 2017, esteve no comando da Juazeirense, na campanha de  acesso à Série C do Campeonato Brasileiro. Rabello traz ainda no currículo o período em que foi auxiliar de Vanderlei Luxemburgo no Palmeiras. Carlos Rabello traz na bagagem o comando de equipes do interior paulista: Bragantino, Novorizontino, São Bento, Atlético Sorocaba, Mirassol, Ferroviária, Taquaritinga, Ituano e Marília. No Nordeste, treinou o Coruripe-AL, CRB-AL, América-RN, Sergipe-SE, Galícia-BA, Juazeirense-BA e Ferroviário-CE. No Centro-Oeste, Rabello comandou a equipe do Atlético Goianiense-GO. O novo treinador da ADJ chegou a jogar futebol profissionalmente, mas deixou para se dedicar ao curso de Educação Física, onde é formado pela Universidade de São Paulo (USP), iniciando a carreira de preparador físico. Após oito anos na profissão, tornou-se técnico de futebol. O novo treinador chega em Jequié nesta terça-feira (6) e na  quarta-feira (7) acompanha o jogo do Jequié com o Atlântico, pela 5ª rodada do Campeonato Baiano, à noite no Estádio Waldomiro Borges.

Cantor Bell Marques vai abrir o Carnaval da Bahia na Barra, nesta quinta-feira, sem cordas

/ Entretenimento

O cantor Bell Marques vai desfilar sem cordas. Foto: Divulgação

O cantor, compositor e músico Bell Marques desfila com trio sem cordas na próxima quinta-feira (8) no circuito Dodô (Barra/Ondina) no Carnaval de Salvador. O artista se apresenta dentro da programação do Carnaval da Bahia, promovido pelo Governo do Estado por meio da Superintendência de Fomento ao Turismo (Bahiatursa). A noite ainda contará com a apresentação da Babado Novo. Conhecido pelo carisma e forte presença de palco, em menos de um ano já vendeu mais de 300 mil cópias de seu primeiro álbum em carreira solo, ”Vumbora?!”, que estreou entre os 10 mais da loja brasileira do iTunes. ”Sabemos da importância de Bell para a folia baiana, por isso decidimos que ele seria um grande nome para abrir a festa. É um artista que agrada sempre tanto os baianos como os inúmeros fãs que tem por todo o Brasil”, disse o superintende da Bahiatursa, Diogo Medrado. Sua primeira atuação em cima de um trio elétrico aconteceu em 1979, tocando no bloco Traz os Montes, no Trio Tapajós. Em 1980, Bell passou a integrar a banda Scorpius, que em apenas um ano mudou para Chiclete com Banana. Os inúmeros troféus concedidos em sua carreira fizeram de Bell um dos artistas mais premiados do Brasil. Em 2014 começou a carreira solo. No palco, apresenta músicas do Chiclete com Banana e sucessos de outros grandes nome, além de canções autorais como Nicolau, Amor Bacana, Louco Amor e Vumbora Vumbora. No trio vai apresentar um show em que cantará sucessos que marcaram época. Big Band é como foi batizada a banda que acompanha Bell em carreira solo. Em cima do palco, ele e seus dez músicos mesclam os clássicos entoados por sua voz com novos elementos.

Para o MPF, Geddel Vieira se arrependeu de admitir ligações à esposa de Lúcio Funaro

/ Justiça

O ex-ministro Geddel Vieira Lima segue preso. Foto: Beto Barata

O ex-ministro Geddel Vieira Lima decidiu fazer uma retificação em seu depoimento original e recuou em relação ao número de ligações que teria feito para Raquel Pitta, esposa do corretor Lúcio Funaro, tido como suposto operador de propinas do MDB na Câmara. Para o Ministério Público Federal (MPF), Geddel se ”arrependeu” das declarações e isso deve ser explorado por parte da acusação nas alegações finais do processo. ”Ele se arrependeu, quis retificar. Mas vamos confrontar todos esses depoimentos e aí apresentaremos as alegações com mais detalhes. (Inicialmente) ele disse que não se lembrava de quantas ligações havia feito, disse que eram mais de dez ligações e menos de 20. Agora, na versão final (do depoimento), ele diz que não se recorda”, afirmou o procurador Anselmo Lopes Cordeiro. ”É um curto período de espaço de tempo. Desde a prisão de Funaro, ele vem se comunicando com a Raquel, coisa que ele não fazia anteriormente. O período que tem de prova pericial é um período curto. Nesse corte, houve uma periodicidade de uma ligação por dia. É isso que vamos explorar nas alegações finais”, explicou. Anselmo Lopes explicou que Geddel Vieira Lima será acusado com base na Lei das Organizações Criminosas (Orcrim), tendo como referência o artigo 2º da legislação, que fala em pena de três a oito anos de reclusão para quem ”impede ou, de qualquer forma, embaraça a investigação de infração penal que envolva organização criminosa”. ”Eu acho que pelo contexto dele, pela posição que ele exercia na própria organização criminosa, faz sentido que seja mais alta mesmo”, argumentou. Ao final do depoimento de Geddel, o MPF solicitou que as alegações finais do processo sejam feitas por escrito. Assim, a acusação terá cinco dias para apresentar os argumentos que devem embasar o pedido de condenação. Após esse período, a defesa do ex-ministro também terá mais cinco dias para apresentar suas alegações. Após esse período, o juiz Vallisney de Souza Oliveira deve sentenciar o emedebista.

Ator Dado Dolabella é preso novamente por não pagar pensão; dívida é de R$ 196 mil

/ Justiça

Dado Dolabella foi preso na noite desta segunda. Foto: TV Globo

O ator Dado Dolabella foi preso na noite desta segunda-feira (5), em São Paulo, por não pagar pensão alimentícia. De acordo com a polícia, ele deve R$ 196 mil. Caso o valor não seja pago, ele pode ficar até dois meses preso. ”Esse valor da pensão está errado, é um valor que eu não recebo mais. Eu queria poder dar mais pro meu filho”, afirmou Dolabella ao ser detido. O valor é referente à pensão do filho que é fruto de seu relacionamento com Fabiana Vasconcelos Neves. O valor foi acumulado por quase dois anos. De acordo com policiais, ele não resistiu à prisão. A prisão preventiva foi decretada em dezembro do ano passado. O ator foi preso após sair do apartamento de um amigo na Rua Juquis, no bairro de Moema, para ir à academia. Os policiais ficaram esperando o ator na rua por três horas. Segundo a polícia ele não resistiu à prisão, e chorou quando chegou na delegacia.

Segunda prisão
Em agosto do ano passado, o ator também foi preso por não pagar pensão alimentícia. Os policiais chegaram a procurar o ator em seu apartamento, em Copacabana, na Zona Sul do Rio. Foram três horas de espera, mas ninguém apareceu. Após achar que os policiais tinham ido embora, Dado saiu do apartamento, sendo preso logo em seguida. À imprensa, o ator disse que ajuda sempre que pode na criação dos filhos. ”Meus filhos são sempre prioridade na minha vida”, disse. *Correio

Deputado Antonio Brito é homenageado com honraria pela Câmara de Vereadores de Poções

/ Política

Antonio Brito e o ex-prefeito de Poções, Luciano. Foto: Divulgação

A Câmara Municipal de Poções concedeu, em sessão realizada nesta segunda-feira (5), a Medalha Antonio Edvaldo Mascarenhas ao deputado federal Antonio Brito (PSD-BA). A homenagem foi proposta pelo presidente da Câmara de Vereadores, Davi Soares, e aprovada por unanimidade pelos edis. A motivação da honraria foi pelos relevantes serviços à população poçoense, sobretudo na área da Saúde, com o apoio constante à Santa Casa de Poções/Hospital São Lucas. O deputado, que foi recepcionado pelo prefeito Leandro Mascarenhas e seu irmão, o ex-prefeito Luciano, já indicou cerca de R$ 2 milhões em emendas parlamentares ao município. A solenidade marcou a reinauguração da sede da Câmara, que foi totalmente modernizada.

Presidente Temer vê dificuldade em aprovar reforma da Previdência depois de fevereiro

/ Brasília

Presidente da República, Michel Temer. Foto: Beto Barata

O presidente Michel Temer disse que o governo não pode ficar discutindo a reforma da Previdência ao longo de todo o ano e afirmou que o tema precisa ser votado nas próximas semanas, independentemente do resultado. “Nós estamos chegando à conclusão de que não há como deixar esse tema permanentemente o ano todo”, disse. Para ele, ficará difícil continuar trabalhando a pauta após esse período. ”Qual é a nossa tese?: isso tem que ser votado pelo menos em primeiro turno até o final de fevereiro, começo de março. Se não for votado, aí realmente nós reconhecemos que fica difícil”, completou, em entrevista à Rede TV, ontem (5) à noite. Ele reforçou que, a partir de junho, o Congresso deve se voltar principalmente à questão eleitoral e lembrou que o governo precisa tocar outras reformas. ”E temos que ir para outras pautas. Agora, se não votar [a Previdência], já fizemos [outras] reformas fundamentais para o país. E vamos continuar com a chamada simplificação tributária”. Temer mencionou a conta do governo, de que faltam cerca de 40 votos para chegar aos 308 necessários à aprovação da reforma. ”São só 40 votos. Você sabe que essas coisas… no instante em que se pegue a onda de que pode aprovar, de que é necessário, isso traz os votos com muita facilidade. Eu conheço bem o Congresso, fui três vezes presidente da Câmara dos Deputados”. Ele lembrou ainda que há cerca de 70 deputados considerados indecisos, que podem ser convencidos a votar com o governo. A reforma da Previdência está marcada para ir a plenário no dia 19 de fevereiro. O presidente tem concedido entrevistas a programas de TV, como os de Silvio Santos e Ratinho, para convencer a população de que a reforma é importante para o país. Ele afirmou que a participação nesse tipo de programa ajuda muito. ”Porque o comunicador tem a fidelidade do seu público. E, na medida em que ele dá um aval para aquilo que o governo está falando, tem grande significação”. Segundo o presidente, um público convencido da reforma torna mais fácil uma posição favorável dos deputados, menos pressionados. As informações são da Agência Brasil